1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Maurício de Souza vira imortal na Academia Paulista de Letras

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Fúria da cidade, 19 Mai 2011.

  1. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Só tenho uma palvra a dizer: merecidíssimo :D

    Levando em conta que tem muito imortal fazendo hora extra demais na ABL como o Sarney e o mestre dos quadrinhos agora foi lembrado na Academia Paulista. Antes tarde do que nunca.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Maurício de Souza vira imortal na Academia Paulista de Letras

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    “Agora eu posso até escorregar na casca de banana que ficarei incólume”, brinca o quadrinista Mauricio de Sousa. Na noite de hoje, em solenidade restrita a convidados, o pai da Turma da Mônica se tornará imortal. Ele vai tomar posse da cadeira 24 da Academia Paulista de Letras (APL) – e entrar para a história como o primeiro quadrinista do mundo a integrar uma academia de Letras.

    Sua eleição aconteceu em 2 de dezembro. Mauricio ocupará a vaga deixada pelo poeta e jurista Geraldo de Camargo Vidigal, morto em agosto. “Só agora está caindo a ficha”, admite o quadrinista. “Eu nunca esperava uma honraria como esta, até porque pouco tempo atrás as histórias em quadrinhos estavam no index da má literatura.”

    Por conta disso, aliás, a eleição de Mauricio despertou certa estranheza – até mesmo entre alguns acadêmicos. “O importante é que eu tinha um plano infalível que, ao contrário dos do Cebolinha, deu certo: meus gibis funcionaram e ainda funcionam como porta de entrada, fazendo as crianças começarem a gostar de leitura, de literatura.”
    Em 2008, o Ibope realizou uma pesquisa, encomendada pelo Instituto Pró-Livro, para descobrir quais eram os escritores brasileiros mais admirados de todos os tempos. Foram ouvidas 5.012 pessoas. Mauricio apareceu na décima posição, atrás de nomes como Monteiro Lobato, Vinícius de Moraes, Machado de Assis, Jorge Amado e Paulo Coelho, entre outros. Nas reuniões semanais da Academia, em sua sede no Largo do Arouche, no centro, Mauricio terá a companhia de escritores consagrados, incluindo Ignácio de Loyola Brandão, Lygia Fagundes Telles e Mário Chamie, entre outros.

    Popularidade. A APL já colhe os frutos de ter uma figura tão popular entre os seus. “Ele já deu e continuará dando visibilidade à nossa instituição”, afirma o presidente da Academia, Antonio Penteado Mendonça. “Sem dúvida, trata-se de uma das maiores aquisições da APL. Mauricio é um gênio, que consegue com maestria fazer a criança se interessar pela leitura.”
     
    Última edição: 19 Mai 2011
  2. Café

    Café O importante é o que importa

    Re: Maurício de Souza vira imortal na Academia Brasileira de Letras

    Também acho merecido....quem nunca leu algum gibi da turma da Mônica??
    Eu mesmo, cresci lendo os planos infalíveis do Cebolinha contla a Mônica...e foi onde comecei a gostar de leitura...:yep:
     
  3. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Re: Maurício de Souza vira imortal na Academia Brasileira de Letras

    Obs: o título do tópico quando visualizado antes de entrar saiu academia brasileira, mas é paulista. Só pra ficar bem esclarecido.
     
  4. Kainof

    Kainof Sr. Raposo

    Re: Maurício de Souza vira imortal na Academia Brasileira de Letras

    Sou muito mais o Sarney, hein.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  5. Indily

    Indily Balrog de Pantufas Fofas

    Re: Maurício de Souza vira imortal na Academia Brasileira de Letras

    A verdade é q não achei mto sentido de ser... mas gosto do cebolinha!
     
  6. Excluído045

    Excluído045 Banned

    Re: Maurício de Souza vira imortal na Academia Brasileira de Letras

    Também acho. Adoro os gibis da Mônica, fizeram parte da minha infância e tal, mas HQ é HQ, cartoon é cartoon, literatura é literatura. Vamos indicar Masashi Kishimoto e Masami Kurumada pra Academia Japonesa então. Acho que não tem muito a ver... :think:
     
  7. Elendil

    Elendil Equipe Valinor

    Já acho merecido! Meu primeiro contato com a leitura foi com a Turma da Mônica. Maurício me abriu as portas de um mundo maior!
     
  8. Raphael S

    Raphael S Desperto

    Existem certas coisas que nunca deveriam mudar... A Turma da Mônica é um exemplo.

    Eu odiei ele ter adolecenrbdtizado eles por isso este prêmio ele perderia se fosse por mim até uma retratação aos fãs que tiveram seus ídolos deturpados.

    By Raphael S
    RBD in Hell New Tour
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  9. Hobbit Bonzinho

    Hobbit Bonzinho Usuário

    Mas há exigência, na academia Paulista de quem entra tem que ter excelência em literatura propriamente dita?
    Digo isso, e sei muito bem que isso não é um BOM exemplo, pq, por exemplo, Collor entrou na academia de letras de alagoas só com artigos de jornais.
    Enfim, claro que quadrinhos é outro tipo de arte, mas com certeza é letras, considerando uma família maior de que literatura e quadrinhos são filhos.
    E pra completar, a última vez que me dispus a por as mãos numa edição de Turma da Mônica eu me senti completamente enojado.
     
  10. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    eu perguntei se ele achava que quadrinhos eram literatura, a resposta dele foi:

    ***

    Eu sou do time que acha que HQ é um negócio a parte, tipo querer dizer que cinema é literatura, não dá. Mas por outro lado a turma da mônica serviu de porta para a leitura para tanta, mas tanta criança que de repente nesse caso nem acho que está tão errado assim o cantinho do maurício na academia paulista. acharia merecido até na brasileira, btw.
     
  11. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Eu também acho que quadrinhos é uma coisa mais hibrida.
    Da mesma maneira que também costumo não classificar muito cinema como uma arte em separado. É apenas uma forma hibrida que mistura a arte cenica, a musica em alguns casos, etc.

    Mas tanto faz.
    O cara ralou muito na vida também. Deixa ser homenageado em paz.
     
  12. Raphael S

    Raphael S Desperto

    Creio que toda história escrita criada de forma única sem ser copiada linha a linha de outra existente é literatura. O livro escrito quando junta elementos visuais até certo ponto ainda pode ser considerado livro e se diferencia da HQ que seria uma outra categoria dentro da literatura. Minha opinião.

    By Raphael S
     
  13. Elring

    Elring Depending on what you said, I might kick your ass!

    Merecido! Seus personagens foram em seus próprios filhos e, por isso, causam uma identificação imediata nas crianças que estão tendo seus primeiros contatos com leitura e escrita. Qual criança não se diverte com o Cebolinha falando "elado"? Se isto não é uma forma de comunicação escrita, desisto de ler livros.

    PS: Só para lembrar, Neil Gaiman, criador de Sandman, causou frisson na Flip e é premiadíssimo por suas histórias. Assim como Alan Moore, um dos papas em roteiros de HQ e escritor de novels como O Monstro do Pântano e Watchmen.
     
    Última edição: 19 Mai 2011
  14. Jhulha

    Jhulha Lurker

    Que legal, os antigos gibis do Mauricio eram demais.
     
  15. Kainof

    Kainof Sr. Raposo

    Antes que alguém não entenda ironia... er... já não aconteceu, né?
    Enfim, pra mim, Maurício de Souza merece muito mais estar na ABL que o Sarney, isso que quis dizer. Ao menos o Maurício escreve/escreveu e incentivou pessoas a ler e contribuiu com a leitura e a literatura no país.
     
  16. Eriadan

    Eriadan Bears. Beets. Battlestar Galactica. Usuário Premium

    Adoro os gibis da Turma da Mônica mais antigos, até o ano de 2002 mais ou menos. Alguns eu já devo ter lido dezenas de vezes! É um dos meus passatempos lúdicos preferidos pra distrair a cabeça. De uns tempos pra cá foi perdendo roteiro: comprei uma do Cebolinha outro dia, depois de alguns anos, e não consegui me arrancar nem um sorrisinho. Chega fiquei aflito com as piadinhas forçadas e a ausência de finais.

    E também não gostei nem um pouco da ideia da turma adolescente. A turma da Mônica com seus eternos 6 anos de idade é uma marca. A historinha deles adolescentes é até engraçadinha, mas antes fossem personagens novos.
     
    Última edição: 19 Mai 2011
  17. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    Neil Gaiman quando chegou causando frisson na Flip já era muito mais do que "o autor de Sandman". Ele tem romances, coletâneas de contos e livros infantis publicados. Inclusive se eu não me engano ele veio para divulgar o lançamento de Coisas Frágeis aqui no Brasil.
     
  18. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Por mais que as histórias pra adolescentes não tenham agradado muito (e eu estou nessa também),eu acredito que a linha de produtos infantis da Turma da Mônica não vai morrer.
     

Compartilhar