1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

GURPS 4a edição!

Tópico em 'RPG' iniciado por Skywalker, 18 Mar 2004.

  1. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    Direto da RedeRPG:

    Era inevitável. Mais de quinze anos depois do lançamento de sua Terceira Edição, em 1988, o mais conhecido sistema genérico de RPG precisava de uma substancial revisão. Mesmo nos Estados Unidos, o GURPS havia perdido fôlego e, conseqüentemente, mercado, para sistemas mais ágeis e atraentes. O grande indício de que as mudanças estavam realmente sendo planejadas veio na forma de uma pesquisa de opinião conduzida via Internet junto ao público consumidor, que foi ao ar no início de 2002. Em seguida, um canal específico de discussão sobre a Quarta Edição foi aberto nos fóruns da Pyramid, a publicação eletrônica oficial da Steve Jackson Games. Desde então, a forma e o conteúdo da tão comentada Quarta Edição foram sendo secretamente desenvolvidos. O segredo, diga-se de passagem, foi perfeito. Embora um grande número de pessoas estivesse envolvido com a Quarta Edição, não houve vazamento de informações. Quando, finalmente, o anúncio foi feito, a surpresa foi geral.



    Nesta terça-feira, 16 de Março, durante o GAMA Trade Show em Las Vegas – maior evento da indústria de jogos não-eletrônicos dos EUA -, a Steve Jackson Games liberou o seguinte comunicado, traduzido na íntegra pela REDERPG:




    GURPS Quarta Edição Para Ser Lançado em Agosto!

    Em Agosto de 2004, durante a GenCon, a Steve Jackson Games irá lançar o GURPS Quarta Edição, iniciando com um Módulo Básico em dois volumes. Há anos os fãs pediam esta nova edição, e sempre dissemos que ela não iria acontecer até que pudéssemos justificar a mudança tanto em termos de regras quanto de apresentação. Bem, aqui estamos.

    Sean Punch, Editor da Linha GURPS nos últimos nove anos, e David Pulver, um dos colaboradores mais importantes da companhia e responsável por muitos dos principais suplementos GURPS, levaram dois anos desmembrando e reconstruindo o sistema, guiados por uma década e meia de feedback dos jogadores. As novas regras foram projetadas para ampliar os pontos fortes do GURPS: compatibilidade com todos os gêneros e flexibilidade para o GM. Você ainda o reconhecerá, mas um bocado de pequenas coisas – e algumas poucas grandes coisas! – estarão diferentes.

    A qualidade física da linha será substancialmente melhorada com a Quarta Edição. Todos os livros até agora programados (e nosso calendário de lançamentos está sendo preparado para os próximos três anos) terão capa dura, com interiores totalmente coloridos. E não aceitaremos nenhuma arte que não seja deslumbrante. Os dois livros que constituem o Módulo Básico, por exemplo, terão arte de capa de John Zeleznik, que fez muitas das nossas melhores capas ao longo dos anos.

    No novo estilo, os livros GURPS serão maiores – a maioria deles com mais de 200 páginas -, pois os fãs sempre pediam maior profundidade, ao mesmo tempo em que diziam: “coloquem tudo em um livro”. Então, depois que o Módulo Básico e o GURPS GM’s Screen saírem, lançaremos um GRANDE livro por mês, todos os meses, como um relógio.

    E Todos Aqueles Meus Livros da Terceira Edição?

    Nós sabemos que nossos fãs fizeram um significativo investimento na atual edição de GURPS. Um dos nossos objetivos com o processo de desenvolvimento da Quarta Edição foi assegurar que toda essa biblioteca não se tornasse obsoleta do dia para a noite.

    Embora a nova edição seja diferente, ainda é GURPS. Muitos livros da Terceira Edição podem ir direto para o jogo na Quarta com um mínimo de conversão – e um guia de conversão será uma das primeiras coisas a serem lançadas. A maioria das informações contidas em um dos nossos típicos “livro de cenário” ou “livro de regras” – a detalhada pesquisa histórica, as detalhadas descrições de cenário, os conselhos de roleplay tanto para jogadores quanto para Mestres – pode ser usado em outros sistemas de jogo. Isso ainda é verdade agora que o “outro” sistema de jogo do qual estamos falando é o GURPS Quarta Edição.

    Evidentemente, os livros de regras mais mecanicistas, como o antigo Módulo Básico, os dois volumes do Compendium e o GURPS Vehicles se tornam obsoletos. Não há como evitar, este é justamente o objetivo de uma nova edição.

    Mas a maior parte da coleção ainda será totalmente útil. Continuaremos imprimindo muitos dos livros antigos pelo menos durante os dois próximos anos; na verdade, mesmo enquanto você estiver lendo estas linhas, alguns dos antigos livros da Terceira Edição, como GURPS Greece, estarão sendo reimpressos.

    O Cronograma da Quarta Edição

    Aqui está o nosso cronograma para o restante de 2004. Planejamos os livros para todo o período até 2006, e nossos melhores escritores vêm trabalhando neles há meses. Anunciaremos os próximos lançamentos de GURPS com uma antecedência maior do que a de nossos outros produtos.

    Agosto 2004: GURPS Basic Set, um conjunto de dois volumes com TODAS as regras que você precisa para jogar.


    Setembro 2004: GURPS GM’s Screen, escudo com seis painéis de tabelas e planilhas úteis de um lado e uma arte fantástica de John Zeleznik do outro. Também acompanha o GURPS Lite (Mini GURPS).


    Outubro 2004: GURPS Fantasy, por William H. Stoddard. Esse livro tem tudo o que você precisa para construir um jogo de Fantasia de qualquer tipo, seja nos moldes de Tolkien, Jordan, ou Leiber.


    Novembro 2004: GURPS Magic. Centenas de magias para GURPS 4ª edição, incluindo quase todas do velho GURPS Magia e do GURPS Grimorio, mais dúzias de magias inteiramente novas!


    Dezembro 2004: Infinite Worlds, o primeiro “cenário básico” para GURPS! Salte entre linhas do tempo e explore estranhas Terras alternativas.
    O Que Mais Há de Novo?

    - Tanto a Pyramid quanto o e23 darão suporte à nova edição. (Certo, ainda não temos uma periodicidade regular no e23, mas estamos melhorando). Em todo caso, temos também muito material perfeitamente bom da Terceira Edição no forno, e não vamos jogar isso fora.

    - A Worlds Apart está seguindo com os trabalhos do GURPS Online e, quando for lançado, ele será compatível com a Quarta Edição.

    - Haverá alguns “pequenos previews” nos últimos livros da Terceira Edição, conforme nos aproximamos de Agosto. O prestes a ser lançado GURPS Dragons por exemplo, terá um apêndice no final para trazer o material para a Quarta Edição. Além disso, haverá bate-papos na página da Pyramid, e amostras ocasionais serão postadas como artigos na revista eletrônica.

    - Nossos MIBs estarão apresentando diversas sessões de jogo da Quarta Edição na GenCon, para acompanhar o lançamento do Módulo Básico.

    - Como nós sabemos o quanto alguns de vocês adoram livros super-legais, estamos preparando uma Edição Deluxe do Módulo Básico... estampada, com capa especial e uma pasta para carregar os dois livros. Será uma edição única; quando tiver acabado, acabou. Mas mesmo a Quarta Edição “ordinária” dos livros será bastante “deluxe”, com capa dura e interior totalmente colorido.





    Logo após a publicação da bombástica notícia, foi organizado um bate-papo on-line na Pyramid com o Editor-Geral Andrew Hackard a respeito da Quarta Edição. Como não podia deixar de ser, a REDE estava lá! A seguir, listamos as principais novidades que obtivemos desta conversa com Hackard.


    Sobre os Lançamentos

    De modo geral, a grande novidade é que TODOS os lançamentos já programados até 2006 terão capa dura, tratamento artístico inovador e interior totalmente colorido. Isso representa uma grande quebra em relação à opinião predominante sobre os livros GURPS, ou seja, de que o conteúdo é privilegiado em detrimento da apresentação. Da mesma forma, os novos livros deverão ter cerca de 256 páginas (o dobro dos usuais suplementos de 128 páginas vendidos atualmente) e um preço estimado em U$35,00 (contra os cerca de $27,00 atuais). Além disso, será lançado apenas um título por mês, o que deve facilitar aos consumidores manterem-se atualizados na nova linha.

    Conforme o cronograma oficial, já estão previstos cinco livros. Em Agosto, chegam os dois volumes do Módulo Básico, escrito por Steve Jackson, Sean Punch e David Pulver. O Volume 1: Personagens combina as informações dos antigos Módulo Básico 3º Edição e GURPS Compendium I com novas e atualizadas regras para criação de personagens. O livro de 320 páginas (“a não ser que alguma coisa a mais entre até lá”, segundo Hackard) será vendido por cerca de U$39,95. O Volume 2: Campanhas, por sua vez, trará nas suas 256 páginas tudo o que for necessário para o Mestre criar aventuras e campanhas, compilando informações dos antigos Módulo Básico 3º Edição e GURPS Compendium II. Este livro, com preço estimado em U$34,95, também contará com um capítulo dedicado à introdução do cenário básico de GURPS, uma ambientação multidimensional que deve abranger todos os livros de cenário a serem lançados da Quarta Edição.

    O primeiro suplemento da nova edição chegará às lojas ainda em Outubro. Trata-se do esperado GURPS Fantasy, de William H. Stoddard. Este suplemento será uma espécie de “guia para campanhas de fantasia”, no melhor estilo genérico que caracteriza o sistema. Em outras palavras: GURPS Fantasy não será uma nova edição do mundo de Yrth como cenário de campanha. Os fãs de Yrth, entretanto, podem espera-la em 2005 com o nome de GURPS Banestorm. Em seguida, é a vez da nova edição do GURPS Magic, adicionando a tudo o que foi publicado nos anteriores GURPS Magic e GURPS Grimoire uma série de novas mágicas e regras para magia revistas para a Quarta Edição. A autoria do novo GURPS Magic é de Michael Suileabhain-Wilson, e o livro deve ser lançado no mês de Novembro. Completando a lista dos livros oficialmente anunciados, o “cenário oficial” de GURPS introduzido no Volume 2 do Módulo Básico será mais bem detalhado no GURPS Infinite Worlds. Trata-se de uma releitura do clássico GURPS Viagem no Tempo combinada com cenários de livros como GUPRS Alternate Earths e GURPS Alternate Earths 2. Escrito por Kenneth Hite, GURPS Infinite Worlds é esperado para Dezembro de 2004.

    Especificamente em relação aos títulos não anunciados oficialmente, conseguimos obter algumas novidades no bate-papo da Pyramid. A primeira diz respeito à nova edição de GURPS Vehicles, que está programada para meados de 2005, mas Hackard não confirmou David Pulver como autor. Também para o próximo ano está sendo cogitado um eventual livro sobre “Teorias da Magia”, trazendo entre outras novidades o tratamento da Quarta Edição para o sistema de magia ritual – que não será incluído no novo GURPS Magic. Outro lançamento esperado para breve é o GURPS Powers, da dupla Sean Punch e Steven Kenson (autor de Mutants & Masterminds). Este livro deve trazer um meta-sistema para criação genérica de poderes dos mais diversos tipos, no que se espera seja a base para campanhas de Supers na Quarta Edição.


    Sobre a Concepção Geral e o Foco do Sistema

    Durante o processo de “desconstrução e análise” da Terceira Edição, verificou-se que o grande erro do sistema era focar a criação de personagens com 100 pontos. Essa era, na opinião dos desenvolvedores, a causa de uma das mais freqüentes críticas ao sistema: “GURPS não trata satisfatoriamente personagens muito poderosos”. Com base nisso, o sistema foi reformulado de modo a permitir maior flexibilidade de níveis de poderes. Espera-se que, com as novas regras, seja mais fácil “sintonizar” o nível de poder ao estilo de jogo desejado. Por exemplo: o custo de Aliados, Inimigos e Dependentes na Quarta Edição será calculado a partir do total de pontos do personagem, e não em função de um total de pontos absoluto definido a priori. Além disso, o sistema de Níveis Tecnológicos (NTs) será reformulado, com a redução de 16 para 12 níveis e adoção oficial do conceito de “níveis alternativos” introduzido no GURPS Steampunk.


    Sobre as Mudanças de Regras

    Hackard deixou bastante claro que o “coração” do GURPS não mudará, ou seja, o jogador continuará rolando 3d6 e tentando obter um número baixo para ser bem sucedido nos testes. O esquema de pontos continua central para a criação de personagem, mas o foco deixa de ser os 100 pontos e passa a ser a “escalabilidade”, ou seja, as regras do sistema devem permitir criar personagens consistentes e interessantes em qualquer nível de pontos. Continuam existindo as Vantagens, Desvantagens e Peculiaridades, com a adição das chamadas perks, uma espécie de “peculiaridades positivas”.

    Da mesma forma, o sistema continuará baseado nos quatro clássicos atributos da Terceira Edição: ST, DX, IQ e HT. Haverá, entretanto, a adição dos chamados “atributos secundários” já mencionados de passagem como regras opcionais em barras laterais no GURPS Compendium I. Os exemplos citados destes atributos secundários foram Vontade e Percepção, ambos baseados em IQ. Ainda sobre atributos, também se falou sobre a diferenciação da ST para levantamento de objetos (que passa a ser quadrática em relação ao nível básico da ST, de modo a gerar resultados mais consistentes com a realidade). Da mesma forma, o custo dos atributos será linear, mas haverá diferenciação para aqueles atributos mais úteis na compra de perícias: IQ e DX.

    O próprio sistema de custo de Níveis de Habilidade deve ser reformulado, com os NHs sendo tratados como “modificadores flutuantes”. Por exemplo: um NH de DX+2 em Armas de Fogo funcionará como IQ+2 quando tratar de tarefas mentais com armas, como a identificação de um modelo específico ou para compreender o funcionamento da mecânica da arma. O conceito de perícias não deve sofrer grandes alterações, mas o funcionamento de muitas delas será esclarecido e aperfeiçoado. As perícias com Línguas e a Alfabetização, por exemplo, serão modificadas: as línguas terão 4 níveis de proficiência, e serão tratadas mais como vantagens do que perícias. Além disso, haverá diferenciação entre as habilidades de ler, falar e compreender outras línguas. As manobras, introduzidas inicialmente para perícias de combate no GURPS Artes Marciais, passarão a ser chamadas de “técnicas”, e seu conceito será expandido de modo a serem usadas também com outras perícias que não as voltadas para combate, em complementação ou substituição às atuais regras de especialização e familiaridade. Por falar em combate, descobrimos também que serão mantidos os sistemas básicos e avançado (agora chamado “Tático”), embora diversas minúcias devam ser alteradas. Como exemplo, Hackard citou a eliminação da estatística de tiro rápido (TR) no combate a longa distância, e anunciou correções e simplificações nas regras de explosões.

    Uma das mais drásticas mudanças, segundo se pôde depreender da apresentação de Hackard, foi em relação aos poderes psíquicos. O sistema, segundo ele, foi substancialmente simplificado. Tão simplificado que provavelmente não haverá necessidade por outra edição do GURPS Psionics; as regras devem ocupar de seis a oito páginas no novo Módulo Básico.



    Estas, entretanto, são apenas algumas das mudanças e novidades que aguardam os fãs de GURPS em Agosto. Em breve, a REDE estará trazendo mais informações sobre o GURPS Quarta Edição, incluindo um calendário dos previews e análise da repercussão nos fóruns oficiais! Aguarde!!!
     
  2. *#_Detrenor_#*

    *#_Detrenor_#* Usuário

    Finalmente!!!! Tarda mais naum falha!!!!!!!!!!
     
  3. led_z

    led_z Usuário

    MEu DEus Estou Extasiado!!!!

    8O :lol: :mrgreen: :obiggraz: 8-) :D
     
  4. Lanterna Verde

    Lanterna Verde Usuário

    Aow...

    Palmas para o Sr. Jackson... e tb um puxão de orelha.... TAVA DEMORANDO....rsrs...
     
  5. Barlach

    Barlach Verde. E arqueiro

    tava demorando mesmo..... tá certo q parece q naum vai mudar taaanto assim, mas acho q o jogo deve ficar mais ágil.......

    pelo menor eles esperaram 13 anos pra lançar uma nova edição e naum dois como a Wizards.....
     
  6. Dyeison

    Dyeison Usuário

    FEITO, VIVA!!!!!!!!!!!!!!!!


    (agora pra portuga vai demoraaaaaaaa....
     
  7. Estranho

    Estranho Dancer

    Será?Acho q a Devir num vai demorá tanto assim, tem sido mais rápida ultimamnete (ver D&D 3.5), então creio q teremos G4 (sigla legal) logo logo :mrgreen: :mrgreen:
     
  8. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    A Devir já anunciou que, assim que receberem o GURPS 4ed, vão dar início aos trabalhos de tradução.
     
  9. Pavanelli

    Pavanelli Usuário

    :roll:
    eles já anunciaram tantas coisas que não botaria minha mão no fogo por eles... já não consigo mais entender a lista de prioridades deles...
    Mas que o sistema vai se revitalizar vai.
     
  10. Barlach

    Barlach Verde. E arqueiro

    Sabe, todo mundo fala mal da Devir, mas por muito tempo ela foi a única editora de RPG do Brasil...... Se naum fosse ela é provavel q a gente nm teria o D&D no Brasil tão cedo qto a gente teve......

    E eles tbm naum atrasam os lançamentos pq querem..... Depende muito de qto vende os livros e tudo mais..... Se eles gastam uma puta grana num livro e ele naum vende eles vão adiar os outros até um momento em q o mercado esteja melhor.....
     
  11. Pavanelli

    Pavanelli Usuário

    pois é
    e enquanto todo mundo espera algo bom, eles lançam um poketullu......
    Eu não acho a Devir tão ruim, só não entendo as prioridades deles. Na verdade eu até entendo que eles tem que tomar cuidado ao se lançar para um trabalho, mas se eles não forem fazer, não anunciem para não criar espectativas. Eu sinceramente preferia uma versão nacional do In nomine do que Gurps 4ed., mas aposto que eu seria um dos poucos que iria gostar, então não valeria a pena pra eles.

    De qq forma, é melhor a Devir do que nada.
     
  12. Barlach

    Barlach Verde. E arqueiro

    Esse aí naum conto pq foi o "livro" brinde do SampaRPG....... Mas toda a linha principal tá sendo lançada e o SdA RPG foi traduzido em tempo recorde.....
     
  13. Dyeison

    Dyeison Usuário

    Olha, eu acho que eu estou desatualizado, mas ja faz alguns meses, e eu comprei a 2ª ediçõ, , a 3ª ñ foi lançada em portugues?
     
  14. led_z

    led_z Usuário

    A segunda edicaum brasileira eh equivalente a terceira nos EUA...

    Mas nem esquenta, eu soh descobri isso, depois q alguem perguntou numa lista de discussaum, e alguem teve a bondade de responder...hehehe

    Blz?

    Phalows. :wink:

    Ps.: Tb comprei uns livro da 2a edicaum brasileira, uns cinco, uma semana antes de saber da nova edicaum lah fora...hahaha :x
     
  15. cirith

    cirith Usuário

    o bom de gurps são os suplementos, se eles lançarem suplementos tão bons como os antigos em versoes mais bonitas, vai ser algo que muita gente vai comprar.
     
  16. Barlach

    Barlach Verde. E arqueiro

    Teve uma votação pra decidir se mudava a capa de um dos MB, pq falaram q aquela arma q a mulher segura tem um formato meio, digamos, censurável...... Os fãs podiam mandar os seus desenhos e votar, mas acho q a votação já acabou..... Vou ver direito e depois edito....
     
  17. Dyeison

    Dyeison Usuário

    Besteia, esse povo ve tudo, principalmente oque a Globo qeur que eles vejam, mnos a situação do pais.
    Tu sempre as mil maravilhas.
     
  18. Barlach

    Barlach Verde. E arqueiro

    É, a votação já acabou...... Foi meio relampago......

    Pelo o q eu vi, tinha até umas capas muito boas, mas naum sei se eles vão mudar..... Mesmo se a capa deles perdesse naum tinha muita garantia q eles iam trocar as capas.....

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  19. led_z

    led_z Usuário

    Saiu o resultado jah?

    :o?:
     
  20. Barlach

    Barlach Verde. E arqueiro

    naum.........
     

Compartilhar