1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Notícias Futebolísticas

Tópico em 'Esportes' iniciado por Finrod, 4 Set 2003.

Situação do Tópico:
Fechado para novas mensagens.
  1. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Flu acerta com Ricardo Gomes
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Clube desiste de Vanderlei Luxemburgo e define o novo treinador da equipe para a seqüência do Carioca.

    Do Pelé.Net

    RIO DE JANEIRO - A diretoria do Fluminense anunciou nesta sexta-feira pela manhã que Ricardo Gomes é o novo técnico da equipe tricolor. O clube desistiu oficialmente de contratar Wanderley Luxemburgo, que viajou para a Espanha e que ainda não conseguiu resolver sua situação com o Cruzeiro. Luxemburgo ainda discute a multa rescisória com o clube mineiro e o caso promete se arrastar na justiça por um bom tempo.

    Ricardo Gomes era a segunda opção da diretoria tricolor. Na quinta-feira, o ex-técnico da Seleção Sub-23, havia deixado claro que estava esperando apenas um contato da diretoria tricolor para aceitar o comando técnico do Fluminense.

    "Acho normal que o Fluminense estivesse tentando contratar o Luxemburgo, afinal ele teve conquistas maravilhosas no ano passado e é natural que qualquer clube brasileiro tentasse sua contratação", explicou Ricardo Gomes.

    Ele também lembrou que ele já havia sido sondado pelo Fluminense em 97, quando ele ainda trabalhava na França. "O Fluminense fez a primeira tentativa de me contratar quando eu ainda estava à frente do PSG. Tentei me desligar do clube francês, mas não deu. Depois disto, houve vários contatos e desta vez aconteceu. Sempre soube que seria técnico do Fluminense", afirmou Gomes.

    Ricardo acabou de comandar a Seleção Brasileira que não conseguiu vaga para as Olimpíadas de Atenas. Em 2002, Ricardo brilhou no comando da equipe do Juventude, que chegou à fase semifinal do Campeonato Brasileiro, ficando com a sétima colocação. Ele também foi campeão francês no comando da equipe do PSG.
     
  2. Heceldamar

    Heceldamar Usuário

    Ricardo Gomes disse que agora no Flu não vai haver mais privilégios. Tá, contra outra. O tipico discurso clichê.

    Quero ver ele tirar o Romário do time. Ou será que este é um caso especial? Quem manda no Flu é a Unimed, Ricardo. E é bom você não dar uma de radical, porque logo logo vira mais um desempregado.

    É, o clássico de Domingo será bom... Unimed x Eurico Miranda, qual dos interresses será o vencedor? :roll:
     
  3. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    RG já jogou com o Romário (na verdade, o Ricardo era o capitão daquele time de 94, só q se machucou na última hora e o Dunga virou capitão...) e pode muito bem tirar o Romário do time se achar q o baixinho ainda não está 100%.

    ps. Romario respeita o Ricardo Gomes... :wink:

    ps2. Flu ganha do Vasco com dificuldades...
     
  4. Paraíba Hi-Tech

    Paraíba Hi-Tech Cabra Arretado

    O Flu tá me lembrando o Guarani do Beto Zini...
    Entra e sai técnico e o comando do time continua nas mãos de quem não manja nada de bola!
     
  5. Heceldamar

    Heceldamar Usuário

    Essa eu quero ver. Romário é garoto propaganda da Unimed. Só ela tira ele de lá.

    Disso não duvido. Mas será que a Unimed respeita o Ricardo?

    A não ganha não. O time Flu é o horroso. Bem, o Vasco também, mas eu ainda acho melhor. Não é por ser vascaíno, é por encarar a realidade. Me diz um jogo em que o Flu jogou bem, além do primeiro Fla x Flu?!

    Mas, como o futebol é muito imprevisivel, não vou chutar resultados. Mas se o Flu ganhar, foi na raça, ou o time do Vasco jogou muito mal. Aquele time de velhacos do Flu só deve ser melhor que o Botafogo... :roll:
     
  6. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    ei o verdão vai contratar alguem ou vai assim pro brasileiro????
     
  7. Odo

    Odo Usuário

    Não poderia deixar de citar que no dia do aniversário de 95 anos do glorioso Internacional, a torcida ganhou um belo presente do time, uma consistente vitória sobre o arqui-rival "Gaymio", onde o colorado conquistou o título do Grupo 1 do Campeonato Gaúcho.

    Dá-lhe Glória do desporto Nacional, oh Internacional, que eu vivo a exaltar... :D
     

  8. Sou Flamenguista e admiro outros times e se eles não estiverem jogando com Flamengo eu torço por eles são: Gremio, Internacional e Ceará, entendo a rivalidade mas não fale do Gremio assim, coitadinho.
    Brincadeira! Gosto do Gremio mas só não quero que fale do Fla!
     
  9. desnecessário

    desnecessário Usuário

    o verdão jah contratou o Jardel e por enquanto eh isso.
    o santos fechou com o Deivid e agora tah em cima do Ricardinho, porem vai perder o Alex (fechou com o PSV) e concerteza vai perder o Robinho, q jah tah praticamente acertado com o Barcelona.
    jah o TIMÃO, bom, soh resta chorar por enquanto.... :disgusti:
     
  10. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Hmmm mudanças.

    Tópico fixo, pra diminuir notícias copy paste do Mesa Redonda. Vamos ver se vai dar certo.



    Inaugurando essa nova fase.



    Flu vence Brasiliense e é líder do Brasileiro

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Gabriel é um dos destaques em mais uma vitória do Fluminense

    O Fluminense sofreu para vencer o Brasiliense por 3 a 0 em jogo disputado na Boca do Jacaré, em Taguatinga, válido pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. O goleiro Kleber, do Fluminense, foi o grande destaque da partida, com defesas decisivas.

    A equipe do técnico Abel Braga chega aos 12 pontos, e divide com o Botafogo a liderança da competição, sendo melhor nos gols pró.

    Lino, aos 11min do primeiro tempo, numa falha do goleiro de Brasília, abriu o placar para o Fluminense. Quando o Brasiliense era melhor, Tuta marcou aos 37min do segundo tempo. Tiuí, aos 44min, fechou o placar e decretou a liderança do time carioca.

    O Fluminense, agora, tentará manter os 100% de aproveitamento contra o Coritiba, em Volta Redonda, no próximo sábado.
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Antes, o clube carioca tentará a classificação para as semifinais da Copa do Brasil, na quarta-feira, contra o Treze-PB, em Mossoró. Já o Brasiliense enfrenta o Fortaleza, na casa do adversário.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    O jogo

    O jogo mal se iniciou e o Brasiliense começou assustando. Na saída de bola, Iranildo lançou para Giovani. O atacante entrou sozinho na área, mas na hora de concluir, acertou o travessão.

    O Brasiliense, com isso, se animou e foi para cima. Aos 6min, Antônio Carlos e Kléber se desentenderam e a bola sobrou para Oséas. O jogador tentou encobrir o goleiro, mas a bola foi para fora.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    No entanto, quem marcou primeiro foi o Fluminense. Aos 11min, Lino cobrou uma falta buscando a cabeçada de seus companheiros. O goleiro Donizete tentou cortar o cruzamento, mas falhou feio e a bola entrou.

    Desta vez, o Fluminense que passou a tomar conta. Aos 14min, Gabriel dominou na intermediária e arriscou um chute de longe. A bola assustou o goleiro Donizete.

    Sem alternativas, o Brasiliense avançou e começou a atacar mais. Com isso, o jogo ficou bastante aberto, mas as duas equipes erravam muitos passes e cruzamentos e nenhuma jogada de perigo era criada.

    O time de Taquaritinga acertou seu pé apenas aos 28min, com um remate de longe de Oséas, mas Kléber conseguiu desviar para escanteio. Dois minutos depois, o Fluminense respondeu, com Tuta. O atacante concluiu cruzamento de Lino para as redes, mas, corretamente, o árbitro anulou o gol, marcando impedimento.

    O Brasiliense corria atrás do empate e os chutes de fora da área pareciam ser a solução. Aos 38min, Alex Oliveira arriscou, mas a bola passou por cima da meta.

    O Brasiliense pressionava e, aos 48min, após cortar um cruzamento, o goleiro Kléber quase foi surpreendido com um lance genial de Vampeta. O meia, de primeira, tentou de cobertura, mas Kléber se recuperou e desviou para fora.

    No segundo tempo, o treinador Valdyr Espinosa colocou Tiano no lugar de Giovani e esta substituição deu certo. O atacante participou de três primeiras jogadas de perigo, logo nos cinco primeiros minutos da etapa.

    Com 1min, o meia lançou Alex Oliveira na área, que chutou. Kléber colocou para escanteio. Na cobrança, Tiano tentou surpreender o goleiro e fazer gol olímpico, mas o Kléber conseguiu desviar mais uma bola. Dois minutos depois, o meia cobrou falta com efeito e obrigou o goleiro a fazer mais uma defesa difícil.

    Aos 14min, o Fluminense conseguiu respirar um pouco. Gabriel tocou para Leandro no meio e o atacante tentou colocar a bola no ângulo, acertando o travessão.

    No entanto, a pressão do Brasiliense não acabava. Aos 25min, Tiano tentou mais uma vez bater Kléber. O meia chutou da entrada da área e o goleiro rebateu. Igor pegou a sobra e Kléber, o melhor em campo, desviou mais uma.

    O Brasiliense começou a se desesperar em campo e, por não conseguir o empate, começou a arriscar de todas as formas para o gol. As chances criadas ou iam para fora ou chegavam nas mãos do goleiro tricolor, sempre seguro.

    Com isso, o Fluminense tentava encaixar os contra-ataques. Aos 37min, o Fluminense ampliou com Tuta, que recebeu na frente, driblou um zagueiro e chutou no canto de Donizete.

    O Brasiliense, com isso, desanimou. Os jogadores ainda buscavam o ataque, mas sem muita vontade. Aos 44min, o Fluminense deu números finais à partida, com Rodrigo Tiuí. Após limpar dois zagueiros, Tuta rolou para o atacante que, sozinho, apenas empurrou para as redes.


    Ficha Técnica
    Brasiliense 0 x 3 Fluminense

    Equipes

    Donizeti
    Dida
    Renato
    Jairo
    Rochinha
    Deda
    Vampeta
    Alex Oliveira
    (Igor)
    Iranildo
    Giovane
    (Tiano)
    Oséas

    Técnico:
    Valdyr Espinosa


    Kléber
    Gabriel
    Antônio Carlos
    Fabiano Eller
    Lino
    Marcão
    Maicon
    Diego
    (Schneider)
    Juninho
    (Radamés)
    Leandro
    (Rodrigo Tiuí)
    Tuta

    Técnico:
    Abel Braga


    Gols


    11min - 1º tempo
    Lino
    37min - 2º tempo
    Tuta
    44min - 2º tempo
    Rodrigo Tiuí
    Cartões Amarelos
    Dida
    Alex Oliveira Antonio Carlos
    Diego
    Juninho
    Local: Estádio Boca do Jacaré, em Taguatinga (DF)

    Árbitro: Anselmo da Costa (SP)
    Público e renda: não divulgado

    .......................................................................................................
    Vitória de 3x0 e liderança do campeonato. :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen:
     
  11. Finrod

    Finrod Visitante

    Fonte:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    e
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Fla: Júnior Baiano pode voltar contra o São Caetano

    O zagueiro Júnior Baiano, do Flamengo, deve ser titular novamente contra o São Caetano, no próximo domingo, em São Caetano do Sul, pelo Campeonato Brasileiro. O zagueiro treinou na segunda-feira à tarde na Gávea e está à disposição do técnico Celso Roth.

    Vasco: Dário mexe novamente na equipe

    O técnico Dário Lourenço vai mexer na equipe do Vasco mais uma vez. E mais de meio time será renovado para a partida do próximo domingo contra o São Paulo, em São Januário, pelo Campeonato Brasileiro.

    Alemão tem sua volta assegurada na zaga. O técnico deve dar outra chance para o lateral- direito Thiago Maciel, que entra na vaga de Claudemir. Na lateral esquerda, Maciel, recentemente contratado ao CRB, briga por vaga com Jorginho Paulista. Diego está fora.

    No meio-campo, Coutinho retorna. Têti e Morais, que foram contratados juntamente com Maciel, podem estrear. No ataque, o Baixinho Romário está confirmado fazendo dupla com Alex Dias.

    Botafogo: Bebeto desmente parceria com Juventus

    O presidente Bebeto de Freitas desmentiu a notícia que dava conta que o Botafogo estava firmando uma parceria com a Juventus, da Itália.

    Através do site oficial do clube, Bebeto explicou que vai à Itália por uma questão pessoal e garantiu que nunca esteve nada firmado entre os dois clubes.

    O presidente alvinegro aproveitou para esclarecer também que o grande jogador prometido não é o atacante Nilmar, Ex- Internacional, atualmente no Lyon da França.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Médico do Flu diz que Leandro está bem

    Depois da suada vitória do Fluminense sobre o Treze-PB, na última quinta-feira, em partida válida pelas quartas-de-final da Copa do Brasil, o atacante Leandro deu uma declaração que deixou surpresa a torcida tricolor. O autor do único gol do jogo havia dito que vinha jogando as últimas partidas no sacrifício, com dores musculares.

    Nesta segunda-feira, o médico do clube, Victor Favilla, esclareceu a questão e garantiu que o atacante tricolor, que na semifinal do segundo turno do estadual, contra o Vasco, sofreu uma luxação no ombro, não apresenta mais nenhum problema clínico. Favilla interpretou as declarações de Leandro e disse que acha que o jogador não soube se expressar após a desgastante partida.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Santos faz uma nova proposta por Deivid
    Clube oferece 3 milhões de euros para ficar com 50% do atacante. Peixe e Bordeaux se encontram no Rio de Janeiro

    O impasse em relação ao futuro do atacante Deivid no Santos, cujo contrato se encerra em 30 de junho, pode estar chegando ao fim. Sem condições de arcar com o seis milhões de euros solicitados pelo Bordeaux, agremiação francesa detentora dos direitos federativos do atleta, a diretoria alvinegra encontrou uma nova saída para tentar a prorrogação do vinculo do atacante.

    Após ter ouvido um "não" do clube francês sobre a proposta de US$ 1 milhão para um novo empréstimo de Deivid até junho de 2006, o Peixe lançou sua segunda contraproposta: 3 milhões de euros pela aquisição de 50% do passe do jogador. O restante dos direitos federativos continuaria sob o poder do clube francês. Em uma eventual venda futura, Santos e Bordeaux ainda lucrariam com a negociação do passe.

    Para tentar viabilizar a permanência de Deivid no Peixe, o presidente do clube Marcelo Teixeira segue ao Rio de Janeiro, nesta terça-feira, onde se reunirá com Charles Camporro, dirigente do Bordeaux.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  12. Beriadar

    Beriadar And I will see it all before

    Putz, que bosta!!
    O Nilmar ia cair como uma luva no Fogão ao lado do Alex Alves. Com essa dupla lá na frente em boa fase daria até pra pensar no título.
     
  13. Olifante

    Olifante O Rei dos Bretões

    São Paulo tem 4 convocados para o Mundial Sub-20
    (Lance.net)
    Goleiro, zagueiro, lateral e atacante foram convocados


    O técnico da Seleção Brasileira Sub-20, Rene Weber, divulgou nesta segunda-feira a relação dos 21 jogadores convocados para a disputa do Mundial da categoria, de 10 de junho a 2 de julho, na Holanda. Os atletas se apresentam no próximo dia 23, às 10h, no Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro.

    O Brasil está no Grupo F junto com Nigéria, Suíça e Coréia do Sul. A estréia da Seleção Brasileira será no dia 12 de junho contra os nigerianos.

    Confira a relação dos convocados:

    Goleiros:
    Renan (Internacional)
    Bruno (São Paulo)
    Diego (Atlético-MG)

    Zagueiros:
    Leonardo (Santos)
    Edcarlos (São Paulo)
    João Leonardo (Guarani)
    Gladstone (Cruzeiro)

    Laterais:
    Rafinha (Coritiba)
    Fábio Santos (São Paulo)
    Filipe (Ajax/HOL)

    Meias:
    Roberto (Guarani)
    Diego (Fluminense)
    Arouca (Fluminense)
    Fernandinho (Atlético-PR)
    Renato (Atlético-MG)
    Evandro (Atlético-PR)
    Ernane (Bahia)

    Atacantes:
    Rafael Sóbis (Internacional)
    Quirino (Atlético-MG)
    Bobô (Corinthians)
    Diego Tardelli (São Paulo)

    ___________

    São Paulo mais uma vez mostrando força nas categorias de base.
    Depois de emplacar 3 pratas da casa na ultima seleção, já tem 4 na sub-20.
     
  14. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Diego (Fluminense)
    Arouca (Fluminense)
    Fernandinho (Atlético-PR)
    Renato (Atlético-MG)

    Praticamente certo desse ser o meio de campo titular...




    Esse Filipe é lateral esquerdo ne?
     
  15. Olifante

    Olifante O Rei dos Bretões

    O Fabio Santos ta jogando muito bem, se esse Filipe for lateral esquerdo e pegar a vaga do Fabio Santos, o cara é BÃO!
     
  16. Beriadar

    Beriadar And I will see it all before

    Meu destaque desta seleção é o Rafinha. O moleque é sagaz .... principalmente na seleção!
     
  17. Finrod

    Finrod Visitante

    Flu vence Treze nos pênaltis e vai à semifinal

    Numa partida em que aconteceu de tudo, o Fluminense se classificou para a semifinal da Copa do Brasil ao vencer o Treze (PB), nos pênaltis, por 9 a 8. O Treze venceu a partida no tempo normal por 1 a 0, com um gol de Da Silva, impedido, aos 46 minutos do segundo tempo.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Nos pênaltis, Beto e Vagner Diniz perderam para o Treze e Arouca, do Flu, desperdiçou sua cobrança. Vagner Diniz e o tricolor Gabriel tiveram que bater dois pênaltis pois todos os jogadores das duas equipes já haviam cobrado uma vez.

    O primeiro tempo foi típico de um jogo de mata-mata, em que nenhum dos times pode perder: muitas faltas e pouquíssimas chances de gols criadas. O Treze, que precisava vencer a partida para passar de fase, esperava o Flu em seu campo para contra-atacar.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    O Fluminense, a quem o empate favorecia, não se arriscava muito à frente. Desta forma, a partida ficava truncada no meio-campo, com muitas faltas e passes errados. A melhor oportunidade do time carioca aconteceu aos 11 minutos, quando Juninho foi à linha de fundo pela direita e cruzou para trás. O goleiro Érico falhou e Tuta ficou com o gol à sua frente, mas se atrapalhou na hora de concluir e foi desarmado pela zaga.

    O Treze respondeu aos 17 minutos, quando Kiko chutou por cima após tabelar com Adelino. O time paraibano jogava com muita disposição, mas tinha pouca eficiência ofensiva. O goleiro Kléber, do Flu, não fez nenhuma defesa difícil nos primeiros 45 minutos.

    Pelo lado dos tricolores, Tuta ainda perdeu outra oportunidade aos 29, quando completou nas mãos de Érico outro cruzamento de Juninho.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    O Treze voltou para o segundo tempo partindo com tudo para cima do Fluminense. Em dez minutos, já havia criado três chances claras de gol. Na melhor delas, aos 10 minutos, Alisson bateu falta com violência, Kléber deu rebote e Gaibu, que havia entrado no intervalo, chutou por cima do gol a chance de abrir o placar.

    Aos poucos, o Fluminense foi reequilibrando a partida e contendo o ímpeto do time da casa. O Tricolor, porém, continuava indo pouco ao ataque. Adotava a perigosa tática de administrar o resultado com marcação forte e tentava algumas escapadas em velocidade.

    Aos 33 minutos, o Treze perdeu uma chance de forma inacreditável. O lateral Vagner Diniz fez linde jogada driblando Diego e Antônio Carlos e chutou rasteiro na trave. A bola voltou nas costas do goleiro Kléber e ficou quicando. Da Silva entrou para completar mas a bola foi no rosto de Kléber, que estava caído.

    Daí para frente, o jogo foi eletrizante. Aos 38 minutos, Tuta foi expulso ao receber o segundo amarelo. Dois minutos depois, um gol bem anulado de Da Silva revoltou os jogadores do Treze. Aos 43, Alisson, do Treze, e Alex, do Flu, foram expulsos ao discutirem em campo.

    Aos 46 minutos, o Treze finalmente chegou ao gol. Da Silva, novamente em impedimento, recebeu lançamento. O auxiliar nada marcou e o meia bateu forte, por baixo do goleiro Kléber. Foi a vez de os jogadores do Fluminense se indignarem com o árbitro Evandro Roman, que, em seguida, apitou o fim da partida.

    Na disputa de pênaltis, Beto, do Treze, e Arouca, do Flu, perderam na primeira série. Todos os jogadores dos dois times bateram e o placar ficou em 8 a 8. Os jogadores tiveram que cobrar novamente. Na sua segunda cobrança, Vagner Diniz chutou para fora. Em seguida, Gabriel bateu seu segundo pênalti e sacramentou a vitória.

    Na semifinal, o Fluminense enfrenta o Ceará. O primeiro jogo será realizado em Fortaleza, e o segundo, no Rio.




    FICHA TÉCNICA
    TREZE 1 x 0 FLUMINENSE

    Estádio: Amigão, em Campina Grande (PB)
    Data-Hora: 18/05/2005, às 21h45m (de Brasília)
    Árbitro: Evandro Rogério Roman (PR)
    Auxiliares: Rogério Rolim (PR) e Griselildo de Souza Dantas (PR)
    Renda e Público: não divulgados.
    Cartões Amarelos: Kléber e Mica (Treze), e Diego, Antônio Carlos, Leandro e Tuta (Fluminense)
    Cartão Vermelho: Tuta (FLU), aos 38'/2ºT. Alisson (TRE) e Alex (FLU), aos 43'/2ºT.

    Gol: TREZE: Da Silva (45'/2ºT)

    TREZE: Érico; Vagner Diniz, Kléber (Alemão 30'/2ºT), Alisson e Mica (Adeíldo 27'/2ºT); Adelmo, Kiko, Pedro Neto (Gaibu, no intervalo) e Da Silva; Beto e Adelino - Técnico: Maurício Simões.

    FLUMINENSE: Kléber; Gabriel, Antônio Carlos, Fabiano Eller e Juan; Marcão, Arouca, Diego e Juninho (Schneider 28'/2ºT); Leandro (Alex 30'/2ºT) e Tuta - Técnico: Abel Braga.
     
  18. Olifante

    Olifante O Rei dos Bretões

    San Pablo es cosa seria - Diário Olé

    SAN PABLO. En la Libertadores del 74, eliminó a su clásico rival, llegó a la final y allí cayó con Independiente. La historia se repitió en el 94: el San Pablo de Telé Santana dio cuenta del Palmeiras y en la instancia decisiva cayó por penales, en el Morumbí, ante el Vélez de Carlos Bianchi. Ayer fue la tercera vez que el Verdao y el Tricolor se enfrentaban en la Copa y nuevamente el San Pablo sacó chapa de candidato: ganó de visitante, con lo que eso implica, y se afirma como candidato. Claro, los hinchas se preguntan si la tercera será la vencida.

    ¿Por qué San Pablo puede soñar? Tiene un equipo compensado, con un clásico esquema brasileño, sin misterios. Cuatro en el fondo, con laterales que terminan casi como punteros, pero que suben de a uno (Cicinho es el más peligroso y su golazo es una credencial de presentación), y dos centrales durísimos. Un mediocampo mixto: corren y meten como europeos, pero juegan como latinoamericanos. Un enganche (Danilo) que no se queda parado: un rato por la derecha y otro por la izquierda. Y arriba tiene al grandote Grafite, que juega y también obliga, y Luizao, con sus gambetas. Así, asfixió al Palmeiras en el medio, lo mató con la proyección de los marcadores de punta, mostró inteligencia en el elegante Danilo y también precisión en Cicinho (metió su tercer gol en esta Libertadores) para probar desde 30 metros y clavarla en un ángulo.

    Palmeiras fue mucho menos de lo que se esperaba. Estrenaba un trío de ataque (Juninho, Marcinho y Washington) que llegó especialmente para esta etapa de la Copa, pero no le dio resultado: el team careció de profundidad y también de astucia para saber cómo vulnerar a una defensa visitante bien parada, y a un arquero (Rogerio) que hizo todo simple.

    San Pablo es cosa seria.

    _______________________________________

    Olha esses argentinos do Olé! Em um paragrafo resumiram o esquema de jogo do São Paulo melhor que todos os jornais brasileiros.

    Esse "San Pablo es cosa seria" foi um dos melhores elogios que ja vi feito ao São Paulo nesse ano.

    A unica coisa que eles não perdem a mania de traduzir o nome do time do São Paulo. Eles não chamam o Palmeiras de Palmas, mas o São Paulo de San Pablo sim...
     
  19. Hobbit Bonzinho

    Hobbit Bonzinho Usuário

    mas na maioria das vezes o São Paulo tá jogando com três zagueiros não?
     
  20. Olifante

    Olifante O Rei dos Bretões

    Mas desde que o Autuori entrou, é um "3 zagueiros fake". Um deles não joga na area, joga grudado num jogador importante, no caso do Palmeiras foi o Renan (grudando no Marcinho), para que Mineiro e Josué possam se intercalar chegando a frente (ou ate mesmo os 2 juntos) sem comprometer o sistema defensivo.

    Alem do que, os laterais do São Paulo são muito ofensivos.
     
Situação do Tópico:
Fechado para novas mensagens.

Compartilhar