1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

[L] [Faerum] [A mente humana esta vazia]

Tópico em 'Clube dos Bardos' iniciado por Faerum, 22 Fev 2004.

  1. Faerum

    Faerum Usuário

    [Faerum] [A mente humana esta vazia]

    Meu primeiro texto nesse tópico. Vamos ver no que vai dar. (Please, sejam gentis, não acabem com minhas esperanças) Lembrando que só escrevo pra aliviar a tenção. :D
     
  2. Faerum

    Faerum Usuário

    Com vcs: A Mente Humana está Vazia!

    Um dos maiores mistérios para os historiadores será desvendar o quanto que as civilizações antigas conheciam. Como as pirâmides foram construídas? E as formas de Nazca, como foram desenhadas?
    Muito do que se sabia foi esquecido. E qual é a razão de tudo isso? Certamente foi a revolução tecnológica a razão da moderna Caixa de Pandora. Antes da Idade do Ouro da civilização, todos nós fomos criados em comunidades agrícolas, somos todos oriundos do campo, segunda fase da criação gastronômica do homo sapiens, que sucedeu a fase de coleta. Assim que nossos antepassados se fixaram em suas terras, e começaram a formar vilas, o homem começou a acumular em seu cérebro grandes quantidades de conhecimento, que antes se reservava apenas a “isto é comestível” ou “aqui é bom de se morar”. Novas técnicas de construção foram criadas, novos materiais foram descobertos, monumentos a seus deuses começaram a ser erigidos. Todo o seu conhecimento seria usado nas décadas seguintes, para depois decair na Id. Média, renascendo séculos depois
     
  3. Faerum

    Faerum Usuário

    Durante esta hibernação, sem que o homem percebesse, é que se perdeu muito do que se sabia. Se fosse dito a um pedreiro medieval que as grandes construções dos Antigos, foram realizadas por mãos tão humanas como as dele, era possível que o tal trabalhador o entregasse para o Tribunal da Santa Inquisição, por dizer tamanho absurdo.
    Mas antes fosse isso apenas uma fase de ignorância. Foi apenas o começo.
    Bem vindo sejas de volta ao século XXI. As novas tecnologias prometem nos levar a conhecer o mundo com apenas o clique de um botão. Quando as caixas de circuitos e telas de cristal líquido invadiram nossas casas, o destino humano foi selado. Estamos fadados ao empobrecimento intelectual. As longas viagens de antigamente foram deixadas de lado. Se antes uma jornada da França à Inglaterra durava um mês, hoje é possível faze-la em poucas horas, graças a passagem pelo Canal da Mancha. Maravilha moderna ou terror evolutivo?
    Como já diz o velho ditado “Mente sadia em corpo sadio”, onde está o esforço físico da travessia? O homem moderno passa mais tempo sentado vendo televisão, do que lendo um livro, visitando uma biblioteca ou museu. Viraremos uma geração de criaturas acéfalas.
     
  4. Faerum

    Faerum Usuário

    Isto me leva a um pensamento. O que deixaremos de herança às gerações seguintes? Nos foram deixadas grandes obras em pedra, os nos esquecemos de Machu Pichu, Ilha de Páscoa ou as linhas já citadas de Nazca?
    Nossas grandes obras não passam de amontoados de aço e concreto. Além disso, que vestígios antropológicos serão deixados se é comum os caixões serem abertos depois de um tempo, para que o pozinho resultante seja despejado em pequenas urnas. Da grande arte egípcia da mumificação ou dos grandiosos mausoléus pré históricos, qual conhecimento foi absorvido se tudo que nos resta após a morte são fragmentos minúsculos, que a primeira vista não merecem muito estudo.
    Acabo por aqui este artigo, mas lhe deixo um pensamento: no início, o homem andou curvado. Não deixe que este seja o destino de seus filhos.
    Agora, com licença que estou indo jogar fora meu PC antes que a criação supere o criador e o universo Matrix se torne o melhor dos futuros.
     
  5. Faerum

    Faerum Usuário

    The End.
    Quiz colocar primeiro um texto pequeno, pra ver como seria a aceitação do pessoal, que espero, seje boa... :?
    Até mais, :mrgreen:
    []s,
    Faerum
     
  6. Primula

    Primula Moda, mediana, média...

    Deveria haver uma REGRA sobre autores ficarem enxendo o saco "por favor não me crucifiquem, blablabla..."

    Vocês querem acabar com meu tesão de ler, né não???? :x

    Fala sério ISSO IRRITA antes mesmo de eu começar a ler!

    O texto em si foi bem construído e por incrível que pareça me pareceu muito original. Tudo bem que a regra de se editar seria válida, mas deixar em posts seguidos, dá uma impressão de pensamento trucado para o dia seguinte.

    (mas não fiquem fazendo isso o tempo todo ouviram, meninos...? SÓ neste caso deu certo, mas é mais capaz de parecer uma tentativa infantil de aumentar número de posts)
     
  7. Faerum

    Faerum Usuário

    Obrigado pelos elogios Prímula. Sei muito bem o quanto é ruim ler o "ñ me matem p/ isso", mas foi minha iniciação neste clube, na hora bateu um nervosismo, mas agora já estou habituado, não farei mais.
    Obrigado! Gosto de parecer 'inesperado', embora nem sempre o consiga. :|
    Obrigado por isso tambem. Como pretendo seguir a carreira arqueológica, sempre tento incluir um pouco de história em meus textos.
    Daqui a pouo, mando outros. :wink:
    Faerum
     

Compartilhar