1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Harry Potter e as Relíquias da Morte (J. K. Rowling)

Tópico em 'Hogwarts' iniciado por Excluído046, 22 Jun 2011.

  1. Excluído046

    Excluído046 Banned

    Um adolescente com uma responsabilidade que amedrontaria qualquer adulto. Esse é você, Harry, com seus 17 anos. A Ordem da Fênix vai te escoltar da casa dos seus tios até a Toca. O que vocês encontrarão no caminho é só uma amostra do que te aguarda neste ano.

    Você desistiu do seu último ano em Hogwarts. Tem uma missão a cumprir.
    Agora é o último momento para as pessoas se posicionarem. Não dá mais para elas ficarem em cima do muro. Em tempos de guerra, perde-se muito, mas ainda se tem o direito de escolha. Seus amigos, Rony e Hermione, escolherão ficar ao seu lado enquanto você fará o que acredita que precisa ser feito. Eles não serão os únicos.

    Sete anos, Harry, é o tempo que todos nós passamos com você. Durante esse período, sorrimos com você, choramos com (e por) você. Indignamo-nos sempre que você ficou indignado e aprendemos, aprendemos muito com você. Aprendemos a lutar contra a lógica. Aprendemos a superar limites e, consequentemente, limitações. Veja o caminho que você percorreu desde aquela noite em que Hagrid apareceu e te falou que você era um bruxo.

    Gosto de dizer que você me rendeu amigos, Harry. Inicialmente, a amizade era sustentada pelo gosto em comum: Harry Potter. Posteriormente, a amizade se tornou o único propósito e, então, seja o assunto que for, sempre será um mero um pretexto para estar com as pessoas que amamos.

    Você será provado de todas as maneiras possíveis, Harry. E é muito importante que você entenda uma coisa: em uma guerra, os dois lados sofrem baixas. Você está disposto a arriscar e ver alguém querido perecer? Essa escolha não cabe a você, mas, sim às outras pessoas que decidirem, espontaneamente, entrarem nessa guerra.

    A morte é apenas uma travessia do mundo, tal como os amigos que atravessam o mar e permanecem vivos uns nos outros. Porque sentem necessidadede estar presentes, para amar e viver o que é onipresente. Nesse espelho divino veem-se face a face; e sua conversa é livre e pura. Este é o consolo dos amigos e embora se diga que morrem, sua amizade e convivio estão, no melhor sentido, sempre presentes, porque são imortais.

    Foi muito bom estar contigo durante esses sete anos, Harry. Um abraço, e até outra vez.
     
    • Ótimo Ótimo x 2
    • Gostei! Gostei! x 1
  2. Excluído045

    Excluído045 Banned

    Posso ter sido o único a ADORAR esse livro? Vejo tanta gente criticando que me parece que mais queriam eles mesmos escrever o final da saga e se aborrecem porque não saiu como queriam. Eu só li uma vez porque teve aquela coisa deprimente de 'po, meu, acabou, num creio!', mas ainda assim foi um livro muito envolvente, rico, fecundo em lágrimas e em ação, emocionante e com mais e mais surpresas. E eu ADOREI o epílogo.
     
  3. Bel

    Bel Moderador Usuário Premium

    Acho que foi o único, viu?

    Pra mim o único problema desse livro é justamente o epílogo, que ficou muito "novela do Manoel Carlos".

    Mas acho que o povo critica muito mais por saber que este é o último, que acabou, e aí da aquela sensação de abandono, de quero mais :cry:
     
  4. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Eu demorei uns 6 meses para terminar esse livro! Sim, eu não queria ler o final! :rofl:

    Sabe aquela sensação de "acabou?". Foi um dos motivos para eu ter enrolado tanto para terminá-lo.
     
  5. Lew Morias

    Lew Morias Luck is highly overrated

    Eu gostei do livro também, Caio. Lembro-me que o li no mês que iria prestar o vestibular. Tava pilhadasso com as provas, estudando e tals, mas precisava saber como aquela história terminava. Como a Melian disse, foram sete anos acompanhando as aventuras do pequeno bruxo. No meu caso, foram literalmente sete: ganhei a "Pedra Filosofal" no meu aniversário de 10 anos e terminei de ler "As Relíquias da Morte" com 17. Eu cresci com Harry ou ele cresceu comigo, sei lá. Muitas vezes as dúvidas, incertezas, angústias que ele vivia nos livros, eu estava vivendo também. A leitura da última parte da saga foi alucinante. Coisa de 2 dias ou 3. Deixei os estudos de lado e fiz mais uma, dessa vez a última, imersão potteriana.

    Mas nem tudo é perfeito...

    Não gostei do epílogo. Eu queria ver o Harry MORTO. A história é sobre ele e eu gostaria que terminasse com sua morte. Fim de Harry, fim de história. Simples assim.

    O epílogo com ele embarcando os garotinhos na Estação foi desnecessário. Não precisava daquilo.
     
  6. Excluído045

    Excluído045 Banned

    Eu li o primeiro livro aos 12 e demorei um mês. Depois vieram o segundo, terceiro e quarto em dois anos, cada um lido em dois dias na primeira vez que li. Aí os outros eu comprei logo que lançaram e também demorei dois dias pra cada um.

    Lembro que peguei as Relíquias, deitei na minha cama de manhã e terminei às 4 da manhã.
     
  7. Fernanda

    Fernanda Andarilho de Eriador e

    O livro você não foi o único a adorar. Eu até concordo que tem momentos que fica meio confuso esse lance de horcruxes e relíquias, e que em alguns momentos eles aprecem perdidos demais e tudo fica muito sufocante.

    Mas poxa, eles estavam realmente perdidos, era guerra, tudo era realemente sufocante e assustador. E horcruxes e relíquias fizeram sentido no final.

    O teste final do Harry, seus erros, suas dores, suas escolhas, seus acertos. É tudo muito bom.

    Quando ao controverso epílogo, eu entendo o porque dela preciar escrever. Acredito que se ela não fizessem não ia conseguir cortar os laços dela com o ato de escrever o livro. Sem contar que com isso ela corta possíveis e horríveis continuações logo pela raiz. Mas não é a coisa mais bem escrita do livro.

    Do destino dos personagens eu só não gosto de
    Harry e Gina, sempre acho o casal mega forçado. Detesto a idieia da Gina deixando quadribol para virar dona de casa, mas o Harry precisava casar para rolar a parte boa do epílogo que é ele levando os filhos na estação com a cicatriz sem doer. Disso eu gosto muito.

    O final do livro, para mim, é no último capítulo, antes do epílogo. Alias, eu adoro essa última cena.

    Edit: E eu me esqueci de comentar uma das coisas que eu mais gosto nesse livro: Neville Longbotton chuta bundas geral!
     
    Última edição: 22 Jun 2011
    • Ótimo Ótimo x 2
    • Gostei! Gostei! x 1
  8. Lalaith.

    Lalaith. Usuário

    Verdade, não da pra imaginar a Gina como uma segunda Sra. Weasley, não mesmo!
    Não sei se é pelo fato de eu acha-la super sem graça, tanto nos livros quanto no filme, mas, a J.K que me desculpe, pra mim ela é quase desnecessária. Tudo o que aconteceu entre ela e o Harry foi muito forçado e monótono.
    Uma partezinha de mim sempre vai ficar querendo o Harry com a Hermione... não tem jeito!

    Aaaaah Relíquias da Morte.... o livro que eu mais esperei e menos desejei que chegasse!
    Mas, depois de O Cálice de Fogo, é o que eu mais gosto.

    A busca pelas horcruxes e depois pelas relíquias, a invasão ao Ministério, o assalto ao Gringotes, a batalha em Hogwarts, a história do Snape, todas as mortes... quase fizeram meu coração parar e minhas lagrimas secarem!

    E, não sei como, mas ainda vou ler todos os livros até 15 de Julho!
     
  9. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    O grande desenvolvimento de uma personagem que há nessa série é o do Neville. E eu sou fã paga pau da vó do Neville. Velhinha mais macho que muito bruxo.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  10. Fernanda

    Fernanda Andarilho de Eriador e

    Augusta :grinlove:

    Neville me lembra um daqueles coroneis ingleses de filme de guerra.
     
  11. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    Eu adoro a descrição de quando a Augusta:
    estupora o auror Dawlish (que aliás eu acho que foi estuporado 394867489673896 vezes em todos os livros :rofl: ) e se torna foragida.
     
  12. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Epílogo FDP!!! ¬¬
     
  13. Pim

    Pim God, I love how sexy I am!

    Gente, lembrem-se que a Rowling escreveu o epílogo na época do primeiro livro. Era como ela via tudo terminar na época. Ao longo do tempo ela TEVE que amadurecer alguns personagens, e cresceu também, então o epílogo perdeu o sentido e poderia ser reescrito. Poderia, não necessariamente deveria.

    Lembro que na época que a J.K. lançou o livro e disse que o epílogo já estava pronto e que terminava com a palavra cicatriz (scar), as amiguinhas da filha dela, criança na época, fizeram um mutirão pra encontrar o capítulo final da saga. :lol:
     
  14. Bel

    Bel Moderador Usuário Premium

    Mas nem termina com a palavra scar :lol:
     
  15. Pim

    Pim God, I love how sexy I am!

    Então, aí ela lançou uma desculpinha dizendo que não quis dizer que terminava literalmente com cicatriz, e sim que tinha cicatriz na última frase e :blabla:
     
  16. Excluído045

    Excluído045 Banned

    Eu gostei do epílogo, ficou bonitinho e com aquela sensação de Pedra Filosofal. Sinceramente, não sei que final surpreendente vocês esperavam, mas enfim... :jornal:
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  17. Pim

    Pim God, I love how sexy I am!

    Um final inovador e maduro, ora!

    Ao longo do tempo Harry Potter passou de infanto-juvenil pra uma série adulta também, e nada melhor que um epílogo condizente. A geração que começou com a pedra Filosofal cresceu, foi super wtf ela voltar a escrever 'pra criancinhas' num livro quase completamente adulto. Até quem, das gerações seguintes, começar com A Pedra Filosofal já vai ter cresido pelo menos um pouco quando chegar no final do RdM.
     
  18. Excluído045

    Excluído045 Banned

    Ainda assim, gostei da ideia de algo com o 'espírito' da Pedra, uma coisa meio clichêzinha. Só acho que podia ter escrito mais sobre o mundo da magia logo após a derrota de VOldemort, seria bem mais interessante.
     
  19. Yviniel

    Yviniel Usuário

    Esse foi um dos livros que eu mais gostei da série! Também acho que podia ter mais informação sobre o mundo da magia pós-Voldemort...
    Acho que o final meio Pedra Filosofal ficou bom...é como um 'retorno' a Hogwarts, a partir dos filhos do Harry, como se fosse a idéia de um recomeço mesmo...Não foi o epílogo dos meus sonhos, já que pra mim o Harry morria! (a volta dele a vida custou a me convencer)
     
    • LOL LOL x 1
  20. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    Eu não entendo por que o final de Harry teria de ser diferente. Seria a mesma coisa que dizer que Frodo teria de ter morrido no final do SDA. Mania de querer dizer o que o autor tem de fazer. Vocês são chatos.
     
    • Ótimo Ótimo x 1

Compartilhar