1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Matemática

Tópico em 'Ciência & Tecnologia' iniciado por Luan Potter, 24 Jun 2007.

  1. Luan Potter

    Luan Potter Usuário

    Postei aqui pois foi o tópico mais apropriado que achei, já que não tem nenhum "Matemática", mais vamos logo a pergunta:
    Supondo que em determinado lugar, onde a gravidade seria de 10G, se eu jogasse um objeto à um metro de altura, qual seria a velocidade e o tempo que ele demoraria? Qual é a formula?:think: :think: :think:
     
    Última edição: 24 Jun 2007
  2. Haran Alkarin

    Haran Alkarin Usuário

    Isto seria Física, e não Matemática.

    A gravidade seria 10g? Ou -10 m/s², você se refere? (o sinal é negativo por que a gravidade puxa o objeto para baixo). O grama é medida de massa.

    O deslocamento é tido como a diferença entre a altura final e a inicial:

    ∆s = s - so = 0 - 1 = -1m

    É só aplicar nas fórmulas:

    v² = vo² + 2a∆s
    v² = 0² + 2(-10)(-1)
    v² = + 20
    |v| = √20
    v = +- √20
    v = +- 4,472135955 m/s

    A velocidade é negativa, já que a bola é direcionada para baixo.

    ∆s = vo∆t + a∆t²/2
    -1 = 0∆t + (-10∆t²/2)
    -1 = + (-5∆t²)
    -1 = -5∆t²
    -1/-5 = ∆t²
    √(1/5) = ∆t
    0,447213595 s = ∆t

    Ou por essa fórmula:

    v = vo + a∆t
    v = 0 + (-10∆t)
    -√20 = - 10∆t
    -√20 / - 10 = ∆t
    √20 / 10 = ∆t [elevando os dois lados da equação ao quadrado, resulta:]
    20 / 100 = ∆t²
    1/5 = ∆t²
    √(1/5) = ∆t
    0,447213595 s = ∆t


    Com essas três fórmulas você consegue resolver qualquer problema do tipo. Se estiver interessado estude Mecânica, é bastante interessante.
     
    Última edição: 24 Jun 2007
  3. Elminster

    Elminster Usuário

    Eu gosto de todos os campos da Física, menos elétrica :blah:
     
  4. Excluído001

    Excluído001 Excluído a Pedido

    Odeio eletromagnestismo.
    ><
     
  5. Beriadar

    Beriadar And I will see it all before

    Também da pra fazer com a lei de conservação de energia, não é?

    Se na altura h = 1 metro eu tenho de energia potecial mgh, ou seja, 10 vezes a massa, eu terei quando o objeto cair no chão (mv²)/ 2.

    (mv²)/ 2 = mgh
    mv² = 2mgh
    v² = 2gh
    v² = 20 (numa altura de 1 metro)
    v = 4,4721 m/s

    É um conceito mais geral, pelo menos pra achar a velocidade que ele toca o solo.
     
  6. Haran Alkarin

    Haran Alkarin Usuário

    Nunca estudei eletromagnetismo. Sou totalmente ignorante neste assunto. E olha que eu quero cursar física, hein.

    Sim.

    v² = vo² + 2a∆s

    Veja que na realidade é quase a mesma fórmula. G é a aceleração da gravidade e h é o deslocamento. =]
     
  7. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Eletromagnetismo costuma pegar muita gente no pé, principalmente no ciclo básico, porque é a matéria mais bem fechada dada nesse período. A mais rigorosa e que necessita de um real conhecimento da matéria.
    Diferente de Física 1 que não passa de uma embromação para as matérias futuras de Mecanica Clássica I, II e III. Física II que é um apunhado de matérias desconexas que são vistas mais tarde também (termodinâmica e fisica estatistica, hidrodinamica, etc). E Fisica IV que também é outro apanhado de matérias desconexas (Relatividade, MQ, ótica).
    Apenas Fisica III que há um aprofundamento um pouco maior. Que depois apenas é visto com uma matemática mais robusta em cursos no ciclo profissional.
     
  8. Beriadar

    Beriadar And I will see it all before

    Essa matéria miserável é só a que falta pra eu concluir o curso (Física II). As matéria é eltromagnetismo mesmo, e eu to me arrasando. Vou repetir pela segunda vez se o professor não for muito bonzinho.
     
  9. Rise from Darkness

    Rise from Darkness NightWalker

    Que isso gente, porque tanto preconceito contra o eletromagnetismo? Tá certo que é um assunto complexo e difícil, especialmente porque estudar todas as ações e reações do efeito de uma bobina num circuito elétrico é realmente indigesto...(e colocando capacitores, aí é fria...)

    Mas tenham a visão macro da coisa, pois após passar por essa fase indigesta aí vem a parte legal da coisa, que é o fruto do trabalho... gente, eletromagnetismo dá dinheiro...
     
  10. Luan Potter

    Luan Potter Usuário

    Minha profª de matemática me deu um livro que dizia que a gravidade era 9,81 m/s², então cada segundo que o objeto cair, acrescenta-se 9,81m/s em sua velocidade.
     
  11. Haran Alkarin

    Haran Alkarin Usuário

    Sim, é aproximadamente 9,8 mesmo, mas em exercícios costuma-se arredondar para 10.
     
  12. Rise from Darkness

    Rise from Darkness NightWalker

    Perai, falta analisar a relação massa/atrito atmosférico/aerodinâmica...???

    Se bem que no colégio, que eu me lembre, calcula-se isso desprezando o atrito, né? (vácuo)

    Assim não tem graça e fica muito simples!
     
  13. Haran Alkarin

    Haran Alkarin Usuário

    Então tome a liberdade de calculá-los, ora, considerando coeficientes arbitrários a respeito da resistência do ar e etc.

    A-há, agora quero ver. :dente:
     
  14. Rise from Darkness

    Rise from Darkness NightWalker

    Compreendo, os cálculos são complexos, mas não deixam de ser fascinantes.

    E para começar, não precisamos inserir TODOS os parâmetros e variantes existentes. Podemos começar com inércia total atmosférico, densidade atmosférica homogênea, peso e a normal equivalentes, etc.

    Mas quanto mais jogamos as variantes, mais intrincado e excitante fica! (e mais útil, por exemplo para a indústria automobilística, a aviação, a energia aeólica, a energia hidrelétrica, etc, etc, etc. Vamo estudar e quem sabe faturar uns cobres, filhotes!!
     
  15. ExtraTerrestre

    ExtraTerrestre Usuário

    Nem todas as variáveis precisam ser consideradas, mesmo. Claro que isso, num nível mais profundo, é considerado, e em objetos em rotação gera uma deflecção responsável pelas bolas curvas do beisebol, mas...
    Quanto ao Eletromagnetismo, tive que estuda-lo de forma um pouco mais profunda, com corrente alternada, números imaginários e tal. O foda é que a verdadeira explicação do eletromagnetismo e seus sentidos de deflecção têm origens na relatividade e é algo complicado (essa parte eu só vi quando fui pesquisar na Wikipédia XD), por isso a excitação de uma bobina é a coisa mais 'Deus Disse' que já vi se ensinar numa aula de Física.
    Quanto a Matemática, eu gosto mais dos conceitos, e menos das contas, pois sou muito desorganizado pra fazer cálculo. Aliás, pra tudo...
     
  16. Rise from Darkness

    Rise from Darkness NightWalker

    :lol: Pois é... Eletromagnetismo é uma loucura total, mas a excitação e todas as variantes de uma bobina e sua s implicações e efeitos nuncircuito eletromagnético são fascinantes.

    É isso mesmo. O brilho da matemática são os conceitos e suas aplicações praticas para explicar o que está ao nosso redor. Eu considero a matemática como uma ferramenta poderosa e confiável para os mais diversos ramos da ciência. Apenas uma folha recheada de equações e fórmulas não me encanta tanto...
     
  17. Primula

    Primula Moda, mediana, média...

    OK, parem de viajar na maionese, isso é cinemática comum!

    Daqui a pouco vão começar a pensar em velocidade de escape, a aplicar a relatividade no espaço tempo deformado pelo corpo que gera esse tipo de gravidade, etc..
     
  18. Rise from Darkness

    Rise from Darkness NightWalker

    Então o Haran Arakin respondeu:

    0,44 s e 4,47 m/s
     
  19. ExtraTerrestre

    ExtraTerrestre Usuário

    Pois é. Me deu até raiva quando retiraram, pelo menos por aqui, o conceito de derivada do Ensino Médio. Como conceito é importantíssimo! Ainda mais para explicar algumas fórmulas da Física...
     
  20. Rise from Darkness

    Rise from Darkness NightWalker

    Igualmente o que acontece com a Eletrônica e a Informática, os estágios iniciais da educação nessas áreas perde-se um tempo precioso esmiuçando-se o porque e como de equações e fórmulas que no meio prático são pouco usadas.

    Você mencionou as derivadas, que são importantíssimas, precursoras do entendimento das integrais. Aliás, muitos cálculos longos e desnecessários (e até praticamente impossíveis) são poupapos com o cálculo das integrais, que simplifica, agiliza e é mais abrangente. A engenharia que o diga.
     

Compartilhar