1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Marta Suplicy vê retrocesso no combate à homofobia

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Morfindel Werwulf Rúnarmo, 10 Jun 2012.

  1. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    A senadora Marta Suplicy (PT-SP) criticou neste domingo (10) a demora na votação do projeto que criminaliza a homofobia no país. Durante entrevista coletiva que precedeu a abertura da 16.ª Parada do Orgulho LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais), na capital paulista, Marta disse que é um "retrocesso" o fato de o assunto não ter sido votado no Congresso após 16 anos de edições da Parada Gay. Neste ano, o tema escolhido pelos organizadores foi "Homofobia Tem Cura: Educação e Criminalização".

    Marta é relatora na Comissão de Direitos Humanos do Senado do projeto de lei 122/06, que criminaliza a homofobia no Brasil. O projeto foi apresentado originalmente pela então deputada Iara Bernardi (PT-SP) em 2001. Só no Senado a tramitação já dura seis anos.

    Ao ser questionada sobre a razão da ausência no evento do pré-candidato petista a prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, Marta, vestida com uma jaqueta de paetês prateados - "que a ocasião pede" -, foi evasiva.

    Perguntada se o fato de Haddad não participar da parada era um modo de evitar perda de votos entre evangélicos, segmento do eleitorado no qual é questionado por haver proposto o kit anti-homofobia quando era ministro da Educação, a senadora disse:
    afirmou, sem citar diretamente Haddad.

    O ministério, na época de Haddad, chegou a preparar material composto de vídeos, boletins e um caderno que trabalhava o tema do homossexualismo em sala de aula e no ambiente escolar. A distribuição do chamado kit anti-homofobia, no entanto, foi suspensa pela presidente Dilma Rousseff após protestos das bancadas religiosas no Congresso.

    Ao lado do prefeito Gilberto Kassab (PSD) na entrevista coletiva, Marta foi cordial ao criticar a ausência de programas de educação sexual no ensino público municipal que preguem respeito à diversidade sexual.

    lembrou a ex-prefeita.
    disse.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  2. Tar-Mairon

    Tar-Mairon DARK LORD AND LOVING DAD

    .

    Não creio que a presidente compre esta briga, não com os ânimos tão exaltados na bancada religiosa.

    .
     
  3. Indu

    Indu MANDALORIAN

    O Mene falou em um outro tópico que em breve o brasil será um pais evangélico. Ao bem da verdade, até penso nas consequências de uma doutrina tão forte (lê-se conservadora) misturada as decisões politicas.
    Acho a Marta uma escrota sem limites, porém nisso devo concordar com ela, o governo está colocando panos-quentes em cima da situação, e cada vez mais estamos vendo os casos se alarmarem.
     
    • Gostei! Gostei! x 5
  4. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Parece que estamos retrocedendo, e de um jeito bem sutil, onde os menos atentos não percebem a armadilha que se aproxima.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  5. Tar-Mairon

    Tar-Mairon DARK LORD AND LOVING DAD

    .

    Nada demais, eles apenas estão irritados com as derrotas que sofreram no STF, não há causa para alarme.

    .
     
  6. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Também não tenho nem de longe a menor simpatia por ela, mas nessa questão está absolutamente certa.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  7. General Artigas

    General Artigas Não tá morto quem peleia

    Parada gay é um show de horrores. Participar dela só pra fazer bonito pro eleitorado é muita cretinice, mas vamos relaxar e gozar do momento, né, Marta?
    Mas, fora isso, aqueles vídeos do tal kit anti-homofobia eram muito podres, sinceramente. E eu achava que homofobia já era crime. Aliás, preconceito não é crime já? Que mania de inventar uma lei diferente pra cada ângulo do mesmo problema.

    A Marta Suplicy tá com dor de cotovelo porque o Lula deu um chega pra lá nela preferindo "fazer o novo" com o Haddad, mas a falta de programas (decentes, diga-se de passagem) contra o preconceito (todas as formas dele) é terrível. Mas vamos aumentar a Sapucaí e jogar bola que vai dar tudo certo, gente o/
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  8. Nevrast

    Nevrast Usuário

    Já fazendo um paralelo com a novela que foi, quer dizer; que é, o código florestal; ela quase nunca se acusa... Sempre fica no muro, é claro! Afinal, ela quer se garantir com os votos tanto do lado dos ambientalistas quanto dos ruralistas. (Ela sempre desliza um "pouquinho" pro lado ruralista)
    Acho a mesma coisa sobre essa lei do PL 122.
     
  9. Elriowiel Aranel

    Elriowiel Aranel Usuário

    Tbm não suporto ela... mas quanto a isso tenho que discordar, Veda. Verdade que ela é política... mas ela já era sexóloga antes de entrar na política e SEMPRE esteve engajada nesse tipo de causa. (só esclarecendo... eu jamais votaria nela, pq voto envolve muitas outras questões!!!)
     
  10. Fausto

    Fausto Lovely head

    Esse título que o UOL deu pra matéria é tão malfeito que parece dizer o contrário: "Martha Suplicy considera um retrocesso o combate à homofobia".
     
    • Gostei! Gostei! x 3
  11. Elriowiel Aranel

    Elriowiel Aranel Usuário

    Pensei a mesma coisa quando vi o nome do tópico e achei super estranho vindo dela.
     
  12. General Artigas

    General Artigas Não tá morto quem peleia

    Notem a resposta dela a essa pergunta, ela praticamente chama o cara de homofóbico por não ter ido no desfile gay. Se ele preferiu não ir pra pegar os votos dos crentes, ou porque tava com caganeira e não queria sair de casa com a merda escorrendo pelas pernas, problema dele.

    Essa mulher tá muito da sem vergonha por ficar acusando os outros assim. Quem proibiu a distribuição dos kits anti-homofobia (sabiamente, porque os kits estavam uma bela porcaria) foi a nossa querida (ou não) presidente Dilma. O cara até tentou esse programa contra a homofobia, mas foi podado, até onde eu sei.

    E ela quando tava no ministério durante o caos dos aeroportos só soube mandar o povo relaxar e gozar.
     
    Última edição: 17 Jun 2012
    • Gostei! Gostei! x 1

Compartilhar