• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

[Netflix] Não Olhe para Cima (Don't Look Up, 2021)

Béla van Tesma

Vai ter elfo negro, sim.
Não Olhe para Cima é uma das principais apostas da Netflix para este final de ano mirando, principalmente, na temporada de premiações que vai começar. Com previsão de lançamento para o dia 09 de dezembro nos cinemas e no dia 24 do mesmo mês na Netflix, a nova produção traz grandes nomes no elenco, como Meryl Streep, Cate Blanchett, Timothée Chalamet, Jonah Hill e Ariana Grande, além de Jennifer Lawrence e Leonardo DiCaprio nos papéis principais. Acontece que, além de atuar, o ator também trabalhou como roteirista do longa e chegou a reescrever uma das cenas 15 vezes.

Em entrevista à Vanity Fair, o diretor Adam McKay contou que a ideia do longa surgiu em 2019, quando o diretor voou para a Irlanda, onde possui uma casa no lago, e elaborou o roteiro “de uma forma furiosa que nunca fiz antes”, diz ele. Jennifer Lawrence, que queria trabalhar com McKay, se inscreveu para interpretar a pós-graduada em astronomia Kate Dibiasky e para produzir, os lances vieram de todos os lados, como Sony, Universal e Paramount. Mas apenas a Netflix, contou McKay, concordou em dar a ele a grandiosidade que ele queria, especialmente com o polêmico final.

Ele enviou o roteiro para Leonardo DiCaprio, que sempre atuou como ativista da mudança climática e que estava procurando um filme com “conotações ambientais”. Em seu primeiro encontro na casa de McKay, DiCaprio perguntou que tipo de tom o filme teria e o diretor mencionou Rede de Intrigas de 1976. Acontece que antes do ator assinar o contrato, ele impôs que o longa tivesse uma cena com um grande discurso do seu personagem, algo parecido com a cena “Estou louco como o inferno” do longa de 76. "Eu fiquei tipo: 'Discursos são complicados, cara. Eles são como solos de bateria: foram incríveis nos anos 1970, mas...' Ele rebateu que poderíamos subverter tudo com humor, então reescrevemos tudo 15 vezes. Eu acho que foi a maior risada do filme, quando o testei em exibições", disse o cineasta.

Fonte: AdoroCinema

 

dermeister

Ent cara-de-pau
Taí ... acabei assistindo ontem e vale a pena. Bastante humor ácido com reações perante a COVID e as mudanças climáticas. Pelo trailer eu imaginava que seria puramente sobre o coronga, mas uns elementos importantes do plot deixam claro que as críticas são mais amplas que isso. Todos os personagens que vemos nas notícias estão lá, prontinhos para nos dar risadas nervosas, assim como as situações de desprezo ao método científico, de apelo à pseudociência e de substituição de cientistas qualificados por fantoches políticos. E as campanhas negacionistas governamentais para a população ignorar o perigo e seguir em frente e de apelo a patriotismo, claro. Até parece que a Netflix resolveu transmitir o Jornal Nacional.

Assistam sem medo e sabendo que ele vai dar um pouco de raiva, só não esperem nada no nível de Dr. Fantástico (até porque faz quase 60 anos e até agora nenhum filme conseguiu chegar perto dele), mas foi uma sátira divertida para uma tarde de domingo num fim de ano repleto de peste.
 

felipeocr_

Usuário
Usuário Premium
Otimo filme, assisti na sorte, e me supreendi muito.

Não sei como esse filme não foi lançado no cinema, poderia ter feito uma boa bilheteria.
 

felipeocr_

Usuário
Usuário Premium
Mas ele foi; a previsão é de que iria para o cinema dia 09/12.
Só estreou na Netflix no dia 24.

Estranho! Não ouvi falar sobre ele, até ele sair na Netflix! Na verdade, pesquisando rapidamente, não lembro de te-lo visto nos cinemas, pelo menos nos que estão mais perto de mim.
 
Última edição:

Béla van Tesma

Vai ter elfo negro, sim.
É possível. A Netflix acho que só estreou no cinema brevemente pra poder concorrer ao Oscar kk. Não deve ter feito muita questão de que fosse visto por muita gente. Aqui nem faço ideia se chegou a entrar em cartaz também (Não tenho acompanhado o cinema desde a pandemia)...
 

Finarfin

Usuário
Não consegui parar de pensar quanto foi o cachê da Jennifer Lawrence pra ela ter deixado que uma criança cortasse seu cabelo.

Sobre o filme, não gostei muito. Pra ficar ouvindo idiota falando asneira já bastam os noticiários.
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Quando se pensava que o cinema deles respeitava integralmente um acordo o qual existe reservado uma série de prefixos e DDD´s que não são usados comercialmente e que são reservados exclusivamente pro cinema, eis que a Netflix tá adorando seguir a "escola" Gabriel Pensador :lol:
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$950,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo