1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Matthaus no Atlético-PR

Tópico em 'Esportes' iniciado por Fingolfin, 11 Jan 2006.

  1. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    E aí? Ele confirmou sua chegada.

    O Matthaus é conhecido por ter sido um dos melhores jogadores de sua geração mas ainda tem uma carreira não muito marcante como técnico.

    No entanto é valido como Marketing. É como ter o Romário no time. Ele peida, sai no jornal.

    Oq vcs acham disso? Será q ele se adapta ao futebol brasileiro onde um time joga 80 jogos por temporada? Será q ele vai trazer uma disciplina tática pro nosso futebol?

    Qual será o resultado disso tudo?
     
  2. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    Filha dele vai estudar no colégio da minha sobrinha :dente:

    O pior de tudo é que tem um quê de intimidação, pelo menos no caso dos times aqui do paraná. ele pode não ter uma carreira muito expressiva como técnico, mas o que eu estou vendo de coxa branca e paranista tremendo nas bases só porque "o Matthaus é o novo técnico do atlético" não tá escrito.
     
  3. Deriel

    Deriel Administrador

    Uma certa veneração, eu diria... "que foda, o Matthaus!"
     
  4. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Até aqui a curta carreira do Matthaus como técnico está praticamente idêntica ao do Falcão. Dois grandes jogadores do passado com grande conhecimento de futebol, mas que como técnicos ainda não conseguiram emplacar.

    Do que tenho acompanhado o Paulo Rink que jogou na seleção alemã e é idolo do CAP será o auxiliar e principalmente tradutor. Foi a melhor escolha.

    Seria interessante se ele conseguisse emplacar aqui aliando a técnica a disciplina tática que é a principal virtude do futebol alemão.

    Na minha opinião o time ideal pra ele começar a treinar no Brasil seria o Grêmio cujo estilo de jogo mais se aproxima de um time alemão, embora o CAP sendo um time do Sul não foge tanto.

    Não deixa de ser uma atração que nem mesmo a MSI ousou apostar.
     
  5. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    O grande apelo do Matthaus é q, até poco tempo (na época da Copa das Confederações mais ou menos), mtos torcedores e uma parte da imprensa alemã pediam ele para a seleção deles.....
    Pra substituir o Klinsmann porcausa dakeles argumentos q ele mora nos EUA, acompanha poco ao vivo os jogadores alemães, etc.....

    E, de repente, ele tá num time do Brasil.....

    E o q o Furia disse é verdade.....
    Em termos de impacto e marketing mundialmente falando, contratar o Matthaus barra qlq coisa q a MSI já fez.....Até a contratação do Tevez q ainda é mto poco pros Europeus e só veio como bomba por aki na Am. do Sul.....
    Problema é só ver se ele vai dar certo por aki como o Tevez fez.....Isso já é otra história.....
     
  6. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    Veneração merecida. Eu cheguei a parar pra pensar qdo eu iria a Curitiba novamente só pra tentar tirar uma foto com ele.
     
  7. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    Eu na verdade fiquei mais animadinha é com essa notícia do Paulo Rink :lol:
    Os caras também são fodas. Não basta pegar o Matthaus, ainda trazem um cara que já é lenda aqui no Paraná pelo que fez com o Atlético na época que fazia dupla com o Oséas. Elaiá, lá vem um ano difícil...
     
  8. the lonely bard

    the lonely bard Usuário

    saiu uma reportagem boa sobre a ida do mathaus para o atletico no globo aki no rio e tal, e os dirigentes do clube paranaense estao dizendo q querem q o atletico tenha estrututa e se pareça cada vez mais com um clube europeu...
     
  9. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Eu fico imaginando se o Matthaus estivesse treinando no lugar do CAP o Joinville o tamanho que seria o assédio, já que naquela região pelo menos ali o idioma não seria problema. Boa parte, senão a maioria tem o alemão como segundo idioma e até primeiro em alguns casos.

    Mesmo assim como a distância de lá até Curitiba é pequena acredito que vai ter um bom numero de alemães e seus descendentes pegando a estrada até Curitiba pra prestigiar o Matthaus na estréia.
     
  10. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    Pode não ser problema com os moradores mas com os jogadores seria sim. Creovalson, Edneilson e outros jogadores de nomes parecidos não necessariamente nasceram na região e mesmo q tivessem nascido provavelmente mal falam o portugues.
     
  11. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Normalmente jogadores que vem de outras regiões que vão jogar no Sul, principalmente os do norte-nordeste já sentem um grande desconforto quando vão jogar num clube de cidade com grande de colônia de estrangeiros, pois a impressão é de estar morando no exterior, principalmente nas cidades menores e vizinhas de Joinville onde a cultura alemã é muito mais presente.

    Se tivesse um técnico que tem como primeiro idioma o mesmo da cidade, o desconforto pros jogadores seria ainda maior. Causaria a impressão é que são jogadores que tem que aprender o alemão e não o técnico.

    É uma situação no minimo curiosa.
     
  12. Edrahil

    Edrahil Usuário

    O CAP é o melhor exemplo de marketing nos últimos 10 anos, no futebol brasileiro.

    Quando, na década passada, sofreu uma punição em função de uma suposta relação do Petraglia com escândalo de arbitragem, inicou-se uma onda de defesa do clube em Curitiba, onde os atleticanos assumiram de vez a camisa.

    Além disso, foi quando se iniciou a reforma (esse termo é pequeno, eu sei, mas deixem assim) na Baixada (agora Kyocera Arena). Vendeu-se pedacinhos da antiga, foi realizada uma grande campanha de marketing para trazer novos torcedores (houve um aumento realmente grande no número, principalmente com adesão de mulheres), o que acarretou em muita gente virando a casaca.

    Apesar do estádio ter sido construído com dinheiro público desviado pelo ex-governador Jaime Lerner, além de outros investidores (igrejas evangélicas, por exemplo - o que não vejo problema nesse exemplo), tornou-se um belo estádio, e ainda tem um dos melhores centros de treinamento no país.

    Enfim, no Brasil, o clube se tornou referência. O que acarretou disso? Novos investimentos apareceram, a marca Atlético Paranaense se fortaleceu, e fez boas negociações de jogadores, além de ter realizado uma boa estruturação no futebol, trazendo inclusive grandes atuações em campeonatos.

    O campeonato brasileiro de 2001 veio cedo, como reconheceu o Petráglia, por disse que o projeto era para que uns dois anos após fosse se tentar tal vitória.

    No entanto, chegou, e marcou o clube como um dos melhores do país.

    E o que tem isso haver com o Matthaus? Tudo. Não é um grande técnico, isso é verdade, mas é um nome respeitado no futebol mundial, o que já chama a atenção dos amantes do futebol para o clube.

    Ainda mais se pensarmos que se trata de um ano de Copa do Mundo, na Alemanha (país natal do técnico), e com certeza, muitos clubes europeus vão ficar de olho no clube para negociar jogadores.

    Digo que em termos técnicos o clube errou, pois não é um treinador que conheça o futebol brasileiro (manha de jogadores, falta de prossionalismo, etc.) a tal ponto de fazer uma boa atuação. Espero que minha língua se queime, e realmente o cara dê certo, mas para mim não passa de uma jogada de marketing.
     
  13. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Mas eu ovi uma opinião q eu axei interessante.....

    Q o Matthaus estaria vindo tb pra dar palpites e tentar modelar o Atl. Paranaense aos moldes da Europa em termos de categorias de base.....Já q todos sabem q o porte físico exigido lá e aqui são diferentes, a forma de se treinar é diferente, etc.....

    Ou seja, fazer uma fabriquinha de brasileiros ao gosto dos europeus (afinal, qtas vezes nós vemos os clubes europeus reclamando do porte fisico dos brasileiros q xegam lá e talz?)....
     
  14. Edrahil

    Edrahil Usuário

    Para isso ele não precisaria vir como técnico.

    Além do que, o jeito brasileiro de jogar éque faz sucesso.
     
  15. the lonely bard

    the lonely bard Usuário

    e um ponto interessante esse F.U.S.A., se vc pensar q todos os jogadores brasileiros q vao pra europa novos, fazem um super trabalho de fortalecimento muscular e tal... a midia q traz pra cima do clube tb e grande principalmente la fora... acho q a longo prazo, e, principalmente, se o trabalho for bem sucedido, vc vai ter uma exposiçao internacional do clube, q pode gerar lucros ainda maior...
     
  16. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Mas ele poderia vir como um manager q nem ocorre lá na europa (como o Fergunson no Man Utd).....
    Mesmo pq ele naum aceitaria vir se naum pudesse utilizar essa passagem pelo Brasil em seu curriculo de treinador.....



    Tipo, o jogador brasileiro é q faz o sucesso....E isso depende MTO mais da nossa condição social e das peladas nas ruas do q das categorias de base dos clubes.....

    É só ver como jogadores como o Ronaldo Fenômeno cresceram assustadoramente de produção depois de ter recebido o treinamento físico europeu na Holanda.....Ou o mesmo pro Ronaldinho Gaucho na França.....Ou o Kaká no Milan.....E, provavelmente, vai acontecer com o Robinho na Espanha.....
    E a forma de treinamento tb é diferenciado.....A forma de se fazer concentração é diferente.....A mentalidade q hj futebol se tem 14 titulares e naum só 11 (q tem q ser implementada na cabeça dos jogadores qdo novos)....etc....
     
  17. Edrahil

    Edrahil Usuário

    Mas Fusa, se o jogador começa a ter muito preparo físico desde moleque, ele fica duro, perde o molejo. Melhor é que vá magrelo (como os Ronaldos), e lá se faça o reforço muscular.
     
  18. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Bom....Eu num axo q preparo físico faça alguem ficar duro.....A não ser q seja uma preparação mal feita e extremamente exagerada (como kerer q um juvenil tenha a grossura da perna do RC, aí tb naum).....
    É só ver q por aki no Brasil a gente teve um bom exemplo de jogador franzino q fizeram um bom planejamento de preparo físico e ele se tornou o maior craque do Mengão de todos os tempos.....
     
  19. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    O Petraglia afirmou hoje que não vai trazer o Paulo Rink pra ser o axiliar. Um erro na minha opinião. Um jogador como o Paulo Rink, que conhece o CAP, conhece o futebol alemão e conhece o futebol brasileiro seria perfeito. Ele poderia fazer o Matthaus entender melhor o nosso futebol e fazer os jogadores entenderem melhor o futebol que o Matthaus quer passar pra ele e pra isso é preciso mais doq apenas um tradutor.
     
  20. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Mas a gente tem q ver o lance da multa do time q o Paulo tá ou o salário q ele exigiu.....
    Apesar de ser o Matthaus q esteja vindo, naum dá pra xamar o nome q ele bem entender e axar q o Atl Pr vai conseguir bancar.....
     

Compartilhar