1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

O rei do mundo (David Remnick)

Tópico em 'Literatura Estrangeira' iniciado por Palazo, 26 Ago 2011.

  1. Palazo

    Palazo Mafioso Literário

    “Deus todo-poderoso estava comigo! Quero que todos sejam testemunhas! Sou o maior! Abalei o mundo! Sou o maior de todos! Não tenho nenhuma marca sequer em meu rosto. Acabei com Sonny Liston, e tenho apenas 22 anos. Só posso ser o maior! Mostrei isso ao mundo! Eu falo com Deus todos os dias! Sou o rei do mundo!”

    As palavras de Muhammad Ali foram proclamadas logo após a conquista do título de campeão dos pesos pesados ao derrotar Sonny Liston em 1964. A euforia do novo campeão era evidente, uma vez que conquistava o título mais cobiçado do mundo com apenas 22 anos, contrariando todas as previsões da imprensa esportiva.

    A trajetória de Muhammad Ali, conhecido até então como Cassius Clay (Cassius Clay assume o nome de Muhammad Ali logo após se tornar mulçumano, ato que aconteceu logo após ele ganhar o título mundial dos pesos pesados), até se tornar campeão dos pesos pesados e todo o ambiente que o rodeava é contado no livro “O rei do mundo”, escrito pelo jornalista David Remnick e publicado pela Companhia das Letras.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     

Compartilhar