1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Nasa realiza com sucesso choque entre projétil e cometa

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Nob, 4 Jul 2005.

  1. Nob

    Nob Usuário

    04/07/2005 - 08h58 Nasa realiza com sucesso choque entre projétil e cometa

    da EFE, em Washington

    O projétil da sonda Deep Impact [Impacto Profundo] se chocou nesta segunda-feira contra o cometa Tempel 1 a uma velocidade de 37 mil km por hora, informou o Laboratório de Propulsão a Jato (JPL) da Nasa.

    A colisão ocorreu às 2h53 de Brasília, como previsto, tornando-se um dos projetos de maior precisão na história espacial dos EUA, e após uma terceira manobra final de correção da trajetória.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Imagens que confirmam o sucesso da missão

    "Está confirmado. Aconteceu a colisão. As imagens são incríveis", disse um porta-voz da missão em JPL em meio a aplausos dos cientistas.

    "Acertamos exatamente no lugar em que tínhamos planejado. Isto é espetacular. Agora esperamos receber mais imagens do que ocorreu", acrescentou.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Cientistas observam colisão no Jet Propulsion Laboratory

    "Minutos antes de realizar a mudança final da trajetória do projétil, os cientistas da Nasa disseram que a margem de erro no cálculo do impacto era de menos de um quilômetro.

    O projétil continuou transmitindo fotografias do núcleo até os últimos segundos antes da colisão, apesar de começar a receber impactos de materiais na órbita do cometa.

    Esse núcleo mede apenas 6,5 quilômetros e as fotografias mostraram o que Rick Gremmier, diretor do projeto, classificou como uma estranha forma de cometa.

    Esperava-se que a colisão projétil com o núcleo do cometa causasse uma cratera do tamanho de um campo de futebol e uma nuvem de gases, pó e gelo, materiais que se formaram na criação do Sistema Solar.

    Segundo os cientistas, os cometas poderiam ser os responsáveis pela vida na Terra pois teriam eles sido que trouxeram água ao planeta.

    O projétil, uma massa de cobre de mais de 337 quilogramas, desprendeu-se nas primeiras horas deste domingo da sonda, que funciona como sua nave-mãe.

    O Deep Impact realizou a partir de então suas próprias manobras de correção de trajetória para se situar em uma posição privilegiada para presenciar a colisão e transmitir seus resultados à Terra.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Imagens:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  2. Tilion

    Tilion Administrador

    O pior é que tem uma astróloga russa que quer processar a NASA, alegando que esse impacto no cometa vai deturpar o horóscopo e o escambau. :rofl:

    :cheers: para a ilimitada ignorância humana!
     
  3. Omykron

    Omykron far above

    mas vc viu a idenização que ela está pedindo?
    US$ 300,000,000.
    assim até o meu horóscopo fica lindo.
     
  4. Tilion

    Tilion Administrador

    Como se ela tivesse a mínima chance de ganhar. :lol:
     
  5. Deriel

    Deriel Administrador

    Compreendo :think: Então agindo ativamente nos corpos celestes podemos afetar diretamente nosso futuro. Opa! Nosso futuro tá garantido! Se der caquinha, é só bombardear um asteróide ou mudar em alguns milissegundos a rotação de alguma lua de netuno :D
     
  6. Omykron

    Omykron far above

    mas isso vai afetar o ciclo reprodutivo dos alienigens que lá vivem, mas que não serão provados.
     
  7. Nob

    Nob Usuário

    Sábado, 9 de julho de 2005, 07h59
    Cometa atingido por sonda estava coberto de pó

    O cometa atingido na segunda-feira passada por um projétil disparado pela sonda Deep Impact tem sua superfície coberta por pó, o que explica a grande difusão de matéria no espaço observada após o choque, informou a Agência Espacial Americana (Nasa) nesta sexta-feira.

    "Os instrumentos da sonda Deep Impact", que observam o cometa Tempel 1, "revelaram uma imensa nuvem de pó liberada após o projétil atingir o núcleo do cometa, a 37 mil quilômetros por hora", destaca um comunicado do Jet Propulsion Laboratory (JPL) da Nasa, em Pasadena.

    "A grande surpresa foi a densidade da nuvem criada pelo projétil e o clarão que difundiu", disse o responsável científico pela missão, Mike A'Hearn, da Universidade de Maryland. "Isto significa que a superfície do cometa é extremamente fina, mais parecida com talco do que com areia".

    O choque do projétil da Deep Impact contra o Tempel 1 provocou ainda dois clarões sucessivos, o que indica a colisão com materiais distintos. A Nasa publicou duas novas seqüências de fotos do choque e uma delas mostra bem os dois clarões provocados pelo impacto do projétil.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     

Compartilhar