1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

O Caçador de Pipas - Khaled Hosseini

Tópico em 'Literatura Estrangeira' iniciado por Aline Guiotti., 24 Mai 2010.

  1. Aline Guiotti.

    Aline Guiotti. Usuário

    Então, eu não estava acreditando que não tinha um tópico pra esse livro, aí me lembrei do apagão, mas ainda assim, se tiver outro, por favor deletem esse aqui!

    Eu acabei de ler esse livro e fiquei chocada, primeiro porque não esperava gostar tanto do livro que tem realmente várias passagens e histórias tristes. Outra coisa que me chamou atenção foi a história do Afeganistão, a qual eu tinha uma noção errada. A perspectiva torna-se diferente com a visão de um afegão, vendo o seu país sendo destruído. Os afegãos são possuídos por um espírito patriota tão elouquente que eu me assustei. Tal patriotismo só não é maior que o instinto de sobrevivência, que os faz tentar sair do país, mas isso com o coração nas mãos.

    Recomendo totalmente o livro. ;D
     
  2. Lucas_Deschain

    Lucas_Deschain Biblionauta

    [align=justify]O livro tem passagens bem interessantes e mostra um ponto de vista um tanto diferente do que estamos mais acostumados a ver, contudo, em minha opinião, considerei o livro não tão bom quanto anunciavam. O background dele é mais atrativo que a história em si. OK, esse é um daqueles casos em que o hype tem uma influência forte no que você lê, pois quando li esse livro estava no top das listas de mais vendidos, logo, tinha uma noticiação massiva sobre ele.
    Tem o filme também, que até que é bem interessante.[/align]
     
  3. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

  4. kirah

    kirah Usuário

    Até hoje eu não sei dizer se gostei ou não do livro, a estória é forte e ao mesmo tempo melodramática demais, há momentos singelos, momentos duros, tudo isso com um pano de fundo turbulento...
    O que sei é que talvez um dia eu releia a fim de chegar a alguma conclusão a respeito...
     
  5. Lucas_Deschain

    Lucas_Deschain Biblionauta

    O pano de fundo é a melhor parte do livro na minha opinião.
     
  6. Petra

    Petra Usuário

    Eu gostei do livro. Só não gostei do final, achei que depois de toda aquela história merecia um final melhor. Mais explicado, ou quem sabe com um epílogo melhor, não sei... só não gostei do final.
    Eu gosto dos personagens e de onde se passa a história. E uma das melhores partes do livro é quando ele comenta a cultura, os hábitos, detalhes de uma vida que totalmente diferente da nossa.

    A cidade do Sol, que é do mesmo autor na minha opinião é muito melhor.
     
  7. Lucas_Deschain

    Lucas_Deschain Biblionauta

    [align=justify]
    Bom você ter comentado isso. Cheguei até a emprestá-lo na biblioteca municipal aqui, mas nem comecei a ler...agora fico um pouco mais animado.[/align]
     
  8. Aline Guiotti.

    Aline Guiotti. Usuário

    Bom ter alguma opinião sobre A Cidade do Sol pelo fato dele, apesar de super famoso, não ter a mesma fama do Caçador de Pipas. Então, eu fiquei pensando que talvez este fosse melhor que o outro. Mas achei ele tão triste.

    E como disse a Petra, o final não foi o esperado.
     
  9. *Artanis*

    *Artanis* Siga as borboletas!

    Eu gostei demais desse livro também. Eu acho que é um daqueles casos que mostram que tem best sellers que são sim muito bons. A história mexeu muito comigo porque foi para um rumo que eu não esperava. Trata de arrependimento e culpa, uma história triste e com passagens cruéis, mas infelizmente, não longe da realidade. E mostra um pouco do Afeganistão pra nós, que o conhecemos tão pouco. Eu adorei.

    Foi um choque quando vi que o Hassan tinha morrido. Ficava esperando a hora do reencontro dos dois e o pedido de perdão do Amir ao Hassan, que tinha sido tão leal a ele, porém não aconteceu porque ele tinha sido morto brutalmente.


    Quanto ao Cidade do Sol, eu adorei também, mas não decedi qual dos dois foi o mais tocante.
     
  10. Aline Guiotti.

    Aline Guiotti. Usuário

    É realmente um livro sobre o qual não se pode esperar que a história siga o rumo comum. É com certeza um dos livros que mais me surpreendeu porque NADA que eu imaginava acontecia! Foi uma leitura realmente surpreendente. Nunca tinha lido nada assim, tão desapontador, mas ao mesmo tempo, tão inovador (a meu ver).
     
  11. Breno C.

    Breno C. Usuário

    Engraçado que eu detestei esse livro. Primeiro, porque fui obrigado a ler. Segundo, porque a história vendida pelo livro é tão "densa" que te envolve e fiquei muito puto no final de saber que era ficção. Sim, pode parecer bobeira, mas fiquei puto de saber que toda aquela história, que a principio era realista e sólida de mais, foi tirada da cabeça de alguém.
     
  12. *Artanis*

    *Artanis* Siga as borboletas!

    Como assim Breno? Pela sua descrição o fato da história ser tão densa e envolvente a ponto de te fazer acreditar que era real não te faria gostar mais ainda do livro? Bom, eu vejo isso como um ponto positivo a ser creditado ao autor.
     
  13. Aline Guiotti.

    Aline Guiotti. Usuário

    Também penso assim Claudinha! :sim:
     

Compartilhar