1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Não é literatura

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por Excluído046, 18 Fev 2013.

  1. Excluído046

    Excluído046 Banned

    Tópico inspirado no post
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    . Valeu, Pips, por ter tuitado o trequinho.

    A ideia é simples, é só vocês colocarem coisas que têm a pretensão de ser literatura mas não passam de rabugices, autopromoção, etc. Para compreenderem melhor a coisa, vejam a listinha retirada do blog "O palco e o mundo", cujo link está ali em cima:

    Para começar: dizer que Ulysses caberia em um tuíte não é literatura.
     

    Arquivos Anexados:

    • Ótimo Ótimo x 1
    • Gostei! Gostei! x 1
    • Mandar Coração Mandar Coração x 1
  2. Mavericco

    Mavericco I am fire and air. Usuário Premium

    É, o cara já falou praticamente tudo...

    Vou arriscar dois:

    Escrever literatura hermeticamente impossível e se esconder atrás de verdadeiras bibliografias não é literatura.
    Eleger o poeta nacional não é literatura.
     
  3. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    Dos dicionários fui atrás de uma definição e peguei essa:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Um dos primeiros significados que os dicionários citam é a dependência da arte para dar sentido para a palavra literatura e, portanto, é complicado retirar a liberdade que o termo carrega.

    A partir do prisma do significado existe apenas a boa e a má literatura, superficial ou profunda, algumas para ganhar dinheiro (como é o caso de quadrinhos) em outros casos para satisfazer apenas o autor, etc...

    Penso que sem a arte (que é bem subjetiva) o idioma perde vida (uma das partes fundamentais dele). Prefiro não ter essa pretensão. Sei que existe a técnica e algumas pessoas conhecem a técnica mas nem todos a dominam. Sei que existem os fundamentos da técnica e que eles aparecem de forma heterogênea na população sob a forma de talento e sei que existe a transcendência da técnica (que é diferente da transgressão da técnica). Se cada pessoa possui um conceito de impacto positivo, mesmo que duas situações sejam iguais, se as pessoas envolvidas forem diferentes então o resultado poderá vir a ser diferente do esperado. Ou seja avaliar talento e técnica numa premiação é um trabalho que demanda equilíbrio.
     
    Última edição: 18 Fev 2013
  4. Pips

    Pips Old School.

    Usar palavras pouco usadas em redação não é hermetismo ou grande literatura. Também não é literatura menor aquela que usa palavrões e referências pop.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
    • Ótimo Ótimo x 1
  5. Bruce Torres

    Bruce Torres Let's be alone together.

    Há hermetismos e hermetismos. Tem autores que dá pra sacar na hora que apenas querem parecer inteligentes através de sua verborragia erudita, achando-se parnasianos contemporâneos, mas também há casos em que o uso de um léxico "incomum" é justificado.

    Só um pouco a ver com o tópico: algo que não dá pra comprar é a escolha lexical da Saga (sic) Crepúsculo. A garota usa mais advérbios que James Joyce! :blah:
     
    Última edição: 18 Fev 2013
  6. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    lol, vi nesse texto uma boa parte do que é postado aqui na área de literatura da valinor ou publicado em blogs "literários" por aí :rofl:
     
  7. Kainof

    Kainof Sr. Raposo

    grifo nosso.

    Alguém tinha que falar isso.
     

Compartilhar