1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Livro 1, 3 e 2, ou Devir reinventa a matemática!

Tópico em 'RPG' iniciado por Skywalker, 17 Mar 2005.

  1. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    Fonte: Devir

    Dungeons & Dragons é o RPG de fantasia medieval mais famoso de todos os tempos. Desde sua criação, ele passou por diversas mudanças e revisões para refletir o gosto do público e atualizar suas regras. Em 2000, a Wizards of the Coast atualizou as regras do Advanced Dungeons & Dragons e lançou a nova edição de D&D, repleta de inovações e uma mecânica extremamente atual. Desde então, foram publicados centenas de suplementos, livros de referência e erratas, que finalmente serão condensadas em uma única obra — a edição revisada e ampliada de D&D, batizada de D&D 3.5.

    Caso você nunca tenha ouvido falar do RPG que fundamentou a fantasia medieval entre o público, uma breve explicação: D&D apresenta um cenário fictício, com nível de tecnologia semelhante à Idade Média real e conflitos similares. O principal fator que diferencia esse cenário do período feudal da nossa realidade é a existência de raças e criaturas lendárias, presentes principalmente no folclore europeu e na literatura de J.R.R. Tolkien: elfos, anões, gnomos, halflings, orcs, cavalos alados e dragões.

    Um outro fator essencial é a existência da magia como substituição às facilidades encontradas no mundo atual, como lanternas e caixas de fósforo. Dungeons & Dragons utiliza personagens típicos das fantasias medievais (como aqueles existentes na lenda do Rei Arthur e no Senhor dos Anéis) — cavaleiros, guerreiros, magos, clérigos e ladinos em busca de aventuras.

    Livro do Mestre
    As regras e o cenário do RPG Dungeons & Dragons estão divididos em três livros básicos: o Livro do Jogador, o Livro do Mestre e o Livro dos Monstros. Com o Livro do Mestre você poderá criar excitantes histórias épicas de heroismo repletas de magia e monstros, e descobrirá as ferramentas e opções que você precisa para criar mundos detalhados e aventuras dinâmicas para seus jogadores vivenciarem em seus jogos de Dungeons & Dragons.

    A edição revisada (3.5) do Livro do Mestre é um livro de regras essencial para os Mestres de D&D. O livro foi reorganizado para ter uma utilização ainda mais simples, e contém tudo o que você precisa saber para mestrar um jogo de D&D, interpretar as regras, escrever aventuras, criar NPCs (incluindo classes exclusivas para NPCs), e desenvolver uma campanha.

    Com uma grande quantidade de informações sobre personagens e itens mágicos (incluindo itens inteligentes, objetos amaldiçoados, e poderosos artefatos), e um glossário de habilidades especiais. Algumas mudanças foram feitas nas regras para criação de itens e seus preços, e novas Classes de Prestígio ofram incluídas. Outras revisões incluem conselhos extensivos sobre como mestrar uma campanha e instruções para os jogadores poderem tirar proveito máximo na utilização das miniaturas da linha de Miniaturas D&D em um jogo de RPG.


    [/MODO EU SOU UM RETARDADO E NÃO ENTENDI O TÍTULO DO TÓPICO ON] O titulo do tópico é esse porque a Devir, em vez de lançar os livros na ordem correta, 1, 2 e 3, lançou 1, 3 e 2.[/MODO EU SOU UM RETARDADO E NÃO ENTENDI O TÍTULO DO TÓPICO OFF]
     
  2. TT1

    TT1 Dilbert

  3. Ka Bral o Negro

    Ka Bral o Negro Tchokwe Pós-Moderno

    O Livro do Mestre, dentre os três, deve ser o menos popular; lançaram o óbvio LdJ primeiro, para depois o suculento Livro dos Monstros. A molecada deve ter bebido até cair.
     
  4. Slicer

    Slicer Careca rebuscado

    Eu acho que até é uma boa eles terem lançado o Livro do Mestre por último. Isso evita que uma gurizada que não tem a mínima vontade de ser mestre pare de ver só os itens mágicos e prestem atenção um pouco mais nos personagens e nos monstros, que são o feijão com arroz do D&D. Não que isso evite os apelões de chafurdarem os três livros até a última página, mas mantém um certo nível de mística sobre o Livro do Mestre que, para quem leu, virou um depósito de "especificações para uso básico de perícias" e "dungeon crafting for dummies" na Terceira Edição. Eu ainda me lembro da mística em torno do Livro do Mestre e dos Monstros quando comecei a jogar há 7 anos atrás. Outros jogadores já alertavam para o fato de que o jogo perdia muito da graça depois de lê-los.


    Tenn' enomentielva!
     
  5. KADU

    KADU Estão vendo esta caneta?

    Mas é verdade, um cara que não quer mestrar não deveria se preocupar com livro dos mestres e dos monstros, principalmente desse ultimo.
     
  6. Dyeison

    Dyeison Usuário

    Quando eu comecei a jogar (Bons tempos do AD&D), os Livros estavam dificeis e oque os mestres enrolavam era com o First Quest. Nunca cheguei a ver uma focha de um personagem poderoso em AD&D, e de um iten ou monstro menos.
    MAs nã da nada um jogador ler o do mestre e dos monstros, pois um mestre pode alterar tudo que quiser. E alem do mais, no AD&D, o DMs era so um catalogo de Itens Magicos.
     
  7. Slicer

    Slicer Careca rebuscado

    Mas ajuda bastante se o mestre puder usar alguns monstros "da caixa" de vez em quando no aperto, não? :roll:
    Eu imprimi todo o .txt do Livro do Mestre em inglês na época (!!!). Ainda tenho ele lá, quase nunca usei. Indiada do caramba... :disgusti:
     
  8. Dyeison

    Dyeison Usuário

    Realmente, era mais faci ter ravado em Disquete, CD, etc.
     
  9. Slicer

    Slicer Careca rebuscado

    Em 1999 CD-R não era algo que você encontrava em cada esquina. Muito menos gravadores de CD. :roll:
    E a moral era ler fora do computador. Em mídia eletrônica eu tenho ele e mais os outros livros básicos de AD&D, assim como alguns suplementos no Core Rules 2.0. Eita desperdício de dinheiro, comprei e lançaram o D&D 3.0. :disgusti:


    Abraços!
     
  10. KADU

    KADU Estão vendo esta caneta?

    Escutei boatos no ar de que a versão 4.0 será lançada no ano que vem...alguém sabe me dizer algo sobre? Procurei por alto no site da wizards e nao achei nada... :think:
     
  11. Slicer

    Slicer Careca rebuscado

    Se as vendas estiverem caindo, não duvido. Mas se "evoluir" como evoluiu do 3.0 para o 3.5, acho mais seguro começar a jogar Chainmail. Wargame por wargame...
     
  12. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    Não é verdade. Eu vi na RedeRPG há uns tempos atrás um comunicado oficial da WoTC falando que o D&D 3.5 "valerá" por, no mínimo mais uns 5 anos.
     
  13. inominavell

    inominavell Usuário

    chainmail foi descontinuado faz um tempinho já colega...
    :)
     
  14. KADU

    KADU Estão vendo esta caneta?

    Poisé, não tem sentido fazer outra versão tão cedo, tem que dar tempo pra encontrar o que se pode melhorar até chegar num ponto que vale a pena mesmo lançar algo que terá muita informação nova.
     
  15. Slicer

    Slicer Careca rebuscado

    Talvez seja uma pena. Infelizmente, acho que nunca vou poder saber :roll:

    Aliás, Ino, onde você esteve por todo esse tempo??? :o?:
     
  16. KADU

    KADU Estão vendo esta caneta?

    Vc pode tentar o jogo de miniaturas de D&D, hehe, é bem legal, as miniaturas podem ser usadas no RPG e o sistema é o d20 simplificado. :D
     
  17. inominavell

    inominavell Usuário


    jogue D&D Mini. é muito mais legal e barato... bem.. eu estive away porem estou de volta.. heheheh me aguardem!!!
     
  18. Ka Bral o Negro

    Ka Bral o Negro Tchokwe Pós-Moderno

    É por isso que prefiro jogar o 3.0 mesmo. :)
     
  19. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    3.0 rulez. 8-)
     

Compartilhar