1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Gênesis - Robert Crumb

Tópico em 'Quadrinhos' iniciado por Phantom Lord, 28 Fev 2010.

  1. Phantom Lord

    Phantom Lord London Calling

    (Postando novamente)

    O Gênesis por Robert Crumb certamente foi um dos principais lançamentos do mundo dos quadrinhos em 2009 e como não foi comentado por aqui,crio o tópico para comentários desta importante obra do genial Crumb.
    Ainda não consegui ler,só tive a oportunidade de dar uma rápida olhada e a primeira impressão foi ótima.

    E aí,alguém já teve a oportunidade de ler?


    Compartilho esta excelente matéria sobre a obra:


     
  2. Breno C.

    Breno C. Usuário

    Eu passei por ela numa banca a quase dois meses e me arrependo muito de não ter comprado, mas ela vai entrar para minha lista de compras, porque depois do que li sobre a obra, a vontade de ler cresceu muito.
     
  3. -Jorge-

    -Jorge- mississippi queen

    Eu nunca tive interesse, mas depois que li
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    do Sidney Gusman, aí foi que não tive vontade de ler mesmo [e é bem caro, né?]

    E, sei lá... Ainda dá para ser iconoclasta ou contestador em se tratando de Bíblia?... Para mim é chutar quem está caído.
     
  4. imported_Wilson

    imported_Wilson Please understand...

    Eu to lendo desde o início do ano. Um ou ou dois capítulos por vez. É uma obra bem densa, o desenho bem detalhado, o texto constantemente cheio de referências. É um puta trabalho. Eu recomendo.
     
  5. imported_Wilson

    imported_Wilson Please understand...

    Acho que essa não foi a intenção dele. É só uma adaptação mesmo, o mais fiel que ele pôde.
     
  6. -Jorge-

    -Jorge- mississippi queen

    É verdade. Ele até tinha comentado que "a Bíblia não precisa ser satirizada. Ela já é tão louca" (
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    ).

    Mas se não é crítica, sátira e nem ao menos a visão dele, vira só "A Bíblia ilustrada por Robert Crumb".

    Daí pode ser interessante para quem gosta do estilo dele ou de arte em geral, acho, ou da Bíblia.
     
  7. Izze.

    Izze. What? o.O

    Quando a notícia de que Robert Crumb, o grande nome da contracultura, faria uma versão em quadrinhos do primeiro livro da Bíblia, todos ficaram surpresos. Os trabalhos que tornaram Crumb famoso passam bem longe da religiosidade, assim como ele mesmo, um ateu. Suas histórias são “marginais”, com muita droga e sexo, que nos anos 70 confrontaram os valores morais ocidentais. Então como o nome mais aclamado dessa cultura underground decidiu ilustrar justamente o primeiro livro da Bíblia? E mais: qual seria o resultado desse trabalho? Em 2009, todos ficaram sabendo. O resultado foi Gênesis, uma obra que leva a sério o livro que “fundou” a cultura ocidental, que ressalta cada passagem escrita, reescrita e editada tantas vezes através dos séculos.

    Para quem não sabe – o que é difícil –, o livro Gênesis narra a criação do mundo por Deus e também a história dos primeiros povos que habitaram a Terra e que deles descendem toda a humanidade. É o livro que fala de Noé e sua arca construída para sobreviver ao dilúvio provocado por Deus; da vida de Abraão, Isaac e Jacó; da destruição de Sodoma e Gomorra e, por fim, fala de José, um dos filhos de Jacó, que ascendeu no Egito. Crumb, antes de dar início ao quadrinho, explica ao leitor como escolheu o texto a ser utilizado nesse trabalho, levando em conta as várias versões existentes da Bíblia, e ressalta também que o utiliza na íntegra, uma prova do respeito pelo que iria ilustrar.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     

Compartilhar