1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Milosevic é encontrado morto na prisão em Haia

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Ecthelion, 11 Mar 2006.

  1. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    11/03/2006 - 11h50

    Milosevic é encontrado morto na prisão em Haia

    Da Redação

    Com agências internacionais O ex-presidente da antiga Iugoslávia, Slobodan Milosevic, 64, foi encontrado morto em sua cela neste sábado, no Tribunal Penal Internacional (TPI), em Haia, na Holanda.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    O ex-presidente Milosevic em Belgrado em foto de fevereiro de 2000

    Milosevic era julgado, desde fevereiro de 2002, por genocídio e outros crimes de guerra por seu papel nas guerras da Croácia e Bósnia (1991-1995) e em Kosovo (1998-1999), bem como pelo massacre de 8 mil muçulmanos em Srebrenica no ano de 1995.

    A causa oficial da morte ainda é desconhecida, mas o ministro de Assuntos Exteriores da Holanda, Bernard Bot afirma que foi "natural".

    "É uma questão das Nações Unidas, mas entendi que Milosevic morreu de morte natural", disse Bot em breves declarações à imprensa depois de falar com Haia de Salzburgo, onde participa de uma reunião ministerial da União Européia. E acrescentou: "É uma pena que isto tenha ocorrido, sobretudo para as vítimas de Milosevic, já que teria sido melhor, do ponto de vista histórico, se a justiça tivesse podido seguir seu curso".

    Segundo a Rádio-Televisão da Sérvia, Milosevic morreu devido a uma piora súbita de seu estado de saúde. Milosevic sofria de hipertensão e problemas cardiovasculares. O processo foi interrompido cerca de 20 vezes nos últimos quatro anos por causa dos problemas de saúde do ex-presidente.

    O tribunal para a antiga Iugoslávia negou no fim de fevereiro um pedido de liberdade provisória apresentado pelos advogados de Milosevic, que desejavam cuidar de sua saúde na Rússia.

    Por isso, o irmão mais velho de Milosevic, Borislav Milosevic, ex-embaixador iugoslavo na Rússia, tachou de "desumana" a proibição do tribunal e acusou os juízes de violar os direitos do ex-presidente e as garantias oferecidas a ele por Moscou.

    Borislav afirmou em Moscou que o Tribunal Penal Internacional é "totalmente responsável" pela morte do ex-presidente iugoslavo, segundo a agência de notícias Interfax.

    A mulher e o filho do ex-presidente, que estão foragidos devido aos processos movidos pela Justiça sérvia, e a filha que vive em Montenegro - já receberam a notícia, segundo o tribunal.

    O tribunal disse que a polícia holandesa e um médico legista holandês foram chamados e iniciaram um inquérito. Uma autópsia completa e um exame toxicológico foram determinados.

    A morte do ex-líder sérvio acontece cinco dias após o suicídio do ex-líder dos sérvios da Croácia, Milan Babic, em sua cela no centro de detenção do TPII, onde cumpria uma pena de 13 anos por crimes cometidos contra civis não sérvios na rebelde República Sérvia de Krajina, no leste da Croácia.

    Vácuo político

    Ex-funcionário comunista e dirigente da companhia estatal de gás, Milosevic abriu seu caminho para o topo do poder da política iugoslava no vácuo político deixado pela morte do líder iugoslavo Josip Tito, herói da libertação contra os nazistas na Segunda Guerra (1939-45), que governou o país de 1945 a 1980.

    Milosevic nasceu em Pozarevac (sul), em 1941, filho de um professor de teologia. Tanto o pai quanto a mãe cometeram suicídio. Entrou para o Partido Comunista da Iugoslávia aos 18 anos e formou-se em direito na Universidade de Belgrado em 1964.

    Começou a dedicar-se exclusivamente à política em 1984, como herdeiro de Ivan Stambolic, chefe do Partido Comunista da Sérvia. Introduziu uma nova política populista na Sérvia com o que chamou "revolução antiburocrática", que ele usou para conseguir a liderança do Partido Comunista da Sérvia, em 1987, e tornar-se o homem forte da Sérvia.

    Em 1989, a Assembléia da Sérvia retirou Stambolic da Presidência e a entregou a Milosevic. O Parlamento iugoslavo o nomeou presidente da República Federativa da Iugoslávia em 1997. Diz-se que foi muito influenciado pela esposa, Mirjana, professora de sociologia da Universidade de Belgrado, com quem esteve junto desde o colegial. O casal tem um filho e uma filha.

    Ao longo de seus 13 anos no poder, ocorreram as guerras étnicas da Iugoslávia, na Bósnia (1991-95) e em Kosovo (1999). A "limpeza étnica" que comandou contra os albaneses em Kosovo, uma Província cara aos sérvios por motivos históricos, acabou após a intervenção da Otan, em 1999.

    Depois de um intenso bombardeio, Milosevic foi forçado a aceitar a presença de tropas de paz da Otan em Kosovo e foi indiciado pelo Tribunal Internacional de Haia por crimes de guerra. Centenas de milhares de kosovares de origem albanesa teriam sido massacrados e expulsos de suas casas por forças iugoslavas que agiam sob seu comando.

    Seu papel mais proeminente no cenário mundial foi desempenhado em Dayton, em 1995, quando reuniu-se com os líderes mundiais -inclusive com Bill Clinton- para assinar o acordo de paz que acabou com a Guerra da Bósnia.

    Amante de charutos e de bom whisky, Milosevic foi sempre considerado um bom anfitrião pelos altos funcionários da comunidade internacional.

    O presidente iugoslavo enfrentou um desafio interno em 1996, quando estudantes e líderes da oposição moderada uniram forças para protestar contra fraudes nas eleições regionais. Cerca de 500 mil pessoas marcharam diariamente, durante três meses. Milosevic deu para a oposição a administração de cidades endividadas, e a oposição se dissolveu em disputas internas.

    ...............................................................................................
    Eu ainda preferia que ele fosse punido em vida.
     
  2. Eö Calmcacil

    Eö Calmcacil Tirem as crianças da sala!

    Bem, eu duvido bastante que ele tenha morrido de causas naturais como estão dizendo, mas pode ser o meu lado paranóico falando.:roll:
     
  3. Goba

    Goba luszt

    Talvez eu tome nota disso pra algum vestibular, eles podem pedir alguma coisa.

    Mas assim, também gostaria dessa punição dada em vida.
     
  4. Fafa

    Fafa Visitante


    Pelo quê mesmo que vocês queriam que ele fosse punido?
     
  5. Beriadar

    Beriadar And I will see it all before

    Crimes de guerra nos Balcãs, rapaz. Não lembra da questão do Kosovo, dos albaneses? Limpeza étnica e talz.
     
  6. Capitão Nemo

    Capitão Nemo Cientista Maluco

    Fico até com pena dos albaneses... Se era pra ele morrer, tinha que pelas mãos deles, de forma semelhante ao que ocorreu com mussolini
     
  7. Fafa

    Fafa Visitante

    Milosevic foi famoso nos Balcãs como um grande pacificador. Tentou a todo custo negociar com ultra-nacionalistas croatas (apoiados pela OTAN)...
    O Kosovo está envolvido na desintegração na Iugoslávia, era uma região separatista que iniciou conflito armado para atingir sua independência.

    Cadê a culpa do Milosevic nisso? Ele apenas liderou a Sérvia e Montenegro, numa guerra contra o Kosovo.
    Por que não prenderam o líder do Kosovo? Aliás, o que a OTAN foi fazer lá? Por que ele foi julgado por um Tribunal Inernacional, seu país não tem direito à soberania?
     
    Última edição por um moderador: 13 Mar 2006
  8. Edrahil

    Edrahil Usuário

    Fallen, vai se tratar. Para você, qualquer que use a força para manter-se no poder é um santo.
     
  9. Capitão Nemo

    Capitão Nemo Cientista Maluco

    Er... digamos que os albaneses kosovasres estavam sob domínio servio... Como qualquer outro povo, eles tentaram a independencia. E o que milosevic fez? começou a exterminar os kosovares! Isso é genocidio!
     
  10. Edrahil

    Edrahil Usuário

    Para alguns (como o Fallen), isso não é crime.
     
  11. Vovin

    Vovin Steve Vai, The Mars Volta

    Seguindo essa lógica, então os israelenses também podem botar pra quebrar com os palestinos?
     
  12. Fafa

    Fafa Visitante

    São casos diferentes, a Iugoslávia era um país multi-étnico, que tomava algumas precauções para evitar conflito interno (revezamento de líderes entre os diferentes povos). Israel é um Estado intrinsicamente judeu, que não respeita os direitos dos palestinos.
     
  13. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    :rofl:

    Ele me diverte!!!
     
  14. ombudsman

    ombudsman O Eto'o brasileiro

    Fallen, os paises hoje sao signatarios de uma serie de tratados, e só o fizeram porque sao soberanos para tal, que atribuem à tribunais internacionais a competencia para julgar crimes de guerra.

    Ele foi julgado de maneira correta, e lembre-se. A punicao de um só dos lados nao torna menos atroz os crimes cometidos.
    Dizer o que voce disse é como passar a mao na cabeça do Saddam porque ele foi financiado pelos EUA que nada sofreram por financiar a ascensao dele na epoca. Que se julguem ambos.
     
  15. Fafa

    Fafa Visitante

    O erro dele foi não incluir anistia no tratado final de paz.

    E tá na Folha:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Homem acende vela em homenagem a Milosevic.
     
  16. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Tem louco pra tudo... Alguns até acreditam no MST...
     

Compartilhar