• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

O que foi feito do Mithril?

Status
Fechado para novas mensagens.

Glonduil

Quase uma forja de anão
Anã Rainha parideira :lol: Eu acho que seriam varias parideiras, não só uma.
 
Última edição:

Lindoriel

Saurita Catita
Podia até haver uma "anã parideira", mas ontem lendo os apêndices me deu a impressão de que Tolkien não desejava dissociar "filhos" de "casamento". Esse trecho das anãs é bem típico: ele fala que apenas um terço delas se casava e por isso a reprodução ia muito devagar entre eles.

Aí eu pensei: e as mães e pais solteiros/as?? :lol:

E reparei que, tvz pelo conservadorismo de Tolkien msm, ele usualmente associava "filhos" e talvez "vida sexual" a casamento msm. A única que vi tento filhos "solteira" nas obras foi Laracna (e o narrador ainda a reprova por ter "filhos bastardos"...)

Ou seja, será que não havia maternidade/paternidade de pessoas solteiras em Tolkien?

Uma impressão q tenho é q Luthien "fez a coisa" com Beren logo no começo... poderia ter engravidado dele sem ter sido casada :lol: Mas pode ter sido só impressão...
 

Neoghoster Akira

Brandebuque
Havia um tópico interessante com esse assunto na AT.

O que aconteceu foi que a fonte primária de Mithril tinha sido Moria e esse mineral só podia ser encontrado nesta mina específica dos anões.

Com o passar do tempo, depois de muita exploração, os anões descobriram que o veio do minério se aprofundava cada vez e foi se tornando cada vez mais difícil de obtê-lo até que eles penetraram tanto na montanha que despertaram um Balrog adormecido. Para piorar se por algum milagre a exploração de Mithirl tivesse continuado eles tinham a chance de perturbar criaturas ainda mais terríveis, evitadas até pelo Balrog, em lugares mais profundos.

E a prata verdadeira, que já era rara, diminuiu mais ainda tendo em vista que Sauron tinha um apetite enorme pelo metal e enviava seus orcs a longas distâncias para roubar tudo que pudessem daquilo que restara e trazê-lo diretamente para sua mão.

Depois dos anões abandonarem a montanha e depois que o UM anel foi destruído, quando a terceira era acabou, a partir da quarta era aconteceram catástrofes que mudaram severamente a forma do mundo eliminando quase tudo que havia do passado incluindo a montanha de onde vinha o Mithril.

Já na terceira era o Mithril só era encontrado em tesouros élficos antigos, alguns tesouros de anões e lugares de difícil acesso.
 
Última edição:

Atyarwen

A Hobbit-size Elf
Usuário Premium
e só para acrescentar um detalhe: os anões desapareceram da Terra Média na quarta era...
encontrei este trecho Na HoMe v. 12 = The Peoples of Middle-earth V. 12, que diz que na quarta era, Durin VII reconstitou Moria, e permaneceu lá com o seu povo

"until the world grew old and the Dwarves failed and the days of Durin's race were ended."
 

Glonduil

Quase uma forja de anão
Podia até haver uma "anã parideira", mas ontem lendo os apêndices me deu a impressão de que Tolkien não desejava dissociar "filhos" de "casamento". Esse trecho das anãs é bem típico: ele fala que apenas um terço delas se casava e por isso a reprodução ia muito devagar entre eles.

Aí eu pensei: e as mães e pais solteiros/as?? :lol:

E reparei que, tvz pelo conservadorismo de Tolkien msm, ele usualmente associava "filhos" e talvez "vida sexual" a casamento msm. A única que vi tento filhos "solteira" nas obras foi Laracna (e o narrador ainda a reprova por ter "filhos bastardos"...)

Ou seja, será que não havia maternidade/paternidade de pessoas solteiras em Tolkien?

Uma impressão q tenho é q Luthien "fez a coisa" com Beren logo no começo... poderia ter engravidado dele sem ter sido casada :lol: Mas pode ter sido só impressão...

Se ele era tão conservador, aposto que não ia gostar da ideia de anã reprodutora. Também tenho impressão que a Luthien e o Beren não quiseram esperar pelo casamento. Aquele papo de passar a noite junto e pela manhã ela ir embora me cheirou a outra coisa
 
Última edição:

Lindoriel

Saurita Catita
Pois é! :lol:

E me parece que a "balada de Lúthien" recitada por Aragorn no Topo do Vento sugere isso também... aquilo de "em seus braços cair" e etc...

Mas pelo menos vão dizer que eles casaram no final! :lol:

Uma coisa que me deixou bastante intrigada é que os elfos só casam uma única vez. Parece que o único que casou de novo foi o pai do Fëanor (não lembro do nome... UU Silmarillion lido há muito tempo, nunca relido), o resto casava uma única vez. Até nisto Tolkien parecia ser conservador, uma vez que um dos maiores "dogmas" católicos (e o Tolkien se não me engano era católico praticante) é casar apenas uma vez na vida.
 
Última edição:

Alasson Yára

Eu matei um
Re: Duvida!

É a base da mitologia dele
O próprio Tolkien sempre afirmou isso
por isso é chamado de mitologia, porque nosso mundo atual deriva dela

Não é por isso que é chamado de mitologia... É mitologia (ainda sim se usarmos um sentido comum da palavra) porque explica de maneira fantasiosa aquilo que é... Portanto seria mitologia se justamente a história do Tolkien não existisse...

Eu queria alguma citação ou carta do Tolkien dizendo que as histórias do Tolkien fossem um passado de nossa terra... Em The Hobbit quando se diz: "...since they have become rare and shy of the Big People..." claramente se vê que eles teriam existido, mas foi nun estágio inicial da criação de Tolkien... Perto de sua morte não acredito que Tolkien queria contar uma história que tenha ligação com a nossa...
 

Glonduil

Quase uma forja de anão
Pois é! :lol:

E me parece que a "balada de Lúthien" recitada por Aragorn no Topo do Vento sugere isso também... aquilo de "em seus braços cair" e etc...

Mas pelo menos vão dizer que eles casaram no final! :lol:

Uma coisa que me deixou bastante intrigada é que os elfos só casam uma única vez. Parece que o único que casou de novo foi o pai do Fëanor (não lembro do nome... UU Silmarillion lido há muito tempo, nunca relido), o resto casava uma única vez. Até nisto Tolkien parecia ser conservador, uma vez que um dos maiores "dogmas" católicos (e o Tolkien se não me engano era católico praticante) é casar apenas uma vez na vida.

O pai do Fëanor só casou de novo, porque ao nascer Fëanor esgotou as forças de sua mãe, causando sua morte. Ou seja, para o professor, casar de novo só se o cônjuge morrer.
 

Lindoriel

Saurita Catita
Também. :D

Mas acho que, morrendo ou não morrendo o cônjuge, ele foi o único dos Eldar a casar-se de novo.

Lembro que o Fëanor era contra o segundo casamento do pai - talvez por isso não ser realmente costume entre eles.

Pode ser meio "piegas" mas acho bonito quando Galadriel diz que está com Celeborn há muitos anos :grinlove:

Aliás, como será que é uma cerimônia de casamento dos Eldar?
 
Re: Duvida!

Não é por isso que é chamado de mitologia... É mitologia (ainda sim se usarmos um sentido comum da palavra) porque explica de maneira fantasiosa aquilo que é... Portanto seria mitologia se justamente a história do Tolkien não existisse...

Eu queria alguma citação ou carta do Tolkien dizendo que as histórias do Tolkien fossem um passado de nossa terra... Em The Hobbit quando se diz: "...since they have become rare and shy of the Big People..." claramente se vê que eles teriam existido, mas foi nun estágio inicial da criação de Tolkien... Perto de sua morte não acredito que Tolkien queria contar uma história que tenha ligação com a nossa...

Isso foi discutido em vários tópicos aqui no fórum.
 

Sellenium

Usuário
Re: Duvida!

Não é por isso que é chamado de mitologia... É mitologia (ainda sim se usarmos um sentido comum da palavra) porque explica de maneira fantasiosa aquilo que é... Portanto seria mitologia se justamente a história do Tolkien não existisse...

Eu queria alguma citação ou carta do Tolkien dizendo que as histórias do Tolkien fossem um passado de nossa terra... Em The Hobbit quando se diz: "...since they have become rare and shy of the Big People..." claramente se vê que eles teriam existido, mas foi nun estágio inicial da criação de Tolkien... Perto de sua morte não acredito que Tolkien queria contar uma história que tenha ligação com a nossa...

Bom, o conceito básico de mitologia é justamente esse, acho que usei palavras erradas pra descrever, mas foi o que eu quis dizer, e quanto à obra de Tolkien, no livro O Hobbit tem grandes referências à modernidades, como a "criação do jogo de golfe" e tudo mais. Acho que de certa forma, Tolkien sempre quis que sua obra fosse interpretada como uma mitologia que origina os tempos atuais, tanto que era o tempo todo questionado, até em questões geográficas (já que a Terra Média era comparada com a Europa, mas os mapas não tem muito a ver).
 

Calion Alcarinollon

Cristão Católico
O Mithril, meus caros, nada mais é que o metal "Platina". Pesquisai as propriedades da platina, e nela reconhecereis o mithril.

Não é por isso que é chamado de mitologia... É mitologia (ainda sim se usarmos um sentido comum da palavra) porque explica de maneira fantasiosa aquilo que é... Portanto seria mitologia se justamente a história do Tolkien não existisse...

Eu queria alguma citação ou carta do Tolkien dizendo que as histórias do Tolkien fossem um passado de nossa terra... Em The Hobbit quando se diz: "...since they have become rare and shy of the Big People..." claramente se vê que eles teriam existido, mas foi nun estágio inicial da criação de Tolkien... Perto de sua morte não acredito que Tolkien queria contar uma história que tenha ligação com a nossa...

Mitologia vêm do grego "mithos logos eia", ou seja, "condição de conhecer as histórias". Deixo claro que eu, como católico tolkieniano purista, faço parte de uma mitologia. Toda religião é uma mitologia, independente dela ser certa ou errada. O tolkienianismo purista é uma doutrina religiosa, não uma religião. Portanto é uma submitologia.

E sim, meu caro, Tolkien, de sua primeira à sua última linha, sempre almejou contar a história da Terra, de Arda, de Gaia (Use o nome que quiser).

- - - Updated - - -

Bom, o conceito básico de mitologia é justamente esse, acho que usei palavras erradas pra descrever, mas foi o que eu quis dizer, e quanto à obra de Tolkien, no livro O Hobbit tem grandes referências à modernidades, como a "criação do jogo de golfe" e tudo mais. Acho que de certa forma, Tolkien sempre quis que sua obra fosse interpretada como uma mitologia que origina os tempos atuais, tanto que era o tempo todo questionado, até em questões geográficas (já que a Terra Média era comparada com a Europa, mas os mapas não tem muito a ver).

Houve um grande cataclismo na passagem da Quarta pra Quinta Era, e uma era glacial na passagem da Quinta pra Sexta Era. Por isso, na Era Atual (Sexta), a Europa ficou bem diferente.

- - - Updated - - -

Mas, o conceito correto de mitologia, é o de qualquer coisa em que se acredite.

- - - Updated - - -

Independente dessa coisa ser certa ou errada.

- - - Updated - - -

Também.

Mas acho que, morrendo ou não morrendo o cônjuge, ele foi o único dos Eldar a casar-se de novo.

Lembro que o Fëanor era contra o segundo casamento do pai - talvez por isso não ser realmente costume entre eles.

Pode ser meio "piegas" mas acho bonito quando Galadriel diz que está com Celeborn há muitos anos

Aliás, como será que é uma cerimônia de casamento dos Eldar?

Casamento é indissolúvel, independente do cônjuge morrer ou não. Isso é óbvio, claro, e indubitável. Deus quer assim. Aquele que violar essas regras será lançado ao fogo do inferno.

Quanto à cerimônia de casamento Eldarin, posso descrever a ti, em outra hora.

- - - Updated - - -

Uma impressão q tenho é q Luthien "fez a coisa" com Beren logo no começo... poderia ter engravidado dele sem ter sido casada Mas pode ter sido só impressão...
Também tenho impressão que a Luthien e o Beren não quiseram esperar pelo casamento. Aquele papo de passar a noite junto e pela manhã ela ir embora me cheirou a outra coisa
E me parece que a "balada de Lúthien" recitada por Aragorn no Topo do Vento sugere isso também... aquilo de "em seus braços cair" e etc...

Isso é o que eu mais odeio em seres humanos. Têm costumes repugnantes, pecaminosos, ofensivo e imorais... E querem que todos sejam assim como eles também! Manem, Eru??? Manem????

- - - Updated - - -

Quanto aos anões eles foram extintos quando suas minas desabaram em suas cabeças, nas Grandes Mudanças da Quinta Era.
 

Grimnir

Well-Known Member
Usuário Premium
O Mithril, meus caros, nada mais é que o metal "Platina". Pesquisai as propriedades da platina, e nela reconhecereis o mithril.

qual é a fonte para essa conclusão?

eu achei a informação abaixo no Tolkien Gateway:

Candidates for a possible real-world equivilent of mithril have been diverse, but the one metal that has by far the greatest similarities with described mithril, is titanium. Titanium has half the density and weight of steel, has a lustrous silver-white color, is one of the strongest of metals, and is chemically inert such that it does not corrode over time. Like mithril, titanium was also exceptionally rare and precious, as it does not typically occur as a workable metallic form in nature—the ore is actually extremely abundant, but the practical technology to extract titanium metal from the ore has only been widely available and economical since the 20th century. Titanium also has remarkable strengthening effects on other metals when alloyed with them.[3] Other metals have been proposed as candidates for mithril:

- Platinum is silver-white in appearance and extremely resistant to corrosion, but is simply far too heavy to be mithril.
- Aluminium and magnesium have been a candidates for similar reasons as titanium, and aluminium is indeed the single most abundant metallic element in the earth's crust. These metals are also far too chemically reactive to naturally exist as a workable metal, which originally made them as precious and scarce as mithril. (Famously, Napoleon III of France once bought dinnerware made out of aluminium because it was more expensive than gold at the time.) But they are also less lustrous and not as strong as titanium, though they are each also lighter than titanium.
 

Felagund

Usuário
qual é a fonte para essa conclusão?
Ele se considera um elfo que viu essas coisas e tal...

- - - Updated - - -

Casamento é indissolúvel, independente do cônjuge morrer ou não. Isso é óbvio, claro, e indubitável. Deus quer assim. Aquele que violar essas regras será lançado ao fogo do inferno.
Que inferno? Tem inferno a mitologia de Tolkien? Ou vc se refere ao inferno cristão?
E então, nesse caso, o pai de Feanor ta no "inferno"?
 

Lindoriel

Saurita Catita
Nossa, o negócio é titânio! 8-O

Isso é o que eu mais odeio em seres humanos. Têm costumes repugnantes, pecaminosos, ofensivo e imorais... E querem que todos sejam assim como eles também! Manem, Eru??? Manem????

Calma, colega, não leve as coisas pro lado pessoal...

Aliás, não querendo parecer "incisiva" nem nada, mas vc sequer sabe dos "costumes particulares e pessoais" das pessoas aqui...
 

Calion Alcarinollon

Cristão Católico
Grimnir disse:
qual é a fonte para essa conclusão?
Existem duas respostas possíveis:

1-
Felagund disse:
Ele se considera um elfo que viu essas coisas e tal...
2- Observe a tabela periódica... Observe a condutividade elétrica, o brilho, a alta temperatura de fusão, observe a mutabilidade da maleabilidade conforme a temperatura... Observe a leveza, resistência, dureza(só pode ser riscado por diamante). Propriedade da platina, ou seja, mithril.

Felagund disse:
Que inferno? Tem inferno a mitologia de Tolkien? Ou vc se refere ao inferno cristão?
E então, nesse caso, o pai de Feanor ta no "inferno"?

Os grandes mestres Eldarin nada sabem sobre o destino dos Homens, e os Valar nunca disseram nada sobre isso. Mas Cristo, a manifestação da Chama Imperecível, ou "O Verbo", como se diz entre os humanos, disse muito sobre isso. Sendo ele Eru, eu creio no que ele disse também. Mas nada tenho contra quem não crê.

O grande Finwë não está no inferno, ele é um Elda, e os Eldar não saem de Arda. Ele foi autorizado pelo próprio Manwë a se casar com Indis, como punição a Míriel pelo seu desprezo à vida, e porquanto isso já estava na Grande Música. Finwë voltou à vida e governa os Noldor até hoje.

- - - Updated - - -

Acho o titânio excessivamente isolante para que possa ser mithril. Que eu o saiba, o mithril é altamente condutivo e suscetível à magia, propriedade não condizentes ao titânio.
 
Última edição por um moderador:

Grimnir

Well-Known Member
Usuário Premium
2- Observe a tabela periódica... Observe a condutividade elétrica, o brilho, a alta temperatura de fusão, observe a mutabilidade da maleabilidade conforme a temperatura... Observe a leveza, resistência, dureza(só pode ser riscado por diamante). Propriedade da platina, ou seja, mithril.
Acho o titânio excessivamente isolante para que possa ser mithril. Que eu o saiba, o mithril é altamente condutivo e suscetível à magia, propriedade não condizentes ao titânio.

esse papo é muito doido, pois não há resposta certa. mesmo assim não deixa de ser interessante. não sei de onde vem a leveza da platina! compare as densidades abaixo:

- platina: 21.45 g/cm3
- ferro: 7.86 g/cm3
- titânio: 4.50 g/cm3

com essa densidade, é difícil acreditar em leveza. o problema com o titânio é a aparência, pois ele não é tão claro e brilhante quanto o mithril. sobre a condutibilidade, qual seria a relação entre essa propriedade e a magia? se um item é mágico, então é mágico e ponto final, independente do seu material. se isso fosse verdade, então todos os anéis do poder deveriam ser feitos de mithril, especialmente o Um Anel (na verdade, sabemos apenas que o Nenya é feito de mithril).
 
Status
Fechado para novas mensagens.

Valinor 2020

Total arrecadado
R$1.920,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo