1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

[L] Gosto é igual a

Tópico em 'Clube dos Bardos' iniciado por JLM, 21 Mar 2013.

  1. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    André achava tudo em Verônica perfeito: o bom humor, a disposição para festas e viagens, a predileção por beber tequila até ficar louca, a criatividade e agilidade no sexo, tudo nela, enfim, era perfeito. Exceto um detalhe, ela gostava de ler Nicholas Sparks. André aceitaria qualquer defeito, menos este. Ela poderia ser vegetariana, torcer para o Flamengo, não ser doadora de órgãos, vestir-se só de preto (ou de rosa), cuidar de treze gatos siameses em um apartamento minúsculo, poderia até traí-lo de vez em quando que ele entenderia e perdoaria sem pensar duas vezes. Mas ler Sparks estava além do aceitável. Afinal, todo homem tem o seu limite. André precisava fazer algo. Urgente.

    - Amor, posso te pedir um favor?

    - Sim, meu bebê. Qualquer coisa.

    - Me empresta um livro?

    - Ué, você tem tantos na sua casa, e eu só tenho alguns best-sellers.

    - É por isso mesmo, estou querendo variar as minhas leituras, ando meio travado nos autores russos. E isso não tá me fazendo bem. Preciso parar de pensar um pouco.

    - Tá bom então, qual você quer?

    - Me empresta o que você mais gosta.

    - Pega ali o Diário de uma Paixão, mas não sei se você vai gostar, é muito mulherzinha.

    - Que isso, amor, confio no seu bom gosto desde que você aceitou namorar comigo.

    - Seu bobo. Te amo!

    Três semanas depois, no restaurante, ambos discutem.

    - Mas amor, como você não consegue ver que em todos os romances do Sparks ele usa a fórmula literária do triângulo amoroso? Só que o amante ou a amante é sempre uma entidade abstrata. É ele, ela e a doença terminal. Ou ele, ela e a guerra. Ou então ele, ela e o desastre da natureza. Poucas vezes ele e ela terminam juntos, quase sempre ele ou ela acabam ficando com o outro. Ela morre de uma doença incurável ou tem amnésia. Ele precisa se afastar ou morrer lutando pelo país ou fugindo de um furacão. É genial!

    - Só porque você leu todos os meus livros agora é especialista em Nicholas Sparks? É Sparks pra lá, Sparks pra cá. Virou tiete dele agora? Só falta dizer que quer dar pra ele! Não fosse o bastante achar ele o máximo da literatura e ficar discutindo teorias doidas com as minhas amigas, toda hora, agora até quando estamos a sós? Já comentam que você fala mais nele que em mim! Maldita a hora em que te emprestei os meus livros. Mas vou ser sincera com você: de hoje em diante, se você quiser ficar comigo, não fale nunca mais nele. Faça de conta que eu odeio Nicholas Sparks, porque na verdade eu o odeio mesmo.

    - Mas amor...

    - Sem “mas amor”. Eu te amo, mas Nicholas Sparks se tornou o outro em nossa relação. É a sua teoria aplicada a nós dois. E você precisa fazer uma escolha agora, ou você fica comigo ou com ele. Nós três juntos não está dando certo pra mim.

    - Bem, se é assim que você quer, é claro que eu escolho você, amor...

    - Ouquêi, meu bebê, então vamos encerrar essa discussão boba e fazer o pedido? Estou morrendo de fome.

    No fundo, André estava aliviado. Não falar nunca mais sobre Nicholas Sparks com Verônica trazia uma vantagem inesperada: ele não precisaria devolver os livros que ela emprestou.
     
    • Ótimo Ótimo x 1
    • Gostei! Gostei! x 1
    • LOL LOL x 1
  2. Lynoka

    Lynoka Like a lady, ya!

    Poxa, gostava tanto do Nicolas, tenho até o Diário de uma Paixão em casa XD
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  3. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    então mto cuidado ao emprestar ele pro namorado.
     
    • LOL LOL x 1
  4. Ana Lissë

    Ana Lissë Nazgûl boazinha

    Não acredito que ele passou a gostar dos livros do Sparks! Falou tão mal e de repente passou a gostar desse jeito. A não ser que tenha sido um plano dele: pega os livros, lê só pra encher a paciencia tal como ele fez e da fim no dito cujo pra não ter mais esse fantasma assombrando a relação deles! Será??
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  5. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    ana, existe uma estratégia d escrita chamada narrador não confiável, e acredito q
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    .
     

Compartilhar