1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

[miharu][brainstorm]

Tópico em 'Clube dos Bardos' iniciado por miharu, 12 Set 2006.

  1. miharu

    miharu Wild~

    Estava aqui...Pensando: Nossa, que triste ficar tão longe de seu lugar,
    seus amigos...Mas será que vale a pena sentir essa falta?
    Eles não me mandam notícias! Não se preocupam, me tratam mal...
    Nem sequer se importam em dizer que estão ocupados demais pra mim.
    BASTA!! EU SOU UMA PESSOA SENTIMENTAL DEMAIS.
    Falando em sentimental.....eu lembrei da última vez em que eu vi um desses "amigos". Chorei pacas, pois já sabia que iria embora. Ele disse que iria manter contato pois eu era muito importante para ele...Engraçado...
    Dias depois ELE me trata muito mal e diz que não sou ninguém para ele; e desde então não nos falamos! Falando nisso, lembrei agora que ele veio outro dia atrás de mim cheio de conversa mole!!!! Falando em conversa mole, o meu vizinho ainda está tentando me conquistar com aquele jeitinho de "macho maior da espécie", que nojo, detesto homens assim. Queria mesmo á que aquele carinha lá da faculdade olhasse pra mim, ele sim é que é homem de verdade. Falando em homem de verdade...Nossa, aquele cara lá do escritório de advocacia é lindo!!!(Drogaa, lembrei que tenho qu estudar pois vou ter um aprova de química muito ruim amanhã!) Nossa...eu mudo demais de assunto! Amanhã a gente conversa...
     
  2. miharu

    miharu Wild~

    O destino é cego, já disse Cícero. Se ele é cego então não custa nada ajudá-lo a atravessar a rua, e talvez compra-lhe um par de óculos escuros!
    Ou ainda pedir que ele nos ensina a ler em braile, ou coisa assim, para que possamos ler nas entrelinhas da vida...Quem sabe um dia pensar no destino (e em como mudá-lo) faça a diferença. Mas o que é fazer a diferença?
    Talvez seja tornar algo esperado em algo surpreendente, tanto bom como ruim. Será que um dia conseguirei fazer a diferença?
     
  3. Nessa Lúinwë

    Nessa Lúinwë Usuário

    Que legal isso^^
     

Compartilhar