1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Ler devagar/ Ler rápido

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por walbher, 16 Fev 2009.

  1. walbher

    walbher Usuário

    Gostaria de perguntar qual a velocidade de leitura de cada um aqui no fórum. Se costumam devorar ou demorar, se passam pelas palavras a fim de saber mais sobre a trama ou se atém a cada palavra para descobrir mais sobre o livro e o pensamento do autor.

    Eu sempre fui alguém que leu apressadamente as obras, eu ficava louco por casa nova frase genial a ser dita no próximo parágrafo ou uma nova revelação no próximo capítulo, só que chegou um momento em que eu tinha lido muitos livros e não sabia falar muito sobre nenhum deles ou lembrar das coisas tão geniais que havia lido. Nesse final/começo de ano estou começando a me ater mais aos detalhes e ler calmamente.

    E como acontecem com vocês? Fico até curioso quando vejo o tópico do censo literário, pois tem gente que em meia semana lê 3 livros e eu fico espantado.
     
  2. Paulo

    Paulo Cabeça de Teia

    Para responder isso, é necessário antes fazer uma qualificação: não acho que ler "rápido" tenha qualquer relação com "não ler todas as palavras". Ler por alto, pegando o início e o fim da frases, na diagonal, com o livro de ponta cabeça, pulando páginas etc não são práticas que se confundem com a leitura stricto sensu. São, no máximo, formas de emular a leitura.

    Dito isso, o ritmo de leitura depende de duas variáveis: a) qual é o tempo médio diário destinado (ou whatever) para a leitura; e b) o livro que é objeto da leitura.

    A primeira é bastante óbvia e não precisa de maiores esclarecimentos. Se você lê 5 horas todos os dias, lê mais rápido do que o faria se lesse apenas 3 horas.

    Contudo a segunda variável parece ser mais determinante, principalmente se a comparação é entre duas pessoas diferentes.

     
  3. .Penny Lane.

    .Penny Lane. Usuário

    Eu simplesmente não consigo ler devagar. Acho isso realmente ruim e prejudicial, mas a curiosidade simplesmente é maior.
    Por exemplo, acabei de terminar Os Irmãos Karamázov.(não deve fazer nem uma hora.) Um livro de mil páginas, de uns dias pra cá comecei a ler cerca de 100 páginas por dia, passei minhas últimas tardes inteiras lendo. Aliás, estou postando até com dor de cabeça... ontem de madrugada eu comecei a ficar com sono enquanto lia, e começava a voltar e reler as frases, pois a concentração ia embora... aí resolvi que já era demais, parei e terminei hoje. Mesmo assim, foi um livro que por algum milagre eu parava em certos trechos e voltava, relia, parava pra refletir... mas isso raramente me acontece, eu acabo deixando pra refletir sobre a história quando ela acaba.

    Eu não sei como mudar esse hábito, fico curiosa pra saber o que vai acontecer na trama e tem livros que merecem uma leitura mais calma e atenta, mas eu não consigo me conter. :|
     
  4. Izze.

    Izze. What? o.O

    Eu também não consigo ler devagar. Se eu não ler rápido, o livro começa a me cansar. Eu vou perdendo o fio da meada até o momento em que paro. Daí fico relendo a mesma frase umas trocentas vezes. Lendo rápido isso não acontece.
     
  5. imported_?

    imported_? Usuário

    Depende do trecho do livro. No geral eu leio bem devagar, muitas vezes fico voltando trechos, mas leio rápido em algumas partes, diálogos por exemplo, eu costumo ler muito rápido. Mas gosto de ficar refletindo naquelas partes que um personagem "viaja" em seus próprios pensamentos.
     
  6. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    acho q a velocidade é questão de prática. mas tb pode ser questão de gosto.

    os cursos de leitura dinâmica ensinam q existem vários tipos de leitura, cada um com o seu ritmo próprio. por exe., se vc vai numa livraria e se interessa por um livro, mas quer verificar se ele compensa ser lido ou se só tem um corpinho bonito, vc faz uma leitura rápida, basicamente olhando parágrafos, lendo começos e fins, etc. mas se vc está com um livro de filosofia hegeliana e precisa entendê-lo para uma prova, convem lê-lo na velocidade estudo, procurando não avançar antes de entender o ponto q está na tua frente pra não boiar depois.

    no meu caso, leio em média umas 50 pgs/h, mas esse nº aumenta se for um best-seller e cai se for algo técnico. há tb o fator prazer, pois livros q gosto mais tendem a ter uma vita brevis em minhas mãos. a solução pra isso é ler 2x, pq a 2º leitura sempre é mais profunda q a primeira.
     
  7. Paulo

    Paulo Cabeça de Teia

    Para responder isso é necessário antes fazer uma qualificação: não acho que ler "rápido" tenha qualquer relação com "não ler todas as palavras". Ler por alto, pegando o início e o fim da frases, na diagonal, com o livro de ponta cabeça, pulando páginas etc não são práticas que se confundem com a leitura stricto sensu. São, no máximo, formas de emular a leitura.

    Dito isso, o ritmo de leitura depende de duas variáveis: a) qual é o tempo médio diário destinado (ou whatever) para a leitura; e b) o livro que é objeto da leitura.

    A primeira é bastante óbvia e não precisa de maiores esclarecimentos. Se você lê 5 horas todos os dias, lê mais rápido do que o faria se lesse apenas 3 horas/dias.

    Contudo, isso não é ler "rápido", mas apenas ler "mais". Ler 100 páginas em 1 hora é menos do que ler 200 em 2 horas, mas não é mais rápido. Ler "rápido" seria ler 100 páginas não em 1 hora, mas as mesmas 100 páginas em 1/2 hora. É mais uma questão de intensidade que quantidade.

    Portanto, se a questão é ler "rápido", a segunda variável é mais determinante.

    É exatamente isso que acontece comigo. Assim como não entendo o conceito de ler mais rápido, uma vez que isso implica usar muletas e não pode ser considerado "leitura" de fato, também não entende o ler mais devagar. O que é determinante para meu ritmo de leitura está bem longe de uma decisão minha, uma vez que a intensidade da leitura é definida pela complexidade do livro. Livros simples imprimem uma intensidade maior à leitura do que livros complexos.

    Se tenho controle sobre à primeira variável, isso também é relativo. Dependendo da complexidade do livro, ler mais horas diárias não faz nenhum sentido, acaba sendo contraproducente.
     
  8. .Penny Lane.

    .Penny Lane. Usuário


    Exatamente aí é que está o meu problema. Quanto a ler por alto, sem prestar atenção, isso não faço.

    O problema pra mim não é esse, o problema é que eu acho que um livro mais complexo deve ser lido mais devagar, e isso e eu não consigo fazer. Não é nem tanto devagar no sentido de ler pouco em bastante tempo de leitura, e de uma vez, é mais do tipo... leio uma determinada quantidade de páginas em um dia, paro pra absorver e pensar sobre o que li e só retorno no outro. Eu não consigo fazer isso, acabo acumulando um monte de informações de uma vez. E não faço uma leitura superficial, mas também acho que não aproveito ao máximo o que poderia.(aliás, tenho certeza.)
     
  9. walbher

    walbher Usuário

    :uhum: Exato, exato.

    Todavia, o que é ler? Ler é um conceito? Ler pode ser apenas uma palavra que lemos ou LER pode ser uma Lesão por Esforço Repetitivo. "Ler!" pode ser uma senhora do interior de Goiás chamando o seu filho Leandro para lhe fazer um favor. Acho que há muito mais por trás desses conceitos pífios de ler. Ler está em nossa alma, em nossas vida e também em nosso banheiro para quando precisamos fazer um longo número dois.¹ O conceito de ler vem desde que no aproximado ano de 4000 A.C. quando o papirus foi usado pela primeira vez. Uma invenção que perdura até hoje. Mas, não se enganem, antes mesmo dessa época o homem já escrevia, por meio de hieroglífos, em cavernas usando, assim, o cérebro do qual era portador para descrever o seu dia a dia para seus outros companheiros. E é isso que devemos pensar: o que é ler? Alguma resposta, meus amigos?

    ¹Aqui há de se fazer uma ressalva: tal leitura deve ser leve e tranqüila, ao contrário do motivo pelo qual se encontra em tal assento.
     
  10. Shaytan

    Shaytan Usuário

    Eu acho que não leio de forma lenta e nem rápida, estou no meio termo, se eu apressar acabo me desconcentrando e tenho que voltar a pagina toda, e se for lento demais eu me distraio e me perco em pensamentos alheios ao livro ^^. Outra coisa que acho que influencia muito é o tipo de leitura, estive lendo Dom Quixote desde Janeiro e fui acabar hoje de manhã, ai peguei cinco pessoas que você encontra no céu e terminei hoje mesmo sem fazer esforço.
     
  11. Inugami

    Inugami Usuário

    Oras!
    Achei que eu era um mau leitor por não ficar ruminando cada palavra.
    Até que isso é bem comum...

    Eu geralmente, como dei a entender, leio bem rápido.
    Mas se algo me surpreendeu, como uma morte repentina ou uma ação complexa releio até processar o que aconteceu. Ponto pro autor.
    (Em Crepúsculo, tive que reler umas 3 vezes aquela parte que Edward salva a Isabella da van desgovernada pra entender COMO foi a cena, por exemplo)
     
  12. sammynewton

    sammynewton Usuário

    Isso acontece comigo também Inu. Leio na pressa para saber o que aconteceu, depois releio para visualizar a cena por completo. Deve ser ansiedade :timido:
     
  13. Anica

    Anica Usuário

    Eu sei que leio mais rápido do que deveria, e isso me parte o coração quando é um livro que realmente gostei, porque a experiência da releitura nunca equivale a da primeira vez.
     
  14. Katrina

    Katrina Usuário

    Como já disseram antes...
    meu ritmo de leitura depende muito do livro que estou lendo.... alguns contribuem para a leitura fluir mais rápida, outros exigem mais atenção...
    No geral leio rápido, mas mantenho a minha mania de voltar e reler parágrafos e interromper a leitura para "viajar" e analisar algumas partes da história.
     
  15. Shaytan

    Shaytan Usuário

    Não costumo ler muito rápido também porque geralmente quando gosto de um livro, quando vou chegando no fim, da pena de acabar ^^.
     
  16. Oseas

    Oseas Usuário

    Leio rápido (Acho). Li tres livros de Machado de Assis em tres semanas (Memórias póstumas de Bras cubas, Quincas Borba e Dom Casmurro). Um em cada semana, e olhe que eu trabalho quase o dia todo. Leio antes do trabalho, na hora do almoço e antes de dormir.

    Quanto mais rápido eu leio, mas livros terei lido no ano e na vida.
     
  17. Breno C.

    Breno C. Usuário

    Também teve um tempo que eu fiquei pensando no tempo que eu demorava a ler livros, mas agora fico de cabeça fria. Nunca sei quantos livros já li, porque não costumo catalogar o tempo que demoro a ler nem a quantidade do que leio. Acho que cada livro tem o seu tempo, por exemplo: os livros do King me pedem uma leitura mais rápida e sem ficar se atentando aos detalhes, quando com os livros do Forsyth fico o maior tempo possível lendo , vou olhando cada detalhe e as vezes leio duas ou três vezes o mesmo capitulo até ter certeza que eu peguei cada cena com a mente.
     
  18. imported_Amélie

    imported_Amélie Usuário

    depende do livro... de suspensse leio rápido... de poesia devagar... e alguns volto algumas páginas quando acho que não peguei a mensagem... depende... alguns são sorvetes, vc tem que ler rápido pra não derreter... outros chocolate... tem que encher a boca e derretendo devagar... acho que não tem regra!
     
  19. walbher

    walbher Usuário

    Ultimamente é o que tenho feito. Assim como o Breno falou também. Estou lendo o "A Vida, O Universo e Tudo Mais" de modo bem rápido, enquanto "Homem Comum" do Philip Roth que será o próximo, creio, já vi que vou ter de ler bem devagar.

    Mas mesmo assim, antes eu comia os livros que lia e em menos de dois dias eu dizia "tem umas partes geniais!", aí perguntavam "quais?" e eu "ahn...". Tanto que as vezes eu estou boiando um pouco no "A vida..." porque li "O Restaurante no Fim do Universo" desse modo. Só não volto tudo porque é uma leitura, para mim, de diversão e mensagens irônicas de fácil captação. Não lembrar de um detalhe anterior não irá me prejudicar lá na frente. O que com certeza aconteceu quando li Dom Casmurro que nem uma manada de búfalos loucos, não consegui ter uma opinião muito clara do que eu achava da obra porque fiquei super empolgado com a escrita vertiginosa do ultimo terço do livro.

    Bom, é isso.
     
  20. Breno C.

    Breno C. Usuário

    A verdade é que chega uma hora em que o livro tem vida própria e te exige um tipo de leitura diferenciada. Tem livros que se lidos rapidamente (quase todos que li do Machado), vão deixar mais perguntas que resposta e no final era melhor não ter lido.
     

Compartilhar