1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

O semeador de livros

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por imported_Franco, 1 Mar 2010.

  1. imported_Franco

    imported_Franco Usuário

    A reportagem me chamou a atenção com essa pequena história. O tal editor, José Xavier Cortez, é um nordestino hoje com 73 anos. Superou as dificuldades tão comuns no interior do Brasil - principalmente a de educação precária – com trabalho, estudo e determinação, o que implicou mudar-se para São Paulo.

    Virou dono de um negócio de livros sempre tendo a exata noção de que mexer com livros pode ser mais do que um negócio, mais do que venda: é formar pessoas, politizar cidadãos. Na PUC-SP, próximo de alguns intelectuais, como Paulo Freire, conseguia para eles em plena ditadura militar muitos livros proibidos pela repressão. Depois o negócio virou a editora Cortez.

    História de vida interessante do cara. Um bom exemplo made in brazil, e com o carimbo do Norte, de alguém que sempre apostou nos livros como fonte de mudanças gerais e com eles venceu na vida. Apesar de não gostar do tom perto da idolatria – que acredito eu mesmo ter impresso nesse breve resumo -, saiu um documentário biográfico sobre o sujeito. Apesar do tom, num país que a leitura é tão marginalizada, um nordestino que foge do destino comum justamente por apostar na leitura, é algo estimulante.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    para assistir o documentário.

    Só recomendo ficarem longe da parte inferior do site! Se a setinha do mouse relar no menu interativo, outra seção do site é exibida, o documentário para, e aí é preciso recomeçar desde o início – eu fiz isso 4 vezes :calado:

    Fonte: O Estado de São Paulo, caderno Cidades - 28/02/2010
     
  2. Lucas_Deschain

    Lucas_Deschain Biblionauta

    Bá, pra você ver como o universo ensina lições.
     

Compartilhar