1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Os malefícios da dublagem, by Pablo Vilaça.

Tópico em 'Cinema' iniciado por Maria Pretinha, 30 Ago 2011.

  1. Maria Pretinha

    Maria Pretinha Usuário

    Ele é um chato arrogante, mas é pertinente.


    Minha opinião pessoal: a opção da dublagem deve existir quando possível. O ideal seriam duas cópias, uma legendada e outra dublada. Quando houver a possibilidade de compra de apenas uma cópia, que ela seja legendada.

    Mundo ideal onde todas as pessoas são iguais a mim: ninguém consideraria a dublagem como uma alternativa válida de experiência cinematográfica.

    E vocês, que acham?
     
    • Gostei! Gostei! x 5
    • Ótimo Ótimo x 1
  2. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    O que me incomoda é quando vou comprar um DVD e não vem com opção de áudio original (alguns lançamentos são realmente uma tristeza). Acho mó sacanagem comprar o produto pela metade (possuindo imagem mas sem ter a faixa de áudio do idioma nativo como ocorre em alguns DVDs de animes).

    Eu sempre fico com original mas sou mais exigente com o que é vendido em DVD porque cinema se trata em grande medida de um trabalho em massa, uma experiência coletiva construída para nivelar um monte de gente por igual. Mas enfim, acho que todo cinema podia ter headphone com áudio dublado e botão de volume para quem não pode ler legenda (existem vários graus de cegueira e poucos cinemas adaptados para isso).
     
  3. Vëon

    Vëon Do you know what time it is?

    Eu nem considero a opção de assistir dublado, semana passada fui no cinema assistir Super 8 e só tinha dublado, não assisti.
     
    • LOL LOL x 1
  4. Indily

    Indily Balrog de Pantufas Fofas

    Olha, assistir até vai... mas só ter a opção dublado é um saco.
    Desenhos e coisinhas bobas vai... mas ir pra cinema e ver filme dublado num da não.

    (Outra coisa q fico fula da vida é só ter a opção 3D... SÓ 3D!)
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  5. Excluído045

    Excluído045 Banned

    O Vilaça sintetizou tudo o que eu penso sobre dublagem. Concordo totalmente, não é uma questão de se acostumar ao original e achar estranho o dublado, é questão de uma completa deturpação da experiência do filme, série, anime. Sim, até animes. Não digo essas animações da Disney e afins, aí fica até engraçado, mas filme com gente de carne e osso não rola.
     
  6. Fernanda

    Fernanda Andarilho de Eriador e

    Eu não assisto dublado, a não ser que seja desenho, mesmo assim prefeiro legendas. Quando tinha filho na fase de filmes tipo Os Pequenos Espiões ainda via, porque aqui na minha cidade só chegava dublado. Nisso inclui os três primeiros Harry Potter. Mas depois dessa fase nunca mais. Eu só assisto 1 programa na HBO2, Mulher de Fases :)
     
  7. Bel

    Bel Moderador Usuário Premium

    Só tolero desenhos/animações dublados.

    Filmes live action, só legendado.
     
  8. Pim

    Pim God, I love how sexy I am!

    Foi como comentei em algum lugar para algumas pessoas do fórum, entretanto pessoalmente:

    Filmes com atores e séries: legendado > dublado

    Filmes em animação e animes: legendado < dublado

    E isso principalmente pelo terceiro e final argumento do Vilaça: ver o trabalho original do ator, sem filtros. A dublagem brasileira é conhecidamente a melhor do mundo - e quem assiste qualquer coisa dublada em outras línguas pode confirmar -, mas não é tão completa e complexa quanto a atuação de um ator que, geralmente, está preparadíssimo para o papel.

    Ao assistir séries ou filmes atuados dublado, e se contentar com isso, tendo o legendado como opção tu se torna conivente com a mediocridade e com a incompletude. É o mesmo que se conformar com um ballet de marionetes e ventriloquismo em detrimento das bailarinas que passaram a vida se preparando praquilo, ou com as sombras da Caverna de Platão ao invés da realidade mais completa/xa que se reflete nas pedras da gruta.

    Quando o assunto é animes e animações a coisa muda e certamente asssitir dublado é a melhor opção by far. É incrível o fato dos japoneses serem péssimos dubladores das próprias animações e que, quando as mesmas vem pro Brasil, nós fazemos um trabalho élfico nelas. Por exemplo: comecei a assistir Death Note em japonês e não aguentei nem 10 episódios; reassisti-os em português e *BOOOM* na minha face com a qualidade elevando-se a níveis nunca antes imaginados.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  9. madalena

    madalena Uma Rosa Para

    eu prefiro filmes legendados, a dublagem nunca é igual.
     
  10. Bel

    Bel Moderador Usuário Premium

    As distribuidoras estão dublando porque acham q vai expandir o publico (com os preguiçosos). O problema é que a aposta das distribuidoras pode 'dar certo': mais filmes dublados aumentariam a base de clientes, trazendo pessoas que não veriam os filmes legendados. Exibir dublado é tb um diferencial anti-pirataria (assim como o 3D), porque os camelôs só possuem uma versão legendada (e às vezes mal-legendada).
    Já os cinéfilos são um grupo menos numeroso (mas que vê mais filmes) e a aposta é que esses não deixarão de ver o filme, vão se virar para ir na sessão legendada. Por ex, Apes foi o lider de bilheteria no Brasil (como era de se esperar, porque era a maior estreia da semana). A questão é: qual o percentual da renda veio das salas dubladas? Só a Fox sabe. E temo que ela veja vantagem nos dublados.
    Outro dado: o publico no Brasil tem aumentado significativamente (~20% ao ano) de 2008 até o 1o semestre de 2011. Isso indica um aumento na base de clientes (não acho que os cinéfilos estejam indo a 20% mais filmes). Em paralelo, temos um aumento nos lançamentos dublados. O Brasil tem a 'nova classe C'. Com o aumento da renda, aumentam os gastos com lazer. Esse publico está acostumado com a tv. O argumento do Pablo é 'preguiça de ler'. O caso é que eles provavelmente não têm costume de ver filmes não-dublados. Se a principal fonte de lazer é a tv, este público espera algo semelhante do cinema, só com a tela maior (e 3D).
     
    • Gostei! Gostei! x 4
    • Ótimo Ótimo x 1
  11. Eu prefiro não assistir um filme do que ver a versão dublada. Não vale a pena! Pra mim nem parece um filme de verdade.
    Abro exceção para as animações. Daí fica tolerável. Mas com dubladores profissionais, não artistas de TV.
     
  12. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Eu sempre prefiro legendado, como esse cara disse a qualidade do áudio é diferente sim, basta fazer um teste no seu DVD, logo quando começa (no caso da Universal, quando está passando a Terra, ou da Fox, aquela musiquinha), sem ninguém falar nada, e você altera o idioma há uma queda quando passa para português, sem falar quando está mesmo na dublagem, aí é que degringola de vez, mesmo animações prefiro legendado. respondendo a dúvida desse cara, conheço um cara que prefere dublado, mas ele gosta de ler.
     
  13. Quickbeam

    Quickbeam Rock & Roll

    Houve época em que eu era mais radical: não assistia nada dublado. Hoje em dia, vejo animações dubladas (quase) sem problemas, mas sempre fico com curiosidade de escutar o áudio original, já que, entre outras coisas, a mixagem do som costuma ser superior.

    Quanto a animes, como consigo entender boa parte do que é falado em japonês, fica difícil para mim escutá-los em qualquer outra língua. As referências culturais acabam sendo destruídas na dublagem. Não assisti muitos seriados de tv nipônicos, mas lembro que Crayon Shin-chan, por exemplo, perdia totalmente a graça em português.

    Além disso, há a questão do motivo fundamental em se ver um filme legendado: é o desejo de se assistir uma obra na sua forma original, com todas as qualidades e, por que não, os defeitos que fazem parte dela. Por isso, importo-me não só com o áudio original, mas também com a relação de aspecto correta, abomino colorizações, cortes de censores e tenho sérias ressalvas quantos aos filmes que não foram planejados com o 3D em mente e foram convertidos depois. Muitas vezes, até mesmo revisões das obras feitas pelos próprios realizadores são largamente desnecessárias (Star Wars, O Exorcista, ET).



    Bel, Planeta dos Macacos: A Origem estreou com mais cópias dubladas que legendadas (
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    ), repetindo o que a Fox já fez com X-Men: Primeira Classe (255 dub x 230 leg).
    É desanimador, mas me parece que o mercado está mesmo mudando, com a entrada desse público que não está acostumado com legendas ou tem preguiça de ler. Acho que nem mais pode ser chamado de "aposta", Bel.

    É possível perceber isso vendo outras franquias famosas de outras distribuidoras, como Piratas do Caribe, da Disney, ou Homem-Aranha, da Sony:
    Outras informações dessa matéria de 2007:
    Como consta naquela pesquisa que postei no tópico
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , mesmo entre os espectadores habituais ("Heavy" - vão ao cinema pelo menos uma vez a cada 15 dias), há um empate entre os que preferem filmes dublados (46%) e legendados (47%). Aliás, para quem quiser ler, a pesquisa quantitativa está
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    . Há também números sobre preferências no DVD e na TV por assinatura, mas o quadro não me parece muito animador. :tsc:
     
    • Gostei! Gostei! x 4
  14. Bel

    Bel Moderador Usuário Premium

    É, cópias dubladas estão dominando os grandes lançamentos, sinal que não é mesmo só uma 'aposta' das distriuidoras e que elas com certeza estão ganhando com isso.
     
  15. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    O artigo está perfeito.

    No quarto ponto eu só não considero tão ridiculo pois acontece comigo sim.
    Ler as legendas para as linguas que eu não entendo nada (o que não inclui apenas portugues, japones e ingles), as vezes eu sinto que perdi algum detalhe. E muitas vezes dou um rewind.
    Mas de fato, a dublagem incomoda MUITO mais. O som original do filme defasado de 0,1 segundo já me incomoda horrores, imagina uma total falta de sincronia do som com a boca.
    E eu incluo isso as animações. Eu assistia animações dubladas, mas comecei a não fazer mais isso. Dublagem de séries de fato podem não ter boa qualidade, o que ocorre em série até live action cujas atuações nem sempre são de alto nivel. Mas em longa metragem eu sinto uma diferença grande hoje em dia.

    No terceiro ponto ele só esqueceu de citar a maior aberração recente. Que é o fato dos estudios de dublagem estarem trazendo famosos com talento ZERO pra atuação pra tomar o trabalho dos dubladores profissionais. Isso sim que deveria mobilizar e fazer os dubladores espernearem. Os trabalhos arduos das séries eles fazem. Mas o filé mignon de uma grande produção os caras mandam pra Lucianos Hucks da vida fazerem.



    Esse é um ponto importantissimo. A perda do significado de muitas falas devido a tradução.
    Apesar que isso também vale para a legenda em proporção diferente.
    A dublagem precisa ajeitar a quantidade de palavras na frase pra tentar sincronizar com a boca. Enquanto que a legenda tem a regrinha de caracteres por tempo.
    Na legenda às vezes dá pra colocar entre parenteses alguma explicação de um trocadilho impossivel de traduzir.
     
  16. etienne

    etienne Usuário

    Que as pessoas tem preguiça de ler isso é verdade, mas se tem algo que desaprovo é a dublagem mal-feita. Primeiro, a voz não condiz com o personagem, que nem o dublador do Harry Potter, de onde tiraram aquela voz? Segundo, o dublador não consegue exprimir emoção conforme a cena, salvo alguns casos raros. Terceiro, é muito melhor ouvir a voz do ator, quarto, existe as famosas diferenças entre a dublagem e o áudio original, como entendo um pouco de inglês fica visível isso, e é até ridículo ás vezes.
     
  17. Vëon

    Vëon Do you know what time it is?

    Tava procurando algum cinema aqui por perto pra assistir Detona Ralph legendado, ai fui olhar no Central Plaza e pra minha surpresa dos 15 filmes em cartaz, só dois são legendados. O filme em questão tá passando em quatro salas, todas dubladas. Na verdade, dentre as centenas de salas aqui de São Paulo, só duas estão passando o filme legendado e são super fora de mão pra mim, mais um filme que não vou assistir no cinema pela falta de cópias legendadas.

    A Viagem, que tem classificação 16 anos e nenhum apelo infantil também, só tá passando dublado no central plaza.
     
  18. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Eu relatei isso no topico do filme. E no do Brave também.
    Animação hoje em dia é praticamente impossível assistir dublado. Normalmente abrem 1 ou 2 horários por dia (sempre depois das 21h) e ficam em cartaz no máximo 2 semanas (normalmente 1). Mas muitas vezes nem sequer abrem.

    É triste.

    E Detona Ralph o voice acting da Sarah Silverman eu considerei soberbo. Mais do que isso, os personagens são moldados a persona dos dubladores originais, muito dificil aceitar outra voz.
     

Compartilhar