• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Jon Bon Jovi acusa Steve Jobs de matar a indústria musical

Morfindel Werwulf Rúnarmo

Geofísico entende de terremoto
O vocalista do Bon Jovi acusou Steve Jobs e a Apple de serem os responsáveis por matar a indústria musical. Em entrevista ao "The Sunday Times", Jon Bon Jovi defendeu também os álbuns como obras completas.

"Os jovens de hoje perderam toda a experiência de colocar os fones de ouvido, aumentar o volume, pegar a capa do disco, fechar os olhos e se perder em um álbum",
critica.
"[Eles perderam também] a beleza de pegar sua mesada e escolher um disco apenas pela capa sem saber como ele é."
Bon Jovi prevê que, no futuro, as pessoas vão perceber o erro que a geração atual está cometendo ao privilegiar singles e MP3s.
"Pode anotar o que eu digo, a próxima geração vai parar para se perguntar o que foi que aconteceu."
"Foi uma época mágica. Odeio soar como um velho, mas eu sou. Steve Jobs é pessoalmente responsável por matar a indústria musical",
completa.


Jon Bon Jovi acusa Apple de Steve Jobs de matar o prazer de ouvir um álbum inteiro​

Fonte
 

Morgomir

Ou não.
Apreciadores de música de verdade continuam buscando por qualidade, investindo, comprando cds e vinis. Foda-se se a indústria da música está falida, a música nem deveria ter uma indústria pra começo de conversa. A internet nos proporciona buscar nichos musicais que nunca nem imaginaríamos se tivéssemos nascido nos anos 40, por exemplo. Acho que isso traz mais credibilidade ao reconhecimento dado aos artistas, principalmente os que não assinam com grandes gravadoras, os que não são esses velhos escrotos que ficam reclamando do alto de suas carreiras consolidadas. Só quem vive de música comercial como o Bon Jovi pode perder seu tempo falando esse tipo de besteira.
 

Merilwen

Usuário
Concordo. Claro que a internet tem seu ponto negativo, mas ela proporciona a muitas bandas divulgarem seu material para o pessoal conhecer. E isso é muito válido.
E através da internet não precisamos rodar meia cidade procurando cds, que na maioria das vezes nem encontramos ainda mais se for uma banda beeem underground, para comprar.
Então acho que nem tudo está perdido.
 

Morfindel Werwulf Rúnarmo

Geofísico entende de terremoto
Concordo. Claro que a internet tem seu ponto negativo, mas ela proporciona a muitas bandas divulgarem seu material para o pessoal conhecer. E isso é muito válido.
E através da internet não precisamos rodar meia cidade procurando cds, que na maioria das vezes nem encontramos ainda mais se for uma banda beeem underground, para comprar.
Então acho que nem tudo está perdido.
Sem a internet, comprar qualquer coisa seria mais difícil.
 

Fëanor

Fnord
Usuário Premium
Eu acho que ele quer bancar o antiquado só para parecer cool. Fala sério, monte de argumento sem pé nem cabeça. Como ele pode afirmar que na era do mp3 as pessoas não têm o prazer de "se perder em um álbum"?
 
Concordo com o querido John, muito daquela ansiedade pra ver a capa do album e degustar a musica de fato se perderam msm.

É inegável que o Sr.Jobs tem sua parcela de culpa, mas a verdade que o que importa é o capital que o "i tunes" dá a empresa.
 

*Ceinwyn*

Ogra rosa
Eu acho uma pena essa coisa de se perder o objeto álbum de música. Gosto da junção arte plástica + música do objeto em si.

Por outro lado,quem realmente é curioso e/ou tem pouca grana/gosta de mta coisa que só tem importado ganhou muito mesmo o/.
 

Valinor 2020

Total arrecadado
R$1.495,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo