1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Os lusíadas de Camões - Estudo da obra.

Tópico em 'Literatura Estrangeira' iniciado por Calimbadil Thálion, 21 Ago 2006.

  1. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Bom dia amigos viciados aqui do fórum, já estou avisando que isso não é um meio de explorá-los para me dar bem no vestibular, que só prestarei daqui a dois anos, mas foi proposto a mim e a meus colegas fazer uma pesquisa e obter opiniões alheias sobre os seguintes aspectos da obra "Os lusíadas" de Luís de Camões:

    - Relacionar a obra ao período das grandes navegações do século XV e XVI em Portugal com a criação da obra e o que ela representava para a ideologia dos portugueses.

    - Qual era a ideologia da dinastia de Borgonha que era contrária a expansão marítima e descrever como Camões os representou na obra (por meio do episódio do velho do restelo).

    Peço a participação de todos os membros do fórum, outros estudantes também irão desfrutar desse apoio para estudo futuro e é claro peço a opinião dos mais velhos e inclusive dos vários professores e linguistas do fórum.

    Obrigado pela atenção.:abraco:
     
  2. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Pra quem interessar foi isso o que eu pude encontrar e esmiuçar. ¬¬
     

    Arquivos Anexados:

  3. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Conclusão do trabalho:
     

    Arquivos Anexados:

  4. Ka Bral o Negro

    Ka Bral o Negro Tchokwe Pós-Moderno

    Estou lendo Os Lusíadas por contra própria, porque sou um viciado em decassílabos. :dente:


    Bom, eu estava lendo, parei há dois meses para outra leitura, tenho de retomar.
     
  5. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Eu li uma daquelas edições infantis em prosa e uma um pouco maior, mas nunca vi um exemplar completo em rima.
     
  6. Ka Bral o Negro

    Ka Bral o Negro Tchokwe Pós-Moderno

    Herege!!! :chibata:

    Só me interessa a versão original - com os devidos comentários, já que eu não sou um profundo conhecedor do português dos séculos XV-XVI. :dente:
     
  7. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Eu me concentrei no estudo da ideologia da obra sem considerar o conteúdo dela em si, e eu prefiro ler em prosa, que eu posso entender sem dificuldade.
    Mas é heresia do mesmo jeito!:mrgreen:
     

Compartilhar