1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

[L] [Goldenleaf][Conto Coletivo]

Tópico em 'Clube dos Bardos' iniciado por Lucy Folha Dourada, 9 Jul 2002.

  1. Lucy Folha Dourada

    Lucy Folha Dourada The designer Raccoon!

    [Goldenleaf][Conto Coletivo]

    Bom pessoal, que tal criarmos um conto coletivo? tipo eu escrevo o começo, alguém continua... Quem tiver interessado em escrever junto no conto, deixa um post aki, q eu faço uma lista. Ah, e tb tem q haver um controle de linhas (tipo, umas 30 por pessoa) e tb a pessoa q estará escrevendo tem q deixar a história ampla, para outra poder continuar.
    Na minha idéia, a gente poderia fazer um conto com todos os personagens do fórum da Valinor inscritos no conto; acho q poderia até ter um pouco a ver com Senhor dos anéis.
    O q acharam da idéia? :wink:


    Obs: peguei essa idéia do Saxplr, q escreve no fórum da SpellBrasil
     
  2. V

    V Saloon Keeper

    Todas as tentativas de fazer algo parecido nesse fórum deram errado...

    Eu tentei fazer algo bem parecido no geral, mas o pessoal logo se desanimou...

    Há poucos dias, alguém teve uma idéia similar aqui mesmo no CdE (olhe um pouco abaixo, no tópico "Jogo - História sem fim") mas também não foi pra frente...

    Todas as experiências passadas me dizem pra trancar esse tópico... mas, sabe de uma coisa? Eu vou deixar aberto (por uns dias). Se der certo, ótimo. Se não, paciência...

    P.S.: Ah, e que estiver interessado, ao invés de deixar um post aqui, mande uma MP pra ela, ok?
     
  3. Lucy Folha Dourada

    Lucy Folha Dourada The designer Raccoon!

    Bom, valew mesmo assim... :wink:
    Eh q deu tão certo no fórum da Spell q eu me animei pra fazer um assim
    mas thudo bem se nao der certo, pode trancar.
     
  4. Primula

    Primula Moda, mediana, média...

    Goldie, se você quiser, comece, ara! :wink:

    Mas como você num começou, eu começo... deixa ver... pensar em alguma palavra nada a ver e a partir disso escrever... já sei!

    Partido Verde

    - Você sabe de uma coisa? Você é um burro!

    Poxa vida! Ouvir isso logo de manhã? Irmão mais velho é foda.

    - Onde já se viu? Comer mamão verde?

    - É né? - resmunguei meio sem graça.

    ****

    OK, continuem!
     
  5. Vinci

    Vinci Usuário

    - Só você mesmo pra fazer isso seu asno! - disse meu irmão
    - Ué? É o único mamão que tem aqui, por motivos de fome maior a gente faz tudo meu filho! - respondi a ele tentando dar moral
    - Mas é burro mesmo heim??? É só comer outra fruta... - disse o chato do Joey, só que agora ele realmente estava com um pouco de razão
    - Eu acordei com vontade de comer a porcaria do mamão, e ele ta verde ué... - respondi com aquele ar de "vaza que você já encheu o saco"
    E continuei minha aventura de comer um mamão verde, não tinha nem idéia de que gosto tinha um mamão verde, nunca tinha provado, mas agora já tinha cortado e tudo, precisava comer, e se não o fizesse iria levar bronca da minha mãe e seria gozado até a morte pelo idiota do Joey...
    Fui até a gavetinha e peguei um garfo, e andei rumo ao sabor desconhecido de mamão verde...
    Era como se estivesse andando por uma rua que não conhecia pra um lugar que não conhecia e com certeza de que ia me ferrar, então andei mais um pouco e com coragem... Peguei o garfo e espetei o mamão...
     
  6. Washu_Hakubi

    Washu_Hakubi Usuário

    ...e quando eu engoli o primeiro pedaço da coisa (e não é que tinha um gosto bom?) ouvi um grito de pavor vindo da sala:
    - ERIC!O QUE PENSA QUE ESTÁ FAZENDO? - era minha mãe que gritava, e na hora percebi que ela segurava coisas como chantili pre-pronto, morangos e calda de pessego em lata, e a fome apertou mais ainda...mas isso não seria o pior.
    - Eric!Que idéia é essa de mexer no mamão verde?Essa noite virão alguns convidados e esse mamão era para a sobremesa que eu ia fazer junto com essas frutas aqui!
    - Pô, mãe..nem avisa!
    - E QUANDO EU IA PENSAR QUE ALGUÉM EM SÃ CONSCIENCIA IA INVENTAR DE COMER MAMÃO VERDE PURO?
    Procurei ignorar as risadas vindas da sala, mais preocupado com as consequencias do meu ato impensado...mamãe, não menos irritada, pegou a carteira e colocou uma nota apenas nela, me entregando em seguida.
    - Vai AGORA comprar um mamão verde novo!
    - Mas mãe, e se eu não achar nenhum?
    - Não queira saber...
    O tom daquela frase foi tão convincente que no mesmo momento eu já estava na rua, em direção à feira...então...
     
  7. Lukaz Drakon

    Lukaz Drakon Souls. I Eets Them.

    ....então q após andar varios km deparo-me com aquela carrinho de feira e penso "bendito seja o senhor seu João do Mamão". E fui andando, calmo e tranquilo esperando que essa historia tivesse um fim rapido pois passaria na TV a reprisse do meu filme favorito: O retorno da lagoa azul. Foi qdo vi aterrorizado! não havia nenhum mamão verde na barraca! Fui então perguntar para seu João na esperança q algo de bom acontece-se:
    -Seu João! o senhor tem um mamão verde perdido por ai?
    -Ora meu filho -disse o velho num tom ironico- se ele estivesse perdido pra ele estaria aqui? Ninguem compra coisa perdida naum...
    -Não brinca... é coisa de vida ou morte!
    -Sério assim é?
    -Sim senhor. Minha mãe precisa de um mamão verde pra ontem...
    -Então ande até o fim da feira q o meu Primo Manuel também vende mamão... so não sei se ele vai ter verdes...
    Então continuei minha caminhada, rezando para q mamãe esperase um pouco mais......
     
  8. Lucy Folha Dourada

    Lucy Folha Dourada The designer Raccoon!

    Bom, do jeito q tah tah otimo mesmo V ;)

    ... chegando ao fim da feira, vi de longe a barraquinha do Manoel,e, um brilho verde para os meus olhos, era ele: o Mamao verde!!
    Fui andando feliz por te-lo achado, mas, de subito, uma sombra cobriu ele. Corri até a feira e perguntei
    -- cade o Mamao verde q tava aki???
    Manoel --- acabei de vender o ultimo para um Kr esquisito de capa preta, ele tah ali -- e apontou o Kr, q estava andando para sua casa
    ...
     
  9. Primula

    Primula Moda, mediana, média...

    Geez... se tiver conspirações de luzinhas não tem graça!

    ******

    - Peraí, meu! Peramordedeusperaí!!!

    O cara se fez de rogado ou era surdo. Ou nem percebeu que era com ele.

    - Peraí, seu moço! - eu gritei alcançando ele.

    - Heim? O que foi, guri?

    - Quanto o senhor pede pelo mamão verde?

    O cara olhou pra mim incrédulo: - Guri, vai comprar outro na banca de frutas.

    - Num dá! Esse era o último!

    - Bem eu não posso vender. Preciso dele.

    - Porfavor, moço! Minha mãe (num sei por que) quer mamão verde e se eu não arranjar um tou frito!

    - Eu andei a cidade toda e só achei mamão verde nesta banca. Se der pra você eu vou ter de andar tudo de novo. Sem negócio guri!

    Eu suspirei derrotado. Mas sou bom de interpretar LARP, sabia? Ele descuidou e aproveitei a deixa, saindo correndo como os caras do rugby.

    - Ei! Pega ladrão de mamão!!!
     
  10. V

    V Saloon Keeper

    Saí correndo, espalhando frutas das barracas próximas pelo chão, no intuito de retardar o avanço do pequeno grupo de feirantes que, junto ao homem misterioso, me perseguia.

    "Solidariedade entre feirantes e figuras encapotadas? Só me faltava essa..."

    Após tropeçarem em maçãs, escorregarem em uvas e literalmente pisarem no tomate, os feirantes revoltados já se encontravam despencando uns sobre os outros, num verdadeiro balé cômico. Só o homem de preto seguia seu curso, aparentemente não se incomodando nem um pouco com os obstáculos. Uma equipe de TV que se encontrava no local fazendo sei lá o que, começou a filmar a perseguição.

    Os transeuntes também acompanhavam tudo, interessados (e talvez simpatizando com a minha atitude, em vista dos preços abusivos das mercadorias). Pulei sobre uma barraca de peixes, deixando um chinês estirado no chão, com um polvo sobre o rosto, soltando uma verborragia ininteligível. A galera vibrou.

    - É isso aí! - gritou um.

    - Abaixo os feirantes! - concordou outro.

    Então, uma "guerra" começou na feira. os fregueses começaram a derrubar barracas e esmagar frutas. Alguns corriam atrás dos feirantes, segurando peixes mortos como espadas.

    Eu seguia meu caminho, tentando, ao mesmo tempo em que fugia, entender o que causara tal reação, tanto nos feirantes como nos fregueses. Afinal, as coisas não estavam tão caras assim. Foi então que eu percebi um sorriso no rosto do homem de preto. Ele me seguia calmamente, sem correr. E mesmo assim, parecia estar o tempo todo dois passo atrás de mim. Quem seria aquele sujeito? E que estranhos poderes ele guardaria? Foi pensando nessas coisas que eu finalmente olhei para a frente, a meio segundo de perceber o poste diante de mim. Meio segundo não foi suficiente, e o impacto fez com que eu tivesse um contato imediato de terceiro grau com o solo.

    - Quem deu corda no mundo? - perguntei, tentando colocar a cabeça no lugar.

    O homem de preto se aproximou calmamente, e apanhou o mamão verde que havia rolado para o meio-fio. Ele olhou pra mim serenamente, e veio em minha direção.

    - Tudo isso por um mamão verde? - questionei.
     
  11. Vilya

    Vilya Pai curuja, marido apaixonado

    - Eu ia te fazer a mesma pergunta, guri. Tens idéia da confusão que causaste ? Venha, deixe que eu te ajude a levantar. - disse ele estendendo a mão.

    O que será que ele disse ? Minha cabeça tá doendo ... por que será que ele está estendendo a mão pra mim ? Acho que quer que eu levante...

    - Ande, guri, ponha-te de pé.

    Bem que eu tentei, mas nem com a ajuda dele eu pude ficar em pé naquela hora.

    - E agora, o que é que eu vou falar pra minha mãe ? - pensei alto.
     
  12. Lucy Folha Dourada

    Lucy Folha Dourada The designer Raccoon!

    --- Eu devia chamar a polícia --- falei baixinho para mim mesmo, mas, pude notar que o kr havia escutado.

    --- Chamar a polícia? está louco? Foi VC que roubou o mamao de mim, esqueceu?

    Fikei com cara de idiota. Um idiota, encostado no poste, com a cabeça doendo e vendo um montinho vermelho (feirantes sujos de tomate) vindo em minha direçao.

    O kr, vendo a situaçao tb, me levantou a força e me puxou rapidamente, de modo a entrar em uma loja, corremos e saímos pelos fundos (era uma locadora) estava-mos em um beco sujo, o kr olhou para a minha cara e ...
     
  13. Lukaz Drakon

    Lukaz Drakon Souls. I Eets Them.

    ... disse com uma expressão não mto boa:

    -Pronto... estamos a salvo por enquanto. E pensar que td isso eh so pq minha tia quer fazer um doce de mamão verde!
    -Sua tia quer o q?!
    -Fazer doce de mamão verde ué... não conhece?
    -Digamos que...

    Infelizmente eu não consegui terminar a minha frase pois subitamente por um dos lados do beco chegam os feirantes segurando pedaços das barracas, e eles não estavam muito felizes o que fez com q minhas esperanças baixasem a quase zero!

    -Venha! Temos q sair daqui! -disse o encapusado me arrastando para o outro lado do beco-

    Infelizmente os feirantes tb já tinham pensado nisso e colocaram um outro grupo fechando os dois lados do beco, porém, uma pequena porta estava ao nosso alcance e entramos numa velocidade incrivel, dando de cara com.....
     
  14. V

    V Saloon Keeper

    Um bar escuro, cheio de enfeites em neon que pareciam saídos dos mais bregas pesadelos dos anos 80. O lugar só tinha homens, e a maioria usava suspeitos trajes de couro, alguns, para nosso horror, excentricamente reveladores. O homem de preto parecia assustado. Ele me disse alguma coisa que eu não consegui entender, pois a música (YMCA, do Village People) estava muito alta.

    "Isso está começando a ficar ridículo" - pensei.
     
  15. Primula

    Primula Moda, mediana, média...

    [OFF] Toda vez que o V escreve eu começo a rir feito doida. (neon de dia?)

    ******

    - Ah... garoto? - o encapotado sussurrou.
    - Quié?
    - Boa sorte! - o encapotado desejou.

    Vi sorrisos por todos os lados. Eu tive um mau pressentimento
    - Que menino mais fofinho - um cara de bigode beeem Barbie gritou com voz fininha.

    É brincadeira? Vou cobrar juros e correção monetária (e insalubridade) pra minha mãe!
    O mamão ainda estava como encapotado que... ei! Saindo de fininho?!? Preciso pensar rápido pra sair dessa, recuperar o mamão e pedir um bônus de mesada pra mãe!
     
  16. Amiguinha Wood

    Amiguinha Wood Usuário

    -FOFINHO EU?
    -Voce quer dancar?a musica esta boa......

    Nessa hora o kr foi entrando no banheiro sutilmente

    -ah ,a musica.........pois e ,muito legal ,eu vou andar por ai , nesse lugar interessante e ja volto.....

    -agora eu pego esse mamao , e qdo eu pegar fujo desse treco gay ,q nojo.......


    ...
     
  17. Comecei a andar em direção ao homem de preto, que agora saía da boate gay. Cada vez ficava mais difícil avançar, pois a multidão ia ficando mais densa. Então chegou a um ponto que fiquei encurralado: havia tanta gente na minha frente que era impossível dar mais um passo.

    Pelas pequenas fendas que se abriam entre as pessoas, pude perceber que o homem já havia ido, com o meu mamão. Agora não tinha mas jeito, só me restava voltar pra casa como um fracassado.

    Estava esperando uma chance de poder continuar. Esperava calmamente, pois agora não tinha mais pressa; já me conformara que tinha perdido o mamão.

    Mas de repente me dei conta que eu só não havia perdido o mamão, mas também a carteira! "Agora estou realmente perdido, mamãe vai me matar", pensei eu.
    Não consegui pensar em mais nada, apenas fui abaixando até ficar agachado no chão, com os braços em volta das minhas pernas. Coloquei o meu rosto entre elas e chorei. Mal havia passado 15 segundos quando alguém me cutucou pelas costas. Me virei e fiquei surpreso ao ver que era...
     
  18. Lucy Folha Dourada

    Lucy Folha Dourada The designer Raccoon!

    ...que era o meu irmao mais velho, ele olhou primeiramente com pena, mas depois sorriu malisiosamente e me mostrou: um outro mamao verde, tao bonito quanto o outro!! Eu comecei a pensar que era sacanagem; pq ele consegue `sem problemas` um mamao verde e eu tenho que me ralar inteiro pra pegar um??? aliás, pra NAO pegar um. Ele falou que, já que eu tava demorando mto pra voltar com o mamao, a mae pediu pra ele ir pegar. Chegando em casa, perguntei a ele como ele tinha arranjado o mamao, ele disse que um kr de preto havia o dado e...
     
  19. ...que depois começou a correr rapidamente.

    - Joey, eu tentei comprar o mamão, eu juro! - Eu suava, estava vermelho e com palavras embaraçadas, tentava explicar tudo que acontecera.

    - Eric, eu já sei de tudo. - disse Joey dando tapas leves no meu ombro - O homem me explicou tudo o que acontecera. Em falar nisso, que cara estranho, não é mesmo?

    - É, eu ia falar exatamente isso! Ele não disse quem era?

    - Primeiro ele me contou que você estava numa boate gay. Levei um susto na hora, mas como já disse, ele logo me explicou tudo. Ele já estava indo embora quando eu perguntei qual era seu nome. Sabe o que ele respondeu? Ele disse: "Eu? Eu sou o Rei do Século Vinte. Eu sou o fantasma. O vilão. A ovelha negra da família. Eu não tenho um nome. Você pode me chamar de "V". (off: não pude resistir, hehehehe)

    Mesmo com toda aquela história louca, decidi me acalmar. Respirei fundo e sorri. Nessa hora o telefone tocou.
     
  20. Caq Baggins

    Caq Baggins Usuário

    Mas V? V de que? o que significava aquilo? porque ele não tinha deixado o mamão comigo e simplesmente eu ter levado para casa. Mas não, ele deu pro meu irmão. Quem era ele, eu fiquei pensando, mas meu pensamento foi pertubado por um TRIMMMMMMMM!!!!! Me assustei, eu atendi:
    - Alô? (atendi assustado, me recuperando do choque)
    -Não vou incomodá-lo. Desculpe pelo susto, mas respondendo sua pergunta, eu dei o mamão para seu irmão, porque se você tivesse pegado o mamão, correria riscos, algo estrondoso,que saberá logo.
    -Oq? Me fale!!!!
    Ele tinha desligado.
    Quem era? Sobre oq ele falara? Eu queria descobrir...
     

Compartilhar