1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Líderes da Igreja Redenção (algo assim)

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Húrin Thalion Turambar, 21 Jan 2007.

  1. Meu Deus, que ridículo até onde eu sei, isso que acontece, eles roubam das doações e vivem MUITO bem, porém eu não conheço as leis deles, não seria viver sem "sobras, luxos"?
    E eles SÓ foram pegos nos E.U.A. e lá estão realmente em liberdade esperando o processo, sem poder fugir (afinal eles não são altos criminosos), mas tipo, até alguns crentes dessa igreja sabem que eles estavam roubando e acreditam nas acusações e mesmo assim CONTINUAM A AMAR OS CARAS! Claro, você crê na religião e não na mulher e no cara lá que eu não lembro o nome e talvez algo de bom que as pessoas "acreditam" que tenha acontecido graças a essa Igreja, mas você AINDA ia crer neles sabendo que tudo que eles construiram e os fiéis que fizeram foram para enriquecerem? Eu acho que não iria acreditar... não ia conseguir, ia ficar indiguinado.
    E por isso que eu não creio em religião, e sim em algo maior que pode me ajudar, mas bom...
    O que vocês acham disso? Se tem algum crente dessa Igreja, defenda ela, quero saber o que pensam...
    Vocês continuaram a acreditar e ir as missas e shows?
     
  2. Carol

    Carol Visitante

    Em primeiro lugar é Igreja Renascer. Em segundo, você não parece conhecer NADA sobre ela, sugiro que se informe sobre o caso ... por que vc tem uma opinião muito preconceituosa, e ah ... nós evangélicos não vamos a missas e sim, a cultos ;)
     
  3. Sarcasmo

    Sarcasmo Funfamento

    Eu ainda acho q tudo isso é uma grande lavagem cerebral e o meio mais rápido de tirar dinheiro das pessoas q acreditam em algo.

    Tanto a Igreja Renascer qnto a Universal, ambas foram alvos de investigação por ter ligações com sonegação fiscal.

    Se não fosse um "comércio" rentoso, não teria uma igreja evángelica a cada esquina...
     
  4. Istui Gil-Eredh

    Istui Gil-Eredh Elder Elda

    Cujo processo foi encerrado depois de 12 anos e nada de provas, e sem divulgação da nossa querida Rede Globo.
    Comércio rendoso, seriam então todas as igrejas, já que tem uma Igreja Católica a cada esquina.
    É claro que muitas das igrejas, realmente são interessadas em dinheiro, mas não cabe a mim julgá-las.
    Além do mais, não sigo Igreja Renascer, Universal, Bispo Macedo, ou qualquer outro senão Jesus.

    Voltaire falaria: "Não concordo com uma palavra do que dizes, mas defenderei até a morte vosso direito de dizê-lo".
     
  5. Sano

    Sano Porque né

    Concordo em parte, mas na Igreja católica só se dá um ou dois reais e nessa Redenção aí dão jóias e tudo mais. Até aceitam cheque!
    Tb concordo com a frase de Voltaire (aliás, onde vc conseguiu ela?) mas sinceramente, se tem gente que acha que a Igreja Renascer é uma farsa mas ainda assim continua nela já deve ter algum problema não?:ahn?:
     
  6. Sally

    Sally Un enfer de griffes et de croc

    Eu nao moro na esquina mas tem uma Igreja Evangélica bem do lado da minha casa.
    E inclusive essa igreja é alvo de investigaçoes até dos proprios vizinhos pelo fato de nao ir ninguem, apenas o pastor e a propria familia que mora em uma casinha nos fundos, mas mesmo assim, eles sempre tem dinheiro para obras e nao sei mais o que. Vai entender...
    *Se ofendi algum evangélico, desculpe nao foi essa minha intençao.
    E quanto a Igreja Católica, nao sei se existe uma em cada esquina, nunca reparei :think:
    Ah, sou Católica mas nao pago o dizimo :D
     
  7. Silenzio

    Silenzio Visitante

    Minha amizade e carinho pela Carol é maior que a vontade de expressar minha opinião sobre o caso :mrgreen:
     
  8. Istui Gil-Eredh

    Istui Gil-Eredh Elder Elda

    Sim, na Igreja Católica tem dízimo agora também, e a máquina da fé continua. Jóias e tudo mais, você sabia que nas igrejas na África as ofertas são dadas em forma de comida? Porque o que prende o povo não é o dinheiro (até porque na África :roll:) e sim comida, as ofertas são pedidas para demonstrar que você não é apegado em nada. Cheque? Perigo, pode voltar e Jesus fica sem din-din.:D
    A frase do Voltaire, não lembro onde ele falou, mas eu li em um Jornal Folha Universal, fazer o que né?!

    Sim, aqui no Rio o que mais tem é igreja, uma em cada espaço. Quem mora em Del castilho sabe exatamente o problema que é ser vizinho de uma igreja evangélica.

    A e Salli, e pelo fato de você deixar de dar o dízimo você se sente menos católica, dúvido. É exatamente a mesma coisa com os evangélicos. E sobre a igreja sua vizinha, se for uma Universal eu posso explicar o porque que sempre tem dinheiro em caixa.

    Ainda sou a favor da seguinte teoria, meu dinheiro, minha vida. Se eu quiser ir e dar meu dinheiro para um templo de candomblé, em uma Igreja Católica, Pentecostal, Renascer, Universal, Templo Budista, ou até mesmo para os servos de Eru Ilúvatar, eu posso. Para que se irritar, se eles querem gastar o dinheiro deles (e vida) em templos, igrejas e afins...
     
    Última edição: 21 Jan 2007
  9. Haran Alkarin

    Haran Alkarin Usuário

    Mas convenhamos, pelo menos onde vejo a Igreja Católica não faz tudo isso que as igrejas evangélicas fazem. Posso passar a vida inteira indo na Igreja sem pagar 1 real, ou pagando apenas pouca quantia de dinheiro (o que não é tão errado).

    Já igrejas como Universal e outras evangélicas (provavelmente não todas, afinal não vi todas as igrejas do tipo) chegam a estipular porcentagens, pedir quantias de dinheiro, privilegiar religiosamente aqueles que dão mais dinheiro, etc.

    Como não sou católico nem evangélico tenho a imparcialidade para fazer essas relações, creio eu.
     
  10. Istui Gil-Eredh

    Istui Gil-Eredh Elder Elda

    Sou evangélico e da Universal, logo tenho conhecimento para não concordar com isso. Veja, estipulamos 10% (dízimo), sim. Apenas porque está escrito, e além do mais como disse alguém: "o dinheiro é o sangue da Igreja". Sem o dinheiro a igreja não paga suas contas, não paga salário de empregados, não alimenta seus pastores, ou vocês acham que eles comem grama?

    Tal como a Igreja Católica, e creio eu, quase todas, você não é desmerecido ao não devolver o dízimo, de forma alguma. E de fato, você pode permanecer toda a sua vida sem dar o dízimo em uma igreja, o que acontece é que as pessoas ao verem suas vidas mudando, agradecem a Deus, e desejam que mais pessoas possam sentir aquilo que ela sentiu. De que outra maneira as igrejas funcionariam se não fossem através de doações.

    Entendam, não estou falando que não pedimos, pedimos e pedimos mesmo. O fato é, dá quem quer, e a pessoa pode dar um real que seja, ela terá mais resposta do que uma pessoa que der 100 mil de forma relaxada. É o famoso "ou dá ou desce".
     
    Última edição: 21 Jan 2007
  11. Haran Alkarin

    Haran Alkarin Usuário

    Sim, entendo que há a necessidade de doações, a questão é como essa necessidade é passada aos fiéis.

    Bom, segundo minha tia que também fora da Universal, a coisa acontecia de uma forma diferente: o pastor chegava até a sugerir que as pessoas deixassem a chave do carro e voltassem de ônibus. Em outro episódio ela fora obrigado a fazer o seguinte: colocar a maior nota que ela tinha sobre a cabeça, segurando-a na mão esquerda, e a menor nota que ela tinha na mão direita. Ela se dirigia a frente e, ao invés do pastor abençoar o dinheiro e pegar a menor nota (como eu pelo menos esperaria), ele pegara a nota maior.

    O que vejo por aí é que as igrejas frisam muito a questão do dinheiro, sempre falando e pedindo e etc. O dinheiro deve ser pedido, mas não deve ser um dos objetivos e discussões principais do evento religioso. Caso contrário acaba se tornando um comércio.

    Outra questão que eu vejo que os evangélicos frisam muito (de novo, não todos, afinal não conheço todos, mas a maioria que tive oportunidade de ver) é a questão da desobediência a Deus. Quem não aderir à religião vai ao inferno (sim, isso mesmo). "E isso é muito sério", geralmente diz o pastor. "Vamos salvar nossos familiares e amigos" e etc. Mais uma vez a religião é deixada de lado (Por que a religião é boa? Quais são os valores e por que devo segui-los?) para empregar um método que adote mais fiéis (o medo, no exemplo que dei). Julgo ter um bom conhecimento disso, pois há uma igreja evangélica a poucos metros de minha casa, e eu posso ouvi-la normalmente; e tenho vários amigos evangélicos que, quando surge o assunto "religião", acabam caindo nessas questões.

    E claro, tudo isso que eu falei entra em contradição direta do que você falou, Istimo. Não duvido que você esteja falando a verdade, tanto é que você tem um contato maior com a igreja do que eu. Mas não é exatamente isso que ouvimos de ex-evangélicos ou de pessoas relacionadas à Universal, o que coloca em xeque a validade dessa instituição.

    E uma dúvida, a Universal não é dirigida pelo Edir Macedo? Aquele mesmo que tem um vídeo gravado rodando na internet onde este pastor ensina como tirar dinheiro dos fiéis? Posso estar enganado, mas enfim...
     
    Última edição: 21 Jan 2007
  12. cara, eu não conheçõ nada além doque a Globo passou em uma vez que vi ao JNacional, porém, que tem algo engraçado tem, mas, se você defende sua Igreja, seita, macumba, o diabo a quatro, eu não reclamo, porém, eu não falei mal da sua Igreja e sim, reclamei da situação que está essas denúncias, etc. Se quem denunciou está errado, pior ainda... não tem o que fazer, denuncia outros por m*.
     
  13. Vanagristiel

    Vanagristiel With God I'm Alive!

    Ó... eis o meu ver nessa situação toda com a igreja Renascer!

    Isso é terrível, assim como os escândalos da Universal, para os evangélicos em geral... de alguma forma, sempre que aparece um escândalo desses, todos os pastores passam a ser considerados "ladrões" e que estão apenas interessados no dinheiro dos fiéis... o que não é verdade! Existem pastores sérios e comprometidos com a palavra? Existem, e muitos! Agora, existem também aqueles que só querem tirar proveito da fé alheia.

    Em todos os meios a gente vai encontrar aquela "maçã podre"... mas não vai significar que todas as maçãs são ruins!

    Se não, depois de tantos escândalos que aconteceram na igreja católica envolvendo padres e crianças, deveríamos nós supor que todos os padres são pederastas? De forma alguma! Conheço diversos padres que são super devotados à palavra de Deus... e por que alguns se desviaram e fizeram coisas que não deviam, não significa que todos os outros sejam assim!

    Caraca... até na época de Jesus, ele mesmo dizia que religiosidade não é o mesmo que fé... ele mesmo chamou os farizeus (seriam os padres e/ou pastores da época) de sepulcros caiados... ou seja, belos por fora, mas podres por dentro!

    Deus vê o nosso interior... e ele deixou as suas instruções sobre como devemos viver as nossas vidas bem claras na bíblia. E entre elas está o dízimo.... não para ser usado como, infelizmente, o casal da Renascer usou, mas para ser aplicado na obra de Deus.

    Bem... se eu poderia continuar, mas acho que já falei demais!! Grande abraço procês!! :joinha:
     
  14. Istui Gil-Eredh

    Istui Gil-Eredh Elder Elda

    Concordo que o método muitas vezes é distorcido, e sim muitos pastores da Universal pedem de uma maneira que ao menos as pessoas menos relacionadas a Igreja pode parecer absurdo. Mas também o foi para Abraão, quando tever que largar tudo e "matar" seu filho. Também o foi para a viúva de Ezequiel com seu azeite.
    Não quero discutir, é claro, religião com você, aliás, nem ao menos discutir. Quanto ao assunto de quem não pertencer a determinada religião vai para o inferno, sinceramente não creio nisto. Sim, muitos dos salvos não serão da Igreja Universal, e muitos da Universal não serão salvos.
    Eu não creio que uma pessoa que vá a uma IURD seja obrigada a nada, entendam se quando chegar ao altar eu não quero dar nada, é meu direito.
    Por que a religião seria boa? Em minha convicção, a religião não é de forma alguma boa, ela apenas distorce a mensagem. Como é muito falado, se a palavra fosse pregada com a mesma pureza de quando saiu da boca de Jesus, o mundo estaria em sua maior parte convertido, não a IURD ou qualquer outra.
    Não quero, é claro, converter ninguém (embora deseje que tenham a vida eterna, quer acreditem ou não), só desejei passar o ponto de vista de um dos fiéis que, infelizmente, são colocados no mesmo saco de muitos pastores que erram.
    E se algum dia acontecer que eu veja algo de errado com a IURD, basta me retirar; não preciso de templos ou igrejas para servir a Deus.

    Quanto as imagens, nem ao menos sabemos se é realmente o Bispo Macedo nas imagens. E só para esclarecer, quem é o presidente da IURD é o Bispo Romualdo.

    Para terminar minha participação, deixo aquele famoso versículo: "Não vos prendais a um jugo desigual com os incrédulos; pois que sociedade tem a justiça com a injustiça? ou que comunhão tem a luz com as trevas?" II Coríntios 6.14

    Espero não ter de forma alguma ofendido, quem quer que seja. E fico feliz por não ter sido ofendido por ninguém. Que Deus os abençoe.
     
  15. mas, podem continuar postando, os evangélicos seguidores da religião do Kaká (isso eu sei!), ou quem odeia, ou simpatiza, ou somente quer falar sobre ela... e der sua opinião sobre esse caso aí...

    e outra, as pessoas quase não falaram sobre, os casal da Igreja, o que acham desses dois, que eles estão certos? Dinheiro ilegal...


    e tem outra questão, alguém falou "meu dinheiro, faço o que quero"
    só que quando faltar dinheiro, não reclame para ninguém, principlamente, Deus, ou o governo...
     
    Última edição: 21 Jan 2007
  16. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Antes de atacar as religiões mais novas como a Universal e similares, primeiro poderia-se considerar um confiscamento das igrejas católicas européias que provavelmente custaram MUITO mais do que qlq construção evangélica de hj em dia.
    Já que ambas foram construidas a custo do mesmo processo.


    Senão, o "meu dinheiro, faço o que quiser" tem que continuar válido.
    Apesar de eu achar completamente sem escrúpulos o que é (e foi) feito.
     
  17. Carol

    Carol Visitante

    Ditto. =]
     
  18. Kainof

    Kainof Sr. Raposo

    Esse caso tem pouco a ver com a religião propagada. Porque os fundadores fizeram isso, não significa que isso é uma generalidade.

    Eu pessoalmente sou contra qualquer Igreja (com maiúscula). Não acho que deveria haver uma relação fé e patrimônio ou monetariedade. Qualquer tentativa de lucro com religião é...deixa ver um adjetivo "leve"...inescrupulosa.

    Ao mesmo tempo que a Igreja é o trunfo da religião, é também o seu algoz.
     
  19. Nessa Lúinwë

    Nessa Lúinwë Usuário

    Essa questão do dízimo sempre gerou muita, mas muita discussão mesmo.
    Na Igreja Católica, por exemplo, há duas, digamos, vertentes: O grupo que segue o rito do Concílio Vaticano II(a igreja católica como todo mundo conhece) e o grupo que ainda segue o rito de Pio V(conhecido como tradição).
    Eu pertenço a esse segundo, então, as missas são celebradas em Latim (isso mesmo), o padre celebra de costas para o público, entre outras coisas que não cabe dizer aqui.
    O caso é que, na tradição, não é estipulado um valor fixo para o dízimo. O fiel doa o quanto pode e quando pode.

    Só escrevi isso aqui para ficar bem claro que nada pode ser generalizado.
     
  20. Sano

    Sano Porque né

    Mas as igrejas e catedrais feitas pela Igreja Católica na Europa foram feitas na Idade Média, quando a Igreja Católica tava realmente puxando o dinheiro da mão das pessoas, mas ela mudou bastante por causa da reforma e da contra-reforma. As igrejas e catedrais da Igreja Católica são contruídas, hoje, com arrecadações voluntárias ou com uma parte do dízimo. Antigamente, realmente, a Igreja Católica dizia que ou você dava dinheiro e ia pro céu ou não dava nada e ia pro inferno, mas hoje não é assim. O que foi feito realmente foi terrível, mas não se vê hoje o que se via na Idade Média.
     

Compartilhar