• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

LJA x Vingadores

  • Criador do tópico Criador do tópico TT1
  • Data de Criação Data de Criação
Cara,demorei mas terminei de ler o topico,bom... A revista foi ótima,apesar de nao curtir muito a arte do Perez,Mas a historia é manjada,todos ja sabem oq vai acontecer e oq vai dar no final,mas q o Super leva uma martelada do Thor leva sim!!E entre Capitao e o Morcego,ele chegam a trocar golpes,mas no final o Morcego assume q nao é paleo para o CA,uma coisa q me decepscionou!! :(

Agora,vou dar uma resumida das paginas pra quem nao comprou ainda só pra sintir oq esta perdendo:

Página 1 - A história tem início no planeta Polemacus. Polemacus é um planeta que se situa no mesmo lugar da Terra, só que numa dimensão paralela. A primeira aparição de Polemachus se deu em The Avengers (vol. 1) #75 (Abril/1970) - no Brasil em Heróis da TV #41 (Novembro/1982), juntamente com Arkon, o Magnífico, seu atual soberano.

Ao lado de Arkon, ou melhor dizendo, em sua cama, está Thundra. Thundra é originária da Irmandade da Femizônia, uma comunidade de mulheres, também localizada numa dimensão paralela. Sua primeira aparição se deu em Fantastic Four (vol. 1) #129 (Dezembro/1972) - no Brasil em Hulk #12 (Junho/84).

Página 3 - O planeta Qward, situado no universo de antimatéria, apareceu pela primeira vez em Green Lantern (vol. 2) #2 (Outubro/1960), juntamente com seus nativos, os Trovejantes. Já o Sindicato do Crime, com as contrapartes malignas de Superman, Batman, Flash, Mulher-Maravilha e Lanterna Verde (Ultraman, Owlman, Johnny Quick, Superwoman e Power Ring, respectivamente), surgiu em Justice League of America #29-30 (Setembro/Outubro/1964). Obliterados logo nas primeiras páginas de Crisis on Infinite Earths #1 (Abril/1985) no Brasil, mais recentemente em Crise nas Infinitas Terras #1 (Novembro/2003), o grupo reestreou na cronologia pós-Crise na graphic novel JLA: Earth 2 (2000) - no Brasil em Superman PREMIUM #1 (Agosto/2000).


A Eternidade
Página 5 - A Eternidade é uma entidade cósmica do Universo Marvel, e representa o Universo. Sua primeira aparição se deu na revista Strange Tales (vol. 1) #138 (Novembro/ 1965).

O título dado à JLA de Os Maiores Heróis do Mundo apareceu pela primeira vez na capa da revista Justice League of America #5 (Julho/1961). Já a denominação dada aos Vingadores de Os Heróis Mais Poderosos da Terra estreou em The Avengers (vol. 1) #103 (Setembro/1972).

Jornada para o Mistério (Journey into Mistery), o título da história, é uma alusão à revista de mesmo nome, publicada pela Marvel Comics entre Junho/1952 e Março/1966, quando se transformou em The Mighty Thor (O Poderoso Thor). Em Novembro/ 1996, com o evento Heróis Renascem e o cancelamento das histórias do asgardiano, a revista voltou (com várias séries, como Lost Gods, Black Widow, Shang Chi e Hannibal King), e seguiu até Junho/1998, quando foi definitivamente cancelada em sua edição 521.

Página 6 - O Grão-Mestre é um dos Anciões do Universo, e apareceu pela primeira vez em The Avengers (vol. 1) #69 (Outubro/1969). O Grão Mestre apareceu no Brasil em histórias como Torneio de Campeões (série publicada na revista Heróis da TV - edições 108 a 110, de Junho a Agosto/1988) e Thanos: Em busca do poder (publicada no Brasil em duas edições entre Agosto e Setembro/ 1993).


Krona
Página 7 - Krona era um cientista de Oa, obcecado por descobrir a origem do Universo. Sua primeira aparição se deu em Green Lantern (vol. 2) #40 (Outubro/1965) e, como mostrado em Crisis on Infinite Earths #7 (Outubro/1985), no Brasil, mais recentemente em Crise nas Infinitas Terras #2 (Janeiro/2004), foi ele o responsável pela criação do Universo de Antimatéria.

Página 8/9 - A LJA está enfrentando Terminus, um tirano intergalático que apareceu pela primeira vez em Fantastic Four (vol. 1) #269 (Agosto/1984) - no Brasil, Capitão América #123 (Agosto/1989).

A lanchonete do Tio Pança (Big Belly Burger), versão DC da lanchonete americana Bob´s Big Boy , foi criada por Jerry Ordway para a revista The Adventures of Superman #441 (Junho/1988), no Brasil em Super-Homem #69 (Março/1990), e vem sendo freqüentada por diversos personagens desse universo desde então.
O LexMart é uma clara alusão à rede de lojas Wal-Mart.
Já a loja Sekowsky, é uma homenagem a Mike Sekowsky, desenhista da LJA desde The Brave and the Bold (vol. 1) #28-30 (Março a Julho/1960) até Justice League of America #1-63 (Novembro/1960 a Junho/1968).
Página 10 - Na parte de trás do tanque, está a sigla KCPD, que significa Keystone City Police Department.


Kurt?
Página 11 - Caído, atrás do Aquaman, está o símbolo da Big Belly Burger, que possui as mesmas feições do escritor Kurt Busiek.

Página 13 - O Espectro atual é Hal Jordan, o falecido Lanterna Verde. Jordan assumiu essa identidade em Day of Judgment #5 (Novembro/1999), no Brasil, O RETORNO DO HERÓI, publicada em Superman Premium 10 (Maio/2001).

O "café" que Kyle Rayner diz ter tomado com Hal Jordan, bem como suas saídas, aconteceram durante o arco Emerald Knights, publicado em Green Lantern (vol. 3) #100-106 (Julho a Outubro/1998), no Brasil, Super-Homem: O Homem de Aço #6 - #10 e Super-Homem # 35 (Agosto a Dezembro/1999).

Página 14/15 - Os Vingadores estão enfrentando Starro, o Conquistador Estelar. A primeira aparição de Starro se deu na edição de estréia da própria LJA, The Brave and the Bold (vol. 1) #28 (Março/1960).

Página 20 - A Mansão do Vingadores apareceu pela primeira vez em The Avengers (vol. 1) #2 (Novembro/1960), no Brasil em Os Vingadores (Bloch Editores- 1976) tendo sido destruída e reconstruída diversas vezes desde então.


Lobo e a Guarda Imperial
Lobo enfrenta a Guarda Imperial de Shiar. Lobo surgiu nas páginas da revista Omega Men #3 (Junho/ 1983). Já a Guarda Imperial de Shiar apareceu pela primeira vez em X-Men (vol. 1) #107 (Outubro/1977), no Brasil, mais recentemente em X-Men Classic II #3 (Outubro/1995). Na cena, podem ser identificados os seguintes membros da Guarda: Shape-Shifter, Oracle, Starbolt, Smasher, Nightside, Fang, Manta, Impulse, Warstar, Magique, Astra, Flashfire, Neutron, Hussar, Mentor, Earthquake, Scintilla, Titan e Electron. Essa guarda protege o Império Shiar, mas seus membros são em sua maioria "homenagens" a membros da Legião dos Super-Heróis (da DC). Isso se explica: seu criador, Dave Cockrum, desenhou a Legião e os X-Men.

Os Khúndios atacam os Aakon. Duas raças alienígenas, os Khúndios apareceram pela primeira vez em Adventure Comics #346 (Julho/1966), enquanto que os Aakon surgiram em Captain Marvel (vol. 1) #8 (Janeiro/1969).

Página 22 - A Força de Aceleração que o Flash não consegue acessar foi revelada como fonte da velocidade dos velocistas da DC nas páginas de Flash (vol. 2) #97 (Janeiro/1995), no Brasil em Super-Homem #5 (Março/1997).

Página 23 - A Torre de Vigilância da LJA apareceu pela primeira vez em JLA #4 (Abril/ 1997) - no Brasil, em Os Melhores do Mundo #12 (Outubro/1998).

Os Skrulls atacam o planeta Thanagar. Os alienígenas transmorfos verdes apareceram pela primeira vez em Fantastic Four (vol. 1) #2 (Janeiro/1962). Já o povo alado surgiu em The Brave and the Bold (vol. 1) #34 (Março/1961).


Mongul e Ninhada
Mongul combate a Ninhada. A versão do tirano aqui mostrada surgiu em Superman (vol. 2) #151 (Dezembro/1999). A raça de insetos espaciais, que já deu muita dor de cabeça aos X-Men, apareceu pela primeira vez em The Uncanny X-Men #155 (Março/1982), no Brasil em Superaventuras Marvel #60 (Junho/1987).

Página 24 - Uatu, o Vigia, é um personagem ?narrador? recorrente da Marvel Comics, e apareceu pela primeira vez em Fantastic Four (vol. 1) #13 (Abril/1963). Ele possui, como base de operações, a Lua Terrestre. Faz parte da antiqüíssima raça dos Vigias, que apenas "observam" as civilizações do universo, sem poder interferir.

Página 26 - Os itens do Universo DC:

O Sino, a Roda e a Ânfora são artefatos místicos usados pelo vilão Felix Fausto em Justice League of America #10 (Março/1962);

A Máscara Medusa surgiu em Showcase #56 (Junho/1965) e foi utilizada pelo Pirata Psíquico. Ela consegue controlar as emoções de suas vítimas;


O Livro da Eternidade
O Livro da Eternidade era utilizado pelo Mago Merlim, como mostrado em Demon (vol. 1) #1 (Setembro/1972) - no Brasil, em Super-Homem #7 (Janeiro/1985);

A Lança do Destino apareceu pela primeira vez em Weird War Tales #50 (Fevereiro/1977) e foi usada por Adolf Hitler para manter longe da Europa a Sociedade da Justiça durante a 2ª Guerra Mundial, como visto em Heróis em Ação 9 (Março/1985), por exemplo;

O Globo de Ra surgiu nas páginas de The Brave and the Bold (vol. 1) #57 (Janeiro/1965) e é o artefato responsável pelos poderes de Rex Mason, o Metamorfo;

A Bateria Energética do Lanterna Verde, fonte do poder do anel, surgiu em Showcase #22 (Outubro/1959).

Página 30/31 - A cidade em ruínas a que se refere Aquaman é a Area Azul da Lua, e apareceu pela primeira vez em Fantastic Four (vol. 1) #13 (Abril/1963). Esse local é uma colônia Kree abandonada na Lua e possui ar respirável.

A Latveria é o país governado por Victor Von Doom, o Doutor Destino. Localizado nos Bálcãs, sua primeira aparição se deu em Fantastic Four Annual (vol. 1) #2 (1964).

Genosha apareceu pela primeira vez em The Uncanny X-Men #235 (Outubro/1988) - no Brasil, em X-Men #44 (junho/1992). Ultimamente vinha sendo governada pelo mutante Magneto, até ter sido devastada por robôs Sentinelas em New X-Men #115 (Agosto/2001), no Brasil em X-Men #10 (Outubro/2002).

Em Michigan, podemos ver o Conway Marketplace, uma homenagem ao escritor Gerry Conway, que trabalhou tanto com a JLA como com os Vingadores.

Página 32 - A Ilha Monstro, localizada no Mar de Okhotsk, próximo ao Japão, apareceu pela primeira vez em Fantastic Four (vol. 1) #1 (Novembro/1961), no Brasil em Capitão América #100 (setembro/1987).


Fin Fang Foom
Página 33 - A LJA é atacada por Fin Fang Foom (primeira aparição em Strange Tales (vol. 1) #89 (Outubro/1961) ), Giganto (primeira aparição em Fantastic Four (vol. 1) #1 (Novembro/1961) ) e Tricephalous (primeira aparição em Avengers West Coast #54 (Janeiro/1990), no Brasil em Capitão América # 172 (Setembro/1993).

Página 34 - Mais um monstro ataca a LJA: Van Dooms Kreatur, surgido nas páginas de Tales to Astonish (vol. 1) #17 (Março/1961).

Página 35 - H´Ronmeer é uma divindade marciana.

O Nulificador Total surgiu nas páginas de Fantastic Four (vol. 1) #50 (Maio/1966), no Brasil em Heróis da TV #59 (Maio/1984), sendo utilizado por Reed Richards para afastar Galactus, o Devorador de Mundos, do planeta Terra.

Página 36 - Star City é a cidade natal de Oliver Queen, o Arqueiro Verde. St. Roche é a cidade onde atua o Gavião Negro.

Página 38 - Metron, o mais misterioso dos Novos Deuses de Nova Gênese, surgiu nas páginas de The New Gods (vol. 1) #1 (Março/1971), no Brasil em Os Novos Deuses #1 (Novembro/2001).

Página 39 - Os itens do Universo Marvel:

As Jóias Espirituais, seis gemas com poderes ilimitados. São elas 1) a Jóia da Alma, usada por Adam Warlock, surgiu em Marvel Premiere #1 (April 1972), no Brasil em A Saga de Thanos #4 (Novembro/1992); 2) a Jóia do Poder e 3) Jóia do Tempo foram vistas pela primeira vez em Marvel Team-Up (vol. 1) #55 (Março/ 1977), no Brasil em Capitão América #100 (Setembro/1987), com outro dos Anciões do Universo, o Jardineiro; 4) a Jóia do Espaço, 5) a Jóia da Realidade e 6) a Jóia da Mente foram citadas por Thanos pela primeira vez em Avengers Annual (vol. 1) #7 (1977), no Brasil em Grandes Heróis Marvel #1 (Setembro/1983);

O Bastão de Watoomb é um artefato místico utilizado por Xandu, inimigo do Dr. Esranho, e foi visto pela primeira vez em The Amazing Spider-Man Annual (vol. 1) #2 (1965);


A Caixa dos Invernos Antigos
A Caixa dos Invernos Antigos é um artefato asgardiano, surgido nas páginas da revista The Mighty Thor (vol. 1) #345 (Julho/1984), no Brasil em Heróis da TV #109 (Julho/1988). Se for aberta (como já aconteceu) origina verdadeiras Eras Glaciais, e vive sendo manipulada por Malekith e os outros elfos negros de Svartalfheim (região de Asgard);

O Olho Maligno é um objeto da lendária Avalon, e foi apresentado em Fantastic Four (vol. 1) #54 (Setembro/1966). Seu guardião é o personagem Prester John, das lendas arturianas. O Olho foi o objeto disputado por Vingadores e Defensores quando de seu confronto, publicado no Brasil em Grandes Heróis Marvel # 8 (Junho/1985);

O Cubo Cósmico, construído pela organização criminosa I.M.A., tem o poder de controlar a realidade. Sua primeira aparição se deu em Tales of Suspense #79 (Julho/1966), no Brasil em Capitão América # 59 (Abril/1984). Cubos cósmicos podem ser construídos por outras espécies do universo e invariavelmente evoluem para formas de vida quase onipotentes.

Página 40 - A Caixa Materna dada por Metron ao Homem de Ferro, é um computador vivo criado em Nova Gênese, e surgiu em Forever People (vol. 1) #1 (Março/1971).

Página 41 - A primeira aparição da cidade de Metrópolis se deu em Action Comics #4 (Setembro/1939). A cidade foi "evoluída" pelo vilão Brainiac em Superman: Y2K (Fevereiro/2000), no Brasil em Superman PREMIUM # 6 (Janeiro/2001).


Brecha
Os assaltantes de banco surpreendidos pelos Vingadores em Metrópolis, liderados por Brecha, surgiram em The Adventures of Superman #505 (Outubro/1993), no Brasil em Super-Homem #126 (Dezembro/1994).

O Tubo de Explosão é gerado pela Caixa Materna, e apareceu pela primeira vez em Forever People #1 (Março/1971).

Página 43 - No quarto quadrinho, vemos a Fox Storage, uma homenagem a Gardner Fox, criador da LJA.

O Museu do Flash surgiu nas páginas da revista The Flash (vol. 1) #154 (Agosto/1965).

Nas páginas do jornal examinado pelos Vingadores, podem ser vistos o Gladiador Dourado (ex-membro da Liga da Justiça), Impulso (membro dos Titãs) e dois dos Homens Metálicos (Platina e Chumbo).

Página 44/45 - No canto inferior direito, podemos ver as Toth Towers, homenagem a Alex Toth, desenhista veterano e responsável pelo desenho animado Superamigos.

Página 46 - A referência do Gavião Arqueiro ao Esquadrão Supremo cabe um esclarecimento especial. Quando o projeto LJA/Vingadores ainda engatinhava, Kurt Busiek dizia que uma cena obrigatória da história seria o momento em que o Gavião Arqueiro se referisse à LJA como imitadores do Esquadrão Supremo. Para quem não sabe, o Esquadrão Supremo foi criado como uma espécie de "homenagem" à Liga da Justiça e estreou nas páginas de The Avengers (vol. 1) #85 (Fevereiro/1971). A semelhança entre seus integrantes é óbvia, como já dito, proposital (Hyperion (Superman), Nighthawk (Batman), Power Princess (Wonder Woman), Dr. Spectrum (Green Lantern), Whizzer (Flash), Amphibian (Aquaman) e Skymax, Skrullian Skymaster (Martian Mahnunter).



Escritor: Kurt Busiek
Artista: George Perez
Colorista: Tom Smith

Pela Marvel:
Editor:Fernando Lopes
Editor Original: Tom Brevoort
Editor-chefe: Joe Quesada
Presidente: Bill Jemas

Pela DC:
Editor: Fabiano Denardin(OGGH)
Editores Originais: Dan Raspler e Mike Carlin
Vice-Presidente, Editorial: Dan Didio
Presidente: Paul Levitz



- A Máscara de Medusa - descoberta pelo arqueólogo Kent Nelson (o primeiro Dr. Destino), essa máscara tinha o poder de fazer seu usuário controlar as emoções alheias. Foi roubada por Roger Hayden, que se tornou o Pirata Psiquíco

- A Lança do Destino - Usada para ferir o flanco de Jesus Cristo durante sua crucificação. Durante a II Guerra, no universo DC, Hitler a usou para garantir que nenhum super-herói mantivesse seus poderes na Europa

- O Livro do Destino - livro onde Destino, o mais velho dos Perpétuos, escreve tudo o que já aconteceu e vai acontecer, até o fim dos tempos, quando será fechado.

- O Globo de Rá - Um globo esculpido de um meteoro, achado no egito. A fonte dos poderes de Rex Mason, o Metamorfo

- A bateria do Lanterna Verde - Bem óbvio, não? A fonte do poder do anel (UIA!) do Lanterna

- As joias espirituais - são seis pedras que, além de gerarem sagas cósmicas, têm o poder de manipular a realidade

- A Caixa dos Invernos Antigos - Uma relíquia asgardiana que, quando aberta, pode trazer o frio eterno ao Mundo

- O olho maligno - Um artefato místico, usado por Dormammu durante a guerra entre Vingadores e Defensores

- A varinha (UIA) de Watoomb - outra relíquia mística, capaz de aumentar os poderes místicos de quem utilizá-la

- O Nulificador Universal - A arma maxima, capaz de desintegrar quaquer coisa. Reed Richards o usou para amedrontar Galactus na primeira aparição do bicharoco.

- o Cubo Cósmico - Criado pela IMA, é capaz de conceder qualquer desejo ao seu portador.

Bom,é isso,quando der e eu voltar a sentir minha mao eu volto a posto mais coisas aqui!
 
Bom, caso vc não seja o Fernando Piccolo, poderia pelo menos creditar o "guia de referências" ao mesmo e ao site onde ele saiu (Fanboy).
É sempre de bom grado citar as fontes.
:wink:
 
Lord Ashram disse:
Bom, caso vc não seja o Fernando Piccolo, poderia pelo menos creditar o "guia de referências" ao mesmo e ao site onde ele saiu (Fanboy).
É sempre de bom grado citar as fontes.
:wink:

Sim,é sim!!Mas minha nao cansou de escrever o guia,mas sim as reliquias,vc pensa q é facil?? :wink:
 
TEM SPOLIER!

O 2 saiu e sinceramente num gostei muito não.
Ta, tem cenas memoráveis como o SH descendo a porrada no Thor (e depois apanhando do Homem de ferro :eek: ), mas infelizmente parece ta caminhando de vez p/ o final previsível de crossovers do tipo. :tsc:
 
Sim, parece que o final vai mesmo ser um clichê, mas eu adorei o segundo número. a história tá bem "eletrizante" (até onde isso é possível numa HQ).

Sei lá... gostei.
 
A historia do 2 tah otima, o final pelo jeito é clichê, mas :roll: paciencia.......
agora, adorei os jogos do grão-mestre, muito engraçado ficar vendo bonequinhos dos personagens, ou cartas, ou aquele jogo de boxe bem grande c/ dois caras q naum sei qm são...... :mrgreen:
 
Clichezão.
Todo mundo lutando entre si e depois se juntam pra lutar contra um inimigo mais poderoso.
Porém isso não estraga essa mini que tá sendo poda.
 
Lord Ashram disse:
TEM SPOLIER!

Ta, tem cenas memoráveis como o SH descendo a porrada no Thor (e depois apanhando do Homem de ferro :eek: ),

Na verdade, o Super é linchado (mas só depois que Thor amaciou e muito ele) pelo Hercules (que tá quase no nivel do Thor), Magnum (que tb tem mão pesada), Mulher Hulk (idem), Visão (imagino eu q na densidade maxima) e o proprio Homem de Ferro dá uns socos alem de tiros a quase queima roupa (só não me pergunte como a luva da armadura dele num estourou..)

O que achei brabo é o anel do Lanterna sugar energia do Cubo Cósmico. Alias, se o Cubo é capaz de reformular a realidade, o Lanterna não teria que ter ganho esse poder? :think:

Ah, o tal Krona é tào poderoso assim para surrar o Galactus daquela maneira? :gotinha:
 
O Galactus é bundão.

:lol:

O Thor apanhar do Super sem problemas mas a unica coisa que me chamou a atenção, é que na primeira porrada do martelo ele sangra e depois segura com a maior facilidade. :?
Por ser mistico o Martelo tinha que ter machucado ele.

O comigo é a indignação dos Vingadores qdo o Thor aparece detonado

-Não se faz isso...
- Não se faz isso com ele...

E o Azulão toma um cacete :lol: :lol:

Fora isso, cliche basico mas que é legal pelas referencias a ambos os universos. :mrgreen:
 
é, não tem como fugir dos clichês..... :roll:
mas o q me deixou realmente puto(e nao sei como a Marvel permitiu isso), foi a claramente declarada superioridade do Super....o cara só apagou depois do Thor dar uns cacetes nele e precisou de todos os vingadores pra nocautear o homem...isso sem mencionar o Flash, q mesmo no universo Marvel deram um jeitinho pra ele vencer o Pietro na corrida.... humpf... assim num dá...
 
Não me parece que sej aa Marvel que permitiu, mas no decorrer da historia, vc ve claramente a referencia de que no Universo Dc, os meta humanos são mais poderosos que os da Marvel, e isso é uma verdade. Na Marvel, apesar dos poderes eles são mais humanizados e por isso mais fracos. Logo, o Super é mais forte que o THor, talvez não em força mas em poderes ja que ele conta com visão de calor, super velocidade etc.....
 
E aí os autores estão, mais do que mostrando quem é mais forte do que quem, a diferença nas temáticas das duas editoras. Pois lembrem-se que foi a Marvel, principalmente com o Homem-Aranha, que criou esta onda dos heróis humanizados, e que a DC seguiu em alguns títulos mais pra frente. Mas nas suas essências, a DC é formada por semi-deuses, enqto a Marvel é formada por seres humanos com poderes (parece igual, mas a temática é muito diferente)

E qto a parecer deixar o universo Marvel inferior, sei lá, pra mim isto é um ponto a favor pra eles. Eles são mais heróicos. Vale muito uma frase do Homem-Aranha, época do Stan Lee, que diz (mais ou menos) que a coisa realmente pega e os atos tornam-se mais heróicos qdo o obstáculo parece inalcansável.

Pros heróis da DC, poucas coisas são inalcansáveis.
 
Guilbor, otroço do martelo é o seguinte: O Super tomou o martelo na lata pq não esperava por isso. Quando o Thor o ataca de frente e de perto, ele consegue apara-lo até pq o feitiço de Odin fala q quem for digno, será capaz de ergue-lo e o Super é digno...
 
Heruost disse:
Guilbor, otroço do martelo é o seguinte: O Super tomou o martelo na lata pq não esperava por isso. Quando o Thor o ataca de frente e de perto, ele consegue apara-lo até pq o feitiço de Odin fala q quem for digno, será capaz de ergue-lo e o Super é digno...

Perai Heruost, ergue-lo tudo bem, nem se discute. Mas o Super conteve a porrada com uma só mão, não o ergueu.
Outro detalhe, o Super é vulneravel a magia, e o martelo é magico, logo a mão do super tinha que ser afetada.
 
Nem tanto, nem tanto. Se eu te acertar de surpresa com um taco de beisebol no rosto, vc cai, certo? Mas, se vc ver q vou acerta-lo e vc por a mão na frente, provavelmente vc vai conte-lo, certo? O mesmo valeu para o Super

O Martelo é magico e deveria ser capaz de ferir o Super quando o acertasse em cheio, como o fez quando o Thor o enfiou no rosto do Super mas isso nào quer dizer q sempre q toca-lo o martelo deve machucar o Super só pq é magico.

Garanto q se eu, do alto do meu corpo esqueletico :lol: , batesse no Super com o martelo, o Super ia rir... :lol: (isso se eu conseguisse tirar um troço daqueles do chão... :obiggraz: )
 
Nem tanto, nem tanto. Se eu te acertar de surpresa com um taco de beisebol no rosto, vc cai, certo? Mas, se vc ver q vou acerta-lo e vc por a mão na frente, provavelmente vc vai conte-lo, certo? O mesmo valeu para o Super

É verdade, eu até posso conter o taco de me acertar mas que mesmo assim eu vou sair com a mão machucada eu vou. :obiggraz:
 

Valinor 2023

Total arrecadado
R$2.524,79
Termina em:
Back
Topo