1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

"Geração 90 - Manuscritos de Computador" (Nelson de Oliveira)

Tópico em 'Literatura Brasileira' iniciado por Pips, 25 Fev 2009.

  1. Pips

    Pips Old School.

    "A década de 70 foi um momento de ouro do conto no Brasil. A década de 90 não ficou atrás. De todos os contistas que fizeram dos anos 90 outro período importante do gênero no Brasil foram selecionados dezessete, justamente os que publicaram o que de melhor se leu no final do século XX.
    Os contistas da Geração 90, longe da máquina de escrever - do homem na lua, do Brasil tri-campeão mundial de futebol, do fim dos beatles, da derrota dos EUA na Guerra do Vietnã, do auge da Guerra Fria e, enfim, longe do boom do conto brasileiro da década de 70 - mas colados no computador - na queda do muro de Berlim, no fim da Guerra Fria e do comunismo, na popularização do personal computer, da Internet e do e-mail, no Brasil tetra-campeão mundial de futebol, na globalização, no mapeamento do genoma humano -, mantiveram e aprimoraram as conquistas estéticas dos que os precederam. E podia ser diferente? Um vagalhão tecnológico levou de roldão a moçada que começou a escrever há quinze, vinte anos. O conto passou do boom ao new boom - menor, porém tão interessante quanto - ao mesmo tempo que os contistas deixavam de rascunhar à mão e passavam a rascunhar no próprio computador."

    (Nelson de Oliveira, organizador).

    ------------------------

    Essa é uma coletanêa de contos de diversos autores. Entre eles: Sérgio Fantini, Rubens Figueiredo, Marcelino Freire, Mauro Pinheiro, Marçal Aquino, João Batista Melo, etc.

    É um pouco difícil de achar, mas vale a pena a procura. Um pequeno trecho a seguir:

     

Compartilhar