1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

[L] [Kementari][O Pomar]

Tópico em 'Clube dos Bardos' iniciado por Kementari, 13 Jun 2003.

  1. Kementari

    Kementari É só marca do fogão!

    [Kementari][O Pomar]

    O Pomar.

    Capítulo 1 – Eva e Urano.

    Houve uma vez um Pomar. Isso foi há muito e muito tempo. Quando não havia ainda as Américas, e o Capitalismo era divino.
    Pouco se contou sobre o Pomar, por que pouco foi contado, por que pouco se sabe. Isso por que o Pomar ficava num lugar secreto, onde apenas os mais afortunados tinham a chance de chegar. E num tempo de deuses incestos, eram poucos os de fortuna. Eram realmente poucos.

    ******************************************************************************************

    Diz-se que Gaia criou o Pomar antes do Pecado Original.
    No Pomar, ela depositou todas as suas energias, e todo o seu dourado, e toda sua mocidade, e todos os sentimentos que jaziam nos cantos recônditos de sua alma pura. E ela fez árvores com pomos dourados, e pomos rosados, com folhas macias e folhas cortantes, com troncos brancos e lisos, finos e fibrosos, e troncos negros e irregulares, grossos e plásticos.
    E conta-se também que com o Pomar pronto e suas Forças esgotadas, Gaia repousou sob as folhas da mais bela das árvores do Pomar, com o tronco negro como a ônix sagrada das margens das cachoeiras nas bordas do mundo, e trançado como os cabelos de Afrodite, envoltos em fitas. Suas folhas eram de uma coloração única, como se feitas de chumbo; mas eram leves e macias, pois foram hidratadas com o leite de Gaia em sua juventude alva. Por dentro doas fibras da árvore corria cristal líquido, que alimentava as flores prateadas e os pomos embranquecidos, e dava à árvore luz, como uma estrela prateada, que reluzia em meio ao Pomar.
    Da árvore, extravasava poder. Mas quem repousava em suas raízes era Gaia, e esse poder quase não a afetava. E ela caía na grama reluzente e clara, com os braços dispostos para o alto, e os cabelos suados percorrendo o rosto pálido, e chegando ao peito ofegante, e ao corpo, quase morto.

    E devido ao desaparecimento de Gaia, Urano foi à sua busca, e em pouco mais de cento e oitenta e seis dias do término da obra, ele encontrou o Pomar.
    Urano ficou encantado com as luzes e os pomos, mas não ousou experimentar de seus sumos doces, pois temia seus poderes.
    E após dezoito dias vagando por entre as árvores, Urano chegou até sua cesária.
    Gaia estava morta, mas um fio de vida sustentado pela luz cristalina lhe restava antes de sua alma retornar ao Caos do qual ela saiu. Urano, ao ver seu corpo sem vida sob a árvore, se entristeceu. Mas não se subestimou, e deixou se levar pelas suas mãos delicadas e hipnóticas, e seus instintos talhados pela Glória. E da árvore fantástica retirou um Pomo, que sangrou cristal ao ser rompido seu cabo. E o cristal doce caiu nos lábios de Gaia, e a fez despertar. E Urano levou com sua mão direita o Pomo à boca de Gaia, que somente fez mover os lábios, e cortar com os dentes a carne macia e tenra da fruta, e beber de seu suco, que continha em apenas uma gota todas as forças de Gaia*, e cair na tentação proposta por sua Consciência. E Urano fez o mesmo de Gaia, e se fortaleceu com o hidromel de poderes caóticos.

    ******************************************************************************************

    Assim foi Criado o Pomar e os Poderes do Mundo, e desse Pomo nasceram os seres que habitam as terras, e as águas, e as profundezas.
    Diz-se que quando Urano retirou o Pomo da Árvore, ela sangrou seu cristal com tamanha intensidade que ela começou a definhar, até desfalecer por completo, e Seu tronco consumido jazerá no Pomar durante Eras incontáveis aos mortais.

    ******************************************************************************************

    Durante Anos inumeráveis em algarismos, o Pomar permaneceu intocado, até que a última gota de cristal da árvore caiu por sobre a grama, e dela nasceu um menino, com cachos celestes e negros caídos por sobre a testa e as bochechas rosadas e vívidas.








    *Assim como Jesus multiplicou os pães e os vinhos.
     
  2. Saranel Ishtar

    Saranel Ishtar Usuário

    Só uma palavra, para não me delongar mto:
    LINDO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Ow foi vc que inventou tudo isso????
    Que legal! :D :D :D :D
     
  3. Hal

    Hal Usuário

    Gostei do começo.
    Parece uma história cheia de metáforas sobre a origem do mundo, legal.

    Incesto em que sentido? Vão aparecer esses outros deuses? Senão fica meio sem sentido.
     
  4. Kementari

    Kementari É só marca do fogão!

    Valew Sarah!!!!!!! :D
    Isso é um pouco de mitologia grega misturada com registros bíblicos.. :wink:


    Sapiens, valew tb!! :obiggraz:
    E Sapiens, um exemplo desses deuses são gaia e urano..
    Ela de certa forma deu origem a ele, e deles nasceram os titas, os ciclopes... :wink:
     
  5. anh, puts kementari....ta muito bom esse texto....vai t continuação? ou naum?
     
  6. Inho

    Inho Usuário

    Precisa não.

    Parabéns, Kementari. Muito bem escrito. Só uma coisa: eu achei algumas partes descritivas maçantes, talvez por serem exageradamente descritivas, ou por descreverem coisas maçantes.
     
  7. Kementari

    Kementari É só marca do fogão!

    Blz Inho, tentarei melhorar :wink:
    E quanto a continuacoes, eu estava pensando em fazer sim... vcs verao! :D
     
  8. Forfirith

    Forfirith Usuário

    Molho de tomate!!! :grinlove:
     

Compartilhar