1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Natsu X Fuyu

Tópico em 'Clube dos Bardos' iniciado por imported_rique, 13 Fev 2011.

  1. imported_rique

    imported_rique Usuário

    [align=center] Capítulo 1: A Lenda.

    Na antiguidade ,na terra de Heiwa, uma cidade chamada Yorokobi, era governada por um rei chamado Kanjõ, este que um dia faleceu. Então, o poder do trono deveria ser passado para um dos seus filhos, que eram: Jõnetsu, O intenso, Nikushimi, O insensível, Senbõ, O invejoso e Kunõ, O angustiado.
    A batalha entre os quatro foi mortal. Até sobrarem Nikushimi e Jõnetsu. A maldade de Nikushimi era mais forte do que os três irmãos, então eles não tiveram escolha a não ser mata-lo. Mas, após a suposta "morte" de Nikushimi, o reino foi dividido em quatro partes, e todos tiveram seus próprios reinos. Até hoje a lenda segue com quatro garotos. Natsu, Haru, Aki e Fuyu.
    Para a posse dos quatro reinos, foi realizado um concurso ninja, e é agora que a aventura começa. Com mais quarenta e seis participantes, as batalhas eram até a morte, então, após muito sangue derramado e muitos cadáveres sendo enterrados, oito jovens sobraram vivos entre eles Fuyu, que com seu ódio liberou o espírito de Nikushimi. Fuyu acabou matando todos na sua frente, menos Natsu que fica a beira da morte.
    Com seu intenso poder, Fuyu, ou Nikushimi, governa todos os reinos e trona a cidade de Yorokobi em Darkobi a cidade das trevas.
    O mundo aos poucos ia sendo dominado, e só um garoto no mundo todo podia ter chance. Este garoto era Natsu.

    *** [/align]

    [align=center]Capítulo 2: A busca de ajuda.

    Com o mundo nas trevas de Fuyu, Natsu, não devia salvar a terra de Heiwa, e transformar os empregados de Darkobi, em, moradores de Yorokobi. Mas, estava muito fraco, e se lembrou que Fuyu estava possuído por Nikushimi. Precisava Natsu de ajuda, mas não havia ninguém forte o bastante. Natsu então, quase sem esperanças, lembrou de Aki e Haru. Os dois finalistas do concurso ninja eram perfeitos, mas estavam mortos, e só havia um lugar onde procurar. Kuro. O mundo dos derrotados.
    Natsu devia ir o mais rápido possível para aquele mundo. Mas como? Pensou Natsu, que como o lugar é onde os ninjas vivem após serem totalmente derrotados, deveria ser totalmente derrotado então. Mas, mesmo após achar Aki e Haru em Kuro, como eles irão voltar?
    Metade do mundo estava dominado por Fuyu, não podia Natsu então perder tempo, sacou uma faca cravou em seu peito e morreu.
    Mas acordou em outro lugar...
    Natsu estava em Kuro, e foi recebido por um homem chamado: Shiro kita. O guardião do reino nõsu. Natsu perguntou onde achar os moradores de Kuro. Shiro disse que só havia moradores no centro, e para chegar lá deveria passar por todos os reinos, inclusive, o seu. Natsu então perguntou se podia passar pelo bem de Heiwa, mas logo foi interrompido por Shiro, dizendo que é um guardião, e que Natsu só passaria pelo reino de Nõsu se ele estivesse morto.
    Natsu e Shiro, iniciaram uma batalha que durou pouco, pois o poder de Natsu, um ninja de categoria: E, e não se comparava com um guardião ninja. Natsu, caído no chão e muito ferido perguntou, se Shiro tinha pelo menos um pingo de piedade por Heiwa. Então Shiro responde que Heiwa, não é problema dele. E pisa em cima da cabeça de Natsu, que desmaia.
    Natsu se sente fraco, não tem mais forças, não pode mais salvar o mundo. Até Natsu ter um sonho...
    Natsu vê um homem, que é Jõnesu, o herói de antiguidade, e diz que é em Kuro que ele e seus irmãos viviam, mas, ambicioso como sempre, diz que seu irmão Nikushimi após ver o ódio de Fuyu passou pelos guardiões e entrou no corpo de Fuyu. Mas agora, Fuyu está iludido pelo poder. E é isso que Nikushimi quer fazer, para depois mata-lo, e governar não só Heiwa, mas sim os três mundos! Kuro, o mundo dos derrotados; Heiwa, a terra dos ninjas; e Kuria, o lugar da paz! Jônesu diz que Natsu não pode desistir ou tudo estará perdido. Jõnesu diz para Natsu levantar, pois terá a sua ajuda.
    Então Natsu desperta, pronto para vençer. De uma vez por todas.


    ***[/align]

    [align=center]Capítulo 3: O reino de Higashi.

    Natsu trava sua segunda batalha com Shiro, que novamente foi breve porque Shiro golpeou Natsu no estômago. Natsu cai, perdendo muito sangue, a beira da morte. Shiro fala para Natsu desistir, por que se for derrotado no mundo de Kuro, nunca mais terá chance de voltar para Kuro e muito menos para Heiwa. Natsu diz que talvez Shiro esteja certo, e que ele está derrotado. Shiro chega perto de Natsu, e toma um gancho que quebra seu maxilar. Natsu liberou a força de Jõnesu, que diz que shiro fala demais e luta de menos, Jõnesu, com o corpo de Natsu, pisa no rosto de shiro e o mata. O reino de Nõsu estava vazio e agora Natsu poderia ir atá o próximo reino.
    Chegando lá viu um homem. Natsu perguntou se ele era o guardião e se o deixava passar. Este homem disse que se chamava Tõbu bara, o guardião do reino de Higashi, disse também que era um guardião que não tolerava invasões e matava todos os invasores.
    Natsu diz que vai passar deste reino, e nem se sobrar apenas uma gota de sangue em seu corpo. Eles começam a batalha, entre Natsu e Tõbu, Jõnesu toma posse do corpo de Natsu, mas mesmo assim toma muitos golpes, fica muito fraco e muito constrangido, pois se estivesse com seu verdadeiro corpo poderia matar Tõbu com apenas um golpe.
    Tõbu fica fora da vista de Jõnesu. Jõnesu toma um golpe de Tõbu que o expulsa do corpo de Natsu.
    Natsu cai, e não sente mais Jõnesu em seu corpo, perde a esperança e sente suas forças indo embora de pouco em pouco. E descobre que Tõbu está fazendo isso, puxando sua energia fazendo-o sofrer até...
    ...A morte...

    ***[/align]
     
  2. imported_rique

    imported_rique Usuário

    Oi pessoal! tão gostando de Natsu X Fuyu?

    Espero que sim. Vem muitas surpesas por aí, não perca a continuação da história.
    A se quiser que a aventura mude um pouco, deixe sua opinião Ok?!


    Tchau.:tchauzim:
     
  3. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    oi rique

    só tenho a impressão que ao invés de contar a história vc está fazendo uma sinopse dela. as coisas estão indo mto depressa. por favor, tire o pé do acelerador, dê 1 tempo para o leitor digerir uma informação antes d jogar outras em cima dele.

    uma regra q eu particularmente adoto para histórias em capítulos - e q pode ou ñ servir como base pra vc - é escrever entre 1000 e 1500 palavras cada parte. sendo o texto maior, vc será obrigado a colocar outras coisas a + no meio da trama: descrições, ambientes, piadinhas, detalhes. essas coisas fazem realmente diferença e vão transformar o seu texto d miniconto para conto ou talvez até para novela ou romance.

    já vi q vc leu o meu 'príncipe maldito', q está postado aqui até a parte XI. dê uma olhada nele, como parece q ñ tenho pressa em contar as coisas, e como o final de uma parte dá o gancho para a parte seguinte. isso é uma técnica usada intencionalmente para segurar os leitores, deixar eles ansiosos por +. garanto q vai funcionar no seu texto tb. qto as cenas de lutas ou batalha, indico a leitura de tolkien, pressfield e cornwall. estes escreviam páginas e páginas narrando uma só briga, e d 1 jeito q os leitores ainda queriam +.
     

Compartilhar