1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Eleições 2006 Lula desiste de participar de debates na TV no 1º turno

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Pippin, 27 Jul 2006.

  1. Pippin

    Pippin Hobbit

    O que vcs acham do Lula não participar dos debates?

    Acredito que se ele não for, dará a impressão de estar com medo. Os candidatos não deixarão de atacá-lo, a todo momento aparecerá a cadeira vazia, e em toda volta de intervalo: ´´O presidente Lula foi convidado, mas...´´




    Lula desiste de participar de debates na TV no 1º turno
    27/07/2006 - 09:36
    Fonte: Folha On Line


    O presidente Luiz Inácio Lula da Silva já informou a seus assessores, agora de maneira definitiva, que não participará de debates na TV durante a campanha presidencial. Se a eleição tiver segundo turno, a decisão poderá ser revista.

    O petista repete a mesma estratégia usada por Fernando Henrique Cardoso, que disputou duas eleições presidenciais (1994 e 1998) e não participou de debates. Em 2002, Lula foi à TV, mas o PT conseguiu reduzir o número de debates.

    Lula diz acreditar que se o debate for realizado sem a sua presença - e com uma cadeira vazia no estúdio, como tem anunciado a TV Globo -, o dano eventual será menor do que ficar exposto ao ataque ao vivo de todos os adversários juntos.

    Pelo formato pré-negociado entre os presidenciáveis e a TV Globo, uma das emissoras que faria o debate, apenas quatro candidatos participariam: Lula, Geraldo Alckmin (PSDB), Heloísa Helena (PSOL) e Cristovam Buarque (PDT).

    Se o debate acabar acontecendo só com os três concorrentes mais diretos de Lula, a possibilidade, na avaliação da cúpula lulista, é que a situação será delicada para Alckmin e Heloísa Helena.

    Em tese, haveria um pacto de não-agressão entre o tucano e a candidata do PSOL. Ocorre que o eleitorado de Heloísa Helena certamente perceberia essa tática e isso deixaria a senadora em risco de perder votos. Se o acordo não for firmado, Alckmin então passará a ficar sujeito aos ataques verbais de Heloísa Helena, ao vivo, o que pode também não ser um bom negócio para o tucano.

    Sem Lula, acreditam alguns petistas graduados, o debate tenderia a perder audiência depois dos primeiros 15 minutos. O saldo, nessa interpretação lulista, seria a favor do presidente que busca a reeleição.

    Lula - que ontem esteve na cidade de Santos Dumont (MG) para comemorar o centenário do vôo do avião 14 Bis-- e sua equipe de campanha voltaram a acreditar na hipótese de liquidar a eleição no primeiro turno - depois da divulgação da pesquisa Ibope, que coloca o petista com 44% e seis pontos à frente de todos os outros adversários somados.

    Em público, contudo, o discurso continuará o de que todos trabalham com um eventual segundo turno para evitar demonstrar muito otimismo.
     
  2. jean

    jean Shhhzup!

    A estratégia do apedeuta é - pasmem - inteligente.
    A assessoria petista sabe que ele não consegue completar uma frase sem comprometer-se de alguma maneira.

    O pior é que o sujeito vai se reeleger mesmo com essas manobras evasivas.

    Deve estar com trauma do couro que levou do Garotinho no último debate.
     
  3. Tisf

    Tisf Delivery Boy

    O FHC fez o mesmo, o Serra fará o mesmo para o Governo de São Paulo e o Lula também para Presidência. É estatégia de quem está bem na frente. Mesmo assim seria interessante ver a HH com o Lula no debate
     
  4. Phantom Lord

    Phantom Lord London Calling

    Lamentável esta decisão do Lula,deveria deixar de ser tão cauteloso(para
    não dizer covarde)e participar do debate para enriquecer a disputa eleitoral.
    Justo o Lula que sempre defendeu a discussão entre todos os setores
    da sociedade,foge da raia em um debate.
     
  5. Orion

    Orion Jonas

    ele tá certo.

    estratégia de campanha. o alckmin tá no caminho inverso, porque ele precisa ter a imagem dele o máximo na televisão, daí ele estar aparecendo em programas como o jornal da band de ontem.
     
  6. Omykron

    Omykron far above

    a logica dele e dos canditados condiz com o pq de nao ir no debate.

    se ele vai, cai HH, Cristovam e o "careca-frustrado" geraldo ackmin.
    nao indo, deixa o pau quebrar entre a HH e o careca.

    deixa eles se degladiarem, que ele sai no lucro.
     
  7. Eriadan

    Eriadan Bears. Beets. Battlestar Galactica. Usuário Premium

    Ridículo. Demonstra que as mãos dele certamente não estão limpas. O moderador não permite demasiada fuga ao tema das perguntas (bem, talvez contra Lula Bonner permitisse), mas os candidatos vão aproveitar pra meter bala em Lula nas entrelinhas de seus discursos, sendo que ele não estará lá para sequer ter o direito de resposta. Assistentes com menos senso crítico provavelmente se deixarão levar mesmo por denúncias sem fundamento.

    Que pena, eu adoraria ver Lula e Heloísa Helena se enfrentando no debate.
     
  8. Metz

    Metz ...

    Cagão

    Ele e todo mundo que utilizar essa estratégia.


    A única coisa que eu esperava nos debates eram os ataques da Heloisa Helena nele, o melhor é ir dormir mais cedo no dia.
     
  9. Logan Mcloud

    Logan Mcloud Usuário

    é logico q ele nao iria aos debates, nao consegue falar coisa com coisa. sem duvida destruiriam ele nos debates....
     
  10. Miguêz

    Miguêz You talkin' to me?

    Fugindo da raia vai ser melhor pra ele, pois mesmo sofrendo ataques sem o direitode defesa e a imagem de cagão que irá passar o debate irá perder uma audiência significativa, já que entre todos os candidatos Lula é o mais popular e outros motivos seria mais interessante ver o Lula rebater as críticas que sofreria (e sofrerá) do que assistir a uma briga entre os outros, que sem dúvida será mais danoso aos presentes, a não ser que eles firmem um acordo de não agressão e concentrem os ataques no Lula.
     
  11. Sarcasmo

    Sarcasmo Funfamento

    Tb acho que ele fez o certo. Deixa os outros se engaufinharem.

    O que vi naquele debate foi uma série de acusações, boa parte deles falsas, no qual o Garotinho tentou de tudo e mais um pouco pra se monstrar o sabido. O Lula se esquivou mto bem. O Carotinho é o pior de todos em debates. Vide o que acontece na Band a uns meses atrás. " A previdencia é superavitária"
     
  12. Coiote

    Coiote Fallin´

    O presidente só pode ganhar essas eleições cultivando a sua própria imagem de líder com voz direta com o povo e a imagem idealizada do seu prórpio governo que vem criando desde de que iniciou a campanha (na posse)e principalmente depois da crise.Ir a debates ,portanto, é incoerente com isso.Como ele não pode escapar dessa lógica,ele tem que se esforçar pra mantê-la.
     
  13. Lordpas

    Lordpas Le Pastie de la Bourgeoisie

    Cagão?

    Alguém se lembra do que aconteceu nas eleições Collor vs. Lula?

    Desculpa, mas nem sempre os debates são vitais, basta olhar para o que a maioria queria aqui, o grande circo das convicções latejantes.
     
  14. Eriadan

    Eriadan Bears. Beets. Battlestar Galactica. Usuário Premium

    Não acho que o mais provável seja os outros candidatos se engalfinharem. Lula ainda é o primeiro das pesquisas, todos vão estar interessados em exatamente convencer a população em não votar nele; ao mesmo tempo em que tentarão atrair esses votos. 5% dos votos que são atualmente de Lula podem fazer toda a diferença no resultado.
     
  15. Lordpas

    Lordpas Le Pastie de la Bourgeoisie

    Mas Lula sabe que MUITO provavelmente ele vá para o segundo turno.

    E no segundo turno, tudo indica que ele participe de debates por ter, no mínimo, o mesmo tempo que o adversário para se defender. Fato que não aconteceria no Primeiro turno.
     
  16. Tonho Hammond

    Tonho Hammond Molusco

    previsível pacas. TODO MUNDO que esta ganhando faz isso.

    falha técnica das especificidades do TRE.

    espero que a Heloísa use esse espaço pra comer o Alckmin e ir pro segundo turno.
     
  17. Almië

    Almië cute as a button

    "É melhor ficar quieto e deixar que as pessoas pensem que você é um idiota do que abrir a boca e fazer com que elas tenham certeza"

    De fato.
     
  18. Maglor

    Maglor Lacho calad! Drego morn!

    Os candidatos à reeleição, ou seja, os que já estão no cargo e querem apenas continuar nele, têm uma série de restrições para que a vantagem natural de estarem de posso do aparelho estatal seja minimizada. É o caso do Lula. É notório que um candidato que já está no poder, que contou com 4 anos de propaganda legal da própria União, com verbas públicas, de ter recebido atenção (positiva e negativa) da mídia por todo esse tempo tem vantagem em uma eleição: por isso ele tem restrições - reiterando.

    Eu, pessoalmente, entendo que alguém que recebeu um mandato democraticamente, se não tem obrigação legal nenhuma nesse sentido, deve no mínimo, por ser de bom tom e eticamente exigível, prestar esclarecimentos públicos perante a imprensa. Políticos que nós adoramos falar mal fazem isso, como o Bush filho. Isso não é nenhum favor, deve ser um dever moral de quem recebeu um depósito de confiança público de representar os cidadãos.

    Se juntarmos a idéia de um político que realizou pouquíssimas entrevistas públicas durante um mandato (embora adore fazer longos monólogos, desde que não tenha oposição), com a idéia teórica de um candidato a reeleição, podemos pensar em alguém que tira boas vantagens de uma legislação lacunosa e pensa em vencer eleições simplesmente, e não no ideal democrático de um debate de idéias. Uma ótima forma de se mostrar a consideração por todo o seu eleitorado. Vale até o chavão: quem não deve, não teme.
     
  19. Tonho Hammond

    Tonho Hammond Molusco

    Usar esse argumento eu acho forçado. O Serra não vai fazer debate pro estado de São Paulo, o FHC não fez quando para a reeleição comprada. Vc reclamou disso?
     
  20. Eriadan

    Eriadan Bears. Beets. Battlestar Galactica. Usuário Premium

    Se cair nas pesquisas, Lula pode ir a último debate

    Por Josias de Souza

    A repercussão do dossiêgate fez com que Lula passasse a considerar a hipótese de comparecer ao último debate entre os presidenciáveis. Será transmitido pela Globo, na noite de 28 de setembro, três dias antes da eleição. Em diálogo com um auxiliar, na última quinta-feira, o presidente condicionou o comparecimento à evolução das pesquisas na semana que antecede o primeiro turno.

    Lula havia decidido que não iria a nenhum debate. Faltou aos dois primeiros, promovidos pelas emissoras Bandeirantes e Gazeta. Em ambos, foi alvo de ataques generalizados dos adversários. Agora, entre quatro paredes, o presidente passou a dizer que, se as pesquisas indicarem que sua vitória em primeiro turno está sob risco, pretende comparecer ao último confronto com os demais presidenciáveis.

    O presidente avalia que a ausência nos debates só lhe é benéfica se seu favoritismo for explícito, como vem ocorrendo até aqui. Se as pesquisas começarem a apontar para a possibilidade de uma reversão de última hora, acha que não poderá mais se dar ao luxo de “apanhar” em rede nacional sem se defender. Lula leva em conta o fato de que a audiência da Globo é maior do que a das outras duas emissoras que já realizaram debates.

    Assim, nos próximos dias, Lula vai grudar o olho nas pesquisas –as independentes, feitas para divulgação pública, com registro na Justiça Eleitoral; e as internas, realizadas por encomenda do seu comitê de campanha pelo Instituto mineiro Vox Populi. São feitas 2.000 entrevistas domiciliares diariamente.

    Pelo que disse Lula ao auxiliar, se os índices de intenção de voto se mantiverem no nível que foi detectado pelo Datafolha em pesquisa divulgada neste sábado, ele continuará dando de ombros para o debate. Se o novo escândalo corroer o seu prestígio a ponto de insinuar a realização do segundo turno, são grandes as chances de que resolva ir aos estúdios da Globo na próxima quinta-feira.

    A última reunião dos representantes dos comitês eleitorais com a emissora ocorreu há coisa de dez dias. O jornalista João Santana, que cuida do marketing da campanha de Lula, estave presente. Perguntaram-lhe se Lula iria ao debate. Santana foi evasivo. Deixou a dúvida no ar.

    Fonte: FolhaOnline, 26/09/2006
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     

Compartilhar