1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Os Cantos (Ezra Pound)

Tópico em 'Literatura Estrangeira' iniciado por Mavericco, 12 Jan 2013.

  1. Mavericco

    Mavericco I am fire and air. Usuário Premium

    Os Cantos são basicamente o que o autor
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    definiu.

    Mas, sobretudo, Os Cantos é um livro muito difícil... Confesso que pedi arrego. Cheguei a ler o livro, ou, melhor dizendo, passar os olhos, visto que o número de referências e o corte fragmentário tornam a obra absurdamente difícil de ser lida... Ela é tipo um Finnegans Wake da poesia. E inclusive do ponto de vista estrutural, visto que a obra tem como fim o inconsciente coletivo.

    Então vamos lá, criar esse templo para aqueles que já leram a obra, já leram a respeito ou ficaram curiosos. Apesar de você passar 99% do livro com essa cara: 8-O, tem passagens muito bonitas... Meu Canto preferido é o Canto II.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    você pode encontrar uma tradução anotada do Dirceu Villa, o que é uma baita mão na roda...

    A passagem mais bonita do livro está justamente no final do Canto II. São alguns dos versos mais bonitos que já li:



    Outros versos bem bonitos são os versos no final do livro, no fragmento dos Cantos:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    tem uma tradução desse trecho.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
    • Ótimo Ótimo x 1
  2. Bruce Torres

    Bruce Torres Let's be alone together.

    Pensando em comprar a edição da Saraiva de Bolso. Alguém lembra quem traduziu?
     
  3. Mavericco

    Mavericco I am fire and air. Usuário Premium

    Foi o José Lino Grünewald. Li pela tradução dele. Ele participou, junto com os Irmãos Campos, o Pignatari e o Mário Faustino da primeira, digamos, força-tarefa em traduzir e entender o Pound.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  4. -Jorge-

    -Jorge- mississippi queen

    Mas Bruce, o preço dos dois volumes juntos (sem descontos) dá quase o da edição comemorativa, não acha melhor não? Se bem que... aquela edição "comemorativa" dá até vergonha por ser colada e não encadernada, né?... Como que eles colam um livro de 1000 páginas!? A mesma coisa com A montanha mágica e O homem sem qualidades... E ainda querem cobrar os olhos da cara, aff... Enfim.

    Também estou pensando em ler esse ano. Se quiserem a gente pode se juntar para tentar ir lendo aos poucos. Ano passado li só o primeiro que faz referência à visita de Odisseu ao submundo. Não tem nenhuma edição anotada por aí, tem? :dente:
     
  5. Mavericco

    Mavericco I am fire and air. Usuário Premium

    Bem, tem um blog em que o autor fez algo parecido: um diário de bordo de leitura do The Cantos:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    O Grünewald faz referência a esse livro também, que parece ser bem completo:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    E esse livro aqui tem bons comentários a respeito:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Acho o artigo da Wikipedia inglesa bem decente também:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Agora acho o máximo é a definição que o R. P. Blackmur faz:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    • LOL LOL x 2
  6. lavoura

    lavoura Usuário

    Sobre a edição comemorativa da Nova Fronteira:
    Eu comprei a minha no Estante virtual com a vendedora Ana Lima Bookseller. Livro novo por R$20,64+ R$8 frete. Recomendo a vendedora, fiz uma compra desse e mais alguns livros, a vendedora foi super atenciosa e ainda me enviou um livrinho de brinde. Quem quiser aproveitar ainda tem alguns exemplares:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  7. Bruce Torres

    Bruce Torres Let's be alone together.

    Valeu pela dica. Acho que vou comprar direto dela, então. :)
     
  8. amon_amarth

    amon_amarth Usuário

    Os livros realmente bons, fazem-nos parar para refletir no que ali está escrito, emocionam-nos e, por vezes, mudam a nossa perspetiva de vida. É mesmo assim, por isso é que ler é uma verdadeira paixão para mim, é outro mundo!:)
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  9. Mavericco

    Mavericco I am fire and air. Usuário Premium

    Dando um up no tópico, descobri
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    sobre o Canto I do livro. Bem legal!

    Andei dando uma lida na poesia do Pound que-não Os Cantos e encontrei muita coisa legal. Por exemplo, tem esse soneto aqui:

    A construção dele é realmente magnífica, com todo esse uso muito bem pensado da palavra "sheathe" e dos termos que caracterizam a virgindade da mulher e a impureza do eu lírico. Tem duas análises dele que são dignas de nota:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    ,
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    . O Pound, apesar de seu projeto relativamente iconoclasta, era um mestre nas formas fixas, e o soneto não é nenhuma exceção. Basta ver a tradução dele pros sonetos do Guido Cavalcanti ou o hábito que ele tinha de escrever um soneto por dia e no final do ano destruí-los todos (pelo menos é o que o William Carlos Williams diz).
     
    • Gostei! Gostei! x 1

Compartilhar