1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Julgamentos na Terra-média!!!

Tópico em 'J.R.R. Tolkien e suas Obras (Diga Amigo e Entre!)' iniciado por Vanagristiel, 4 Jul 2006.

  1. Vanagristiel

    Vanagristiel With God I'm Alive!

    Oi meu povo!! Eu estava escrevendo umas coisinhas e me veio essa dúvida!! Tolkien deixou algo a respeito de como se daria um julgamento na Terra-média nos costumes dos homens e dos elfos?? Não lembro de ter lido nada a respeito.

    Se alguém tiver alguma idéia ou souber de algo, agradeço os esclarecimentos!! :mrgreen: Valeuzinho!!
     
  2. Elring

    Elring Depending on what you said, I might kick your ass!

    Aiya, Vanagristiel! No Silmarillion, pelo que me lembro há o julgamento e a prisão de Melkor na primeria guerra em Beleriand. Nada muito detalhado, só o veredito dado por Manwë. Depois teve a convocação de Fëanor pelos Valar após se insurgir contra eles e seu exílio da cidade de Tirion. N SdA vou ficar devendo, não lembro de nenhum julgamento. =/
     
  3. elfah

    elfah Usuário

    Creio que se tivesse de haver algum julgamento, seria mais ou menos assim:
    1) O caso seria encaminhado a uma autoridade responsavel: ao regente/rei no caso de grandes casos, chefes de algum clã, generais etc, ou a uma mente exepicional do lugar, como por exemplo, Gandalf, que não é rei, mas é considerado uma autoridade.
    2) Alguma pessoa (testemunha, ou o que faz a queixa) narraria o infortúnio;
    3) O acusado geralmente tem a vez de falar por si mesmo e se defender;
    4) O mesmo responsável do número 1 daria a sentença final;

    Acho que é assim, porém tudo depende da ocasião, cada caso é um caso. Se por exemplo, o Carrapicho (SdA) visse alguém o roubando em sua taberna/estalagem, ele mesmo o julgaria e puniria, creio eu.
     
  4. Décimo

    Décimo The Swanson Code

    Penso que Tolkien nunca deixou escrito como procederia um julgamento, em nenhuma raça. Isto pelo menos nos livros que eu li, sendo que só não li as HoME. Bom, decorreria como um julgamento normal, com um grupo de entidades discutindo o que achavam sobre o caso e alguém superior, como Manwë, no caso dos Valar, ou um Rei qualquer, decidindo o veredicto, normalmente sobre a forma de profecias, maldições, etc.

    Quanto a menções de julgamentos nas obras do professor, há referência a uma série deles no Silmarillion, a maior parte vindos dos Valar, como por exemplo os julgamentos de Melkor, ou também por parte de elfos, como quando Elwë é condenado à morte por Turgon. Só para referir alguns.

    Enfim, a sua pergunta era se há descrição de como procederia um julgamento, e como disse, penso que Tolkien não deixou nada muito complexo, a não ser que venha nas HoME; nem tão pouco diferenciou os dos elfos dos dos Homens, se bem que você pode deduzir que sendo os elfos criaturas de "visão" superior certamente fariam as coisas de modo diferente (e mais justo).
     
  5. Vanagristiel

    Vanagristiel With God I'm Alive!

    Huummm... interessante!! Valeu gente!! Tava pensando com os meus botões se tinha alguma coisa especificada... tipo como ele deixou sobre os costumes do elfos e coisa e tal... mas sendo assim, acho que é preencher as lacunas com muita imaginação!!! hehehehe

    Brigadinha meu povo!!! :obiggraz:
     
  6. Laninha

    Laninha Usuário

    Bom se for valer de alguma forma, há no fim do Senhor dos Anéis o Aragorn ouvindo e julgando: julga Berengod(? é assim mesmo) pelas mortes na cidadela, ouve e recompensa Faramir. Talvez ajude.
     
  7. Menegroth

    Menegroth Bocó-de-Mola

    Olha a Dra. Vanagristiel causando aqui.....rssss

    Bem, estava lendo o que todos escreveram e me veio na cabeça o seguinte.
    Quando estavam todos os representantes de homens, elfos, anões e hobitts em Valfenda para discutir sobre o destino do Um anel, aquilo não seria algo muito próximo de um julgamento?

    Imagino que sim pois logicamente, cada um com sua raça, deveria fazer uma reunião bem parecida com aquela para julgar alguma coisa.
     
  8. Ramalokion

    Ramalokion Mecha-de-Folha

    O "Conselho de Elrond" foi mais pra uma grande reunião de povos de modo a determinar o que deveriam seguir, seria mais como uam reunião da ONU.

    Sobre julgamentos de crimes em si, é como foi dito acima: levavbam o acusado pro "chefe" (no caso da TM era o Rei - tanto de homens, quanto pra elfos, anões... - e esse dava a sentença baseada nas leis e tradições. Lembrem que o guarda (me fugiu o nome agora) que ajuda a salvar o Faramir é "punido" por Aragorn tendo que abandonar a guarda de elite de Gondor (pq era LEI não poder usar armas nos tumulos), Aragorn aplica essa Lei, mesmo que percebendo a intenção elogiável o deixe ir com Faramir.
     
  9. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Acho que o único exemplo de julgamento mesmo é a prisão de melkor, embora pequenos julgamentos informais como o de Beregondo também tenham acontecido.
     
  10. Menegroth

    Menegroth Bocó-de-Mola

    Ahhh certo, com isso eu concordo...

    MAs o que eu estava me referindo era ao modo...como irei explicar melhor...
    Hum..vamos dizer que a disposição de um jugamento seria igaul ao Conselho de Elrond.

    A disposição seria a mesma de um conselho...
    deu pra entender? ou compliquei?
     
  11. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Sim deu pra entender, para te explicar vou ter que fazer uma analogia.
    Só troque o conselho de Elrond pelo máhanaxar, o círculo da lei dos Valar, todos deram sua opinião e Manwë decidiu pela condenação de Melkor
     
  12. Shantideva

    Shantideva Adoro elfos ruivos!

    Tem também o julgamento de Ëol por Turgon. Mas os julgamentos deveriam ocorrer nos moldes da idade-média: o Rei definia o destino do desafortunado e pronto. Engraçado, que a rigor parace haver mais execuções que prisões, vide o caso de Ëol.
     
    Última edição: 5 Jul 2006
  13. Vanagristiel

    Vanagristiel With God I'm Alive!

    É verdade!! Mata todo mundo!! hehehehe :hanhan:
     
  14. Menegroth

    Menegroth Bocó-de-Mola

    Boa...isso mesmo..bem lembrado...:obiggraz:
     
  15. Bom,não sei se é de muita importância no assunto,porém, acredito, que poderiamos levar em consideração o Gríma Língua-de-Cobra.Pois quando Théoden foi libertado de seu fietiço,ele iria matar Gíma,porém Aragorn o persuadiu a deixa-lo fugir,ou seja,com isso eu creio que em alguns reinos a decisão absoluta era do rei,com possível interferência de alguém que fosse próximo do rei!
     
  16. Eriadan

    Eriadan Usuário Usuário Premium

    Tem ainda o julgamento de Túrin (embora ele não estivesse presente), no qual Nellas testemunhou, e o de Beregond em Minas Tirith, proclamado no reinado de Elessar.

    edit. Ôpa, vi agora que já tinham citado o último.
     
    Última edição: 5 Jul 2006
  17. Skywalker

    Skywalker Great Old One

  18. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Passei pro word, onde posso aumentar a letra e ler tudo com calma quando quiser. Depois deixo meu comentário definitivo.
    Em letra tamanho 13 deu 35 páginas.
     
    Última edição: 5 Jul 2006
  19. Vanagristiel

    Vanagristiel With God I'm Alive!

    Peraí... mas esse texto é tipo uma fic né?? :think:
     
  20. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    Não, tá no HoME XI - War of the Jewels. Eu que traduzi :obiggraz:
     

Compartilhar