1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Notícias Games raros chegam a valer até US$ 20 mil nos EUA

Tópico em 'Jogos Eletrônicos' iniciado por Menegroth, 18 Mar 2008.

  1. Menegroth

    Menegroth Bocó-de-Mola

    Fonte:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    E eu que doei meu Nintendinho e meu Mega. Tinha mais de 100 jogos.
    Gente boazinha só se lasca.
     
  2. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Provavelmente todos os jogos que eu tenho são famosos e não renderiam nem meio tostão furado.
     
  3. Shazan

    Shazan siscapuliu

    Re: [Notícia] Games raros chegam a valer até US$ 20 mil nos EUA

    Praticamente não me arrependo de ter me desfeito dos videogames mais antigos. Também tinha jogos melhores e mais famosos que não devem valer muito e a maioria está sendo relançada nos virtual console da vida pra Wii, X360 e PS3, além de ilegalmente poderem ser baixados.
     
  4. Menegroth

    Menegroth Bocó-de-Mola

    Re: [Notícia] Games raros chegam a valer até US$ 20 mil nos EUA

    É mais eu tinha coisas do arco da velha. Jogos que nem me lembro o nome. Eu ia na locadora perto de casa e ficava enchendo o saco para a mulher me arrumar os jogos que não eram muito locados.

    Mas honestamente, não ganharia nem o dinheiro do busão com eles...:lol:
     
  5. Shazan

    Shazan siscapuliu

    Re: [Notícia] Games raros chegam a valer até US$ 20 mil nos EUA

    Aqui no centro da cidade tem o maior comércio de jogos originais usados. De Nintendo 64, por exemplo, eles compram cada cartucho por uns 20-30 reais e vendem por uns 40-80. Vendi meu videogame e 20 e poucos jogos em um dia lá pra 2002, quando comprei o Gamecube.

    Meu Master System eu doei para um deficiente, meu Snes eu vendi pra comprar N64, meu N64 e meu PSX eu vendi pra comprar meu Gamecube e o Gamecube eu vendi só o aparelho e fiquei com os controles, porque o Wii roda jogos de Gamecube.

    Meus gameboys eu vendi pra comprar o Gamecube também. Basicamente os mil e tantos reais que eu gastei pra comprar cube com controle extra e jogos saiu de PSX, N64, Gameboys+jogos e Cartas de Magic. Alguns vendi no centro, outros no mercado livre, outros em foruns de jogos, outros entre amigos, mas vendi tudo hehehe.

    Coisa que eu não consigo vender são "bonecos" e action figures. Dou o maior valor e adoro ver eles lindões na minha prateleira. Mas videogame eu paro de jogar... acabo jogando os mais novos porque os jogos acabam sendo mesmo melhores e os jogos velhos aparecem em relançamentos, então w/e ter ou não o videogame. Não sou tão saudosista.
     
  6. The King

    The King Kingdom Nerds

    Re: [Notícia] Games raros chegam a valer até US$ 20 mil nos EUA

    Hoje eu não consigo mais me livrar de nada, me apego, peguei gosto por colecionar. Meus consoles antigos eu dei todos, menos meu Nintendo 64 que vendi naquela triste época que o dólar ficou descontrolado e não pude comprar mais jogos. Acabei vendendo. Jogos também, vendi, dei, troquei. Mas daqui pra frente não consigo me imaginar vendendo nem computador velho, quando eu tiver uns três vou pegar umas licenças de Diablo II e jogar um co-op com os amigos. :D

    The King
    Não dou, não vendo, não troco, não empresto. Fora! :P
     
  7. moriel

    moriel Banned

    Re: [Notícia] Games raros chegam a valer até US$ 20 mil nos EUA

    Pela primeira vez na vida, senti que perdi algo por não jogar videogame :P
    Sei lá, tem gente com dinheiro sobrando lá nos EUA.
     

Compartilhar