1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Metallica

Tópico em 'Música' iniciado por KADU, 19 Mar 2002.

?

Qual o melhor álbum do Metallica?

  1. Kill 'em All [1983]

    1,9%
  2. Ride The Lightning [1984]

    22,2%
  3. Master of Puppets [1986]

    22,2%
  4. ...And Justice for All [1988]

    14,8%
  5. Metallica (Black Album) [1991]

    37,0%
  6. Load [1996]

    0 voto(s)
    0,0%
  7. Reload [1997]

    0 voto(s)
    0,0%
  8. St. Anger [2003]

    0 voto(s)
    0,0%
  9. Death Magnetic [2008]

    1,9%
  1. hell_ther

    hell_ther motokeiro fantasma

    porra o black album me levou para o mundo do metal um dos melhores que já ouvi
     
  2. Oromë

    Oromë Purge 'em all

    ...And Justice For All

    Músicas fodásticas, letras mais fodásticas ainda :yep:
     
  3. Roy Batty

    Roy Batty "Inconsertável"

    O Metallica é um dos criadores do THRASH...mas foi uma das bandas que revolucionaram o Metal. Primeiro foi o Sabbath, que acentuou o peso daquilo que vinha sendo feito pelo Led e pelo Purple, e foi um dos que deram um contorno mais nítido a um novo estilo, que viria a ser melhor desenvolvido pelo Judas; este acabou sendo o criador do Heavy Metal "moderno", alguns anos antes do Iron aparecer com o mesmo estilo.

    Depois, a terceira banda mais importante, nesse sentido criativo e revolucionário, o Metallica, por ter sido o criador "oficial" do Thrash, mesmo sabendo que Slayer e outras bandas já vinham fazendo músicas tão ou mais agressivas, qualitativamente falando o Metallica inaugura o estilo de forma magistral!

    Comecei a ouvir Rock e Metal com o Metallica...em 1992..bons tempos!!! Lembro do meu irmão trazendo o vinilzão do "... And Justice For All"...muito foda...

    Apesar das mudanças que ocorreram a partir do Black (este disco, apesar de clássico, é apenas muito bom, não excelente), eu entendo que foi por pura necessidade de renovação, de interesse por outros ares musicais mesmo! A música é uma arte, e todas as artes estão sujeitas a abrangerem um campo vastíssimo de possibilidades..

    Eu não acho os Loads bons discos, mas ainda assim, isoladamente encontro umas 4 ou 5 faixas realmente legais, independentemente de serem comerciais....pois nem tudo o que é comercial é ruim, pois tudo o que faz sucesso, por mais que haja falta de bom gosto e senso artístico de quem ouve, algo na música tem um determinado componente competente e de certa qualidade (qualidade é um conceito que não pode ser julgado objetivamente)...sem contar que, analisando esses discos em separado, como se não fossem do Metallica, poderíamos dizer que soam como bons discos de Southern/ Country Metal...aliás, as letras do Load são ótimas, assim como as longas viagens instrumentais das faixas mais longas..mas por não serem nada daquilo que o Metallica sabe fazer de melhor, e que influenciou 8 em cada 10 bandas de Metal, os fã (náticos) caíram matando em cima.


    Graças a Deus o "Death Magnetic" foi, para mim, e para a maioria dos fãs antigos, uma grande resposta! Um soco na cara de quem não acreditava que o Metallica fizesse um disco digno! Cheio de grandes riffs do Hetfield (os melhores desde o Justice), com muita pegada e energia, solos urgentes e empolgantes(apesar de pouco tecnicos do Kirk), fazem jus ao nome que o Metallica construiu. Claro, não tem nada a ver com os 4 clássicos absolutos do Thrash dos anos 80 (até pq seria muito manjado e de menor valor se o DM fosse uma volta sem sentido ao que já foi feito), o disco é uma mistura convincente de tudo o que o Metallica já fez.

    Músicas como "My Apocalypse", "All Nightmare Long", "That Was Just Your Life" e "Broken, Beat & Scarred" já nasceram como clássicas....independentemente da complexidade ser menor, ou do fato do Lars já não massacrar na bateria ou de não termos mais o carisma do Cliff Burton, essas músicas são fodas...THRASH na definição exata da palavra. O fato de não soar Old School, é irrelevante....pois para mim o que importa é a criação única de cada disco, sem ficar preso a velhas estruturas e rótulos que só servem para limitar a possibilidade de compreensão da vastidão do campo musical, mesmo dentro do próprio Metal (tido por muitos como um estilo limitado e repetitivo, o que eu discordo!!!)


    Claro que existem hoje dezenas de bandas mais pesadas dentro do estilo (assim como existiam na época de ouro do Metallica), mas o Metallica sempre será a banda mais ousada, polêmica, criativa e copiada do estilo....o Metallica, daqui a 20 anos (dependendo do direcionamento que a banda tome nos próximos discos, será sem dúvida a banda insuperável do Thrash. Do Kill´Em All até o Justice eles eram...depois eles caíram do trono.

    Mesmo com a volta por cima do DM, eles ainda não recuperaram a coroa, coisa que pode acontecer no próximo disco, quem sabe? Principalmente se o Lars tomar vergonha na cara etc........

    Espero que o próximo disco continue tão bom quanto o DM..mas que não façam uma "The Unforgiven IV" ...pela mor....:disgusti:

    Em tempo, o maior disco da história do Thrash chama-se "Master Of Puppets" (escolher o Ride tbm é normal...). O Justice é um puta disco tbm, e não é à toa que ele é melhor que a discografia inteira de muitas bandas atuais que se julgam "sucessoras do Metallica", como o Testament, por exemplo...

    Metal Up Your Ass!!!! Long Live Metallica!
     
    • Ótimo Ótimo x 1
    • Gostei! Gostei! x 1
  4. Brian Carrapicho

    Brian Carrapicho Usuário

    Metallica é Metallica! Uma das bandas mais surpreendentes do rock mundial!!!
     
  5. Ivo Basay®

    Ivo Basay® Banned

    O album preto pra mim é o melhor deles.
     
  6. Fëanor

    Fëanor Fnord

    Metallica tocou música nova num show em Bogotá:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    E aqui só o áudio:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    E o Lars já deu entrevista para a Rolling Stone falando a respeito dela:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    A música tem passagens interessantes, mas acho que ainda precisa ser lapidada. Especialmente reduzindo o tamanho dela para uns 5 minutos.
     
  7. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    eu curti. deu saudades de quando ouvia metallica :yep:
     
  8. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Tinha até esquecido de votar na enquete desse tópico. Meu álbum preferido deles é o preto de 91
     
  9. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

  10. Fëanor

    Fëanor Fnord

    Não gostei de como a bateria soa abafada no começo. E mantenho minha opinião de que ainda precisaria lapidar a música. Mas no geral ela não é ruim não. E é bem provável que essa música sequer entre no futuro álbum.
     
  11. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Como a mudança de caminho e o trabalho com um produtor renomado transformou a atitude e as vendas do Metallica
    12/08/2016 - 13:22 - Jacídio Junior

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    O disco Metallica, do
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , mais conhecido como Black Album, é possivelmente um dos grandes marcos do rock moderno. Lançado em 12 de agosto de 1991, o projeto marcou a mudança da banda de um som pesado, agudo e direto, para uma proposta mais comercial, mas sem perder o punch mais próximo do metal que já começava a ser engolido pelo grunge de Seatle.

    Partindo para trabalhar com um dos grandes produtores de rock da época, Bob Rock - que já havia produzido Bon Jovi, Motley Crue, Aerosmith entre outras bandas - James Hetfield, Lars Ulrich, Kirk Hammett e Jason Newsted, precisaram entender novamente suas funções na banda, mudar sua forma de tocar, mudar afinações e tempos. As disputas para que isso acontecesse estão registradas no documentário Classic Albums: Metallica - Metallica 'The Black Album'. Vídeo que conta com depoimentos de todos os envolvidos no processo.

    Esse processo conturbado de gravações demoradas, disputa por mudanças de sonoridade, mais uma banda desconfianda de seu produtor, resultou em três novas mixagens de áudio após o encerramento dos trabalhos. No entanto, o disco chegou às lojas e o Metallica saiu da posição de grande expoente do Thrash Metal para ser um dos maiores nomes do mainstream rock de todos os tempos.

    Abaixo algumas curiosidades sobre os números que levaram a banda a esse patamar.

    O Black Album é o disco mais vendido desde o início da aferição dos números de compra de discos pelo sistema da Nielsen Music, empresa responsável por aferir as vendas de música e de produtos ligados a vídeos musicais nos Estados Unidos e no Canadá. De acordo com números oficiais da empresa, o Black Album já vendeu, desde seu lançamento, só nos Estados Unidos, mais de 16.4 milhões de cópias, das quais 5.8 milhões foram comprados em fita cassete. No mundo, o disco chega a um total de 22 milhões.

    Ainda falando sobre números de vendas, o Metallica nunca vendeu menos de 1000 cópias por semana, de seu álbum, desde o lançamento. Em 2016, de acordo com
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , a média é de 5000 discos por semana.

    O Black Album, no mês de seu lançamento, foi número um em vendas no chart Billboard 200, que afere os álbuns e EP´s mais vendidos nos Estados Unidos, atingindo 597,000 unidades e permanecendo por quatro semanas como o primeiro da lista.

    Durante o processo de gravação, que durou oito meses, Bob Rock alterou a rotina e agenda de trabalho do grupo de forma tão intensa que todos tinham certeza que jamais voltariam a gravar com ele novamente. No entanto, a banda voltou a gravar com o produtor, os discos Load & Reload, Metallica S&M - acompanhados por uma orquestra sinfônica - e St. Anger, no qual Rock também foi responsável por compor as linhas de baixo.

    Entre as dicas que Bob Rock deu à banda estavam: A música precisa ser realizada em função da bateria de Lars, para ganhar mais groove. E o baixo precisava ser tocado como baixo e não como guitarra.

    Todos os cinco singles do disco, lançados pelo Metallica, atingiram a lista de 100 mais vendidos da Billboard: "Enter Sandman” ficou na 16ª posição, "The Unforgiven” na 35ª, “Nothing Else Matters” na 34ª, “Wherever I May Roam” na 82ª e “Sad But True” na 98ª.

    "Enter Sandman" foi a primeira música a ser escrita para o disco e a última a receber letra.

    Bob Rock quis implantar uma nova forma de trabalho para o grupo, pedindo para que todos gravassem as músicas de maneira colaborativa, invés de cada um em um local separado. Ele também sugeriu que as faixas fossem gravadas ao vivo, usando a harmonia dos vocais de Hetfield.

    Todos os problemas ocorridos durante a produção do álbum fizeram com que Ulrich, Hammett e Newsted terminassem seus casamentos. Hammett afirmou que isso influenciou a forma como eles tocaram no disco.

    Todas essas intrigas deixam em evidência como um marco mercadológico e também artístico foi realizado. Apesar das pesadas críticas aos rumos que o grupo tomou, a entrada no segmento comercial da música, fez com que a banda fosse capaz de manter seu legado vivo e de chegar a pessoas com as mais variadas identidades musicais.

    Metallica deve ser uma das atrações do Lollapalooza 2017 -
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    .
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  12. Fëanor

    Fëanor Fnord

    Música do novo álbum, Hardwired…To Self-Destruct:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    2 discos e 80 minutos? Promete, ainda mais se manter a qualidade da faixa-título. Ansioso.
     
  13. Slicer

    Slicer Careca rebuscado

    Tô meio confuso, na real. Eu acho que é totalmente possível que esse álbum seja ótimo, mas eu já escutei tanto Metallica que a música que eles lançaram me pareceu como uma combinação de 5 outras que eu já ouvi.

    Acho que a superexposição me estragou. :confused:
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  14. Fëanor

    Fëanor Fnord

    Ela lembra algumas coisas do Death Magnetic, talvez seja isso. :think:
    A estrutura dos riffs soa algo semelhante. Mas a sonoridade me parece melhor (teve aquele lance de compressão cagada do DM), assim como o timbre da guitarra do Kirk. Sem falar no pedal duplo do Lars.

    De qualquer modo, o negócio é esperar os 80 minutos de álbum para termos uma prova melhor do nível das semelhanças.
     
  15. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    O Metallica lançando um duplo é algo que confesso não esperava, mas se for bom será muito bem-vindo, pois uma banda com a grandeza e a história que eles tem, merece um álbum assim.
     
  16. Fëanor

    Fëanor Fnord

    • Ótimo Ótimo x 1
  17. Fëanor

    Fëanor Fnord

    • Ótimo Ótimo x 1
  18. Thor

    Thor ἀλήθεια

    Esse foi o que eu mais gostei. Parece bastante com as músicas da época que eu mais gostava, que era a do Black Album. É mais Heavy Metal do que Thrash.
     
    Última edição: 31 Out 2016
  19. Fëanor

    Fëanor Fnord

    Ela tem umas pegadas de NWOBHM em alguns trechos mesmo.
    De princípio achei ela meio confusa, mas após escutar várias vezes já estou me acostumando - e curtindo. Mas ainda não sei definir claramente minha ordem de preferência entre as três músicas já disponibilizadas.
     
  20. Fëanor

    Fëanor Fnord

    Já tem uns dias que o álbum vazou, e já escutei ele várias vezes. Gostei bastante, não me decepcionou. Várias músicas remetem à diferentes álbuns passados, mas sem soar auto-plágio. Tem até passagens com nítida cara de Maiden e Sabbath. Para aqueles achavam que seria um álbum muito semelhante ao Death Magnetic, certamente é uma surpresa. Enfim, podia ficar escrevendo sobre cada música aqui, mas quero mesmo é aproveitar pra deixar a notícia de que
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    (além das três já lançadas) a partir de hoje, uma a cada duas horas até chegar a data do lançamento. O primeiro já está disponível:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Edit:
    Todas as músicas já lançadas. A playlist na ordem do álbum tá aqui:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Pra quem quiser ouvir as demais músicas por aqui mesmo, vou colocar os vídeos no spoiler abaixo (estão na ordem que foram lançadas):

    Confusion:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    ManUNkind:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Now That We're Dead:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Here Comes Revenge:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Am I Savage?
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Halo on Fire:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Murder One:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Spit Out The Bone:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Lords of Summer:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Tem até a Lords of Summer, que não entrou no álbum (como eu havia previsto num post aí em cima), mas que ficou bem melhor que aquela versão de 2014.
     
    Última edição: 17 Nov 2016

Compartilhar