• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

O Condado, a Terra-Média e o Mar ? A nostalgia de Tolkien.

Administração Valinor

Administrador
Colaborador
<p align="justify">Diego Klautau, Mestre em Ci&ecirc;ncias da Religi&atilde;o - PUC/SP, trata neste artigo a presen&ccedil;a de uma cr&iacute;tica &agrave; modernidade em <i>O Senhor dos</i> <i>An&eacute;is</i>. A partir das id&eacute;ias de Agostinho, Tolkien cria um mundo que &eacute; percebido tanto em sua ordem de desenvolvimento natural quanto na regula&ccedil;&atilde;o de virtudes nas rela&ccedil;&otilde;es entre o seres racionais como um mundo criado por Deus, e com valores claros transmitidos por gera&ccedil;&otilde;es, revelados atrav&eacute;s da tradi&ccedil;&atilde;o por esse mesmo Deus. Esse conjunto de virtudes, concep&ccedil;&atilde;o do homem, e seres racionais, da natureza e das esferas pol&iacute;ticas e institucionais &eacute; baseado na filosofia de Agostinho. Por&eacute;m, ao escrever <i>O Senhor dos An&eacute;is </i>em um contexto de s&eacute;culo XX, entre as duas grandes guerras e todo desenvolvimento hist&oacute;rico que percebia, devidamente inserido em seu tempo, Tolkien formula uma cr&iacute;tica a esse momento hist&oacute;rico. </p></ br> Leia Mais...
 

Valinor 2020

Total arrecadado
R$1.495,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo