1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Leaf by Niggle (Folha por Niggle)

Tópico em 'J.R.R. Tolkien e suas Obras (Diga Amigo e Entre!)' iniciado por Fingolfin_theOld, 30 Mai 2008.

  1. O conto Leaf by Niggle pode ser analizada como uma Autobiografia do momento em que o autor vivia, às vésperas da Segunda Guerra Mundial. Na obra, Niggle personifica Tolkien, com um quadro que nunca é acabado, que se correlaciona com O Senhor dos Anéis que nesta época ainda estava sendo escrito, quando ele tinha dúvidas sobre o futuro de sua obra.<?xml:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" /><o:p></o:p>

    Fonte: Wikipedia.<o:p></o:p>
    <o:p></o:p>
    Quando li esse conto claramente me parece um conto autobiográfico. Niggle começa pintando uma simples folha , mas sua capacidade criativa o impede de parar e a simples folha se tranforma em uma imensa tela onde a quantidade de detalhes é imensa. As aflições vividas por Niggle por desejar acabar sua tela, enquanto os problemas cotidianos o impedem representa o sentimento do autor fronte ao seu universo em criação.<o:p></o:p>

    Já leram o conto ? o que acharam ? <o:p></o:p>

    Enxergaram o conto como autobiográfico ?<o:p></o:p>

    abraços<o:p></o:p>
     
  2. Fimbrethil

    Fimbrethil Esse chato é um

    Você escreveu tudo em branco de propósito?
    Eu li esse conto: A parte do quadro sim, é muito linda, mas não acho que seja autobiográfico, não.
    Na verdade não lembro das pessoas tirando vantagem do Tolkien daquele jeito...
    O conto é muito bom, concordo com você, e acho que ao escrever SDA Tolkien se sentiu ccomo Cisco e acabou fazendo uma coisa monumental.
     
  3. não foi de propósito , é que escrevi no word pq estou no trabalho.

    ai colei.

    mas não sou eu que estou dizendo que é autobiográfico , é a critica como um todo. :think:

    e é muito dificil de afirmar como era o cotidiano de Tolkien logo não tem como afirmar a sua relação com esses fatos.
     
  4. Tilion

    Tilion Administrador

    Confiram
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    a tradução comentada de Tree and Leaf, coletânea de textos de Tolkien que contém o "Leaf by Niggle" (Folha de Cisco). O tradutor é o Reinaldo "Imrahil".

    E o conto é alegórico, sim, o mais alegórico que Tolkien poderia ter escrito, a respeito dele mesmo e da sua criação artística. A relação principal a ser feita é da Árvore de Cisco com a Obra ficcional de Tolkien como um todo (não só o SdA): ambos tão preocupados com os mínimos detalhes que são incapazes de terminar suas criações a contento.

    Leiam o trabalho do Reinaldo para maiores detalhes.
     
  5. Sindar Princess

    Sindar Princess Que deselegante...

    sim, sim...
    creio que toda obra de um artista (seja um pintor, um músico, um escritor, um escultor, etc) sejam reflexos de seus momentos vividos, sejam estes bons ou ruins.

    eu adquiri o "sobre histórias de fadas" (onde o conto "folha por niggle) encontra-se, mas por motivos de trabalho, acabei deixando-o um pouco de lado... nem cheguei ainda na parte do conto. mas certamente deve ser muito bacana!
     
  6. Rauthar Hast

    Rauthar Hast Usuário

    Eu ia criar um tópico sobre isso, mas aí vi que já tem e vou reviver este aqui...

    Pois bem, eu li esse conto já faz um tempo, e depois comecei a pensar, e formulei umas teorias sobre ele. Acontece que essa minha teoria está muito ligada à vida pessoal de Tolkien e na religião dele ou o que ele acreditava. Como eu não sei da vida do Professor, deixo aqui pra vcs verem e opinarem:

    Niggle é Tolkien, e o quadro é a Terra-Média em geral. Quando os "soldados" vão buscar Niggle, significa a morte buscando Tolkien. Quando Niggle vai para o local onde trabalha, significa Tolkien indo para o Purgatório (aqui começa a parte religiosa da minha teoria). Depois, do Purgatório ele vai para o Paraíso Pessoal (Onde Niggle entra dentro do seu quadro). Não é o Paraíso Real, mas um paraíso que a pessoa cria para si mesma. Depois disso, Niggle/Tolkien sai do Paraíso Pessoal e vai ao Paraíso Real, onde mora Deus.

    Talvez eu esteja/seja muito doidão das idéa, mas foi oq eu pensei quando li o conto.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  7. Lenwë ¥

    Lenwë ¥ Usuário

    A Sindar Princess disse que o (Folha por Niggle) está dentro do livro sobre história de fadas. São livros diferentes ou seria algum capítulo dentro do livro que a Sindar citou?

    O link que o Tilion colocou está dando erro.
     
  8. Meneldur

    Meneldur We are infinite.

    O "Sobre Histórias de Fadas" é um ensaio de Tolkien sobre Contos do Fadas. Normalmente ele e o Folha por Niggle são vendidos em um volume só, mas são obras diferentes. A tradução que o Tilion mencionou pode ser encontrada
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    .
     

Compartilhar