• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Menino morre ao ser arrastado por carro em assalto

Maglor

Lacho calad! Drego morn!
Em nenhum lugar do mundo o asseveramento de leis penais diminuiu a violência. A relação "quanto mais lei, menos a criminalidade", simplesmente não existe, ou se existe, é ínfimo. É como o suposto remédio que todos pensam que pode acabar com a doença, mas não atinge a causa. A causa da violência qual é?
 

Urd Sama

Antifeixista
Em nenhum lugar do mundo o asseveramento de leis penais diminuiu a violência. A relação "quanto mais lei, menos a criminalidade", simplesmente não existe, ou se existe, é ínfimo. É como o suposto remédio que todos pensam que pode acabar com a doença, mas não atinge a causa. A causa da violência qual é?

Falta de educação. :yep:
 

Primula

Moda, mediana, média...
Realmente, Goba tinha esquecido das limitações que ficamos sujeitos quando fazemos algo voluntário :think: tipo, se a instituição quer melhorar o ensino, não pode defender a arvore que o vizinho quer cortar porque faz sujeira. Então neste ponto, concordo que a crítica contra os defensores é injusta: estão de mãos atadas jurídicamente, por conta das limitações que fazem as definições.

Quanto a castração, Lukaz, não acho recomendável. O fato é que o estupro é uma violencia realizada com as mãos (ameaça de morte com faca, revólver), e o ato sexual em si é apenas o objetivo final... fica difícil forçar alguém a ter relações com você se você não pode empunhar uma arma. O que vai acontecer é que sem o seu pistolão, ele vai descontar de outra forma suas taras sexuais espancando, torturando, etc., a vítima até a morte, de raiva por não poder completar suas intenções.

O problema em si não é ausência de educação ou informação (e confundimos novamente com escola). Mas a falta de sonhos talvez, a falta de ambição real de crescer como ser humano. Quando existe a ambição é por bajulação vazia por feitos vazios, e isso não é ambição real: é frivolidade. Perdido isso, o sujeito volta a ficar deprimido com a falta de atenção que lhe dão.

Repito, não quero que matem a pessoa, ou que a mutilem para "aprender o que é bom para a tosse". Putz, acabei de revisar um texto sobre Boromir e muito do que o autor do ensaio escreveu ficou na cabeça.

Para ter poder real, para ser alguém é necessário muitas vezes humildade. A humildade de perceber que não é melhor que os outros, que não é uma ilha que não precisa de ninguém e que se foda o mundo.

Mesmo o mais vagabundo dos mortais precisa comer. De onde vem o pão? Acha que poderia sobreviver se alguém não plantasse o arroz?

Ah, mas o fazendeiro fez isso por que é um capitalista, blablabla...

Mas mesmo quando o "desgraçado capitalista" não fica rico continua plantando arroz... porque o fazendeiro capitalista desgraçado não pode viver só de arroz, e troca com alguém por dinheiro para conseguir outras coisas.

Quem não entende sequer este conceito básico de civilização, precisa não de suas mãos, necessita mais aprender a lição de humildade que precisa dos outros. Que não pode viver sozinho, apesar de galhardamente gabar-se de se virar sozinho muito bem, conseguir tudo o que quer (inclusive sexo, dinheiro), etc..

Claro que pode muito bem se afundar no mar de auto-piedade tendo de receber esta dura lição à força, mas como disse, tantos por menos afundam do mesmo jeito na alienação auto-imposta (delírios, alcool, drogas, etc.)

Sobre venenos e outras coisas... bem, o resultado final é o mesmo, mas os meios não. Mas falemos sobre sadismo e da nossa necessidade catártica de retribuição para com os sádicos (tornando-nos sádicos também).

Como eu disse, não quero ser sádica com eles. Mas infelizmente, como recuperar esses jovens sem que eles destruam tudo ao redor enquanto se destróem? Dá para salvar quem não quer ser salvo?

Ao chegar ao ponto de não sentir remorso pelo que fizeram (não matar apenas, mas ter prazer na tortura de matar), temos de parar de pensar em métodos Piagetianos e resignarmo-nos aceitando que nestes casos teremos de adotar métodos Pinocheteanos. Talvez uma lobotomia como em Laranja Mecânica?

Se for assim, ele não terá capacidade de se defender, como acontece no filme (fazendo-nos pensar que na verdade ele não tem escolha senão voltar a ser um FDP). Tudo bem que sem as mãos também fica difícil se defender, mas o entrave no caso de uma lobotomia seria maior: ele não teria sequer noções de auto-preservação.

E não desenvolveria - o mais importante - a consciência de que ele está errado em pensar que pode se virar sozinho, sem depender de ninguém. Afinal, o cérebro estaria danificado. Esta descoberta ele precisa fazer sem medicamentos ou choques elétricos ou cirurgias.

E vemos que os pais (neste caso, e não do Champinha) percebem que perderam totalmente o controle da educação do filho. Não há qualquer figura modelo para eles respeitarem, do qual eles dependam. Se não precisam sequer dos pais, então esperar que eles percebam precisam do "resto do mundo idiota e nojento"?

O maior dom do ser humano é sua capacidade mental. Sem o cérebro ele não é nada. Mas não é apenas uma questão de encher a cabeça de idéias (que não são dele, normalmente: dos amigos, dos livros, dos "amigos", etc).

Não dá para curar o sadismo das pessoas senão por humildade. Como disse, a partir do momento que percebemos que nos rebaixamos à condição sádica dos marginais, perdemos. É necessária a humildade para perceber que tornamo-nos iguais ao que abominamos.

Este tipo de aprendizado, que é difícil para muitos aqui, a meu ver torna-se impossível em casos com o dos jovens em questão. E daí vejo a necessidade dele aprender isso à força, porque eventualmente uma comunidade com essas pessoas - como bem notaram - acaba se "livrando" destas pessoas indesejáveis até entre os ranks dos indesejáveis.

Ou seja, ou a gente dá um jeito de corrigir eles, ou mais do que as mãos vão acabar perdendo a vida neste mundo cruel. Não que eu não seja cruel, aliás, eu sou bem malvadinha para o gosto de muita gente :twisted:

Mas não é porque uma pessoa tem sangue frio para matar uma criança sadicamente, não possa ter o potencial para fazer milagres (se tiver um incentivo :twisted:) para o lado do bem. Apenas que em alguns casos, temos de pensar mesmo se a pílula precisa vir com açúcar, depois de tanto açúcar já ministrado por pais perdidos como baratas tontas. Não se enganem: eles tentaram seu melhor. Apenas que isso não deu certo.

E se não dá certo de um jeito precisa-se tentar do jeito mais difícil. Escolha deles (dos filhos, eu quero dizer): quantos de nós não resolvemos que nossos pais estavam errados e que queríamos cometer as mesmas burradas deles, mesmo que eles tenham dito que era burrada, porque pelo menos sou EU quem faz a burrada? (na verdade, nem admitimos que é a mesma burrada repetida ao longo de milênios, porque sempre nos justificamos que "no meu caso é diferente")

Agora... se eles não tivessem sido sádicos, teria sido diferente?

Talvez ainda precisassem de uma amputação :dente:, mas o princípio de retribuição eles teriam, e de comiseração pelo próximo também. De que se o menino tinha de morrer, que pelo menos morresse de forma indolor.

Percebem que então a forma de ensinar eles a serem menos prejudiciais à sociedade, digo ao próximo, não é de longe parecida com a do sádico? O sádico SEQUER possui esse tipo de compreensão. Para ele, o mundo serve para seu prazer e satisfação, e se alguém morre, azar desse alguém.

Mas no caso do mais "piedoso" eles já percebem que não são ilhas. Apesar de ainda serem lobos e precisarem ser domesticados, porque nós não somos ovelhas suculentas para seu repasto. Talvez até mais difícil de ensinar que os sádicos, porque somente a amputação não vai ajuda-los a pensar de outra forma.

Só que não levem muito a sério meus delírios... afinal são apenas delírios.
 
Última edição:

Primula

Moda, mediana, média...
acabo de pensar em Saddam Hussein, e compará-lo com Boromir seria interessante. Enquanto Boromir se arrependeu e tentou consertar o que fez (apesar de ter feito pensando no desespero de salvar seu povo), Saddam até o final achou que fez o certo.

Matando-o, ele continuou sendo símbolo, na sua teimosia em perceber que estava errado.

E porque ele teima? Porque na cabeça dele, ele matou um monte de gente que não gosta dele, para salvar o povo dele. (nem lembro mais quem é minoria)

A realidade é que o povo dele continua morrendo, tanto quanto sai matando. Ou seja, se ele percebesse que sua figura não estava salvando seu próprio povo porcaria nenhuma ainda seria alguma coisa. Se pensava apenas nele, ele devia temer a morte próxima, mas o que o impelia na sua teimosia era que ele não pensava nele. Pensava no povo dele.

Não que criminosos pensem no "povo dele", mas se percebermos a teimosia inerente de Boromir e de Saddam em perceber o erro, que inequivocamente leva à morte (e em Boromir é uma pena, porque tarde demais ele percebe que pecou, e mesmo assim morre) é a mesma.

As pessoas (até mesmo nós) pensam que estão certas, e a merda existe unicamente por conta do resto do mundo que é burro.

Assim como Saddam e Boromir, esse tipo de comportamento leva à morte, e não apenas à morte física, mas a morte estúpida de perder a vida de forma estúpida. Uma morte vazia de significado (pois não salva, antes induz a mais mortes e destruição, como no caso de Saddam)

Como disse, a redenção de Boromir quando vemos que baixando a bola, podemos fazer algo bom: no caso salvar vidas insignificantes como dos hobbits. Que podem ser a diferença no futuro. E mesmo sendo tarde demais, o feito de Boromir torna sua morte pelo menos não vazia. Ele não morreu para que outros continuassem a morrer: ele morreu para impedir que outros morressem, e estes também impediram que o mal ou os desencaminhados (os homens do Leste) continuassem a matar. (infelizmente tinham de deter estes ultimos matando-os)

Eu sei que pessoas como Saddam e os jovens sádicos vão acabar mortos e enterrados, com mortes que só geram mais mortes vazias. Não há amor nessas mortes, e nas que se seguem, apenas ódio. Neste ponto, apesar de sentir pena, é necessário parar esse ciclo vicioso. E nem sempre o melhor método é a simples morte, como aconteceu com Saddam.

No caso de Saddam era necessário tirar-lhe a capacidade retórica além das mãos :twisted:
 

Omykron

far above
E porque ele teima? Porque na cabeça dele, ele matou um monte de gente que não gosta dele, para salvar o povo dele. (nem lembro mais quem é minoria)
ele atacou a minoria curda.
No iraque a maioria é Xiita, enquanto o Saddam era Sunita, favorecendo os Sunitas.

Eu sei que pessoas como Saddam e os jovens sádicos vão acabar mortos e enterrados, com mortes que só geram mais mortes vazias. Não há amor nessas mortes, e nas que se seguem, apenas ódio. Neste ponto, apesar de sentir pena, é necessário parar esse ciclo vicioso. E nem sempre o melhor método é a simples morte, como aconteceu com Saddam.
isso é um dos argumentos contra a pena de morte, principalmente em alguns estados nos EUA. Não ficou provado que a pena de morte reduziu o número de assassinatos e outros crimes ediondos.
 
08_MHG_rio_oc.jpg


um dos suspeitos.
 

[F*U*S*A*|KåMµ§]

Who will define me?
A proposta do trabalho voluntário e tudo mais é bonito e talz. Mas é viável?
Um preso que faça esse trabalho na prisão já tá gastando um dinheiro enorme pela simples manutenção da prisão. Dificilmente, trabalhando forçado, ele teria uma produtividade para suprir isso. Muito menos para além disso sustentar alguem.


De qlq forma, o problema é sempre essa eterna esperança na redenção humana.
Alguem que arrasta uma criança de 6 anos fazendo zigue-zague, na boa, não se redimirá nunca. Provavelmente até dará risadas qdo lembrar disso daqui a alguns anos (se ele estiver vivo e solto).

Um cara que tá desesperado pela situação em que nasceu e faz uma bobagem do tipo assaltar alguem. E talvez, no nervosismo, acaba matando esse alguem. Pode-se ter esperança.
Mas se além de assaltar alguem, ele ainda arranca os dedos da vitima 1 por 1, fura seus olhos, enfia uma perna dela no forno. Po. Aí não tem desculpa.
 

Omykron

far above
esse nem vai ser julgado pela justiça comum.
se acusarem ele formalmente, morre na cadeia ainda.
 

*Éowyn*

true, I talk of dreams
Ok, os caras tão condenados, isso é fato.


Mas o que me incomoda além disso tudo é pensar que esse caso não foi o primeiro nem o último de extrema violência aqui no Rio. Há um mês atrás carbonizaram pessoas no meio de uma das vias expressas mais importantes da cidade, ou todo mundo já se esqueceu disso?


A Urd falou mais acima que a solução é a educação. Eu concordo, mas não apenas em educação como meio de mostrar ao indivíduo noções de solidariedade e cidadania, mas numa educação que dê a todos o aparato necessário para crescer e vencer na vida, um um trabalho honesto e valorizado pela sociedade.
Não me venham dizer que uma reforma educacional é utópica, por que não é. Ela pode não ser a solução para tudo, mas é um caminho que garante muitos resultados positivos. O problema é que é um caminho longo, e cheio de impecilhos. E na minha opinião, a sociedade não pode esperar tanto tempo assim.

O Rio precisa de uma política de segurança seríssima prá ontem. E mudanças no sistema carcerário também. É fato que temos um problema social de raízes profundas, mas algumas medidas mais superficiais podem ser tomadas para tentar impedir que a situação na cidade piore.


Medidas de curto e longo prazo sendo tomadas simultaneamente, é isso que eu gostaria de ver acontecer.
 

Logan Mcloud

Usuário
Pri as vezes te odeio, odeio pq sem seus posts so entraria nesse topico para reclamar das pessoas q estariam falando : "nossa q crime barbaro, esse desgraçado deveria ter as bolas cortadas fora" e agora vc me obrigou a fazer um post bem maior e q provevelmente vai ser pior imterpretado q o primeiro q planejei.... mas fazer uq né?


Vamos la:


Crimes Hediondos SEMPRE existiram e sempre vao existir, nada me surpreende q aui no forum as pessoas estejam horrorizadas algumas tenham passa mau outras tenham chorado, é logico vivem em um mundo de fantasia, acham q oq esses IDIOTAS fizeram? a mulher q roubou 130 milhoes de reais do inss, mas como esse nao eh um crime cruel.... nao eh cruel??????? Deixar milhoes de idosos morrendo lentamente por ai nao eh cruel... pior... ser uma das promotoras para q a previdencia seja insoluvel e portanto q nao ajude vcs quando forem velhos.. isso sim é cruel.....


mas somos massificados pela midia.... a midia mostrou o caaro, o sangue na roda... fez vcs imaginarem a criança sendo arrastada pelos 7 kilometros.... e pq??? pq estavam chocados??? ahh por favor... pq vcs deram audiencia pq ele podiam enfiar anuncios entre esses fatos dolorosos... e vcs COMPRAM Isso isso sim eh revoltante ... tah ok uma criança de 7 anos morreu de uma forma muito dolorosa... quaantas crianças nao estao morrendo de fome agora nesse meldito instante em q estou escrevendo???? morrer de fome nao eh tao ruim vcs vao dizer.... é?? tem certeza q eh nao eh tao ruim?? perguntem para quem esta passando fome agora.... enquanto estamos sentados em pecs q poderiam manter uma familia alimentada por semanas....


crime hediondo, bah crime hediondo é quando eh cometido por alguem q conhece os fatos q conhece o crime q planeja o crime q o executa com precisao cruel ... esses muleques so fizeram besteira e foram burros demais para resolver e nao entenderam...

ai alguem diz... é pq vc mora no rio... ahhh tahhh e o carro incendiado em sampa... mas nao foi um caso isolado eh o brasil pais de terceiro mundo mas e o cara q comia criancinhas na Inglaterra (nao vou nem falar dos americanos q eles sao loucos e nao contam) ai vcs vao fizer sao os ocidentais, e o cara na praça vermelha q foi morto em cadei nacional por um tanque, e os arabes q se matam todo dia ? ai vao dizer isso eh entao um problema do seculo 21, bem do 20 eu nem vou falar afinal qualquer um pode se lembrar , vamos falar das cruzadas, ou de Jack estripador ou de gegins Kan e ai??? eh um problema de hoje em dia??? ou eh um problema HUMANO ????


vcs vao dizer eh vc nao sente como nos pq vc nao tem um filho, eh verdade tenho um sobrinho q amo q tem 8 anos, vcs acham q nao pensei nisso? mas e dai SENTIMENTOS NAO SAO BONS ARGUMENTOS NUNCA

A LOGICA DEVE PREVALECER

todos os crimes deveriam indignar a populaçao TODOS ... mas quantos de nos ja cometemos pequenos crimes.... ??? QUANTOS ??? pensem.. qunantas vezes ja andamos sem cinto de segurança, ja saltamos uma roleta, ja saimos sem pagar a conta, ja pegamos o troco errado e nao falamos... quantos de nos usamos drogas ??? (eu bebo) quantos de nos usamos peças de lugares .... humm diferentes sem notas fiscais??

crimes hediondos entao tem q levar a morte? ou ao estupro? quer dizer q quando u arrumo um motivo digno para ser cruel eh permitido??? bem Nagi NArras agradece.


querem saber oq eh crueldade? Crueldade eh saber nesse instante q vcs lerem isso daqui, pelo menos um de vcs vai mudar um pouco e vai deixar de se indignar tanto... e vai ver q esta errado... e entao vai deixar de se importar. E quado vc deixa de se importar vc se torna muitó pior... e crueldade eh q EU sei disso e mesmo assim vou postar esse post. E nao estou nem ai.


vcs estao muito tristes e a abalados pela morte do menino de 7 anos quantos problemas HOJE sao muito piores do q esse??? vamos pensar aki nesse forum de pessoas q sao iteligentes creio q um parte significativa do forum deve estar pensando em coisas q sao mais importantes.... rs nos topicos do geral tem no maximo 3 topicos sobre questoes mais importantes o resto eh bobagem... eles sao patriotismo (onde 90% passou la para dizer ahh sim amo meu pais..... e nao pensou nem um pouco nisso) o topico sobre o aquecimento global (q chega a ser triste, principalmente pq me lembra de varatar escrevendo "ahhh nao tenho q me preocupar com isso os CIENTISTAs vao dar um JEITO") nao consigo lembrar outro... mas deve ter....


somos 6 bilhoes de pessoas hoje somos 160 milhoes de brasileiros, a morte de uma criança de classe media NAO eh relevante estatisticamente todos os dias morrem centenas de crianças no Brasil dezenas de formas crueis oitras centenas sao molestadas, outras milhares pssam fome ou provaçoes piores. mas a midia nunca falam delas e entao vcs nao vem aki abrir topicos como esse e quando falam vcs se indgnam mas depois trocam de canal e esquecem afinal o BBB eh muito mais interessante.

isso se chama Hipocrisia.

esses idiotas devem ser julgados por um juri imparcial de seus pares pelo crime de latrocinio e nao assassinato eles foram burros e tiraram uma vida e devem pagar por isso nas formas da LEI e so isso... mas vcs ja querem mudar a lei por causa deles e entao vao ser voluveis e entao vao julgar de forma parcial e entao a justiça nao sera feita.


concordo q a lei deve mudar mas eu digo isso todo dia e nao quando fico "indgnadinho" por um fato, penso nisso todos os dias e nao quando a TV me deixa pensar.


RS pri eu e vc em lados opostos dinovo, nossas noçoes de sociedade e direitos sao bem diferentes... acho isso muito interessante.... esse post nao foi muito falando com vc como vc viu... mais com o resto das pessoas... no entanto sei q vc vai comentar.
 
É esses crimes aumentaram bastante, mas como o Logan disse, muitos não são divulgados pela midia, ha pouco tempo mesmo uma mulher foi decaptada e colocaram a cabeça dela virada para o corpo em uma lixeira no meio da rua, pertinho da minha casa, lance de 2 min andando.E o local onde o menino começou a ser arrastado, fica praticamente do lado da minha escola, passo lá direto.
Infelizmente as pessoas falam demais sobre o que só viram pela midia, dão soluções mirabolantes, mas claro, a maioria nunca deve ter ficado perto de um tiroteio, nunca viram um moleque de 10 anos carregando uma AK, nunca perderam um conhecido por assassinato, etc.
Logan discordo em algumas partes: é algo "humano", isso é óbvio, mas não é por isso que vamos absolver os criminosos, e sim o legislátivo do nosso país é ridiculo e as leis devem ser mudadas, é um caso para pena de morte, pelo menos iria servir de exemplo, fuzilamento neles.
Ah vai dizer que ainda acredita em justiça??? Nunca existiu justiça, as coisas funcionan conforme a maioria, se a maioria acha errado então é considerado como errado.Como diria Shark: " A justiça é problema de Deus" agora eu só quero ver os três se ferrarem mesmo :D.
 

Ana Lovejoy

Administrador
os assassinos alegaram que confundiram os sons do piá preso no cinto e da galera gritando com uma perseguição policial. valha-me.
 

Primula

Moda, mediana, média...
Pri as vezes te odeio, odeio pq sem seus posts so entraria nesse topico para reclamar das pessoas q estariam falando : "nossa q crime barbaro, esse desgraçado deveria ter as bolas cortadas fora" e agora vc me obrigou a fazer um post bem maior e q provevelmente vai ser pior imterpretado q o primeiro q planejei.... mas fazer uq né?

podemos dançar uma polca, ou fazer uma polenta, o que vier primeiro.

Que sejamos diferentes hehe você inda tinha dúvidas? cada um é cada um, apesar que quando massa, é normal a gente apresentar características muito em comum.

Desde que o mundo é mundo, como você disse, somos selvagens bárbaros que gostam de sangue. Eu me lembro que o jornal de todo dia lá de casa era notícias populares (colegas de meu pai compravam e como meu pai num comprava jornal pra não gastar $$$ :dente:)

Isso dá audiencia. E nesses momentos é que temos de abrir a boca para mostrar um ponto de vista diferente. Afinal, não me orgulho apenas de ser diferente, mas não faz muito sentido se o resto do mundo não percebe isso (momento narciso on) :dente:

Por isso escrevi meu ponto de vista aqui :mrgreen:

Mas o fato é que dá para a gente pensar usando minha mania mutiladora, que coisas crueis podem ser feitas pensando num "bem-maior" (maquiavel)

E no caso falo de mutilação no sentido de impedir uma pessoa de continuar a prejudicar pessoas-ovelhas. Se fosse os sanguessugas, eu tiraria além das mãos, as cordas vocais (Saruman é sedutor pela voz), mas que também percebessem que não precisam ser bonzinhos porque é o certo, mas porque senão a sociedade livra-se deles.

O que me lembra que muitos sociopatas entram em carreiras políticas. E como não conseguem perceber dor da mesma forma que nós, não acham errado tirar dinheiro da previdencia de velhinhos se isso dá satisfação pessoal.

E apesar que dentre os criminosos é grande o número de sociopatas, não podemos deixar de pensar que eles fazem grande estrago a muitos, alguma coisa deve ser feita.

Uma senhora entrevistada pela Super Interessante falou que pediu para ele fazer uma vasectomia, porque como garantir a segurança de um netinho, se o filho era um sociopata? (no mesmo artigo uma mulher sociopata deixou que o namorado estuprasse a filha de 2 anos, porque não queria transar com o namorado)

E na seção de cartas, um homem indignado por ela priva-lo de ter descendentes. Ele realmente não entendeu: o problema não era que o netinho fosse um sociopata/psicopata como o pai... mas o que ele sofreria com um pai assim? O indignado cidadão poderia fazer algo para proteger o filho contra o próprio pai?

E se pensarmos bem, vasectomia é uma mutilação. Não impede o homem de deixar de fazer mal para a sociedade (como continua a fazer), ainda que a mãe do cidadão fique de olho sempre que pode. "mas e depois que eu morrer, o que é que vou fazer?" foi a pergunta dela. Questão pertinente... como ela pode impedir seu filho de prejudir outros sendo o sociopata que é, se ela não estará mais viva?

Mas que pelo menos impede a preocupação de proteger o netinho... porque o cidadão indignado nem sabe quem é o sujeito, e se ele teria filhos...

Será que eu fui médico de campanha na outra vida? No sentido de não ter dó de amputar uma perna, se isso fosse necessário para salvar o paciente. Pode ser que amputar a voz, as mãos seja cruel, mas de certa forma, salva-se não apenas as vítimas, mas quem sabe o próprio criminoso, contra si próprio...
 

Ka Bral o Negro

Tchokwe Pós-Moderno
Não se esquyeçam que em breve esquecerão tudo.

Não se esqueçam que outros morrem de forma ainda mais bárbara, principalmente os mais pobres.

Não se esqueçam que só se fala em fazer algo quando o filho da classe média morre.

Não se esquçam da Jorgina que matou vários com o dinheiro que roubou do INSS.

Não se esqueçam do Sérgio Naya, dos Mensaleiros e tantos outros que mataram ao roubarem dinheiro público e promoverem a desigualdade.

Não se esqueçam que diminuir a idade penal não vai diminuir a desigualdade, a falta de oportunidade, a ruína da educação e outras verdadeiras tragédias que são as verdadeiras causas desta tragédia de agora.

Não se esqueçam que muito se diz e muito se fala no calor da emoção, que os jornais e a mídia em geral se embriaga em sensasionalismo barato.

Não se esqueçam, por exemplo, do velhinho que na semana passada em São Gonçalo tomou um tiro na cabeça no ônibus porque não quis entregar a carteira, e cuja cobertura da morte só apareceu num jornal popular e sem destaque.

Não se esqueçam que em breve esquecerão tudo.
 

Lasgalen

Usuário
1) Tenham um filho.

2) Vejam esse filho ser barbaramente assassinado.


Depois venham me falar de direitos humanos, trabalhos comunitários, pena (ou não) de morte, sistema carcerário, desigualdade social... :uhum:
 
Última edição:

Elminster

Usuário
Elfo surfista, primeiro você diz que o que fizeram foi crueldade e tudo o mais, depois vem me dizer que a forca é um meio para a pena de morte barata, você não tem nenhum pingo de direito de discutir sobre humanidade, tanto um assassino cruel para uma pessoa comum SOMOS TODOS HUMANOS E MERECEMOS O MESMO DIREITO SOBRE NOSSAS CABEÇAS. E sobre o que você falou da questão da vida de uma pessoa, interprete bem, não discuti o lugar de nascimento e/ou crescimento, etnia, poder aquisitivo, forma de educação ou qualquer diferenciação possível, simplesmente qualquer pessoa que pisa sobre esta terra pode se tornar um psicopata assassino. E eu acredito sim, inclusive conheço, pessoas incríveis e legais que vivem na miséria, na pobreza ou sobre terríveis condições. Sobre a educação, você acha que oferecendo e estando aberta para todos algumas pessoas vão encontrar futuro nisto ???? Mas ora o tráfico de drogas dá muito dinheiro e você só precisa saber comercializar a droga que você ta perfeitamente bem de vida sem precisar gastar um tremendo suor ou estudando com afinco, e MUITOS jovens miseráveis ou em condições precárias vão cair nesta porque o objetivo de todos os seres humanos enquanto podem é viver de bem com a vida, algumas vezes não importando os meios....
 
Última edição:

Elminster

Usuário
Mais uma coisa para todos deste tópico, vingança gera vingança ou algo extremamente ruim, isso é um ensinamento antigo, por favor não digam coisas como aplicação do código de hamurábi ou ideologia similar, não devemos dar este tipo de coisa para aqueles assassinos, mas também não os deixaremos impunes, devemos apenas nos livrar deste sentimento de ódio, vingança revoltamento e similares para julgarmos como deve ser, com a verdadeira justiça. Lembre-se que os assassinos estavam com estes tipos de sentimentos maus e você só estaria com sentimentos iguais mas de outro modo. Já pensou você sendo preso injustamente e receber de punição exatamente o crime que cometeu em dose igual ou maior 8-O.
 
Trabalhos forçados... Sim, é esta a solução para inibir a violência, e para os criminosos, ter que trabalhar sería pior do que a morte, hein... :soevil:

"não existe trabalho ruim, o ruim é ter que trabalhar..."
(frase de Seu Madruga...) :mwaha:
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$950,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo