1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Gays

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Melkor Apprentice, 22 Jun 2003.

  1. Faerum

    Faerum Usuário

    Eu nunca consigo entender o Olavo, devo ter problemas...
    A opinião é favorável e contra o que?
     
  2. FURIA Da Rossa

    FURIA Da Rossa Rank Configurável??

    Eu também não conseguia, ate que conseguir entender a lógica das idéias dele com os programas lá do
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    . Talvez também convenha ouvir, se tiver tempo,
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    .

    Basicamente a opinião é contra o excesso de 'vitimização' no mundo gay. Noutro programa em que ele comentava o assunto, ele criticou, o travecão que entrou lá numa repartição púbica, começou a rebolar, e não foi repreendido; afinal, se fizessem algo, imediatamente taxariam o "repressor" de preconceituoso. E se fosse uma mulher altamente gostosa, que fosse ficar seminua e rebolando? Na hora seria recolhida.
     
  3. Por essas e por outras que se deve ser igual, é igual mesmo, mas cria-se todo um sistema que impossibilita isso, nos casos dos Gays, negros e outras relações "problemáticas" que existem no mundo atual.
    Esse é apenas um dos lados do problema que é o preconceito, as pessoas não conseguem agir de forma igual, seja discriminando e excluindo de algo "bom" (como não contratar gays pra trabalhar em uma empresa) como de algo "ruim" (como o caso de não barrar um gay inconveniente)!:roll:
     
  4. FURIA Da Rossa

    FURIA Da Rossa Rank Configurável??

    Última edição por um moderador: 6 Out 2013
  5. Olórin

    Olórin ai que uó

    Bill do Armário é bicha enrustida.
     
  6. Dirhil

    Dirhil Olha, Schroeder...

    É a bichona enrustida.
     
  7. Faerum

    Faerum Usuário

    Oras, o cara ainda dentro do armário, que não quer se identificar :P
     
  8. Faerum

    Faerum Usuário

    Não tinha visto as outras duas respostas.. :P
     
  9. biskvito

    biskvito Usuário

    haha... acho massa essa galera que diz "não tenho nada contra gay, só não gosto quando..."

    como se o fato de aceitar o gay lhe desse crédito ou licensa para não tolerar outra coisa qualquer... é o subconsciente se entregando, dizendo, olha eu vou vou quebrar seu galho e fazer uma força pra aceitar sua viadagem, mas em compensação não vou tolerar essa outra coisa qualquer aqui...
     
  10. FURIA Da Rossa

    FURIA Da Rossa Rank Configurável??


    Ué, e vc gosta quando chega uma pessoa, talvez desconhecida, ou melhor ainda: conhecida, mas tipo aquela coroa nada enxuta que fica se engracinhando pra cima de vc? Eu não gosto de gays. <-- Ih!! Soou preconceituoso, né? Assim como vc pode não gostar de mulheres com cabelo cacheado, por exemplo... vai que vc não acha sexy e elas te fazem perder o pique? Não é o gostar/desgostar no sentido de repudiar.
     
  11. Eu acho que ambos estão certos de uma certa forma.
    Tipo concordo com o Fúria, pois você pode muito bem não gostar das atitudes de um gay, e isso não será preconceito quando vc não gostar da atitude e ponto, não da atitude ligada ao fato de ser gay.
    Por exemplo, vc não gosta quando um gay mais saidinho resolve dar em cima de você de uma forma X, então quando uma mulher mais saidinha faz o mesmo você também deve não gostar, daí vc não gosta realmente do comportamento independente da opção sexual da pessoa, mas muitas vezes as pessoas não tem nada contra uma pessoa até saber que ela é gay, daí enxergam só defeitos e ãinda dizem que não é por preconceito, é só que não gostam da atitude, ou seja, hipocrisia!
     
  12. ExtraTerrestre

    ExtraTerrestre Usuário

    Concordo que um gay não é melhor ou pior do que ninguém. Agora, é em alguma época da vida, talvez quando o cara pensando em dar as caras de sua opção, ele vai se sentir pior simplesmente por não ter tanta aceitação social. O conceito de melhor ou pior é relativo. Um pelo prisma da pessoa ter caráter, ser competetente no serviço que exerce, ser amigável, etc. Do ponto de vista social sim, ser gay é "pior", no sentido de ser mais complicado, e isso muitas vezes conta para que as pessoas ou a família tente evitar essa opção.
     
  13. Não tenho preconceito com os homessexuais. Não conheço muitos e nunca tive uma relação de amizade com um, não por mal ! falta de oportunidade e de assunto mesmo.

    e me respondam , dá onde vem esse mito piopular que gaucho é viado ?

    não consigo entender


    abraços
     
  14. Drakus Vorthën

    Drakus Vorthën Usuário

    Olha, tenho parentes que são gays, minha mãe tem amigos que são gays, então nunca tive nada contra os mesmos. Mas de uns tempos pra cá minha opinião tem mudado um pouco: logo quando mudei para BH, estava procurando emprego numa agência e um cara, muito bem vestido, de terno e gravata, me chamou num canto, me deu um cartão com um telefone e pediu que eu ligasse para ele que ele me iria arrumar um trampo. Mesmo estranhando muito aquilo, eu liguei e ele queria era fazer um programa comigo. Desliguei o telefone e passou batido. Alguns meses depois, estava voltando de uma balada, esperava o busão no ponto, aí pára um cara num carro e me oferece 50 mangos para fazaer sexo oral em mim. Mandei o cara para os quintos dos infernos e ele saiu fora. No antigo emprego, era segurança de um supermercado, e fiz amizade um cara que era gay assumido. O cara trabalhava muito bem, tinha muita moral com os gerentes, era super educado, inteligente e muito divertido, acabei virando o melhor amigo dele. Até que um dia eu estava tirando um cochilo no vestiário e o camarada veio me cantando, falando que estava apaixonado, coisa e tal. Eu expliquei para ele que era só amizade mesmo, que eu gostava apenas de mulher e que era muito bem casado. A partir daí essa pessoa nunca mais conversou comigo, começou a inventar várias histórias a meu respeito, que eu estava roubando, que eu estava pegando as caixas então deixava elas roubar, e por aí vai. Resultado, mesmo sem provas, me demitiram. Agora trabalho numa repartição pública e faço atendimento aos comerciantes que recebem autuações da fiscalização. Veio um dono de boate gay ( que também era gay) reclamando que a autuação que ele sofreu era indevida, que ele estava sendo injustiçado, etc. Só que ele estava errado e não aceitava o fato. Tinha que atender outras pessoas que aguardavam, e como é de praxe, concluí o atendimento. Pois o cara chamou a polícia, disse que eu o havia discriminado por ele ser homossexual, o que não aconteceu de forma nenuma. Depois de tudo isso, sempre quando me vejo ao lado de um homossexual, não me sinto mais à vontade, acho que adquiri até uma certa repulsa. Sei que existem os realmente íntegros e que eu tenho muito azar com eles ( acho que a palavra muito fica até modesta), mas agora fico com os dois pés atrás, afinal seguro morrreu de velho!
     
  15. Satyr

    Satyr Visitante

    Ah, cara, sei lá... você não pode generalizar assim. Eu, apesar de ser gay, não gosto do comportamento daqueles mais "atiradinhos" ou aqueles que acham que sempre estão sendo discriminados por serem homossexuais, no caso de não estarem com a razão.

    E esses casos que você citou são isolados. Tá, nem tão isolados assim, mas são. :yep:
     
  16. fuentes

    fuentes Usuário

    bom, eu sempre digo pra minha namorada que se tivesse o poder matava todos os preconceituosos, racistas, homofobicos e afins...

    apesar que se fazer isso nao vou me diferenciar deles... é o que minha namorada sempre diz
     
  17. Drakus Vorthën

    Drakus Vorthën Usuário

    Não estou generalizando. Estou dizendo que por essa sucessão de fatos fica difícil não cismar. Eu tenho exemplo dentro de minha família: meu tio é gay, é advogado, uma pessoa corretíssima, assumidíssimo, como ele diz, saiu do armário quando descobriu que estava dentro dele. nunca molestou ninguém, é super na dele. Convive há quase 20 anos com o HIV, e não pirou. Claro que isto o abalou muito, mas deu a volta por cima, vive a vida intensamente mas sem exageros. Eu o admiro muito, pelo seu caráter e por tudo que ele representa para a minha família. Nunca cismei com ele ( de repente porque ele é o meu tio). O que estou tentando dizer é que sempre que um gay se aproxima de mim, mesmo sem querer, já fico com um pé atrás. Gato escaldado tem medo de água fria. Sei que nem todos agirão da mesma maneira, sei disso... Sei lá, subconsciente.
     
    Última edição: 3 Jan 2008
  18. Então as pessoas por fatos marcantes acabam gerando preconceitos, e isso é normal, todos temos vários preconceitos, muitas vezes ligados ao inconsciente, a psicologia explica...mas no caso discutido e tendo-se noção disso é necessário lembrar que as pessoas, independente da sua escolha sexual podem e terão atitudes ofensivas e muitas vezes desonestas.
    O fato dos acontecimentos que você viveu estarem ligados com gays não discarta o fato de que outras pessoas não gays também já terem mancado com você.
    Então apesar de ser normal gerar-se um preconceito ao gay, você deveria ver que traço na personalidade dessas pessoas, que eu não acredito que tenha relação direta a opção sexual, gerou tais atitudes e ficar com desconfiança quando qualquer pessoa que apresente essas características, gay ou não, aparecer na sua vida.
    O que quero dizer é que o erro das pessoas no preconceito é fazer ligações inexistentes, tipo: gay=tarado, negro=ladrão, rico=metido.
    Encontre a relação certa para o seu preconceito e conviva bem com as pessoas que realmente valem a pena, de acordo com o caráter e personalidade delas e não opção sexual.

    P.s. Isso não foi uma lição de moral no Drakus, que fique bem claro, só utilizei do exemplo dele, e minha intenção não é repreende-lo, entendo bem o que ele quer dizer, só espero que todos consigam entender o que eu quero dizer.:yep:
    Ps.2 Sei que é bem difícil e complicado pensar da forma como eu sugeri, até pq o preconceito está ligado de certa forma com o inconsciente muitas vezes, mas não custa tentar!
     
  19. FURIA Da Rossa

    FURIA Da Rossa Rank Configurável??

    Mas tem algo que não pode passar batido: Qualquer PEQUENA EXCLUSÃO de um sujeito que depois descobrimos ser de algum grupo "minoritário" (gays, membros de certa seita, adoradores de determinada fantasia sexual) já é discriminação. Excluímos um menino ordinário de uma brincadeira que só cabe seis pessoas porque havia sete, tudo bem, esperneia mas tudo bem. Se o menino é negro, é comum que a primeira coisa que ele alegará é que houve racismo. O mesmo raciocínio vale para os gays. Se algum não foi aceito em determinada entrevista de emprego enquanto que um hetero foi, "certamente" houve homofobia. Isso é um perigo. É por causa dessas e outras que se cogita aprovar a tal da lei anti-homofobia que, em verdade, faz é protegê-los de fantasmas.
     
  20. Então, a confusão que se forma em cima desses temas é tão grande que gera tais situações complicadas, por isso qualquer julgamento das atitudes alheias é perigoso, às vezes nós vemos um preconceito que não existiu...as vezes existe preconceito e ninguém vê...:roll:
     

Compartilhar