1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

O Livro da Selva (Rudyard Kipling)

Tópico em 'Literatura Estrangeira' iniciado por Lucas_Deschain, 1 Jun 2010.

  1. Lucas_Deschain

    Lucas_Deschain Biblionauta

    [align=justify]Rudyard Kipling é um célebre escritor britânico, conhecido por suas poesias, romances e contos. Nascido em 1865, em Bombaim, Índia, então sob o domínio imperialista inglês, o autor cresceu aprendendo os costumes ingleses e indianos, já que vivia em um contexto que lhe dava experiências de ambas as culturas.

    Um de seus livros mais conhecidos, senão o mais conhecido (principalmente depois da adaptação cinematográfica da Disney, em 1967) é O Livro da Selva (The Jungle Book), escrito em 1894. Mesmo que somente com a obra A Luz que não se apagou o autor tenha sido laureado com o Nobel, em 1907; foram as diversas histórias que compõe as aventuras d’O Livro da Selva ficaram imortalizadas na versão Disney das aventuras de Mowgli.
    [/align]

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

     
  2. Zzeugma

    Zzeugma Usuário

    Sei que as pessoas devem ter um certo preconceito com "O Livro da Selva". A primeira coisa que vem à cabeça é o Mogli de Disney e aquele urso meio bobo. Afinal... vamos lembrar que são animais falantes...

    Mas penso que o que mais me levou a ir atrás deste livro foi um filme antiquíssimo que vi na TV contando a história de Mogli. Não era bobo... ou excessivamente infantil. Por isto e por ser incrivelmente bonita, ilustrada e com uma série de informações às margens da página, acabei comprando uma edição do Livro da Selva da Melhoramentos. Tinha até foto de crianças-lobos reais capturadas na 1ª metade do século XX na Índia.
    Realmente, a história se mostrou mais madura do que se esperaria. E também me espantei com as histórias adicionais, sempre envolvendo animais. Inclusive a história com as Focas... Será que ele não pensou em escrever "O Livro do Mar"?

    De Kipling, sabia que era criticado atualmente por sua posição francamente favorável ao imperialismo britânico. Um dos contos de animais me passou esta impressão, não me lembro mais qual.
     
  3. Lucas_Deschain

    Lucas_Deschain Biblionauta

    [align=justify]Pois é, a Disney dá aquela clássica amenizada no conteúdo. Assisti ainda ontem a Mowgli, o Menino Lobo, e posso dizer que o Baloo não me desagradou tanto não, bem os macacos e aquela coisa de não seguirem a Lei da Selva e tudo mais...ficou bem legal. Com relação aos outros personagens, isso ficou devendo muito: A Bagheera, meu personagem preferido dos contos da Jungle, teve toda a sua bravura e imponência suprimidas para se tornar um animalzinho falante qualquer (quem quiser conhecer a verdadeira Bagheera tem que ler o conto O Avanço da Jungle [ou da selva, não me lembro], pois mostra toda a ferocidade da pantera negra). O próprio Mowgli ficou parecendo um moleque bobinho, corajoso, mas bobinho, sendo que no livro ele é um dos mais fortes seres que habitam a Jungle. E, logicamente, não podemos esquecer que no livro Mowgli atiça uma manada de búfalos para cima de Shere Khan, matando-o, ao passo que lhe tira a pele, estende sobre a Pedra do Conselho e dança sobre ela: uma versão muito mais sinistra do que a saída vergonhosa de Shere Khan com um galho em chamas amarrado em sua cauda. Sem falar das musiquinhas, que povoam intensamente os filmes da Walt Disney.
    [/align]

    [align=justify]Podes crer que pensei a mesma coisa Zzeugma, no conto A Foca Branca, ao invés da Lei da Selva existem as Regras da Praia, algo bem parecido, que regula a caça a focas e demais animais marinhos em época de gestação e nascimento de filhotes entre outras coisas. Por isso é que esse conto, ao lado do Rikki-tikki-tavi é o meu preferido, mais do que os do Mowgli mesmo XD. Fiquei pensando, se a Jungle é um universo a parte, com seus próprios habitantes e regras, o oceano tem extensão e riqueza para ser um universo tão interessante quanto a própria Jungle. Vou procurar saber mais sobre os contos dele e ver se ele escreveu mais sobre o mar e os seres que o habitam. Tomara que haja mais histórias.[/align]
     

Compartilhar