1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

musicas e tom bombadil

Tópico em 'J.R.R. Tolkien e suas Obras (Diga Amigo e Entre!)' iniciado por Archbalt, 24 Ago 2006.

  1. Archbalt

    Archbalt Saruman

    Tom bombadil cantava músicas para lutar, assim salvou frodo de uma arvore.
    Mas qualquer um pode fazer isso, bastando cantar a mesma música?
    Seria útil contra orcs, trolls, etc?
     
  2. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Ele não LUTA com suas músicas, ele derrota a vontade do espírito ou entidade que enfrenta, assim como Frodo derrotou a sentinela em cirith Ungol, não seria a mesma coisa com uma criatura primal e burra como um orc ou troll.
    O salgueiro-homem era um espírito dentro de uma árvore, um ser antigo que conhece o poder de Tom, assim como as criaturas tumulares, que podem não conhecer esse poder, mas o temem e se dobram à sua soberania estando eles dentro do domínio do ser(nem comecem a falar sobre a raça dele de novo!).
     
  3. Erulasto

    Erulasto Equipe Valinor

    Concordo que seja uma forma de vencer a vontade do oponente. Não podemos esquecer que a música tem um papel importante no legendarium. Desde o Ainulindalë ela exerce um papel interessante como forma de exteriorizar a subcriação. Além de Tom Bombadil, o Silmarillion relata a disputa entre Felagund e Sauron com canções de poder.
     
  4. Rufgand

    Rufgand Venus, Vina, Musica

    E o poder da música de Lúthien sobre Morgoth!!
     
  5. Menegroth

    Menegroth Bocó-de-Mola

    Caramba... parabéns a vocês: Calimbadil, Erulasto e Rufgand... Falaram tudo...:clap:

    Só devagando um pouco...

    Como sabemos (pelo menos quem leu o Silma sabe), a música na obra de Tolkien é fundamental. Foi assim que a Arda foi criada e tudo que tem dentro dela. Imagino que "cantar" (como no catolicismo) seja um ato que faz ser se aproximar de Eru (penso isso porque foi dele a idéia de que por uma música tudo fosse criado, então imagino que ele gostasse de muito de música).
    Erulasto definiu extamente isso quando disse:
    E eu completo que muitas vezes a música se remetia como um apelo ao criador.
     
  6. Tilion

    Tilion Administrador

    Na verdade, esse aspecto das "canções de poder", como por exemplo no duelo Finrod x Sauron, é reminiscente do Kalevala, onde um dos três personagens principais, Väinämöinen, é um bardo/feiticeiro/xamã que canta para criar coisas e duela com outros dessa maneira. Pode-se dizer que o Tom Bombadil é uma das melhores representações disso nas obras.

    E como o Kalevala foi uma das inspirações de Tolkien, e não só para a história de Túrin, nada mais plausível.
     
  7. Menegroth

    Menegroth Bocó-de-Mola

    É por isso que eu gosto desse menino...:lol:

    Gabriel existe esse Kalevala em português para ler?
     
  8. Tilion

    Tilion Administrador

    Não.
     
  9. Asca

    Asca Usuário

    Além do mais, creio eu, que a música alegrava e dava forças a quem lutava/duelava lutava com ela.

    Tolkien também deve ter utilizado da questão de: Uma boa música serve para tudo. É muito comum ver fatos do dia-a-dia nas obras.
     
  10. Menegroth

    Menegroth Bocó-de-Mola

    Chato! :lol:

    Agora só por curiosidade...
    Existe alguma música que tenha como tema Eru (iluvatar) ou algo que remete a ele no SdA ou no silma... Honestamente eu não me lembro e não estou com eles aqui para consultar..
     
  11. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Ninguém vai traduzir o maldito kalevala pro povo ler?
    Que bruta sacanagem, além de consistir uma boa história suas rimas no original do finlandês são ditas excelentes.
     
  12. Chuck Norris

    Chuck Norris Usuário

    Hey, mas Tom Bombadil lutava através das músicas ou as músicas serviam para chamá-lo? E quanto a uma batalha corpo a corpo; ele não era forte? Não poderia ganhar dessas criaturas sem a musica?
     
  13. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Ele não precisava de batalha corpo-a-corpo, provavelmente nem tinha uma grande força física, seu poder estava na vontade e se você fosse atacá-lo provavelmente seria imobilizado como aconteceu com Aragorn, Gimli e Legolas ao encontrarem Gandalf em Fangorn.
     
  14. Tilion

    Tilion Administrador

    Esse é basicamente um dos principais problemas para a tradução do livro. O fato do original ser em verso aliterativo já cria uma dificuldade extra para a tradução: só porque a coisa funciona em finlandês não quer dizer que vai funcionar em português, e talvez só funcione realmente ao se tomar liberdades poéticas em demasia, o que destruiria a parte do significado do texto. E ainda há o agravante de não serem línguas da mesma família: pior, o finlandês sequer é uma língua indo-européia, e não possui praticamente nada remotamente similar com o português, seja em gramática, seja em léxico.

    Fora isso, quantos tradutores de finlandês tu acha que existe no Brasil? E quantos deles são tradutores literários? E quantos destes ainda têm conhecimento de finlandês do século XIX?

    Pois é, acho que deu pra sentir o drama, não? :)
     
    Última edição: 25 Ago 2006
  15. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Sim mas poderiam fazer uma tradução em prosa o que preservaria a estória e deixaria de lado as rimas que provavelmente não se encaixariam nas duas línguas, e ao lado o original em finlandês só pelo prazer de ler as rimas.
     
  16. Tilion

    Tilion Administrador

    Acho que tu não está entendendo o problema. Não há ninguém no Brasil para traduzir o Kalevala direto do finlandês, seja em prosa ou verso. Não fizeram isso em 160 anos, desde que o livro foi publicado, e duvido que resolvam (ou possam) fazê-lo. E traduzir a partir de outra tradução é dar um tiro no pé - o resultado final sempre fica pra lá de fraco. E se for para fazer uma tradução da tradução, que se leia em outra língua na qual a tradução seja feita direto do finlandês, como as que existem em inglês (fora aquela que está no Sacred Texts, que foi feita a partir de uma tradução alemã).

    De qualquer forma, versões em prosa de texto que no original são em verso nunca prestam. Praticamente perdem a razão de ser. Resumo por resumo, há um na própria Valinor sobre cada um dos cantos do poema.
     
    Última edição: 25 Ago 2006
  17. Archbalt

    Archbalt Saruman

    Então ele enfrentaria a vontade do espírito ou entidade de legolas ou aragorn caso algum deles o atacassem?
     
  18. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Vou aprender finlandês só pra traduzir esse maldito poema!:disgusti:
     
  19. <_Witch King_>

    <_Witch King_> O Maior dos Nove

    De um jeito ou de outro, eu acho as canções dele muito comédias!
     
  20. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Eu era bem novo quando li o Sda 1, você precisava ver eu surtando de dar risada tentando imaginar a figuraça que era o Tom bombadil, hoje consigo associar ele com aquela velha do "Tapa na pantera".:mrgreen: :mrgreen: :mrgreen:
     

Compartilhar