1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Marvel Age: Uma nova linha de HQs

Tópico em 'Quadrinhos' iniciado por Ecthelion, 9 Jan 2004.

  1. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Marvel Age: Uma nova linha de HQs
    9/1/2004

    Em março, chega às comic shops americanas Marvel Age Spider-Man, o primeiro título da mais nova linha de gibis da Marvel. De acordo com o gerente de vendas da Marvel, David Gabriel, a principal motivação por trás da Marvel Age é simples: atrair novos leitores para os gibis da editora. Por “novos”, entenda-se “jovens”. Preferencialmente crianças a partir dos seis anos de idade e aquela faixa de público adolescente que ainda não alcançou a maturidade necessária para acompanhar os títulos da linha Ultimate.

    A idéia por trás de Marvel Age é recontar algumas das maiores (ou mais importantes) histórias de alguns dos principais personagens da editora, fazendo algumas adaptações para o público atual. Parece que já vimos isso antes, não? Talvez no próprio Universo Ultimate? Gabriel garante que a coisa funcionará de forma diferente desta vez. “A linha Ultimate é uma reformulação das histórias para uma nova audiência, modernizando-as de forma a dar-lhes o ar de um blockbuster. Em Marvel Age estamos tentando ser mais simples e contar novamente as histórias originais dos anos 60 de uma forma moderna”.

    Gabriel continua, dizendo que o Homem-Aranha foi a escolha mais óbvia para inaugurar a nova linha, pelo fato de ser um personagem bastante familiar. O sucesso de Marvel Age, segundo ele, depende do poder da Marvel de atrair não só a atenção das crianças, como também de seus pais. Afinal, são eles que tem o poder de decisão final sobre o que querem que seus filhos leiam ou não.

    Ao contrário da linha Ultimate, a primeira edição de Marvel Age Spider-Man não contará, de novo, a origem do herói aracnídeo. “A primeira edição mostra o primeiro encontro do Homem-Aranha com o Abutre. Vamos iniciar com o começo da série do Homem-Aranha. Stan (Lee) e Steve (Ditko) realizaram um grande trabalho naquelas primeiras histórias, então seguiremos a ordem estabelecida por eles. Com isso em mente, uma das coisas que sentimos é que sua origem foi contada e recontada tantas vezes (...) que resolvemos não incomodar os leitores. Por isso vamos começar pela primeira aparição de um de seus inimigos”.

    Ao roteirista Daniel Quantz, um novato nos quadrinhos, caberá a tarefa de prover os textos de Marvel Age Spider-Man, cuja arte ficará a cargo de Mark Brooks. David Gabriel explicou que, basicamente, o trabalho de Daniel é dar um ar de modernidade aos diálogos e linguagem usada na história, sem alterar demais ou complicar a narrativa visual estabelecida originalmente.

    Outro diferencial nas revistas de Marvel Age é o fato de que praticamente todos os seus gibis conterão histórias fechadas, algo que vem sendo requisitado pelos leitores desde que a Marvel instituiu uma política de trabalhar apenas com arcos de histórias. Serão raras as edições que trarão o famoso “continua” na última página.

    Além do Homem-Aranha, o Quarteto Fantástico também está nos planos da Marvel Age e seu título estreará em abril. Ao contrário do Aranha, no entanto, o Quarteto terá sua história recontada e devidamente modernizada para o público atual. No entanto, essa origem estará bem ligada aos conceitos originais que Stan Lee e Jack Kirby criaram para a série. Sean McKeever (Inhumans) será o escritor da série, que terá arte de Makoto Nakatsuka. Outros heróis da Marvel também devem estrelar títulos na Marvel Age, apesar da afirmativa de David Gabriel que não é intenção da editora recontar as histórias de todos os seus personagens nem adaptá-los para uma audiência mais jovem.

    A primeira edição de Marvel Age Spider-Man chega às comic shops em março. Marvel Age Fantastic Four começa a ser publicado em abril.

    fonte:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  2. Heruost

    Heruost Banned

    Golpe publicitario le diz alguma coisa? :wink:
     
  3. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    busca de novos fãns.... :wink:
     
  4. Paulo

    Paulo Cabeça de Teia

    Não parece nada tão ruim. Claro que é feito para gerar lucro, tudo é hoje em dia, mas se cumprir o objetivo de atrair novo leitores já é uma empreitada digna de nota. Se não, bem, pelo menos foi uma tentativa.

    O que me preucupa é a "nova abordagem" que darão às histórias clássicas do Aranha, adaptar para a faixa etária citada não é tarefa fácil e essas histórias justamente por serem antigas estão cheias de referências que vão ter que ser modificadas.

    Espero pra ver e até fico curioso em relação ao resultado final.
     
  5. Heruost

    Heruost Banned

    Curiosidade eu tb tenho, mas é mórbida... 8-)
     
  6. Lord Ashram

    Lord Ashram Denny Crane

    Essa foi a desculpa que eles deram p/ a linha Ultimate.
    Acho que não cola em mais uma linha. :roll:
     
  7. Heruost

    Heruost Banned

    Mas ao mesmo tempo, a Ultimate deu certo......
     
  8. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    é marketing com a velha desculpa de busca por novos fãs....
    a marvel tá tentando dar a volta por cima já q cada vez menos se lê gibis.... :(

    eu não sou muito fã não.... :wink:
     
  9. Heruost

    Heruost Banned

    Eu não to falando em gosto, Ecthelion, eu to falando em sucesso COMERCIAL :roll:
     
  10. Lord Ashram

    Lord Ashram Denny Crane

    Claro que deu.
    Mas naõ é dando a mesma desculpa p/ cada selo criado que eles vão alcançar novos fãs e vender mais.
    Por mais que americano seja burro, um dia eles vão ver que isso é só jogada e vão deixar de ser idiotas (nesse ponto pelo menos).
     
  11. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    eu sei...só disse q p mim não deu certo pois eu não gostei ué... :roll: :wink: :lol:
     
  12. Heruost

    Heruost Banned

    nO caso, como eu disse antes, estamso falando de sucesso comercial e não de opinião, em suma, nào importa se você gostou ou nào...
     
  13. Goba

    Goba luszt

    Mesmo que funcione comercialmente, acaba só atraindo fãs novos até aquela coleção. Não conheço muitas pessoas que se tornaram fãs de HQ através de golpe comercial. :think:

    Mesmo que funcione, creio que deva acabar rápido. Vai atrair os fãs que vieram do filme, e esses só vão querer mais filme ao invés de ler as HQs. Ou então isso é só pessimismo meu, mas ainda num gosto muito desses golpes comerciais.
     
  14. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    q não atraem fãs antigos (como eu) de uma forma sensata.... :wink:

    ps. Heruost, eu sei o q significa comercialmente e sucesso... :lol:
     

Compartilhar