1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Grêmio e Inter: Clássico terá torcida mista

Tópico em 'Esportes' iniciado por Turgon, 11 Fev 2015.

  1. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Grêmio e Internacional anunciaram, na manhã desta quarta-feira (11), que o plano de reunir torcedores em um setor misto do estádio Beira-Rio será colocado em prática. O acordo foi selado em uma reunião dos clubes com a Brigada Militar, EPTC (Empresa Pública de Transporte e Circulação) e prefeitura de Porto Alegre. Serão dois mil torcedores na arquibancada superior na partida marcada para o dia 1º de março pelo Campeonato Gaúcho. As entradas custarão R$ 70.

    Serão mil bilhetes à disposição de sócios do Internacional e cada torcedor poderá levar um gremista. A dupla terá de entrar junta no estádio. O plano é fomentar a ida de famílias e grupos de amigos ao clássico.

    "Esta é uma medida para combater fortemente o cenário que estamos vendo em todo o continente", disse o presidente do Inter, Vitorio Piffero - sentado ao lado do presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Jr, em um café da manhã organizado no lounge do Beira-Rio.

    O setor de torcida mista ficará na arquibancada superior do Beira-Rio, ao lado do espaço destinado ao torcedor visitante. A cota de bilhetes exclusivos para gremistas será mantida. Mas ainda não foi confirmado o número de tíquetes para o local.

    Além do setor com torcida, mista, o Gre-Nal válido pela primeira fase do Campeonato Gaúcho também contará com o chamado "Caminho do Gol". O projeto consiste em fechar vias de acesso ao estádio para livre acesso de pedestre e, em meio ao trajeto, disponibilizar atividades recreativas e shows.

    "Vamos retomar este projeto utilizado na Copa, o grande legado do Mundial não só para Porto Alegre, mas também aos olhos da Fifa. Esse é o exemplo de convivência plural. Não podemos nos entregar aos que gostam de tumultuar", disse José Fortunati, prefeito de Porto Alegre.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    ______________

    Na torcida que dê certo.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  2. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Pelo menos é uma tentativa válida.
    Pois se todos irem pro caminho da torcida única em clássicos, pode ser cômodo pra polícia evitar brigas entre as torcidas e o time mandante faturar mais em bilheteria, mas vai contra a essência do futebol de ser um esporte democrático e acessível a todos.
     
  3. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Enquanto tiver torcida organizada...

    Vamos aguardar que dê certo. É só uma pequena parte, mas é algo bom sendo feito.
     
  4. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    SPFC falou que fará torcida mista no Majestoso.

    Na hora eu pensei: Vão misturar héteros e homos. Bacana. :dente:
     
  5. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Quando for contra seu time nada mais justo que não deixar isolada a gloriosa Mancha Rosa que tem torcedores ilustres como Leão Lobo e que já teve o ilustríssimo Clodovil também.:)
     
  6. Deriel

    Deriel Administrador

    Desculpa, mas é uma tremenda enganação essa medida. Mil torcedores levando mais mil e cheio de câmeras? Óbvio que não vai acontecer nada. Civilidade! Finalmente! Daí vão liberar pro estádio inteiro ser misto e morre uma dúzia

    Esses mil aí se duvidar vão ser escolhido a dedo pra não dar problema

    Enquanto não encararmos de frente que as organizadas precisam acabar e que a maioria dos torcedores profissionais de futebol são bandidos, nada vai se resolver.
     
  7. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    Nossa, só se for em Curitiba. Maioria das TOs não são de bandidos aqui em SP nunca. São fanáticos que acabam dando mais importância ao time do que ao trabalho ou família, mas não são uma maioria bandida. Tem muito bandido sim, que vai pra arrumar confusão, mas não chega a 20%, chutando bem alto.

    E acabar com as TOs nunca vai ser a solução. Até porque não tem como banir. A Mancha já foi extinta e continuou indo aos estádios. A solução é simplesmente tratá-los como civis normais. Hoje, se você briga na rua com roupa normal, é preso por agressão. Se estiver em dia de jogo e uniformizado, passa 3h na delegacia e é solto. O que precisa ser feito é prender quem causa. Quem quebra, quem bate, joga bomba, etc...

    Mas um estádio sem TO é um estádio morto. Em qualquer lugar do mundo. Pega as organizadas europeias. Lá também fazem a diferença, mesmo sendo mais mornas que as sul-americanas.
     
  8. Deriel

    Deriel Administrador

    Eu falei que a maioria dos torcedores profissionais é bandido, não que a maioria das torcidas organizadas é. E Continuo mantendo o que digo. Aqueles torcedores que recebem dos clubes são uma mílicia usada pelas diretorias a seu bem prazer, pra acossar técnico, assustar jogador e afins.

    E continuo mantendo minha opinião de que sim, tem que acabar com as TO.
     
  9. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    Usando o meu time de exemplo, não é verdade. Até porque o presidente Paulo Nobre é desafeto público da Mancha Verde. O Paulo Serdan, presidente de honra da Mancha, junto mais dois outros ex-presidentes, viraram conselheiros do clube e já declararam que serão oposição. Ao vivo, na Globo durante os desfiles, Serdan falou mal do Paulo Nobre, que não tinha dado um centavo para a Escola de Samba, mesmo com o tema sendo Palmeiras. Eu sei que as TOs já foram usadas assim no Palestra, durante o mandato do satanás Mustafá, mas as relações foram cortadas há anos.

    Você costuma ir a jogos em estádios com frequência?
     
  10. Deriel

    Deriel Administrador

    Não interessa nome nenhum. Mas essa turba que ganha do time pra ser torcedor fulltime, por favor. Milícia.

    Pouca, justamente por causa desses malacos. Tira as TOs e vai aumentar muito a presença de pessoas "comuns"
     
  11. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    Mas não dá pra generalizar.

    Falando do time que mais acompanho, isso de ser torcedor fulltime não existe mais. Principalmente com crescimento do sócio-torcedor, Mancha tá pagando, e caro. Tudo com plano de 70 reais pra cima, pra conseguir comprar os ingressos na arquibancada Gol Norte, onde ficam as organizadas. Eles continuam indo em peso, somando todas uns 5, 7 mil torcedores por jogo, mas pagam por isso. Fanáticos que gastam muito (fora os ingressos, quase todos compram os agasalhos e uniformes do time e da torcida, por exemplo), mas não recebem pra isso não.

    Também sei que isso não é em todo time. Gobbi deu ingressos pras organizadas do Corinthians no último clássico. Mas como eu disse, esses bandidos que você chama de "profissionais" ou milicianos, estão longe de ser a maioria nas Organizadas.


    E sobre ir em estádio, cansei de ir sozinho, ficar na arquibancada, e nunca chegar nem perto de confusão ou briga. Já levei meu filho e não vi nenhum incidente. Só não levei as gêmeas ainda por falta de grana. Mas dá pra ir em estádio tranquilamente sem arrumar confusão sim. Só digo que precisa ficar mais atento em dia de clássico, aí realmente e infelizmente, é mais difícil.
     
  12. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Eu concordo com o Neithan.
    Porque sempre mantenho minha idéia que ficar punindo e voltando forças para entidades abstratas é de uma nulidade de eficiência.
    É como dar multa pra um time A porque um civil, por acaso torcedor do time A, matou um outro civil, por acaso torcedor do time B, no outro lado da cidade 100km de distância do estádio, da sede de qualquer um dos dois times e da casa dos presidentes dos dois times.
    Tem que pegar a porcaria desse civil torcedor do time A e punir. Pronto. Acabou.

    Quando se pune uma entidade abstrata é pura e simplesmente porque é mais fácil. A justiça tira responsabilidade dos próprios ombros e a transfere para uma terceira entidade privada que passa a ser ela que tem que fazer o papel da polícia, de advogados, de juizes, etc, pra ficar controlando e corrigindo civis, caso contrário é ela que vai sofrer multa.
    É a famosa preguiça de fazer o correto e querer improvisar ou "resolver" na base da gambiarra.
    "Ah, é muito dificil prender um por um. Ah, então vamos ali botar medo naquela empresa ali, ameaçá-la de multa, de punições, e eles que façam o nosso trabalho pela gente".


    Enfim.

    No caso de torcida organizada. Acabar com ela como se isso apenas fosse resolver alguma coisa é um erro.
    Tem que punir o presidente que assume a responsabilidade de responder pela entidade quando problemas ocorrem quando ela age. Além das já citadas punições individuais para quem agiu.
    Isso em longo prazo faria com que os maus elementos fossem extirpados da torcida organizada, restando apenas a parte positiva dessa entidade que é a capacidade de organizar um show nas arquibancadas como era antigamente no maracanã com os nostálgicos bandeirões, a gritaria, a torcida, etc.
    Simplesmente proibir as organizadas vai fazer o inverso. Elas vão continuar ilegalmente existindo, mas só vão restar justamente esses elementos podres que tão poco se fudendo mesmo em ficar na ilegalidade.
    E aí o torcedor de bem perde a força de se organizar para fazer esse show.

    Não sei como é em Curitiba, mas Maracanã em dia de clássico quando eu era bem mais jovem era sempre um programão. Mesmo que o jogo fosse uma merda, o show das torcidas faziam o ingresso valer a pena.
    Na inglaterra o ingresso só vale se o jogo for bom. Senão dá pra dormir sem ser perturbado. Bom pra eles que de fato eles sabem organizar um campeonato e de fato os jogos são bons.
     
    Última edição: 26 Fev 2015
    • Ótimo Ótimo x 1
  13. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    O problema das TO´s é que uma minoria podre sempre "queima o filme" de todo o restante, pois sabemos que existe gente de bem, mas sempre o lado ruim é que será lembrado na mídia e aí por mais que as TO´s se esforcem pra manter uma boa imagem perante a sociedade, basta acontecer algum incidente por menor que seja pra serem totalmente massacradas.

    Uma vez ouvi no rádio aquele deputado que já foi promotor do MP (Fernando Capez) dando uma entrevista, ele lançou a ideia de se criar um novo documento, assim como já temos (RG, CPF, etc) pra qualquer cidadão que for assistir um jogo no estádio, como se fosse um cartão de crédito onde através da banda magnética, o torcedor teria que obrigatoriamente passa-lo nas catracas dos estádios e se for acusado que possui histórico negativo de comportamento poderia ser barrado e impedido de entrar. Longe de ser uma solução perfeita, mas poderia se bem implantada até dar uma boa amenizada nesse problema.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  14. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    Fusa falou o que eu não consegui falar tão bem.

    Furia, isso das carteirinhas poderia ser aplicada se usarem as carteiras de sócios-torcedores.
     
  15. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Ajuda com certeza, mas a ideia dele é de implantar algo abrangente de modo a não deixar de fora ninguém não importando se a pessoa é de TO, sócio, o torcedor comum ou um mero turista que está de passagem e conhecendo o estádio pela primeira vez.

    Assim se acontecer alguma merda e ficar comprovado, a ficha de quem aprontou fica suja na hora não importando que tipo de torcedor a pessoa é.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  16. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    Ahh sim, isso é fato. Mas bem difícil de ser aplicado.
     
  17. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    A tecnologia pra implantar isso existe e não é complicada não. Criar um sistema desse não é muito diferente que varias empresas já usam.

    O que é difícil é a vontade dos nossos governantes terem vontade de colocar as coisas em prática.
     
  18. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    A tecnologia sempre existe.

    Mas vão fazer que nem a nossa gloriosa FERJ que disse que implantar a tecnologia dos chips nos gols custaria mais de 8 milhões porque cada câmera custaria mais de 500 mil reais e talz, e ainda seria complicado.
    Só que dois dias depois a empresa que projeta e monta esse sistema para FIFA disse que esse valor era MUITO superior ao real. Que custaria menos de 1 milhão para implantar o sistema deles no campeonato carioca e não demoraria.


    Superfaturação, nós nos vemos por aqui.
     

Compartilhar