1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Mãe! (Mother!) - 2017

Tópico em 'Cinema' iniciado por G., 9 Ago 2017.

  1. G.

    G. Ai, que preguiça!

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Direção e Roteiro: Darren Aronofsky

    Elenco: Jennifer Lawrence, Javier Bardem, Ed Harris, Michelle Pfeiffer, Domhnall Gleeson, Kristen Wiig

    Sinopse: Um casal tem o relacionamento testado quando pessoas não convidadas surgem em sua residência acabando com a tranquilidade reinante.

    Trailer:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Estreia no Brasil: 21/09

    -------- -------------------

    Caramba, só com esse trailer to me cagando de medo :rofl: acho que esse pode ser o melhor terror do ano, hein?
     
    • Gostei! Gostei! x 2
    • Ótimo Ótimo x 1
  2. Clara

    Clara Que bosta... Usuário Premium

    O que será?
    Achei uma vibe meio "Bebê de Rosemary". :pipoca:
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  3. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Quando vi o título até pensei que a personagem principal ficasse grávida, mas o trailer e a sinopse não deixam claros isso. Aí sim seria uma inspiração total em "Bebê de Rosemary", se bem que há tempos rola especulação que este terá uma nova versão.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  4. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    eu também, mas deixei quieto porque eu achei que poderia ter sido influenciada por esse artigo aqui >>
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  5. Fëanor

    Fëanor Fnord Usuário Premium

  6. Bruce Torres

    Bruce Torres Let's be alone together.

  7. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    • Ótimo Ótimo x 2
    • Gostei! Gostei! x 2
  8. Fëanor

    Fëanor Fnord Usuário Premium

    • Ótimo Ótimo x 1
  9. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    putz, só falta o filme vir com um twist tipo "ela estava morta o tempo todo".
     
    • LOL LOL x 4
  10. Fëanor

    Fëanor Fnord Usuário Premium

    Esse "seeing is believing" no pôster me fez pensar que a ideia é que se passa tudo na cabeça dela. Aí em algum momento a paranóia leva ela a incendiar a casa. Mas seria meio óbvio demais. Espero que o Aronofsky tenha alguma boa surpresa guardada.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  11. Bruce Torres

    Bruce Torres Let's be alone together.

    • LOL LOL x 5
  12. fcm

    fcm Visitante

    queridinha de Hollywood, já tá pintando mais um oscar...
     
  13. Clara

    Clara Que bosta... Usuário Premium

    Tá loco que o Javier Bardem tem perfil de homem-peixe!
    "Innsmouth look" :neutral:
    --- Mensagem Dupla Unificada, 9 Ago 2017, Data da Mensagem Original: 9 Ago 2017 ---
    E essa imagem dos posters faz lembrar mais imagens religiosas católicas (além do "mãe" do título) talvez tenha a ver com algo do tipo "pessoa perfeita e boa demais pra ser verdadeira ou normal". :/
     
  14. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Esses últimos posteres me fez lembrar de Stepford Wives. Parece uma boneca de porcelana rachada.
     
    • Ótimo Ótimo x 1
    • Gostei! Gostei! x 1
  15. G.

    G. Ai, que preguiça!

    • LOL LOL x 1
  16. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    ou vai ter twist de shyamalenko e a gente vai tudo xingar muito aqui
     
    • LOL LOL x 3
  17. Bruce Torres

    Bruce Torres Let's be alone together.

    Disseram a mesma coisa de O Regresso só porque o vegetariano comeu carne crua. ¬¬
    --- Mensagem Dupla Unificada, 9 Ago 2017, Data da Mensagem Original: 9 Ago 2017 ---
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Esse pôster é demais mesmo.
    Queria socar quem teve a ideia pro remake.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  18. G.

    G. Ai, que preguiça!

    Wow!!!!!
    Esse parece que salva o ano mesmo, hein

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    An incendiary religious allegory, a haunted-house horror, a psychological head trip so extreme it should carry a health warning and an apologia for crimes of the creative ego past and not yet committed, it’s not just Aronofsky’s most bombastic, ludicrous and fabulous film, spiked with a kind of reckless, go-for-broke, leave-it-all-up-there-on-the-screen abandon, it is simply one of the most films ever.
    [...]
    By the time the film has morphed into a bizarre, noisy, extraordinarily rendered literalization of the most barbaric of Christian rituals, and a balls-to-the-wall acknowledgement of the utter monstrousness of the male creative ego, you will have seen one of our most talented filmmakers act like he’s got nothing to lose, like he’s scooping up everything he’s ever done before and firing it into the sun. In that crucible, the metaphysics of “The Fountain” fuses with the trippiness of “Requiem For a Dream” and the biblical fantasy of “Noah,” and grafts itself onto the hysteria-horror of “Black Swan” and the sheer mindfuckery of “Pi” and the beast that emerges is still something completely new in his canon, as well as anyone else’s. The easily offended, those prone to tachycardia and of course pregnant or breastfeeding women may want to avoid it, but as the inevitable boos that rang out long and lustily in its Venice press screening confirm “mother!” is something truly magnificent, the kind of visceral trash-arthouse experience that comes along very rarely, means as much or as little as you decide it does, and spits you out into the daylight dazzled, queasy, delirious, and knock-kneed as a newborn calf.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  19. Bruce Torres

    Bruce Torres Let's be alone together.

  20. Clara

    Clara Que bosta... Usuário Premium

    Maisen @G. ? o_O

    Veneza: «Mother!», de Darren Aronofsky, é vaiado
    Grandes chances de ser um Bb de Rosemary e/ou um final "tarra todo mundo morto o tempo todo" ?
    Agora quero assistir só pra saber. :dente:
     
    • LOL LOL x 2

Compartilhar