1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Liber

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Haran Alkarin, 21 Set 2012.

  1. Haran Alkarin

    Haran Alkarin Usuário

    Libertários

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    O LIBER é um partido ainda em processo de oficialização que nasceu através de discussões de internet, defendendo o libertarianismo. Uma das premissas do partido é que o Estado não deve fazer aquilo que a iniciativa privada pode fazer. Não haveria motivo para dar-se dinheiro ao Estado para ele escolher ou realizar um serviço, se o público pode livremente escolher o que fazer com esse dinheiro e a iniciativa privada seria mais eficiente em prestar esse serviço. É consenso entre eles que o Estado não deveria se preocupar com educação e saúde, por exemplo - óbvio que, não assumindo esse compromisso, deveria haver um massivo corte de impostos, o que seria bem mais útil para permitir ao povo procurar seus serviços particulares. Isso mesmo em regiões pobres poderia ser vantajoso, como sugere esse vídeo:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Afinal, em última análise, o dinheiro para pagar a educação tem que sair da população local, não haveria motivo para o Estado intermediar isso, isso só geraria intermediários inúteis, mesmo se ignorássemos a corrupção.

    Alguns vão ainda mais longe e sugerem que o próprio sistema judiciário e o poder policial poderia ser privatizado sem que isso implicasse em injustiças e uso indevido da força, embora isso é mais questionável mesmo dentro do libertarianismo e por isso não consta no programa do partido.

    A grande proposta do partido é, então, a diminuição ao máximo da máquina estatal e dos impostos. Embora essas questões sejam abordadas em campanhas, muitas vezes são abordadas de relance e não são, de longe, o foco de nenhum outro partido, o que a meu ver já constitui uma grande vantagem desse partido frente aos demais.

    Como o partido ainda está em busca de assinaturas e não está oficializado, o presidente nacional do partido,
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , está se candidatando por outro partido nas eleições desse ano na cidade do Rio, defendendo uma agenda libertária. Outro candidato em situação análoga está em Vitória.
     
    Última edição: 21 Set 2012
  2. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Eu já discordo desse libertarismo/libertarianismo, se o Estado não deve fazer nada, então porquê manter a sua existência? Sou a favor de um Estado intervencionista, não ditatorial, mas "paternalista", um Estado mais de Bem Estar Social, tipo europeu, Alemanha, Dinamarca etc.

    Mas estamos numa democracia, é direito de quem quiser defender seus pontos de vista.
     

Compartilhar