1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

O Natal e o Ano Novo na Literatura

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por Excluído046, 23 Dez 2010.

  1. Excluído046

    Excluído046 Banned

    As lentes da Literatura nos permitem ver certos eventos sob outra perspectiva. Isso pode acontecer com o Natal. Muitas pessoas não comemoram a data conforme a acepção religiosa, mas a festa, de algum modo, é importante para elas.

    O Natal é retratado em diversas obras literárias. A proposta do tópico é apontarmos algumas dessas obras, ressaltando de que maneira elas apresentam o tema Natal. Podem ser citados contos, poemas, romances, crônicas, etc.

    Nesta mesma linha de raciocínio, vamos comentar, também, obras que tenham alguma relação com o Ano Novo.
    Vamos ter cuidado para não revelarmos detalhes cruciais do enredo das obras citadas, para não estragarmos a leitura das outras pessoas, ok?

    Para começar, vou citar alguns (poucos, deixarei os clássicos para vocês comentarem) só para exemplificar:

    Mistério de Natal – Jostein Gaarder: Mais do que uma releitura do cristianismo, essa singela obra propõe uma releitura do ser humano, um resgate de valores. Um romance simples, escrito em uma linguagem acessível, sobre a tolerância e a perseverança.

    A Missa do Galo – Machado de Assis: Os eventos relatados (encenados) no conto antecedem a tradicional “Missa do Galo”, que acontece na virada do dia 24 para o dia 25 de dezembro. Falar mais do que isso é bobagem. Parafrasear esse conto é fazer com que ele perca metade da sua graciosidade.

    A Menina dos Fósforos – Hans Christian Andersen: O conto se passa no dia 31 de dezembro. Uma menina passa o dia inteiro tentando vender fósforos e, como não consegue, não tem coragem de voltar para a casa. O pai poderia lhe bater. Estava muito frio. E ela estava com fome. Então, a menina começou a acender os fósforos, para tentar afastar o frio, e, enquanto as chamas dos fósforos estavam acesas, ela imaginava mesas fartas, árvores de natal enormes, e tudo o mais de que era privada pela precária situação em que vivia sua família.

    Não quero falar mais sobre o conto, para não estragar a surpresa de quem não o conhece. Mas quero dizer que é um conto belíssimo, que me emociona hoje como me emocionou há doze anos, quando o li pela primeira vez. Foi em uma aula de Língua Portuguesa. A professora entregou a folha com o conto, e disse para lermos e fazermos um resumo. Eu li, pedi para ir beber água, porque não queria que ninguém me visse chorando. ( XD ) Depois, voltei para a sala. Fiz o resumo. Mais tarde, quando já estava em casa, eu não conseguia pensar em mais nada, a não ser na Menina dos Fósforos. Naquele dia, não consegui jantar. Quando fui dormir, coloquei nas minhas orações a seguinte prece: “Senhor, cuide das Meninas dos Fósforos do mundo inteiro”. (Eu era uma gracinha de menina. XD )

    Natal na Barca – Lygia Fagundes Telles: Neste conto, é narrada uma travessia, em uma noite de Natal, de uma barca ocupada por quatro pessoas: um velho, a narradora, uma mulher e seu filho no colo (que estava sendo levado ao médico. A mulher tinha perdido um filho de quatro anos, que pulou de um muro, pensando ser um mágico. Ela foi abandonada pelo marido, mas dizia nunca ter sido abandonada por Deus). Não quero revelar detalhes do conto, para não estragar a surpresa de quem ainda não leu. Mas é uma leitura muito recomendada.
     
    • Mandar Coração Mandar Coração x 3
    • Ótimo Ótimo x 2
    • Gostei! Gostei! x 2
  2. Excluído046

    Excluído046 Banned

    Eu estava mexendo em uns livros, mais cedo, e acabei encontrando As Crônicas de Nárnia, (que eu provavelmente já falei, em algum tópico, que é uma das minhas paixões :grinlove: ) o que me fez lembrar de "O Leão, a Feiticeira e o Guarda-roupa". Não que essa história tenha o Natal como pano de fundo, mas me lembrei de que, nela, o Natal acaba ganhando a forma de uma personagem. A chegada do Natal, para Nárnia, sinaliza o fim de uma era e o início de outra.

    Quando Lúcia foi a Nárnia pela primeira vez, o Sr. Tumnus disse-lhe que o Natal não chegava lá, por causa da Feiticeira. E essa frase foi repetida mais algumas vezes. Quando a vinda de Aslam está próxima, o Natal chega (talvez possamos estabelecer uma não tão sutil relação entre a chegada de Aslam-Cristo-Natal. :yep:), e o Papai Noel traz presentes que serão importantes ferramentas para que os filhos de Adão e as filhas de Eva possam enfrentar a Feiticeira.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  3. Indily

    Indily Balrog de Pantufas Fofas

    Verdade... quando Aslam retorna Noel aparece tazendo ferramentas para ajudar "o povo" a vencer o mal. ou melhor dizendo... sem "jesus em suas vidas o natal não chega"...
     
  4. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    Belo tópico. Eu me lembrei de cara de "Um conto de Natal" de Charles Dickens, talvez um dos livros com temática natalina mais lidos e adaptados no mundo todo.
     
  5. Excluído046

    Excluído046 Banned

    :yep::yep::yep:

    Foi a inspiração para o tópico. Lembrei de "Um conto de Natal" e pensei:"Opa! Isso dá um tópico". :joy:

    O Natal - Eça de Queirós: Publicado em "Cartas de Inglaterra", n' O Natal, Eça descreve os componentes do Natal e fala sobre "o que estragou essa data comemorativa". Por meio de uma aparente reclamação sobre a falta de neve, Eça aponta para questões como: 'a miséria', 'a pouca importância das pessoas com a miséria alheia', entre outras, usando, como pano de fundo, a temática do natal.

    Nem eu sei realmente como a ceia faustosa possa saber bem, como o lume do salão chegue a aquecer – quando se considere que lá fora há quem regele e quem nlhe, a um canto, triste, uma côdea de dois dias. E justamente nestas horas de festa íntima, quando pára por um momento o furioso galope do nosso egoísmo – que a alma se abre a sentimentos melhores de fraternidade e de simpatia universal e que a consciência da miséria em que se debatem tantos milhares de criaturas volta com uma amargura maior. Basta então ver uma pobre criança pasmada diante da vitrina de uma loja, e com os olhos em lágrimas para uma boneca de pataco, que ela nunca poderá apertar nos seus miseráveis braços – para que se chegue à fácil conclusão que isto é um mundo abominável. Deste sentimento nascem algumas caridades de Natal; mas, findas as consoadas, o egoísmo parte à desfilada, ninguém torna a pensar mais nos pobres, a não ser alguns revolucionários endurecidos, dignos do cárcere: e a miséria continua a gemer ao seu canto!

    -Literatura de Natal - Eça de Queirós: Falar sobre este conto, neste tópico, é um belo exemplo de metalinguagem. Sem mais. :lol:
     
  6. Jhulha

    Jhulha Lurker

    Nossa deu uma nostalgia agora, eu li Natal na Barca no meu primeiro ano da Facul, o conto é bem macabro do jeitinho que eu gosto.
     
  7. Excluído046

    Excluído046 Banned

    Natal na barca está entre meus contos preferidos de Antes do Baile Verde.

    Ah! como eu acabei de responder ao tópico da Agatha Christie:

    - O Natal de Poirot: e lá vamos nós passar o natal na casa de um parente multimilionário. Já viram, família reunida por tempo demais. Tsc. Tsc.

    - A aventura do pudim de Natal: conto presente em uma obra homônima, que reúne outros cinco contos; tem como premissa o seguinte: Poirot é convidado para passar o Natal em uma casa, com o intuito de desvendar o roubo de um rubi. Ele foi avisado para não comer o pudim de passas. Então...
     
  8. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    O livro mais clássico sobre o Natal é Um Conto de Natal, mas um livro cuja temática é sobre o Natal, mas não é a principal é Cartas do Pai Natal (posto nessa grafia pois não conheço se há uma forma brasileira Cartas do Papai Noel).
     
    Última edição: 23 Dez 2011
  9. Excluído046

    Excluído046 Banned

    Já que o Torfs ressuscitou o Mofico (gente, o tópico faz aniversário hoje. Um aninho, quase um ancião. :lol:), e todo mundo sabe que eu adoro o Natal (mas ODEIO panetone. Aquelas frutas cristalizadas são como gotas de fogo vindas diretamente do INFERNO!), preciso comentar algo: gente, adoro o Natal nos livros de Harry Potter. E fico toda preocupadinha com o Harry, e coisa e tal.
     
  10. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Mas sempre há os Chocotones.
     
  11. Excluído046

    Excluído046 Banned

    Não comecem com o papo de que o Natal ainda está longe. Não sejam (tão) chatos. Eu AMO Natal, TODOS SABE, e, né, senti saudades do tópico.
     
  12. CarolAcunha

    CarolAcunha Usuário

    Bah, lembrar de A Menina dos Fósforos é sacanagem! Dá um aperto no peito só de lembrar da história :/

    Achei muito legal a proposta do tópico, apesar de não estar lembrando de nada para adicionar :(

    - - - Updated - - -

    E agora que eu vi que a Melian (ah, não dá pra chamar assim) ressuscitou esse tópico, achei que fosse recente hehehe
    Whatever... nos shoppings já é Natal, né?! Dá pra ir pensando sim :P
     
    • Mandar Coração Mandar Coração x 1
  13. Mercúcio

    Mercúcio Well-Known Member

    Fiquei com uma super vontade de ler esse A Menina dos Fósforos. #lerei
     
    • Mandar Coração Mandar Coração x 1
  14. Excluído046

    Excluído046 Banned

    Eu desenterrei o tópico porque o Natal já está chegando. XD

    E pode me chamar de Valentina, Carol. Eu gosto do nome, gosto da personagem, e gosto do Crepax, por isso, quando não consegui usar Melian, lá no Meia, escolhi Valentina como nick. =]

    Leia, Mercúcio, leia. É muito lindinho.
     
    • Mandar Coração Mandar Coração x 1
  15. Alguns contos de Andersen fazem chorar mesmo.
    E agora que estou mexendo com o tópico dele me lembrei de "O Pinheirinho de Natal".

    Quando fui morar em SC, descobri a tradição alemã de árvores naturais de natal.
    Era doida por um pinheirinho de verdade.
    Até que li esse conto e a vontade passou.
     
  16. G.

    G. Ai, que preguiça!

    Tbm senti falta do Conto de natal do Dickens :D Foi a primeira coisa que li dele(quer dizer, é a única :roll:) e é muito lindo!

    Desses aí só li A missa do galo, mas li na oitava série e confesso que não lembro nadica de nada :hihihi:

    E tenho muita vontade de ler esse do Andersen(inclusive achei uns contos dele no gutenberg, e esse que vc falou está lá :D)... Na verdade não li nada dele ainda 8-O Porém é um desses autores que a gente tem (quase) a certeza de que vai amar, sabe?


    Edit:
    Atah :dente:, vi as histórias ali e vim logo comentar, aí "perdi" essa parte, hehe
     
    Última edição: 31 Out 2012
  17. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Foram os alemães que começaram com isso, um rei inglês, na verdade nascido na Alemanha, mas que se casou com a rainha da Inglaterra no final do século XIX que levou esse costume para a Inglaterra e de lá se espalhou pelo mundo.
     
  18. Sim, foi o Príncipe Albert da Rainha Vitória que começou isso

    Aliás esse casal gostava de começar tradições...
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  19. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

  20. Excluído045

    Excluído045 Banned

    Quero ler essa menina dos fósforos. Já ouvi falar muito e dizem que é linda a história.

    De Natal, tem o conto de Dostoievski, A árvore de Natal na casa do Cristo. Narra o Natal de uma criança pobre que sai do buraco lastimável onde vive com a família miserável, faminta, moribunda, sai em busca de comida, enfrenta vários perigos na noite do gélido inverno russo até que encontra um casa, com uma árvore e... o que tem isso a ver com o Cristo? Leiam e descubram. Choro sempre que leio.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
    • Mandar Coração Mandar Coração x 1

Compartilhar