1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)
  1. Glaunir

    Glaunir Usuário

    Olá, pessoal!

    Espero que não haja nenhum tópico semelhante e, se houver, perdoem-me os moderadores!
    O tópico é para o seguinte: o que motivou o profº Tolkien a trabalhar um tema como o incesto entre irmãos no conto "Os Filhos de Húrin"?
     
  2. Deriel

    Deriel Administrador

    Re: Incesto.

    É um tema mitológico clássico. Está no Kalevarna, está na mitologia grega (Édipo) e com certeza está em muitos outros lugares
     
  3. Menegroth

    Menegroth Bocó-de-Mola

    Eu acho que, corretamente, daria uma dramatização muito maior a obra.
    Era pra ser um homem sofrido e ainda por cima por algo que não estava a seu alcance mudar.

    Acho que Tolkien conseguiu isso perfeitamente.
     
  4. Deriel

    Deriel Administrador

    Era um puto isso sim, não deixou escapar nem a irmã


    :hihihi:
     
  5. Glaunir

    Glaunir Usuário

    Poxa, Deriel, mas você concorda que a motivação sexual relacionada ao incesto está muito mais presente na mitologia e cultura ocidental do que na oriental? de alguma forma, incentivamos a isso.
     
  6. TT1

    TT1 Dilbert

    Não entendi o seu questionamento.

    1) Túrambar é um conto ocidental. Portanto faz sentido.

    2) De que formas incentivamos?
     
  7. Calenardhon

    Calenardhon Cavalariço de Rohan

    Isso, somado a outros fatos, faz com que Turambar seja o cara mais sofrido de Arda. Talvez o incesto seja para dar uma pitada a mais de drama em sua tragédia.
     
  8. Daewen

    Daewen Elener

    Acho que Tolkien foi moralista ao incluir isso na historia de Turin. Ele como filho de Hurin foi AMALDIÇOADO por Morgoth. E professor não deixa de incluir um assunto polêmico e criticado como parte disso. Não deixa de explicitar claramente sua visão católica e religiosa do mundo.
     
  9. Sauron

    Sauron Dark Lord

    Realmente a história deles é trágica, quando você começa a ler provavelmente fica com aquele pensamento "esse cara é um azarado, acho que mais nada pode acontecer a ele..." e logo mais a frente você quebra a cara com isso huahuahua
     
  10. Haran Alkarin

    Haran Alkarin Usuário

    Talvez porque na mente de Tolkien o incesto seja uma grande desgraça, e ele quis criar o personagem como o mais desgraçado da história, devido a maldição de Melkor e tudo mais.
     
  11. Deriel

    Deriel Administrador

    Tirem isso do contexto "Tolkien" e coloquem no contexto "Tolkien estava escrevendo um tecto mitológico". Nao interessao que Tolkien achava, sentia ou queria para esse personagem - em última análise. O personbagem foi dominado pela "mitologia".
     
  12. Daewen

    Daewen Elener

    Sei naum Deriel...acho dificil uma pessoa escrever algo sem levar mto de sua opinião pessoal pra obra. Tolkien até pode ter sido levado pela Mitologia. Mas não acho que podemos excluir o elemento humano por completo.
     
  13. zannah

    zannah The Red

    Na minha humilde visão, o elemento humano e o caráter mitológico se uniram para criar, na mente do grande mestre, um dos personagens mais "desgraçados" de toda sua obra. Afinal, que maldição consegue ser pior que amar de modo carnal uma mulher a quem deveria dedicar seu amor fraterno?
     
  14. Vilya

    Vilya Pai curuja, marido apaixonado

    Motivação pessoal, você quer dizer? Ou motivação autoral, simplesmente?

    Na primeira hipótese, nada, creio eu. Já na segunda, creio que a motivação foi a dramaticidade, o conto dos filhos de Húrin é uma tragédia grega e todas as desgraças cabiam ali.

    Sobre sua colocação dos incestos na cultura ocidental e sobre incentivá-los: não vejo como uma desgraça pode incentivar qualquer coisa, pois normalmente as situações incestuosas nas diversas mitologias que eu conheço são ligadas às tragédias.

    E o fato do incesto ser um tabu, condenado pela sociedade e suas leis não é regra ao longo da história da humanidade. Sabemos que ele já foi prática comum e incentivada em algumas culturas em alguns períodos.
     
  15. Glaunir

    Glaunir Usuário

    Quando disse que a cultura ocidental coloca em evidência a questão do incesto, quero dizer que apenas muito recentemente na cultura oriental vemos uma abordagem acerca deste tema. E como sempre, a arte representa aquilo que circula na cultura. A sociedade ocidental faz uso das características e qualidades infantis em diversas situações eróticas, tais como as fantasias sexuais.
    Quanto ao que levou Tolkien a escrever o conto, o artista só produz algo quando o mundo externo de alguma forma foi impactuante sobre a sua subjetividade. Então, claro, está ali um pouco do homem Tolkien e do escritor Tolkien.
     
  16. Gerbur Forja-Quente

    Gerbur Forja-Quente Defensor do Povo de Durin

    Nossa, eunão gosto dessa história. Ela me faz mal. Quando eu leio eu fico triste, pra baixo. Se não me engano é o maior conto do livro, mas é tão sofrida, tão sofrida...

    Acho que é uma história muito bonita, muito bonita mesmo. O fato de ser Turin o herdeiro do elmo-de-dragão do Senhor Azaghâl, o homem que mata Glaurung e posteriormente Melkor! Nossa, isso é muito legal, um mortal com tamanhas realizações, mas com uma história tão desgraçada, fora seu pai sua mãe e irmã existe ainda Beleg, ele mata o seu melhro amigo, nossa senhora, eu acho muito forte essa história.

    Não vejo nada de moralismo, o incesto é um tema da raça humana e como dito acima toda mitologia tem histórias de incesto. Porque a mitologia do professor não teria a sua? Como sempre, digna de uma mitologia muita antiga, escrita através de muitos séculos como sempre.
     
  17. Sindar Princess

    Sindar Princess Que deselegante...

    é verdade...
    é muito triste, mas não deixa de ter sua beleza... toda tragédia tem sua beleza... enfim...
    mas concordo com o que o deriel já disse: histórias sobre incesto aparecem já na mitologia grega.
     
  18. Gerbur Forja-Quente

    Gerbur Forja-Quente Defensor do Povo de Durin


    Você definiu bem. A história de Turin e Tuor são de uma beleza trágica!
     
  19. Sindar Princess

    Sindar Princess Que deselegante...

    gerbur, toda história de amor só tem beleza se for triste; não importa se com final feliz ou trágico.
    é o que eu acho...
     
  20. Vilya

    Vilya Pai curuja, marido apaixonado

    Por nada, por nada mesmo. Essa idéia de que só é bonito se for triste me faz rir... ridículo de mais. Nada pessoal, caríssima princesa, mas não poderia deixar passar em branco um comentário desses.
     

Compartilhar