1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Metrô agora prevê linha 6 só para 2017

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Jeff Donizetti, 25 Fev 2011.

  1. Jeff Donizetti

    Jeff Donizetti Quid est veritas?

    Que notícia boa pra se ler logo de manhã, antes de sair por trabalho...

    Brasilândia e Freguesia do Ó, na zona norte, Perdizes e Pompeia, na zona oeste, ainda terão que esperar seis anos para utilizar a prometida linha 6-laranja do metrô, informa a reportagem de Alencar Izidoro publicada na edição desta sexta-feira da Folha.

    O governo Geraldo Alckmin (PSDB) revelou ontem uma programação "realista" para esse projeto sair do papel: as obras devem começar em 2013 e a primeira etapa só deve ser concluída em 2017.

    A linha 6 foi anunciada com alarde em março de 2008. O governo José Serra (PSDB) estimava que as obras começariam em 2010 e terminariam de 2012 a 2013.

    Após atrasos na contratação de projetos, a última previsão divulgada pela gestão passada era que tudo ficaria pronto até 2014, ano da Copa.

    Ao assumir a pasta dos Transportes Metropolitanos do governo Alckmin, Jurandir Fernandes admitiu que esse prazo não seria possível --mas não fixava datas. Segundo ele, não se trata de falta de empenho, mas de uma visão "com muita clareza" sobre uma proposta que ainda não tem projetos concluídos nem licitação pronta.


    Fonte:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  2. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    Ninguém faz mágica também, né? E Metrô não é ponto de ônibus, não é uma obra fácil, nem barata.
     
  3. Jeff Donizetti

    Jeff Donizetti Quid est veritas?

    Sim, Neithan

    Mas essa linha 6 é uma exigência histórica da região Noroeste da Capital. Sem cair naquela velha comparação da extensão entre os Metrôs da Cidade do México e de São Paulo, o que irrita profundamente são os constantes adiamentos para início das obras. Cito a Wikipedia:

    Em 2008 a previsão era de que as obras começassem até 2010, com previsão de início parcial das operações em 2012 e funcionamento total até o início de 2015, mas dois anos depois já se previa que o projeto executivo só seria finalizado em 2011, com as primeiras estações abertas entre 2013 e 2014 ou até em 2016, segundo alguns engenheiros do Metrô.

    E vide a famigerada estação Butantã-USP, assim como o restante da Linha Amarela, que está pronta e não é inaugurada por motivos incertos e desconhecidos.
     
  4. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Muitas jogadas para as próximas eleições.

    Fato é que as linhas de metro estão super carregadas! Os metros novos tem ajudado de certa forma, sendo maiores e com um sistema de ar melhor, mas mesmo assim estão longe de serem ideal.
     
  5. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Metrô é o transporte com o custo por kilômetro mais caro. A não ser que o Brasil tivesse o crescimento da China, a construção continuará em ritmo lento. Sempre foi assim
     
  6. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Vocês reclamam de barriga cheia.
     
  7. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    Exatamente. Vai sair. Atrasos em obras tão gigantescas são inevitáveis.
     
  8. Deriel

    Deriel Administrador

    Sendo a única solução pra São Paulo deveria ser prioridade. Várias linhas sendo contruídas ao mesmo tempo e tudo mais, afinal, dinheiro São Paulo tem (ou consegue) - o problema é a "política dos carros" (tem que vender carros!)
     
  9. ExtraTerrestre

    ExtraTerrestre Usuário

    Mas mega-atrasos em obras gigantescas cruciais para a estrutura de uma cidade não deveriam ser tão aceitáveis.

    E BH, ah, BH... cortam verba do metrô quando começam a mexer na linha 2, uma confusão. Já desistiram por enquanto, porque não vai ficar pronto para a Copa mesmo.
     
  10. Jeff Donizetti

    Jeff Donizetti Quid est veritas?

    Pois é, é essa maldita concepção de que só sou um Homem completo, feliz e realizado se tiver um carrão, e de preferência trocá-lo a cada dois anos... Enquanto isso, ficamos com as ruas atulhadas e um transporte coletivo de péssima qualidade por um preço exorbitante.

    O problema não só os inevitáveis atrasos quando a obra começa, o que me incomoda é o adiamento ad infinitum do próprio início dos trabalhos. Afinal, não haver mais estádio na região da Freguesia/Brasilândia (cogitou-se o estádio (?) do Corinthians em Pirituba), então pra que fazer metrô praquela população de pobres ou de classe média-baixa, não é?
     
  11. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    Se essa fosse a real visão, por que então existe uma linha que vai pra Itaquera? :think:
     

Compartilhar