1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

[L] [Washu-chan] [Prelúdio]

Tópico em 'Clube dos Bardos' iniciado por Washu_Hakubi, 10 Jul 2002.

  1. Washu_Hakubi

    Washu_Hakubi Usuário

    [Washu-chan] [Prelúdio]

    tipo, nao é bem um conto...aqui só tem um trecho com os dois personagens principais que eu fiz, acontecendo no meio da história.Eu fiz esse texto como um teste, e resolvi postar aqui pro pessoa ldar uma opiniao 8) pois é a primeira vez que escrevo algo na esfera tolkiana....
    nao é aquelas coisas mas eu me esforcei :wink:

    " - Meu nome é...Silmaril. - disse ela, tendo perfeita consciência do impacto que sua apresentação causava. Mesmo o indiferente bardo não pôde evitar um lampejo de curiosidade, mas obviamente ele não iria demonstrar isso.
    - Pode me chamar de Kappa, senhorita. - respondeu ele, fazendo uma mesura. Ela retribuiu o gesto, dois elegantes miseráveis portando-se como nobres no meio da estrada desolada. Como se estivessem em seu próprio castelo, no mais abastado reino.
    - Vê-se que de onde quer que tenha saído, lá aprendeu bons modos. E não os esqueceu, o mais importante. - ela concluiu ,ao final da cena, sabendo ter sido algo tristemente engraçado. Provavelmente ele considerara apenas triste, pois sua resposta veio sem rodeio algum.
    - O mesmo vale para a senhorita, apesar de estarmos como dois mendigos aqui no meio do nada.
    - "Nem tudo é ouro fulgura, nem todo vagante é vadio"... - murmurou ela para si mesma, um brilho estranho percorrendo os olhos verdes.
    - Belo verso, senhorita. Daria uma boa poetisa se a sorte tivesse lhe sido mais amigável. - elogiou ele, começando a ter mais apreço pela inesperada companhia.
    - Apenas pedaços de passado. Não é possível colá-los de novo, então vamos deixá-los onde estão. - ela sorriu sinceramente, jurando a si mesma parar de fazer comparações estúpidas. E o estranho Kappa já lhe parecia menos nebuloso a esse ponto. Bem, era de se imaginar que a música e a prosa fossem o caminho para se chegar até ele, um bardo melancólico ainda é um bardo, afinal.
    - Entendo... - uma sombra passou rapidamente pela voz dele - Cada um tem seu passado. Apenas seu.
    - É, cada um tem o seu! Passado é que nem...
    - SIL! De novo essas vulgaridades!!!!! De que terra perdida poderia ter vindo esse tipo de verso? Eu gostaria de saber, por Eru! - ele ajeitou a capa no pescoço, sinal de estar incomodado. Silmaril sabia exatamente o que dizer para deixá-lo assim ,como se provocasse um velho amigo e não alguém que conhecera há duas luas.
    - Foi você que pensou vulgaridades antes de eu dizer uma só palavra! Que coisa feia, Kappa! - ela balançou o dedo, parodiando grosseiramente uma irmã mais velha reprovadora.
    - É Sr. Kappa pra você, miss Quatro Quartas! E vamos embora se não quer ficar pra trás! - ele colocou o chapéu de qualquer jeito e deu as costas à menina, sabendo que ela realmente odiava essa maneira de descaso.
    - Já está grosso de novo! - ela começou a andar com passos duros atrás dele, disposta a irritá-lo pelo caminho todo, mas teve de ocupar-se com outra questão, aparentemente irrelevante, mas que lhe tiraria o sono daquela noite.
    - *Quatro Quartas...Quatro Quartas...onde eu já ouvi isso? Tenho certeza de que sei do que se trata...ou sabia! Earëndil! Mais um pouco e enlouqueço!* "
     
  2. Primula

    Primula Moda, mediana, média...

    OK, quem me conhece, Washu-chan sabe que sou crítica no sentido de não dar apenas "uau muito bom!"

    Não é que eu seja melancólica ou que goste de textos melancólicos... mas porque a mudança abrupta? A mudança começa no trecho "passado é que nem..." (eu usaria 'passado é como...')

    Talvez a interação cômica seja melhor beeeem mais pra frente. Estamos no começo, e essa 'tirada' não é interessante. É irritante na pior das hipóteses, e sem nexo na melhor.
     
  3. Washu_Hakubi

    Washu_Hakubi Usuário

    obrigada pelo toque, Primula, foi por isso mesmo que eu coloquei aqui, pra dizer mesmo o que não serve :wink:
    *Washu sabe que tem que parar com piadinhas ridículas nos textos porque não é a primeira vez que faz isso*
    O problema é que a Sil tem um lado mais alegre e o Kappa não...e na hora de mostrar isso acabou ficando "assim".Mas eu vou melhorar isso! E muitas outtras coisas tb, claro... :wink:

    Washu se esforçando para escrever melhor!
     

Compartilhar