1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Jô entrevista climatólogo que desmistifica o aquecimento global

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Anwel, 4 Mai 2012.

  1. Anwel

    Anwel Nazgûl Cavaleiro

    Postei a entrevista no facebook, mas resolvi expandir a discussão pra cá, já que alguns amigos do fórum comentaram e curtiram a entrevista:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)



    O entrevistado em questão é o Prof. Dr. Ricardo Augusto Felício, climatólogo do Departamento de Geografia da USP.
    A entrevista é curta para a quantidade de questões que interferem no tema, mas já serve como boa base para ver outras opiniões que não são a que estamos acostumados a ver na mídia em geral.


    Como provocação, deixo um motivacional que um colega da Geo fez e que achei muito bom:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    • Ótimo Ótimo x 2
    • Gostei! Gostei! x 2
  2. Elessar Hyarmen

    Elessar Hyarmen Senhor de Bri

    Realmente não existe. O que existe são interesses políticos e econômicos sobre o tema que o próprio homem criou.

    Todo mundo esquece que em eras passadas o sistema climático da Terra apresentava temperaturas muito superiores as de hoje e coincidentemente uma concetração de CO2 monstruosamente menor e em outras eras temperaturas com medias menores e concentração de CO2 muito maiores, ou seja, o CO2 não tem ligação com isso.

    Fatores que interferem nas mudanças climáticas são

    O Sol
    Vulcanismo
    Os oceanos e mares
    Mudanças geográficas continentais e processos de soerguimento de cordilheiras de montanas.


    O carbono, o efeito estufa juntamente com as florestas tropicais são os bodes expiatórios geoeconômicos e geopolíticos.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    Última edição: 5 Mai 2012
    • Gostei! Gostei! x 2
  3. Haran Alkarin

    Haran Alkarin Usuário

    Só acredito em cientista brasileiro que sabe o que 'carecer' significa. :disgusti:
     
  4. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)



    Apesar que ele é climatologista.
    :g:



    Mas o que ele fala faz sentido no que condiz a noção de escala. A maior parte das pessoas não tem a MÍNIMA noção de escala.
    Ele cita os físicos cientistas da guerra fria com toda a propriedade. Naquela época se argumentava que tínhamos bombas nucleares suficiente pra destruir 20 Terras. Risível isso. É pra enganar quem não tem a menor noção da quantidade de energia necessária pra um feito desse porte (e pessoas que não pensam muito também, pois toda hora comentam que um simples meteoro distribuiria energia equivalente a um porrilhão de bombas de fissão, e esse simples meteoro no máximo arranharia a superfície terrestre. Mataria todo mundo, claro, mas a Terra só diria um "ouch").

    É como um colega meu fez uma analogia (escatológica, nojenta e exagerada). Imagina você peindando incessantemente dentro de uma sala fechada. Isso vai tornar o ambiente desse recinto inabitável, mas não vai influenciar nem sequer o ambiente do andar do seu prédio se você abrir a porta. (e não, não é uma defesa pra você peidar onde bem quiser. Assim como defender a inexistência do aquecimento não é equivalente a autorizar desmatamentos, como ele bem disse)


    Defender as florestas é nobre. Mas defendam pela sua biodiversidade, não por invencionices.
    É que nem alguns livros motivacionais. Eu dou todo o apoio para livros que ajudem pessoas. Mas se começam a inventar argumentos usando física quântica e relatividade de modo TOTALMENTE errado, aí fica dificil deixar quieto. Se aproveitando do desconhecimento e ingenuidade de não-especialistas.
     
    Última edição por um moderador: 6 Out 2013
    • Gostei! Gostei! x 4
    • Ótimo Ótimo x 2
  5. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    A resultante das forças que compõem o clima depende do comportamento da energia na Terra (energia recebida ou perdida no cosmo) e se distribui em cada sistema segundo vários critérios que vão desde o tipo de material que conduz a energia até mesmo fatores aparentemente irrisórios como uma chuva que cai em um bairro de uma cidade e não em outro. Nesse contexto extremamente complexo de fatores (dos quais várias novidades científicas influentes são descobertas e observadas a cada mês) a influência humana consegue gerar microclimas (como nas cidades) mas representa apenas uma das partes do esquema em que um impacto global no clima precisa ainda considerar o fator tempo uma vez que influências também possuem prazo de validade para serem importantes.

    Lembro que só recentemente desenvolveram um sistema de observação dos ventos no mundo (e eles distribuem a energia do planeta de uma forma muito rápida e as vezes nem deixam vestígios).

    O problema da degradação biológica tem mais a ver com a velocidade da troca de energia e recursos entre os sistemas do que com o clima e possui potencial de varrer da superfície a vida terrestre.

    Para se ter idéia as áreas tropicais são aquelas aonde a troca de energia entre sistemas vivos é a mais rápida em que uma quantidade enorme (muito maior que em outras regiões) e muito mais variada de seres vivos nasce e morre em curto espaço de tempo devido a velocidade e variação da troca de energia entre sistemas. Para que a extinção não ocorra é preciso identificar os fatores de preservação e equilíbrio dos mecanismos biológicos. Frisando bem, equilíbrio e não ajuste. Um ajuste é apenas uma correção de um problema em que o responsável é inconsciente.
     
    Última edição: 7 Mai 2012
    • Gostei! Gostei! x 2
  6. Thor

    Thor ἀλήθεια

    A gente fica até sem saber no que acreditar... A pessoa leiga no assunto, como eu, fica parecendo um camponês na idade média, que tem que escolher se acredita na Igreja ou não.

    Geografia sempre foi uma das minhas matérias favoritas (mas em especial por conta de geopolítica, e não da parte 'física'). Mas daí vem um pessoal e fala que tudo é mentira, que CO² não aumenta a temperatura da Terra, que CFC não destrói a camada de ozônio. Assisti ao documentário do Al Gore, "Uma verdade inconveniente", e parecia tão convincente, cheio de dados científicos e etc e tal. Aí chegam outros cientistas da área, e falam exatamente o oposto. Um lado chama o outro de mentiroso.

    Mas que meleca que tá a nossa Geografia, hein!? Eu quero provas concretas sobre cada uma das posições.
     
    Última edição: 7 Mai 2012
    • Gostei! Gostei! x 1
  7. Alia Atreides

    Alia Atreides Active Member In Memoriam

    Estou devendo faz tempo um comentário sobre esse assunto, mas quero escrever com calma e estou na correria no mestrado.

    Eu só queria dizer que estou aguardando o dinheiro a mais do governo, já que ele me paga para ajudar a criar estudos falsos sobre o aquecimento global. E esses estudos falsos dão trabalho, viu?
     
    Última edição: 7 Mai 2012
    • Gostei! Gostei! x 2
  8. Thor

    Thor ἀλήθεια

    Astreides, o que você acha mais fácil de acontecer?

    O governo pagar estudos falsos para sustentarem a teoria de que Gás Carbônico eleva a temperatura global, ou indústrias e mineradoras pagarem climatólogos para dizerem que pode desmatar a vontade a natureza?
     
  9. Felagund

    Felagund Well-Known Member

    Mas pera lá, o nosso camarada ai do video não disse nada disso! Ele só falou que a Amazonia Pulmão do Mundo é uma falacia e que já foi descoberta desde a década de 80, e isso é verdade.
    Ninguem defendeu a continuação dos desmatamentos nem nada do tipo, só falaram que criar causa-consequencia do desmatamento com alteração climatica é errado. E se é errado mesmo, eu sinceramente não sei.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  10. Corsário de Umbar

    Corsário de Umbar Corsário de Umbar

    A minha tia é bióloga e professora de arqueologia em Vitória e ela entende muito bem desses assuntos do tal "aquecimento global". Uns dias atrás conversando com ela me disse que tem muita falácia, terrorismo e profecias apocalípticas. Existem muito interresse político e economico nesta bandeira do aquecimento global.

    Me disse também que vários livros de arqueologia e climatologia tratam o tema com dados cintíficos verdadeiros e vão totalmente contra esse assunto da moda de hoje da mídia. Ela disse também que o Brasil é único país dos grandes que fica dando conversar pra isso. E assistindo essa entrevista desse climatologista no programa do Jô seu argumento vai de acordo com o que ela me disse e que a temperatura media do planeta Terra vem diminuindo nos últimos 14 anos por diversos fatores.

    E o foda é que muita gente que não entende nada toma o discurso do aquecimento global como verdade absoluta.
     
    Última edição: 7 Mai 2012
  11. ExtraTerrestre

    ExtraTerrestre Usuário

    Desde que explodiu na mídia aquele escândalo, antes do encontro em Copenhague, de que cientistas estavam falsificando massivamente pesquisas sobre aquecimento global, o ceticismo em relação à teoria aumentou exponencialmente.

    É bastante complicado. O que era antes uma pesquisa de ciência natural, onde se esperava imparcialidade, foi profundamente contaminado por interesses corporativos. Mesmo que você decida se tornar o cientista a desvendar os mistérios do aquecimento global, você será uma gota no oceano e não terá dados de comparação confiáveis, pois não saberá se seus colegas em outras universidades são isentos.

    Mas eu tenho um palpite sobre porque interessa tanto ao Ocidente tradicional este alarde sobre aquecimento global. Boa parte da energia fóssil do mundo está na mão de adversários políticos do eixo EUA-Europa Ocidental (Irã e Rússia, por exemplo), de aliados espinhosos (Países árabes do Golfo) e de nações completamente instáveis, como os países africanos entre os rios Níger e Congo (na verdade, Volta e Congo, já que Gana descobriu reservas imensas ultimamente). Uma teoria apocalíptica é a pressão necessária para que os cientistas ocidentais criem novas alternativas energéticas e devolvam a autossuficiência ao grupo tradicional de potẽncias dominantes.

    Voltando ao ponto, eu, particularmente, prefiro ser agnóstico no assunto.
     
    • Gostei! Gostei! x 3
  12. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Há extremismos dos dois lados.
    Ele foi sim extremista e deu a entender que tudo é falácia e que tudo oriunde de interesses econômicos.
    Claro que tem interesses econômicos, e de ambos os lados. Como em qualquer coisa no mundo. Haviam artigos científicos defendendo "um traguinho ou outro" por dia que fazia bem ao organismo.
    O ar debochado dele piora as coisas. Um extremismo que surge quando extremismos existem do outro lado.
    O alarmismo, bem ou mal, é uma arma tão potente quanto é periogoso o desleixo/negligência.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
    • Ótimo Ótimo x 1
  13. Anwel

    Anwel Nazgûl Cavaleiro

    Extrapole isso pra ciência, e você verá que não há argumentos e provas absolutos.
    Explicações simples não são melhores só porque as entendemos.

    Estou curioso pra ler seu comentário Alia!
    E não estou sendo sarcástico, sempre bom ver discussões embasadas. Nada melhor do que alguém que pesquisa o assunto.

    Pior que o ar do Ricardo só tá refletindo a personalidade dele, ele é assim mesmo :lol:
    Mas seu raciocínio tem lógica, imagino que ele é desse jeito depois de anos respondendo as mesmas perguntas, e defendendo as mesmas coisas.
     
  14. Thor

    Thor ἀλήθεια

    Pois é, Fusa. A cada dia que passa eu me sinto mais cego em tiroteio nesse assunto.

    Só tem extremista! Parece até que um lado estuda uma ciência diferente da outra. Como se fosse... sei lá, matemática discordando de química.

    Um lado fala que a luz solar entra na atmosfera da Terra, bate no solo, e sobe como calor. Daí o calor é barrado pela camada de CO². O outro lado simplesmente fala: "Isso é MENTIRA!". Wtf!! Como assim "mentira". É a mesma coisa de alguém virar e falar: "Lei da gravidade é mentira" "...", "...", "...". E você fica esperando a explicação, o porquê, alguma lógica entre as duas partes da discussão. E a explicação simplesmente não vem. É só fogo cruzado de um lado até o outro.

    Isso é uma palhaçada. Ainda mais em um assunto tão importante quanto esse.

    Se um lado estiver errado, então vamos voltar a cortar árvores igual na época da Revolução Industrial, desmatar tudo, a Floresta Amazônica ("porque ela vai crescer denovo em 20 anos" - sendo que na escola eu aprendi que o solo de lá é pobre, igual de deserto, e que, se fosse desmatada aquilo virava areia pra sempre, igual Deserto do Saara).

    Agora, se o outro lado estiver errado, então nós, os OTÁRIOS DO TERCEIRO-MUNDO, vamos ficar retardando ainda mais a nossa revolução industrial, enquanto ficamos adorando o "Capitão Planeta".

    Sinceramente, isso tá uma palhaçada. A contradição é tão grande, que já tava na hora de fazerem juris consecutivos sobre o assunto, com defensores de ambos os lados, e passar tudo isso a limpo. E, depois, é obrigação deles darem a devida explicação a nós, resto do mundo leigo. Não é possível que um campo da ciência possa usar preceitos totalmente antagônicos assim.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  15. Felagund

    Felagund Well-Known Member

    Então, já tinha lido mais de um vez que esse papo não é tããão quente como pensavam.
    É o que o Ricardo falou no video, chove tanto lá que a floresta voltaria. Claro, seria uma merda, voltaria sem a biodiversidade, talvez com os rios alterados e etc, mas voltaria.
    Eu sou Cientista Social, a unica coisa que entendo desse papo todo ai é o método cientifico, e pelo que foi dito no video ( e estou usando apenas esse video como fonte, pois estamos falando sobre ele) o método me parece correto.

    Já sobre isso, eu não tenho duvidas nenhuma! Existe tal interesse das nações centrais sim, se TODA a teoria do aquecimento global é em cima disso eu não sei, mas que existe interesse em certo "atraso" na exploração das matas e na desaceleração do processo de industrialização, isso eu tenho certeza que sim.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  16. Anwel

    Anwel Nazgûl Cavaleiro

    Bom ter em mente que melhoria industrial não precisa acompanhar derrubada de floresta, por favor.
    Estamos no século XXI, a indústria de ponta hoje é muito diferente da de dois séculos atrás.

    E a idéia que a floresta é um "espaço perdido e inutilizado" é uma furada.
    Potencial pra turismo e exploração responsável são imensos!
     
    • Ótimo Ótimo x 2
    • Gostei! Gostei! x 2
  17. Felagund

    Felagund Well-Known Member

    Sim sim, eu não quis puxar pra essa visão quando disse que existe a intenção de "frear" o crescimento.
    Digo isso mais em relação a extração de matérias primas, controle da emissão de poluentes, "renovação" do maquinário nacional por os que causam menor impacto ambiental, e uma serie de regrinhas que complicam o desenvolvimento pleno da industria no país.
    Claro, não é APENAS isso, como eu disse, não considero tais estudos os maiores responsáveis pelo atraso na industrilizaçao brasileira, mas não duvido que exista sim o interesse de muitos cientistas e governos estrangeiros de não deixar o Brasil expandir seu crescimento até um limite por eles determinado.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  18. Elessar Hyarmen

    Elessar Hyarmen Senhor de Bri


    Mas não é por aí que devemos entender a situação.

    O grande problema e isso é um fato e que a mídia juntamente os leigos e os interesses políticos e econcômicos tentam colocar que todo processo da aquecimento ou de impacto ambiental é causado pela ação antrópica, coisa que não é verdade.

    O planeta Terra e seus processos de transformações é algo natural. Igual o climatologista disse na entrevista e que muitos já sabem: O clima tropical da zona equatoriana não existe em função das árvores da floresta amazônica e das demais florestas equatoriais espalhadas pelo mundo, mas sim o contrário, as floresta tropicais existem por causa do clima quente e úmido de toda a zona intertropical.

    Para vc ter uma idéia, o total de "poluentes" que sobem para atmosfera, 97 % (partes por milhão) são provenientes das ações naturais e menos de 2% são das ações humanas.

    Independente do professor ter uma postura irônica, mas ele está coberto de razão.

    Mas no meu ponto de vista e também independente de existir o aquecimento global, nada impede da sociedade global ter atitudes ambientalmente sustentáveis. Evolução, expansão tecnológica e industrial não necessita de andar 100% ao lado dos processos de degradação.
     
    Última edição: 7 Mai 2012
    • Gostei! Gostei! x 2
  19. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Só falando do video, eu até achei que ele foi bem humorado na resposta às perguntas.
    Porque eu como orientador muitas vezes não tenho a mesma paciência e compreensão.
    O cara tinha acabado de dizer que ele estava tentando dar uma explicação global, uma análise geral, e que variações locais podem ocorrer de tempos em tempos.
    Aí as 2 perguntas da platéia são do nivel: "Mas no telhado da minha casa chovia 3 vezes ao ano e agora chovem 2".
    :lol:

    Eu responderia: "P*** Eu acabei de dizer que estou analisando globalmente!!"
    :lol:


    Odeio alunos que perguntam claramente porque não estavam prestando atenção à explicação.
     
    • LOL LOL x 1

Compartilhar